História Kesta: Ainda Podemos Ser Felizes! - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Christian Figueiredo, Gustavo Stockler (Nomegusta), Kéfera Buchmann, Lucas "Luba" Feuerschütte, Natalia "Nah" Cardoso
Personagens Gustavo Stockler, Kéfera Buchmann
Tags Kesta
Visualizações 241
Palavras 701
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Festa, Romance e Novela, Saga
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hot seus safadinhos!
Aviso se vc não gosta não leia!

ANOITE TEM MAIS UM CAPITULO AS 19:00H OU 19:30...

BOA LEITURA.

Capítulo 11 - Eu te Amo!!!


Fanfic / Fanfiction Kesta: Ainda Podemos Ser Felizes! - Capítulo 11 - Eu te Amo!!!

..............fecho a porta do seu apartamento e praticamente voo em cima do mesmo, começamos a nos beijar intensamente, sinceramente, eu estava morrendo de saudade do gosto dele.

 

*NARRADORA*

 

Ainda entre beijos, Gustavo encosta a Kéfera na parede, perto da porta, e continuam se beijando intensamente, a mesma pula em seu colo, entrelaçando as pernas em sua cintura, eles param o beijo por falta de ar, o Gustavo desce ate o pescoço de Kéfera, e começa a dar beijos e pequenas mordidas, fazendo a mesma dar um leve gemido, a fazendo segurar com força em seu cabelo, ela puxa a cabeça do Gusta novamente para um beijo:

 

Kéh: - Como eu estava com saudades disso - desço de seu colo, e o mesmo me direciona até o seu quarto ( ainda entre beijos ).

 

Guh: - Eu também - disse nos levando em direção ao quarto.

 

*POV GUSTA*

 

Chegando no quarto, deito a kéh aos poucos sobre a cama, logo em seguida fico por cima da mesma, colo nossas testas, a mesma coloca sua mão com delicadeza em meu rosto:

 

Guh: - Eu te amo tanto - a mesma sorri e me dá um selinho.

 

Kéh: - E eu muito mais - olho para dento de seus olhos e percebo o quanto eles brilhavam.

 

*POV KÉH*

 

Com o Guh ainda por cima de mim, começo a subir a camiseta do mesmo até retira-la, e jogar a mesma em algum canto do quarto. Inverto as posições, agr ficando por cima do mesmo começo a beija-lo novamente, ainda entre beijos passo minha mão em seu peitoral descendo até a borda de sua bermuda, coloco minha mão por dentro de sua cueca e aperto seu membro, o mesmo solta um gemido abafado, o Guh pega na beira de minha blusa na intensão de tira-la, tiro minha mão de dentro de sua bermuda, e o mesmo retira a blusa de meu corpo, eu aproveito e tiro sua bermuda deixado ele apenas de cueca, ele inverte as posições ficando por cima de mim.

 

*NARRADORA*

 

Ainda por cima da Kéfera, Gustavo começa a beijar o pescoço da mesma, e desce sua mão até as costas dela, retirando o seu sutiã, após retirar e jogar o mesmo em algum canto, Gustavo começa a massagear o seio esquerdo da mesma, enquanto descia seus beijos até o seu outro mamilo, o mesmo abocanha e começa a chupa-lo, a Kéfera começa a dar leves gemidos de prazer.

 

Kéh: - Gus...t-ta...voo!!! - digo com dificuldade.

 

Ele para de chupar seu seio, e faz uma trilha de beijos até a virilha da mesma, Gusta começa a passar suas mãos em suas coxas, as apertando, até chegar em sua calcinha, ele retira a mesma lentamente, após retirada, da um beijo em sua intimidade fazendo a mesma se contorcer de desejo, o mesmo começa a lamber seu clitóris e seus pequenos lábios, logo em seguida ele penetra sua língua na vagina da mesma a fazendo gemer muito alto e puxar os lençois de cama que se encontrava ali.

 

Kéh: - A-aa-a... isso a..amo-r... - digo com muita dificuldade.

 

A mesma goza, o Gusta sobe novamente para cima, a beijando ferozmente.

 

Kéh: - Preciso de vc - falo ofegante.

 

Guh: - Em que vc precisa de mim - falo em seu ouvido fazendo a mesma se arrepiar.

 

Kéh: - Em tudo...

 

*POV GUSTA*

 

Vou até a comoda que se encontrava perto da cama, e pego uma camisinha, coloco-a em meu pênis, e penetro na mesma, começo de vagar mais fui aumentando a intensidade conforme o nosso nível prazer, chegamos ao nosso ápice juntos, deitamos um ao lado do outro.

 

Kéh: - Como eu estava com saudades de nossos corpos conectados... - falo ofegante.

 

Guh: - Eu também estava - viro de frente para a mesma e lhe dou um selinho - Te Amo tanto Neguinha - falo tirando uma mecha de cabelo de seu rosto, dormimos de conchinha.

 

~NO DIA SEGUINTE~

 

*POV KÉH*

 

Acordo com um sorriso no rosto, olho para o lado e vejo que o Guh ainda estava dormindo, pego meu celular para ver as horas e me deparo com varias ligações da Dani ( minha assessora ), retorno suas chamadas:

 

*LIGAÇÃO ON*

 

......................................................

 

 

 

CONTINUA..............


Notas Finais


Obrigada por lê! Não esquece que anoite tem mais. =D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...