História Just Photos - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 23
Palavras 1.363
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Era para ter as outras imagens, me desculpem, eu não as achei mais nem no meu pc nem na net

Capítulo 3 - Estúdio - Sem Coração!


Fanfic / Fanfiction Just Photos - Capítulo 3 - Estúdio - Sem Coração!

Pov Elsa:

Estava dirigindo em direção ao estúdio, cheia de duvidas e angustias, estava começando a suar...Suspirei, segurando a vontade de chorar, queria dar meia volta, e ir ver Anna...Mas continuei, ela esta bem...Ela esta bem...Ela esta bem...

Tentei repetir isso para mim mesma, estacionei na frente do grande estúdio, era realmente bonito, enorme, e tinha o nome de “Studio Frost”, estacionei o carro, passei um ultimo retoque na maquiagem, me acalmei um pouco e entrei me sentei, a atendente chamou minha atenção, olhei para ela, ela estava emburrada.

-Tem horário marcado garota? Pediu ela, levantei e sorri forçado.

-Sim, Elsa Queen! Digo, ela me olha e bufa olhando no papel.

-Logo Frost ira telefonar para você subir! Diz ela e depois volta a digitar no computador, me sentei angustiada, fechei os olhos, estava tremendo, nervosismo por causa das fotos e por causa da Anna, tentei respirar fundo e comecei a bater os dedos na cadeira nervosamente. - Esta me irritando... Pare com esses tiques nervosos.

-Desculpe, minha irmã acaba de se acidentar! Digo, ela me encara e balança os ombros.

-E você não devia estar com ela nesse momento? Que tipo de irmã você é? Pediu ela me encarando, engoli seco, estava ficando desesperada novamente. - Eu não iria perdoar minha irmã se ela me trocasse por fotos... Diz ela resmungando, olho para ela que desvia olhando o computador emburrada.

-E-eu... Acho que eu vou ir... Resmunguei pegando minha bolsa, estava tremendo.

-Ótimo, vou cancelar seu horário! Diz ela. –Seus dados, por favor? Diz ela sorrindo meigamente.

-Elsa Queen? Uma outra moça apareceu na porta, eu a olhei, ela sorriu vindo ate mim. –Venha querida, você é linda! Diz ela ainda sorrindo.

-Ela quer cancelar! Diz a outra antes que eu dissesse algo, a moça sorridente me encara confusa.

-Oh não, Jack Frost, não iria ficar contente por suas câmeras perderem tão beleza! Diz ela sorrindo. –Venha vamos princesa, não perca tempo! Vamos... Diz ela me puxando, eu a acompanhei, ainda em duvida, suspirei indo atrás dela. - Esta nervosa? Oh não se preocupe, você é linda, só sorria e fique tranquila! Quer agua? Pediu ela, neguei.

-Não obrigada! Digo a seguindo, passamos por vários corredores, e paramos na frente de uma porta linda, decorada... Ela bateu, ouvi um entre... A segui a dentro.

-Muito bem, esta entregue querida, boa sorte. Diz ela sorrindo e depois sai fechando a porta.

Um salão enorme, com vários assistentes, com varias câmeras e acessórios, olhei e vi um homem alto, de cabelos platinados, olhos azuis e pele branca, corei de leve, e disfarcei, ele olhou para a porta e sorriu a me ver, ele caminhou ate mim.

Ele sorriu e estendeu a mão para mim, o cumprimentei, sorri sem vontade.

-Elsa Queen? Certo? Pediu ele ainda sorrindo, fiz que sim e sorri. –Hm. Ele me encarou de cima a baixo. - Uma beldade sem duvidas, ainda não tinha visto tão beleza! Diz ele em tom galanteador, corei sem graça.

-Obrigada senhor... Resmunguei.

-Senhor? Oh não, senhor só no céu! Eu sou Jack Frost, mas me chame só de Jack mesmo! Diz ele sorrindo.

-Ok Jack... Digo sorrindo de lado.

-Bom, eu li seu currículo, gostei muito... Separei os temas que mais achei parecidos com você, e sua descrição, apesar de você não ter mencionado ser tão seria! Diz ele caminhando, o segui com cautela.

-Desculpe, aconteceu algo, estou um pouco abalada... Mas não vou misturar as coisas mais, me desculpe... Resmunguei encarando o chão.

-Profissionalismo... Ótimo, não gosto de trabalhar com pessoas que misturam sentimentos... Não quero ver essa cara seria e sem sal nas fotos, você tem que sorrir ser a garota mais feliz do mundo, a mais perfeita! Diz ele me olhando serio.

-Com certeza... Digo e dou um pequeno sorriso, ele ri de leve, e me aproxima de uma cena, me mostra os figurinos.

-Você mandou uma foto junto com sua ficha, e eu achei que o melhor tema para você é, princesa, ou madame...Diz ele sorrindo de lado, corei.- Luci, me ajude a mostrar o figurino a moça! Diz ele, uma mulher ruiva com cabelos lisos se aproxima.

-Olá, vamos ver o que esta reservada para a senhorita? Pediu ela sorrindo, eu sorri.

-Vamos... Eu digo corada.

Ela me mostrava alguns vestidos, maravilhosos, mas eu realmente não estava pensando nos vestidos, foi quando viu Jack passar a mão na frente de meu rosto para chamar minha atenção.

-Vamos senhorita? Pediu a moça, concordei, ela pegou o vestido branco, maravilhoso, e eu a segui, vi Jack me olhar e sacudir a cabeça em negativo parecia estar me dando uma bronca, corei envergonhada e segui a moça rapidamente.

Vesti o vestido, ela me maquiou, fez babyliss, vesti os sapatos, o colar e o brinco.

Fui para a cena, fiquei em uma das posições que mais gosto, de costas, e com a cabeça de lado, Jack sorriu e fez positivo, ele segurou a câmera, e fotografou, fizemos isso varias vezes. (Imagem).

Ele parou e me olhou sorrindo, eu corei, e sorri, me sentia feliz, mais angustiada ao mesmo tempo, queria que isso acabasse logo.

Ele riu e bateu palmas. –Estou surpreso, você ficou linda, natural perfeita! Diz ele, eu corei e sorri de leve. – Eu tive uma ideia brilhante! Diz ele do nada. – E se te vestíssemos de Japa? Pediu ele, fiquei confusa. - Tipo uma rainha lá da china, ou Japão! Diz ele, eu o encarei. – É, é isso, demos voltamos ao tema central! Diz ele. –Vamos Luci, ao trabalho! Um desafio para você! Diz ele a moça cora e me puxa pelo pulso.

 

Ela estava me arrumando, quando coloquei a coroa, fiquei pensando em Anna, nos duas uma vez quase fomos para o Japão visitar o lugar uma vez, fiquei triste ao lembrar-se de Anna, e algo me dizia que ela não estava bem... Devia ter ido vê-la, devia ter ido...

-Qual é o problema flor? Qualquer moça em seu lugar estaria radiante e histérica! Diz a tal de Luci.

Olhei para baixo tentando conter as lágrimas, meus olhos marejaram, ela arregalou os olhos.

-Não, não pare... Vai borrar toda a maquiagem, demorou tanto pra fazer! Diz ela, eu me contive, e pisquei varias vezes. –Me diga o que houve... Sua família? Namorado? Pediu ela.

-Minha irmã, sofreu um acidente na hora do almoço, hoje... Tive que vir e nem a vi... Digo e logo sinto as lágrimas teimarem.

-Oh vamos, flor, se anime, Jack frost esta lá fora te esperando, vamos?

Concordei e me levantei abanando meu rosto, ela sorriu caminhando ao meu lado.

Logo vimos Jack preparando o próximo cenário, me aproximei, eu me preparei, e ele tirou alguns flashes... Como será que Anna esta?...Como ela caiu da escada? Como...

-Ei! Ele gritou, o encarei assustada. - O que foi? Pare! Pare agora! Diz ele serio, largando a câmera, me assustei, estava confusa. – Onde... Onde esta o seu sorriso? Eu não tenho todo o tempo do mundo para você querida! Diz ele. - Olhe, olhe essa foto como ficou, parece que alguém morreu! Diz ele, (Imagem dois).

-Desculpe... Não vai... Não vai acontecer de novo... Digo corada, ele me encara e suspira.

-Próxima foto, mude de posição, e sorria! Sorria, como se fosse o melhor dia da sua vida, e aliais, devia ser! Não acha? Ele pediu me encarando, concordei meio sem jeito.

-Sim... Devia... Digo abaixando a cabeça, mude de posição, eles me dão um acessório lá da China, que eu não sei o nome direito.

-Sorria! Diz ele rígido, eu forcei um sorriso. –Esta melhor que antes pelo menos. Diz ele, (Imagem três). - Vamos as próximas fotos... Diz ele.

Coloquei outro figurino, de princesa, estava bonita, ele havia sido um pouco grosso... Mas eu já devia saber, é muita jogada de Marketing aqui, eles querem profissionais sérios, e não seres humanos com emoções me senti magoada e todo o meu sonho estava virando um pesadelo.

Sai do banheiro, e tirei a próxima foto, e em seguida outra, consegui sorrir, mas isso já esta me sufocando, e ainda faltam muitas fotos... Não sei se consigo.

-Perfeita, isso sim!

(Imagem quatro).

 

Continua... Fim do terceiro cap. Bjs amores J

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...