História Just Dance - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe
Tags Verkwan
Exibições 85
Palavras 600
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Festa, Slash, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá~! ♡

A fanfic está classificada como +16 UNICAMENTE por conta do aviso de álcool - e por eu não saber como classificar uma história que mencione bebidas alcoólicas, risos. Afora isso, não há nada que justifique a classificação.

É uma one pequeninha que eu escrevi à beira de uma madrugada enquanto divagava sobre o quanto Boo Seungkwan é uma diva de respeito que deixa seu brilho por onde passa, sim.

E, ah, antes que eu esqueça: se você já viu o MV de bang bang bang do bigbang, aconselho que lembre de um certo close no G-Dragon durante esse clipe, hihi.

(Há também menção de um certo casalzinho extra ♡)

No mais... Boa leitura~

Capítulo 1 - Capítulo Único


Durante o ensino médio, praticamente todos os alunos, querendo ou não, se encaixam em algum grupo. Há sempre os nerds, bagunceiros, certinhos, extrovertidos, tímidos, populares, festeiros e por aí vai.

Boo Seungkwan era a prova de que uma pessoa podia sim transitar em mais de um grupo. Devido às boas notas, se encaixava nos nerds; por conta da índole, extrovertidos, populares e, por fim, festeiros.

Aquele ainda era o início do terceiro ano - mais precisamente, a primeira semana. Choi Seungcheol, o famoso capitão do time de basquete da escola, havia dito que daria uma festa em sua casa naquele sábado e que qualquer um poderia ir. Levando em conta que, além de conhecer praticamente todo mundo da instituição, seus pais tinham uma boa condição financeira e moravam em algo que por pouco não se comparava a uma mansão, não havia problema algum.

E é claro que, sendo amigo de Seungcheol, Seungkwan compareceu. Até porque o Choi pedira para que o Boo levasse consigo o melhor amigo, Jeonghan, para que pudesse ter uma melhor oportunidade de conversar com o garoto; não precisou explicar os detalhes para que deixasse claro suas intenções.

00h40 - Seungkwan constatou ao desbloquear rapidamente a tela do celular e devolvê-lo ao bolso. Era relativamente cedo e ele havia acabado de convencer o DJ a tocar um de seus discos preferidos, as circunstâncias não estavam assim tão ruins.

The Fame tocava no aleatório e ao som de Boys Boys Boys o garoto de Busan foi à cozinha, onde havia sobre o balcão bebidas de todos os tipos e a personificação dos desejos de um alcoólatra. Não que ele fosse viciado em álcool, apenas não hesitava em beber em festas e nunca chegou a ficar bêbado. Ao encontrar em meio àquela diversidade a famosa - e sua querida - garrafa azul, não tardou em pegá-la e voltar à sala, retornando ao aglomerado de pessoas.

Vasculhando o local com o olhar, não obteve surpresa alguma. Eram simplesmentes as mesmas pessoas que via na escola, exceto pelo fato de que a maioria estava alterada e mostrava o lado repreendido enquanto dentro do colégio.

Poderia passar mais alguns segundos pensando na habilidade que as pessoas têm de ocultar suas facetas quando necessário, mas Just Dance começou a tocar e automaticamente seus pés caminharam até a improvisada pista de dança que ocupava, praticamente, todo o cômodo. Era sua música preferida do álbum e era impossível se conter, ainda mais no estado em que se encontrava.

As circunstâncias se tornaram ainda mais divertidas quando algumas pessoas que dançavam começaram a se aproximar de si e movimentar os corpos seguindo mesmo ritmo, a maioria com algum copo de bebida em mãos.

A música - assim como o líquido da garrafa - ainda não estava nem na metade quando os olhos de Seungkwan, por acaso, se fixaram em um ponto ao longe. Tratava-se de um garoto recostado à parede, observando-lhe de modo inocente sem disfarçar. O dito cujo tinha cabelos escuros que iam mais ou menos até a metade da nuca e claramente não era asiático, além de que havia resquícios de glitter em seu rosto - alguns garotos do segundo ano haviam jogado do andar de cima uma grande quantidade de purpurina nas pessoas há pouco mais de uma hora. Ou era um novato ou algum amigo de fora convidado por Seungcheol.

Bem, não era como se isso importasse.

Sem pensar duas vezes, o Boo foi até o garoto e lhe puxou pelo pulso, arrastando-o até a pista de dança e instigando-o a se movimentar conforme a música contagiante que tocava.

- Just dance.



Notas Finais


Obg para você que chegou até aqui :3

xoxo~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...