História Just a chance to win me - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Alzack, Angel, Bacchus Groh, Cana Alberona, Chelia Blendy, Elfman Strauss, Erza Knightwalker, Erza Scarlet, Evergreen, Flare Corona, Gajeel Redfox, Gildartz, Grandeeney, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Mavis Vermilion, Metalicana, Metallicana, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Silver Fullbuster, Sting Eucliffe, Wendy Marvell, Yukino Aguria, Zeref
Tags Gajevy, Gruvia, Jerza, Nalu
Exibições 149
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Hentai, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem✌
Boa leitura

Capítulo 5 - Capítulo IV


Fanfic / Fanfiction Just a chance to win me - Capítulo 5 - Capítulo IV

Natsu Pov's 

"Hmm, parece que esse ano vai ser bem longo!

               ~ QUEBRA DE TEMPO ~
      

Havia acabado de tocar, estava saindo da sala, quando Lissanna aparece do meu lado e agarra meu braço.

- Me fode, Nat-kun - susurra ofegante.

Sem nem pensar a agarro e levo-a até o armário do zelador. Puxo-a e a prenso na parede, levo uma mão para a sua cintura e com a outra é com a outra eu fico acariciando sua coxa enquanto chupo seu pescoço.

- Hmm, Naaaaat - ela geme.

Subo a minha mão até chegar a barra da calcinha e a desço, juntamente com minha calça e minha cueca box preta. Ela pega a saia e a levanta. Logo a penetro com tudo.

- Nnnnnnnnnnnn - ela geme.

Dou estocadas cada vez mais fortes e profundas.

- M-mais r-rápido - geme.

Só os gemidos dela são ouvidos. Retiro-me de dentro dela, visto minha roupa e vou embora.

- Nat-kun? Mas já? Foi tão rápido... - diz, já vestida e saindo do armário.

- Já estou satisfeito - digo, e logo me afasto.

Logo fui a cantina, comi rapidamente o meu almoço e fui me dirigindo a saída.

Quando me viro para enfim sair do refeitório, um ser loiro e baixinho bate em mim, me molha todo e cai.

- Nossa garota, não olha para onde anda não? - pergunto irritado - Ficou cega de repente foi? Olha o que você fez comigo!

- D-desculpa - ela disse, se levantando.

- Desculpa? - pergunto novamente - Eu estou completamente encharcado!

Depois dessas palavras, chego perto dela e a empurro, meu ato a fez cair.

- Sua burra, destrambelhada, cega, idiota, vagabunda... - digo, antes de Levy me interromper.

- Para Natsu, foi sem querer - diz a baixinha, levemente irritada.

- ... débil mental, descarada, frouxa e muitas outras coisas que ainda poderia falar, mas não gosto de perder meu tempo com nerds!

Mesmo tendo dito tudo aquilo para ela, ainda vou para cima para poder chuta-lá, antes de atingi-la, Gray se colocou a frente da loira e a defendeu.

- Para Natsu! Isso já é fora dos limites! - diz, irritado.

E dito isso, vou embora muito irritado.

"Essa loira vai ter o que merece!" penso.

Lucy Pov's

- Vamos! - eu e Levy respondemos em uníssono.

            ~ QUEBRA DE TEMPO ~ 

- Na tarefa de casa de hoje vocês terão que formar grupos de no máximo quatro pessoas e, fazer uma maquete com o tema de uma das doze constelações, com o prazo de hoje a oito - disse o professor Alzack - Obrigatoriamente vocês terão que me dizer cada tema amanhã.

      Trimmmmm 

"Ufa! Já não estava mais aguentando ouvir a voz chata desse professor." penso.

- Vamos Lu-chan! Nós temos que comer alguma coisa! - diz a azulada, manhosa.

           ~ QUEBRA DE TEMPO ~

Levy e eu havíamos acabado de chegar no quarto - que por sinal eram muito bonito - com duas camas de solteira, carpete roxo com várias bo links brancas, dois criados-mudos rosas com detalhes brancos, uma estante cheia de livros, - provavelmente da Levy - um guarda-roupa roxo de quatro portas, uma secretária com um computador, - obra da minha mãe sem dúvidas - impressora e CPU, três prateleiras brancas, uma janela de vidro que ia do chão de madeira ao teto branco, com uma cortina rosa e uma ótima vista, uma porta branca ao lado do guarda-roupa e por último, alguns quadro na parede roxa atrás das camas.

            Toc Toc Toc

"Quem será que é?" pensei.

Me levantei da cama e fui até a porta. Segurei a maçaneta, girando-a e abrindo a porta, dando de cara com uma ruiva e outra azulada me encarando.

- Oi! Você deve ser a novata! - disse a azulada maior entrando no quarto.

- Eu sinto muito pelo que o Natsu fez você passar. Se eu o pego... ele nunca mais verá a luz do dia... - diz a tal de Erza envolta de uma aura maligna. 

- N-não precisa - gaguejei. 

"Bizarro" penso, apavorada.

- Prazer eu sou a Juvia! E essa doida aqui é a Erza... Você de vê ser a Lucy de quem a Levy-chan nos falou.

- H-hai - digo timidamente.

- Óh! Tão fofinha! - as três dizem em uníssono, me deixando ainda mais ruborizada.

- Então tá! Vamos fazer esse maldito trabalho sobre as constelações! - diz a ruiva com determinação.

- Mas antes permitam-me colocar uma música - digo.

Rapidamente vou ao meu celular é coloco a música Stitches - Shawn Mendes.

"I thought that I've been hurt before

But no one's ever left me quite this sore

Your words cut deeper than a knife

Now I need someone to breathe me back to life

Got a feeling that I'm going under

But I know that I'll make it out alive

If I quit calling you my lover

Move on

You watch me bleed until I can't breathe

I'm shaking falling onto my knees

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

I'm tripping over myself

I'm aching begging you to come help

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

Just like a moth drawn to a flame

Oh you lured me in I couldn't sense the pain

Your bitter heart cold to the touch

Now I'm gonna reap what I sew

I'm left seeing red on my own

Got a feeling that I'm going under

But I know that I'll make it out alive

If I quit calling you my lover

Move on

You watch me bleed until I can't breathe

I'm shaking falling onto my knees

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

I'm tripping over myself

I'm aching begging you to come help

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

Needle and the thread

Gotta get you out of my head

Needle and the thread

Gonna wind up dead

Needle and the thread

Gotta get you out of my head

Needle and the thread

Gonna wind up dead

Needle and the thread

Gotta get you out of my head

Needle and the thread

Gonna wind up dead

Needle and the thread

Gotta get you out of my head get you out of my head

You watch me bleed until I can't breathe

I'm shaking falling onto my knees 

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches 

I'm tripping over myself

I'm aching begging you to come help 

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches

And now that I'm without your kisses

I'll be needing stitches"

E essa foi uma tarde inesquecível.

     

     
     

   


Notas Finais


Desculpem-me se houver qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...