História Just Happened - SEGUNDA TEMPORADA - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~IsaPLL

Exibições 411
Palavras 1.762
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa noite!
Espero que gostem!

Capítulo 5 - Só se você também não contar


Fanfic / Fanfiction Just Happened - SEGUNDA TEMPORADA - Capítulo 5 - Só se você também não contar

P.o.v. Shay

 

Depois daquela conversa super tensa com a Ashley, propus que fôssemos ao shopping, para distraímos a cabeça e eu precisava comprar umas coisas.

Eu e a Ash tomamos banho e vamos para o shopping na moto dela. Chegamos lá e vamos até a praça de alimentação.

 

- O que a gente vai comer? - Pergunto.

- Pizza, claro! 

- Ashley, toda vez que a gente vem aqui, nós comemos pizza!

- Porque pizza é maravilhoso. 

- Me convenceu, vamos. - Digo rindo e comemos, depois andamos um pouco enquanto conversamos.

- Eu preciso comprar um presente para o Ian...- Digo.

- Você não estava brigada com ele?

- Ele foi um babaca... Mas amanhã é nosso aniversário de namoro e eu tenho que fazer alguma coisa. É até uma chance da gente se acertar.

- Você perdoa muito fácil...- Diz Ashley revirando os olhos.

- Não é isso! Eu só não gosto quando ficamos sem nos falar.

- Eu finjo que acredito e você me conta o que vai comprar para ele.

- Vou ignorar o que você disse primeiro e só vou responder sobre o presente. Eu já comprei uma camisa para ele... Mas quero fazer outra surpresinha - Digo com um sorriso malicioso.

- Shay, Shay! Só você mesmo... Vai comprar o que? Uma lingerie?

- Exatamente! E você devia comprar também...

- Eu?! Pra usar com quem?

- Com o Tyler, claro!

- Ah, seria super normal eu chegar nele com uma lingerie!

- Não assim. Mas tipo, você chama ele para sua casa, e coloca isso meio que "nem notei que eu estava com essa roupa, opa!". Aí ele te beija e tudo volta ao normal!- Digo óbvia.

- Você fala como se tudo fosse simples assim!

- Mas é, você que complica.

- Eu não vou comprar uma lingerie, vou pagar de palhaça se ele me ver assim. Na cabeça dele, eu sou uma melhor amiga.

- Não foi o que pareceu quando ele ficou beijando seu pescoço ontem - Digo com um sorriso malicioso.

- Ai Shannon, você entende tudo errado. Foi só uma brincadeira.

- Hum, amo essas brincadeiras também!

- Ah, cala a boca.- Diz rindo e entramos numa loja de roupas íntimas femininas.

- Eu amei essa, o que achou? - Digo mostrando uma lingerie vermelha, um pouco transparente e bastante sexy.

- O Ian vai adorar!

- Então vou levar! Agora escolhe alguma coisa para você.

- Eu não vou escolher nada, Shay. Desiste!

- Posso ajudar? - Pergunta uma vendedora chegado perto da gente.

- Pode sim- Digo. - Eu já decidi. Mas essa minha amiga - Aponto para Ashley.- Precisa de ajuda.

- Pode falar!- A vendedora fala simpática e a Ashley me fuzila com o olhar.

- Bom, ela tem um amigo que... Digamos que ambos querem que sejam mais que isso e ninguém toma a iniciativa.

- Não é bem assim...

- Cala a boca, Ashley- Digo e continuo- Tem alguma coisa que faça ela seduzir ele mas sem demostrar que quer isso? - Falo um pouco confusa mas acho que ela entendeu.

- Sei como é... Eu e meu marido começamos assim- Diz a vendedora sorrindo.- Tenho algo perfeito para você. E a propósito, meu nome é Eva. - Diz puxando a mão da Ashley para o final da loja e eu vou junto, claro! 

- Realmente, não precisa.- Sussurra Ashley.

- Precisa sim, calada! - Sussurro de volta.

- O que acham dessa?- Pergunta Eva, nos mostrando uma lingerie preta que parecia mais uma camisola bastante curta e que tinha um grande decote. - Dá aquele ar de "Eu não sabia que você vinha", entende?

- Eu adorei! - Falo batendo palmas.

- Até que é legal...- Diz Ashley.

- Vamos levar!- Digo.

- Vamos?- Diz Ash ainda incerta.

- Sim.

- Ótimo, vou embalar. Vocês sao maiores de idade, não é? - Pergunta Eva e nós ficamos caladas. - Okay, entendi. Vou ver se consigo arrumar um jeito de vocês levarem mesmo assim. 

Diz e vai lá dentro buscar ou fazer alguma coisa, quando volta, já está com as embalagens e dá uma piscadinha cúmplice para a gente.

- Façam bom proveito, garotas. Se cuidem.

- Pode deixar- Diz Ashley rindo.- Obrigada.

- Imagina, meninas! Até a próxima.

 

Voltamos para casa da Ashley e ela já começa dizendo:

- Como você que eu chame ele e ainda faça ele pensar que eu "não sabia que ele vinha"?

- Sei lá... Pensando bem não sei se é uma boa ideia.

- Você é bipolar ou algo do tipo?

- Não, mas eu parei para pensar e...

- E... O que?

- Talvez, seja melhor vocês tentarem algo quando ele lembrar de tudo. Talvez, seja um choque se ele tiver a memória de volta aos poucos e não conseguir diferenciar o que foi real ou não.

-Então porque me fez comprar essa lingerie, Shannon?

- Para de me chamar de Shannon! Se não quiser, pode me dá.

- Não vou dar não, agora eu quero ficar.

- Você é ridícula! Acho que vou indo, amiga.

- Já vai tarde... - Diz me olhando um indiferença mas logo começa a rir. - Tô brincando, vem cá! - Nos abraçamos antes de sair eu digo:

- Olha, tenta se segurar perto do Tyler, talvez seja melhor para vocês dois esperarem um pouco... Falo sério.

- Pode deixar, senhora bipolaridade.

- Ah, tchau Ashley, tchau!

 

P.o.v. Ashley

 

Quando a Shay vai embora eu penso em tudo que ela disse e realmente, talvez seja melhor esperar. O problema é se eu vou conseguir...

Sou tirada dos meus pensamentos por uma ligação, quando olho para tela vejo que é a Lucy.

 

- Alô?!

- Ash?

- Oi, Lucy! Tudo bom?

- Estava, até eu descobrir que você e Shannon foram para o shopping e não me convidaram. - começo a rir pelo telefone e respondo:

- A gente só deu uma passadiha... A Shay queria comprar uma lingerie para o aniversário de namoro dela com o Ian...

- Hum... Noite erótica!

- Acredita que ela ainda me fez comprar uma também?

- Vai tentar seduzir o Tyler?

- Não! De acordo com a vendedora, é um tipo de camisola sexy que é meio que "não sabia que você vinha".

- O Tyler iria amar se fosse a um tempo atrás...

- Você também acha que é melhor esperar ele lembrar de tudo?

- Mais ou menos, eu acho que ele deveria estar pronto, talvez seja um... 

- ...choque para ele, eu sei, eu sei!

- Não fica chateada.

- Tudo bem... Vou jantar alguma coisa, beijo.

- Beijo, se cuida.

- Pode deixar.

 

Desligo o telefone meio cabisbaixa e resolvo tomar um banho. Quando termino, vejo a caixa em cima da cama e resolvo vestir só por curiosidade.

É bem confortável, vou até cozinha e coloco algo para comer, acabo e vou lavar os pratos quando escuto campainha tocar.

 

- Já vai. - Digo indo enxugar as mãos, mas a pessoa do lado de fora parecia apressada. - JÁ VAI! - Repito e a campainha para de tocar, mas escuto a porta abrindo. Provavelmente a Shay esqueceu de fechar quando saiu.

- Ash, você não atendeu e eu... uou! - Diz quando me vê.

- Tyler? E-eu não sabia que vinha... - Falei a primeira coisa que veio na minha cabeça! Merda, eu não pensei que seria assim.

- Desculpa... Hum, eu só passei para dar boa noite mesmo. - Diz encarando meu corpo descaradamente.

- Tyler, meu rosto é mais em cima. - Digo estralando o dedo em seu rosto.

- Você recebe todas as suas visitas assim? - Pergunta se aproximando.

- Não! Só é confortável e eu não sabia que ia receber visitas.

- Eu sou visita, agora? Achei de já era de casa. - Diz dando um sorriso que tirou meu ar por um segundo, aquela aproximação estava quase insuportável.

- Você é de casa. Tanto que abriu a porta sem nem pedir permissão. - Reviro os olhos e me afasto um pouco, rindo e voltando a lavar os pratos, ficando de costas para ele.

- Da próxima vez prometo ser mais paciente... Acho que já vou indo.- Diz e eu termino de lavar os pratos e me viro para ele.

- Já?! Fica mais um pouco... Se quiser, pode dormir aqui.

- Hum... Acho melhor não- Diz engolindo seco e tentando desviar o olhar do meu decote.

- Por que, não? - Pergunto me aproximando e mordendo o lábio. Sim, eu estava adorando provoca-lo.

- Porque eu não me responsabilizo pelos meus atos, Benson. - Diz coçando a parte de trás da nuca, indicando que esta nervoso.

- Não sei do que esta falando. -Ficamos perto o suficiente para ele me pegar pela cintura.

- Uma dica: não use esse tipo de roupa com outro cara no mesmo cômodo.

- Te incomoda?

- O que?

- Eu está usando essa roupa agora.

- Eu não disse isso.

- Então quer dizer que não te incomoda?- Pergunto dando um sorriso irônico.

- Eu também não disse isso.- Fala dando um sorriso de volta, nos deixamos mais próximos ainda, eu só conseguia olhar em seus olhos e não pensar em mais nada.

- Acho que essa é a hora que você me beija. - Digo sussurrando.

- Eu tenho certeza. - Diz e cola nossos lábios.

Como eu estava com saudade disso! Um beijo que começou calmo, em poucos segundos já ficou bastante intenso. Ele me pegou no colo e arrastou algumas coisas que tinham encima da mesa naquele momento, e me colocou em cima da mesma sem parar de me beijar.

Passo minhas pernas por sua cintura, nos aproximando mais ainda.

Ele aos poucos desce as mãos até minhas coxas, onde aperta, me fazendo suspirar. Passo minhas unhas por suas costas e quando estou quase tirando sua camisa ele se afasta.

 

- Desculpa! Eu não sei o que deu minha cabeça.

- Nem eu, desculpa... - Falo descendo da mesa. Depois de um silêncio quase mortal e ele fala:

- Olha, agora eu vou indo mesmo... Hum, a gente se fala depois. - Diz me dando um beijo desajeitado na testa e indo em direção a porta, mas eu o chamo.

- Não conta isso pra ninguém- Digo.

- Só se você também não contar.

- Feito!

- Feito. Tchau, Ash. - Diz sorrindo e fecha a porta me fazendo dar um sorriso involuntário parecendo uma boba apaixonada.

Na verdade... Eu sou uma boba apaixonada.

 

 

Continua...


Notas Finais


O que acharam? Será que agora as coisas vão começar a se acertar?
Eu não teria tanta certeza... Haha
BjBj


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...