História Kakashi: Amor e honra - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Kakashi Hatake, Kushina Uzumaki, Maito Gai, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Obito Uchiha (Tobi), Personagens Originais, Rin Nohara, Sai, Sakura Haruno, Shikamaru Nara, Shizune, Tsunade Senju
Tags Ação, Anime, Aventura, Hanare, Kakashi, Naruto, Romance
Visualizações 42
Palavras 1.327
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Minnaaaa! Antes tarde, do que nunca. Gente como eu disse, aqui está mais um capítulo.

Adorei que o Naruto veio. Confesso! :')

Espero que gostem!!
Kisses :33

Capítulo 8 - Uma visita inesperada


Fanfic / Fanfiction Kakashi: Amor e honra - Capítulo 8 - Uma visita inesperada

   “- Na-Naruto?”

O jounin estava paralisado. Seu rosto e mãos suavam frio. Não sabia como agir. Se Naruto reconhecesse a morena, ele iria passar por mentiroso, não apenas para o seu aluno. Para à Vila toda. O prateado queria apresenta-la a todos, mas não estava pronto ainda.

“ Naruto... Como você cresceu...” pensou Hanare.

- Kakashi-sensei, o que faz aqui? Perguntou o garoto sem perceber o que estava acontecendo ali. – Te procurei por toda parte.

- Co-como assim? Você estava me procurando? Por quê?

- Você saiu da vila a quase dez dias. A vovó Tsunade me mandou procurar por você nas vilas próximas, e pediu para eu procurar primeiro por essa aqui. E parece que o palpite dela estava certo. Olha... Ela te deu uma semana de folga, não um mês de férias. A vovó está muito irritada contigo.

A fisionomia de Kakashi estava cada vez pior. O jounin estava totalmente pálido.

- Folga? Você não estava voltando de uma missão? – Hanare olhou para o jounin

- Uma missão pessoal. – O jounin olhou para a mulher e deu um sorriso forçado, fazendo com que a morena franzisse a sobrancelha, desconfiada.

Naruto aproximou-se de Hanare. O loiro estava encarando-a com a mão no rosto, como se estivesse pensativo, tentando lembrar algo. – Eu te conheço? Tenho certeza de que já nos vimos antes.

A morena deu alguns passos para trás. – Sim.

- Não. – Disse o Jounin na mesma hora. – Vocês não se conhecem.

- Tenho certeza que conheço. Da vila? Ou talvez de missões... – O menino olhou para o céu tentando lembrar de algo. – AHH! JÁ SEI! Você é a namorada do Kakashi-sensei. Você foi pega pelos ANBU e foi levada para a Vila há um tempo atrás. – O garoto aproximou-se novamente, observou-a, virou de costas e pensou mais um pouco. – Ah sim... Tenho certeza! Mas não lembro seu nome. – Disse o loiro.

- Hanare. – A mulher sorriu.

- Ah sim. Verdade.

O menino chegou perto do jounin– Kakashi-Sensei, vocês estão namorando, não é mesmo? – cochichou.

Hanare escutou e deu uma risada.

- BA-BAKA! – O jounin deu um murro na cabeça de Naruto.

Kakashi estava nervoso. Sua reação a tudo aquilo parecia a mesma de quando teve que ler páginas de “Icha-Icha” para ajudar a decifrar a mensagem que Jiraya deixou antes de morrer em sua luta contra Pain.

Ficaram em silêncio durante um tempo, ouvindo apenas Naruto choramingar.

O jounin colocou as mãos nos bolsos e olhou para o céu. “Ainda bem que ele não lembrou daquele dia no penhasco.”

- AHH! E-ESPERA AÍ, VOCÊ MORREU HÁ MUITO TEMPO. – disse Naruto apontando para a mulher. O loiro estava com uma cara de assustado. Você não parece um Edo Tensei.

- O que? Não, claro que não morri.

Os dois olharam para Kakashi.

- Ok. Vou contar tudo pra vocês. Primeiro vamos sair daqui. Naruto, onde você tá hospedado?

- Cheguei hoje, então não passei em lugar nenhum.

- Certo. Nesse caso, você vem com a gente.

- Hai!

***

Já na pousada, entraram no quarto onde estavam instalados. Hanare foi ao banheiro banhar-se. Deixando-os sozinhos.

- Naruto, já jantou? Perguntou o sensei.

- Não. Não tive tempo.

- Vou fazer alguma coisa para você. Vem cá.

- Hai

Os dois foram até a cozinha. Naruto sentou-se à mesa, e Kakashi foi fazer um lanche para o seu aluno.

- Então... Acho que você tem muita coisa para falar.

- Hai.

O jounin começou, então, a dizer tudo o que havia acontecido. Mas não entrou em detalhes sobre seus sentimentos por Hanare.

- Entendi. Acho que eu teria feito o mesmo em seu lugar, Kakashi-sensei.

O prateado colocou o jantar na mesa, e sentou-se

- Tem cara de estar muito bom .

- Hai

- Ahhh, sensei! Você e a Hanare estão juntos aqui na pousada, não é? Seu tarado... Os livros do sábio tarado não estão te fazendo bem.

- BA... – O jounin baixou o tom de sua voz – Baka...

Ali, sentados a mesa, continuaram a conversar.

Hanare foi em direção a cozinha, mas antes de chegar lá, parou e ficou os observando. Estavam os dois ali, sentados, rindo, felizes. Pela primeira vez, ela se sentiu em família. Como se sempre tivesse convivido com eles desde sempre. Seus olhos lacrimejavam, mas então ela os secou, e foi sentar-se com os meninos.

- E ai? Sobre o que estão conversando? Hanare puxou uma cadeira e sorriu para eles.

- Estavam os falando sobre missões antigas. - Disse o jounin

- É por falar em missões... Amanhã você precisa voltar comigo, sensei.

- Hai. Ficar não é uma opção. A sra. Tsunade pode me engolir vivo se amanhã cedo eu não estiver em Konoha.

- Sim e, é provável, que ela faça isso mesmo se você chegar amanhã. – Disse o loiro na esperança de deixar o jounin nervoso.

- Pois é... Mas não tenho culpa se o tempo passou rápido. – O prateado olhou para Hanare e sorriu.

- Hanare... você vai com a gente amanhã? - Naruto estava curioso.

- Não creio que eu possa simplesmente chegar lá e me instalar, Naruto. – Disse a Morna, que havia ficado triste ao pensar em separar-se do seu prateado.

Kakashi pegou na mão de Hanare, que estava em cima da mesa. – Eu vou dar um jeito nisso o mais rápido possível. Seu lugar é em Konoha. Afinal, lá é sua casa, não é mesmo ? – O jounin sorriu.

- Hai. A mulher mudou seu semblante instantaneamente.

Naruto deu um bocejo. Estava cansado, pois chegou pela manhã e não descansou.

- Acho que já é hora de irmos dormir. – Hanare levantou-se e retirou a mesa.

- Hai. O jounin foi até a mulher e a abraçou pelas costas, beijando seu rosto.

Naruto com certeza não havia percebido aquilo. O loiro estava de costas.

- Comporte-se. A morena foi e tentou de soltar, mas não conseguiu, e também não queria sair dos braços do seu prateado.

Naruto levantou, e virou-se para eles. Que se separaram como se nada tivesse acontecido. – Bom... acho que vou indo.

- O Quê? Pra onde você vai? – Perguntou a mulher.

- Vou lá embaixo. Pedir um quarto.

- Claro que não. Provavelmente não tem ninguém lá, já é quase madrugada. Você pode dormir aqui com a gente. É só colocar uns lençóis e travesseiros no chão. Se você não se importar, claro.

- Ah, eu gostaria. Assim não gasto dinheiro para passar menos de uma noite. Mas tudo bem para vocês? Imagino que queiram ficar a sós. – O loiro lançou um olhar malicioso para o sensei.

- Na-não. Você pode dormir aqui, Naruto. – O jounin estava com suas bochechas cotadas.

- Certo. Vou preparar tudo, então. – Hanare saiu.

A morena foi até o quarto, e colocou vários lençóis no chão, ao lado da cama, para que não ficasse tão desconfortável. Pegou também dois travesseiros, deixando apenas um em sua cama.

O casal estava no quarto. Naruto acabara de sair do banheiro. – O chuveiro daqui é uma delícia, disse o menino.

- Sim. Até mesmo para você que não gosta de tomar banho, não é Naruto?

- Não banque o engraçadinho, Kakashi-sensei. – Falou o garoto, apontando para o prateado.

O casal riu.

- Ei. – Disse Naruto, comparando as duas “camas”. – Vocês só tem um travesseiro, eu tenho dois. – o menino pegou um dos que estavam em sua cama. – Tomem. Preciso apenas de um, e vocês são dois.

- Não, não. Fiquei com ele. – Hanare fez um sinal negativo com a cabeça. – Você está no chão. Me sinto mal por isso. E além do mais, tenho um travesseiro especial. – Hanare olhou para Kakashi, que o retribuiu juntamente com um sorriso malicioso.

- Ah, cara... me poupem dos detalhes, por favor. – Naruto de deitou na cama que Hanare havia feito.

O prateado apagou a luz, e deitou-se. Logo em seguida, a morena lhe deu um beijo, e deitou com a cabeça sobre seu peito. - Boa Noite

    - Boa noite – Disseram eles.


Notas Finais


Genteeee! Esse casal é minha vida. Serião. E com o Naruto ai... Acho que Hanare gostou de se sentir em família.
:')

Ahhh! Comentem aqui o que acharam do Naruto aqui, e do capítulo.

Vejo vocês amanhã! Beijos :33


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...