História Just Happened - SEGUNDA TEMPORADA - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~IsaPLL

Exibições 250
Palavras 2.481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Quase que eu esquecia de postar hoje porque onde eu moro não tem horário de verão, então pra vocês é quase meia noite, pra mim é quase onze haha. Então desculpem se atrasei 1 ou 2 minutos! KKK
Boa leitura!

Capítulo 6 - Isso não é verdade


Fanfic / Fanfiction Just Happened - SEGUNDA TEMPORADA - Capítulo 6 - Isso não é verdade

P.o.v. Tyler

 

Quando eu cheguei em casa eu fui direto para o banheiro tomar um banho gelado e enquanto a água caía pelo meu corpo eu não conseguia parar de pensar na Ashley com aquela maldita roupa, e aos mesmo tempo que eu sorria lembrando do beijo, eu me punia por tê-la beijado.

-Droga,Tyler! Como você é estupido! -Eu disse, falando sozinho, desligando o chuveiro.

Eu saí do banheiro, troquei de roupa e fui para cozinha comer alguma coisa. Depois de comer, eu fui para o meu quarto e antes de dormir, fiquei torcendo para o clima entre eu e a Ashley não ficar tenso.

                               ...

Acordei com alguém batendo na minha porta e com muita dificuldade eu levantei da cama e lentamente fui atender a porta.

-Por que você demorou tanto para atender? -A Ashley perguntou entrando rapidamente. -E por que você ainda não se arrumou? -Perguntou novamente olhando para a minha roupa e para o meu rosto que estava amassado.

-Bom dia, para você também! -Eu disse e ela revirou os olhos.

-Anda logo, Tyler!

-Andar para onde?

-Nós temos que ir á escola.

-Nós?

-Sim, eu e você! Se você pensa que vai faltar a semana inteira você está muito enganado.

-Eu não estava pensando em faltar a semana inteira...Estava pensando no mês inteiro.

-Mas você não vai faltar, agora vai logo tomar banho...

-Eu já tomei banho ontem!

-Só vai de ajeitar e por favor não demore! -Ela disse e eu fui rindo para o meu quarto.

                               ...

Nós chegamos na escola e para o nosso azar (ou não) a primeira aula já tinha começado e nós agora só poderíamos entrar na segunda.

-Viu, por sua culpa nós chegamos atrasados?! -Ela disse se sentando em um banco.

-Você fala como se amasse a escola e não faltasse nunca, e mais uma coisa, ninguém pediu para você passar na minha casa. -Eu disse e ela me olhou séria.

-Olha aqui Tyler eu não sei se você se esqueceu disso também, mas você quem costumava passar na minha casa para a gente ir para a escola juntos, então eu só passei na sua casa para nós podermos ir juntos, como sempre foi.-Ela disse e se levantou do banco, começando a andar para longe de mim.

-Ashley! ASHLEY! -Eu gritei o seu nome e ela parou e virou para mim.

-O que é? -Ela perguntou grosseiramente.

-Me desculpa, okay?! -Eu disse se aproximando dela.

-Tá...

-É sério...

-Tá bom! -Ela disse.

-Ashley...

-Tyler, é sério!

-Tudo bem, mas é que eu sei que eu ando sendo um pouco idiota esses dias, mas é que eu ainda não me acostumei com a ideia de ter perdido a memória e também teve o nosso bei... -Eu comecei a dizer e parei.

-O nosso o que? -Ela perguntou, cruzando os braços começando a dar um sorriso debochado.

-Nada! -Eu respondi rapidamente. -Você quer fazer o que? Vamos aproveitar esse tempo que a gente tem. -Disse tentando mudar de assunto.

-Aí meu Deus, Tyler Blackburn!

-O que?

-Você...

-Eu o que?

-Você não consegue parar de pensar no nosso beijo... -Ela disse rindo debochadamente.

-O que? Você é louca!

-Ah claro, eu sou louca! -Disse ironicamente dando um sorriso.

-O beijo de ontem para mim não significou nada. -Eu disse e eu vi ela ficando séria. -E você nem beija tão bem assim, tem garotas que beijam melhor. -Eu continuei e ela continuou séria.-Que foi?

-Nada! -Ela disse sendo um pouco grossa.

-Você ficou brava?

-Não, Tyler! -Ela disse e começou a andar.

-Aonde você vai? 

-Em um lugar, a gente se ve depois! -Ela respondeu e continuou andando enquanto eu ficava parado no meio do corredor.

 

P.o.v Shay

Nem a Ashley e nem o Tyler tinham aparecido na primeira aula e eu já estava pensando em como matar os dois, por terem me deixado sofrer sozinha em uma aula super entediante de química. O sinal tocou, e eu suspirei dando graças à Deus. Quando eu sai da sala, vi o Tyler mexendo no seu armário eu fui até ele e quando cheguei perto dei um tapa em seu braço.

-Aí, você é louca? -Perguntou passando a mão no braço.

-Por que você e a Ashley não apareceram?

-Nós nos atrasamos... -Ele disse e eu sorri maliciosamente.

-Pode ir tirando esse sorriso do rosto! -Ele disse e fechou o armário.

-Isso é inevitável, Tyler! Vocês dois chegam atrasados juntos...

-Shay isso não tem nada haver...Agora vamos para a sala, porque a segunda aula já vai começar. 

-Tudo bem, Tyler eu vou fingir que acredito! Agora vamos passar no meu armário antes de irmos para a sala. -Eu disse e o puxei para ir comigo até o meu armário.

Nós chegamos no corredor do meu armário e eu peguei os livros da segunda aula. Fomos para a sala e quando estávamos quase entrando, ouvimos a voz do Ryan que parecia estar conversando com alguém dentro da sala.

-Ryan você tem ideia do que você fez? -Uma voz que eu ainda não consegui identificar de quem era, perguntou.

-Você fala como se fosse grande coisa! 

-E é, você pode ser preso, cara. -A outra voz disse e nesse momento eu olhei para o Tyler e vi o seu olhar de raiva.

-Tyler...

-Eu vou matar esse filho da puta! -Ele disse e foi em direção á entrada da porta.

-Você não vai fazer nada! -Eu disse o impedindo, entrando na sua frente e o puxando para longe da sala.

-Você não vai me impedir.

-Você não sabe sobre o que eles estavam falando.

-Shay não se faça de tonta, está bem...

-Olha, Tyler você pode estar morrendo de raiva, mas até nós termos certeza de que foi ele quem te atropelou, você não vai fazer nada! -Eu disse o interrompendo.

-Shay...

-Tyler, isso é sério e por mais que eu queira que você entre naquela sala e soque a cara dele, isso não é o certo a se fazer...Pelo menos não agora! E não conta isso, para ninguém...

-Ótimo, mais segredos!

-Como assim mais segredos? -Perguntei confusa.

-Não, é nada! E você pode ficar tranquila, pois eu não vou fazer nada! -Ele disse e deu as costas começando a andar.

-Aonde você vai?

-Eu só vou para a biblioteca, não precisa se preocupar. -Ele disse sem olhar para trás.

-Mas você vai perder a segunda aula. -Eu disse e ele continuou andando sem falar nada.

Eu resolvi que também iria matar a segunda aula, então eu fui para uma pequena praça (não tinha muito movimento dos inspetores) que ficava na escola, chegando na "praça" eu encontrei a Ashley.

-Bom dia! -Eu disse tocando o seu ombro á assustando.

-Ai Shannon, você me assustou! -Disse e eu sentei ao seu lado.

-O que você estava aprontando?

-Do que você estava falando?

-Minha mãe diz que quando alguém toma um susto, quer dizer que essa pessoa estava aprontando alguma coisa.

-Isso não ter nada a haver.

-Querida, minha mãe disse isso, então tem tudo haver. Agora me fala o que a senhorita está fazendo aqui...

-Eu estava esperando á segunda aula começar, já que eu cheguei atrasada... Tudo por culpa daquele idiota! -Ela disse estressada.

-Xiiii...Você está toda estressadinha. Isso é por que eu falei que era melhor você esperar o Tyler...

-Eu não estou estressada e mesmo se eu estivesse não seria por esse motivo...Agora eu tenho que ir para a aula! -Ela disse levantando do banco.

-A segunda aula já começou, ou seja, você não pode mais entrar vai ter que esperar a terceira. -Eu disse e a puxei de volta para o banco. -Me conta o que está te deixando assim...

-Você e o Ian já sabem o que vão fazer hoje? -Perguntou mudando de assunto.

-Mudando de assunto...Isso é a sua cara, Ashley Benson!

-Eu só não quero falar sobre esse assunto, por favor Shay vamos falar de outra coisa. 

-Okay...Mas se você precisar eu estou aqui...

-Eu sei, obrigado amiga! -Ela disse me abraçando. -Mas agora me conta o que vocês estão planejando?

-Bom, na verdade eu ainda não falei com ele sobre o que nós vamos fazer...

-Como assim?

-Desde a nossa pequena discussão ontem, nós ainda não nos falamos.

-E como você pretende sair com ele, sem ele saber?

-Eu não sei se nós vamos sair, mas...Hoje eu vou ligar para ele, pedindo para ele vir á minha casa. Quando ele chegar, ele vai entrar, ir para o meu quarto e me encontrar com a lingerie que eu comprei ontem, e bom depois disso você sabe o que vai acontecer! -Eu disse com um sorriso e um olhar malicioso.

-Parece que alguém vai ter uma noite bem agitada hoje! -Ela disse rindo e eu concordei rindo também.

Nós ficamos mais um tempo conversando até que ela levantou abrutamente do banco, me deixando assustada.

-Ashley, você é louca?

-Droga, eu esqueci!

-Esqueceu o que?

-Eu tenho que ir para a biblioteca.

-Você levantou desse jeito, quase me matando, para dizer que precisa ir a biblioteca?

-A Lucy disse que o professor de biologia, vai passar uma prova em "comemoração á volta das aulas" e essa prova é hoje! Eu tenho que ir para a biblioteca para tentar estudar um pouco. Tchau, Shay! -Ela disse, me deu um beijo no rosto e saiu correndo em direção á biblioteca.

 

P.o.v Ashley

Eu estava indo correndo para a biblioteca, quando eu trombei com um corpo de uma pessoa, e acabei caindo e derrunbando essa pessoa.

-Aí desculpa, eu estava com pressa e não te vi! -Eu disse levantando e pegando os meus livros que estavam no chão.

-Não tem problema, eu também não prestei atenção. -A pessoa disse e quando eu levantei o meu rosto, eu vi que era a Vitória.

-Vitória? O que você está fazendo aqui? -Eu perguntei, talvez sendo um pouco grossa.

-Você deve estar surpresa em me ver...

-Sim...Olha, eu não sei aonde o Tyler está!

-Mas eu não estou procurando ele...

-Não? Então o que você veio fazer aqui?

-Eu vim falar com você.

-Comigo? 

-Sim, e eu sei que você deve estar se perguntando o que a gente tem que conversar, mas é importante...

-Tem que ser agora? É que eu tenho uma prova de biologia e...

-Como eu disse é importante! 

-Okay...

-Nós podemos ir para algum lugar menos movimentado? 

-Podemos, vamos para a sala de informática, não tem ninguém lá hoje! 

Nós fomos para a sala de informática e o caminho inteiro foi percorrido em silêncio, quando chegamos eu coloquei a minha bolsa em uma mesa e sentei em uma cadeira.

-Você pode se sentar...Se você quiser. -Eu disse e ela se sentou em uma cadeira próxima à minha.

-Olha, Ashley eu vou ser bem direta, porque não quero tomar muito do seu tempo. -Disse e deu um longo suspiro. -Eu sei que quando nós nos conhecemos no Brasil, você não gostou nenhum pouco de mim...

-Isso não é verdade!

-Sério? Então quer dizer que você amou conhecer a ex-namorada do seu namorado? -Ela perguntou sarcásticamente e eu não respondi nada. -Continuando...E eu também sei que quando você soube que eu me mudei para cá, você talvez tenha sentido um pouco de ciúmes, porque agora eu estaria mais perto dele.

-Um pouco? -Eu perguntei baixinho, com a intenção dela não ouvir.

-Você lembra quando nós no encontramos na rua, no Brasil? -Perguntou e eu assenti. -Eu disse que não tinha intenção de voltar com o Tyler e isso ainda continua, não é porque agora eu estou em L.A que eu vou tentar ter o Tyler de volta, e mesmo se eu tentasse seria como uma luta já perdida.

-O que você quer dizer com isso?

-Ashley, só quem é cego não percebe o modo como ele te olha, eu posso ter visto vocês dois juntos poucas vezes, mas foi o suficiente para ver o quanto ele te ama e o quanto você o ama também.

-É, mas agora ele perdeu a memória e nós só somos bons amigos! -Eu disse, sendo debochada nas últimas palavras.

-Ashley, eu não sei se o Tyler te contou, mas quando eu e ele estávamos juntos nós já brigamos por sua causa...

-Ele já me contou e você falando desse jeito parece que está querendo me culpar!

-Mas eu não estou, desculpa se pareceu ser essa a intenção...Enfim, eu tenho quase certeza de que quando vocês eram só amigos ele já sentia algo por você e ele só não tentou algo, porque estava confuso e porque ele estava com medo de te perder! -Ela disse e me encarou. -Então é muito provável que mesmo com a perca da memória, ele ainda sinta algo por você, e esse sentimento está mais forte do que na primeira vez (que seria antes dele perder a memória, quando vocês eram só amigos), pois dessa vez vocês já viveram algo e mesmo que a "cabeça" dele não lembre o seu coração ainda guarda resquícios desse sentimento. -Ela disse e eu fiquei sem saber o que dizer.

-Por que você está fazendo isso? Você poderia aproveitar a oportunidade e tentar...

-Ashley, nem todas as ex-namoradas são umas vadias. -Ela disse sorrindo.

-Quem dera todas fossem igual á você.

-Ah não, por favor se todas fossem igual á mim o mundo seria sem graça demais. -Ela disse e eu ri. -Bom, eu já vou indo! -Disse se levantando e indo até a porta.

-Vitória... -Eu a chamei e ela se virou em minha direção e em um movimento que nem ela e nem eu esperava, eu fui até ela e a abracei, depois de um tempo tentando raciocinar a minha repentina ação ela retribuiu o meu abraço. -Obrigada! Obrigada, por ter vindo aqui e ter me falado essas coisas! -Eu disse após separarmos o abraço.

-De nada, eu só senti que precisava esclarecer as coisas e não se esqueça que por mais que ele possa ficar com outras garotas o coração dele sempre será seu. -Disse sorrindo. -Agora eu vou indo, tchau! -Disse se despedindo.

-Tchau! -Eu disse e ela saiu.

Fiquei um tempo pensando na nossa conversa e em como aquilo havia me deixado aliviada, mas aí eu lembrei da bendita prova de biologia, então sem opções eu peguei a minha bolsa e fui até a biblioteca para poder tentar estudar um pouco.

Quando eu cheguei na biblioteca a sensação de alívio, logo sumiu, pois em um canto daquela sala, eu vi o Tyler beijando uma garota e para piorar ainda mais a situação essa garota era ninguém menos do que a vadia da Britanny. Nesse momento os meus olhos se encheram de lágrimas eu já havia esquecido de tudo o que a Vitória tinha me falado, eu precisava sair dali, então sem me importar com a prova que eu teria na próxima aula eu saí daquela biblioteca e fui procurar um lugar para poder desabafar sozinha.

 

 

Continua...


Notas Finais


A Britanny só aparece pra ferrar com Tyshley!
O que será que vai acontecer?
BjBj


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...