História Katharina's - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Brasileira, Mitologia Egípcia, Mitologia Grega, Mitologia Nórdica, Mitologia Romena
Personagens Personagens Originais
Tags Deuses, Luta, Panteões, Vingança
Exibições 7
Palavras 512
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Seinen, Super Power, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Oii! Boa leitura!

Capítulo 11 - Cap 11- Olha a garrafada!


O sapa bonde, vulgo Anis, Ivan, Mellyssa e Katharina, chegou no palácio egípcio e foram para seus quartos, pois já era tarde e tinham os dias pela frente... Já era 02:00 Am da madrugada e Katharina estava perambulando pelo palácio.

Katharina foi para o "escritório" de Toph, o deus do conhecimento, e encontrou arquivos sobre como ir o Olímpo.

K- Teleporte! 

Katharina pega os papéis que explicavam que era só acertar a frequência certa para abrir um selo de teletransporte e ir ao Olímpo. Saindo de lá Katharina vai para a sala de "riquezas" do palácio. 

K- Meu Deus...

Katharina encontra seu antigo colar de jaspe que foi um presente de uma antiga amiga, a platinada retira seu colar da caixa de vidro o pingente com uma pequena pedra de jaspe de 5cm por 3cm foi algo nostálgico e Katharina não segurou um sorriso simpático. Saindo da sala Katharina foi a cozinha do palácio e com sua visão noturna viu a silhueta de Anis e Mellyssa assaltando a cozinha e decidil assusta-las.

Mellyssa pov : 

M- Anis... Você sabe pra onde fica a geladeira?

A- Você tem medo do escuro? Essa é nova... 

M- É que... Eu não sou a melhor fã desse tipo de ambiente.

Anis e Mellyssa viram um barulho de metal arrastado e seus pelos arrepiaram na hora.

M- A-Anis...

A- Mellyssa para.

Katharina deu sua risada maléfica e as meninas não reconheceram de quem era e ficaram ainda mais amedrontadas.

A- Mellyssa, pega a garrafa e eu pego a frigideira.

Elas pegam as "armas" improvisadas ficando a postos.

M- Meu Deus, eu sou muito nova para morrer... 

A- Para de drama, Mellyssa! Katharina pega com força o braço esquerdo de Mellyssa que grita e mete a garrafa de vidro na cabeça da folha de A4.

K- A-ai, Mellyssa... O que eu te fiz?!

Anis acende a luz da cozinha e depara-se com Katharina apoiada no balcão de metal com a mão direita na cabeça sangrando cheia de cacos de vidro e Mellyssa com a garrafa quebrada na mão direita.

A- Ai meu Rá, Mellyssa! O quê você fez?! 

K- Ela meteu a garrafa na minha cabeça... A-ai...

M- Foi culpa dela que chegou na surdina. 

A- E você deu uma garrafada na outra?

K- Tá vendo o sangue não, cacete?!

Katharina passa a mão no cabelo retirando os cacos de vidro e regenerando os cortes. 

K- Porra... Você é uma irmã maravilhosa, hein?! - irônica - 

M- Você também! 

I- Que gritaria da porta é essa?! 

Ivan aparece na porta com a maior cara de sono que uma pessoa pode ter. 

A- A Mellyssa deu uma garrafada na cabeça da Gaspazinha.

I- Meu santo Rá! Sapatão, você tá bem?!

Ivan correu para abraçar Katharina que ainda estava escorada no balcão com a mão no cabelo.

K- Eu sou hétero, viado! Você que é gay!

A- Miga, eu vi seu Tumblr e fique sabendo que não é nem um pouco hétero.

K- Se fode, eu sou gay mesmo.

M- Okay, né... 

Katharina recomponhe da garrafada e todo mundo foi assaltar a cozinha.

[...]

O dia amanheceu e o calor do inferno já pairava no Egito e a bagunça do sapa bonde estava na ativa.






Notas Finais


Gente, eu não aguentei... Eu tive que colocar a garrafa... Enfim, acredito que eu volte mais tarde e bjos de luz!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...