História Kesta- Um Ano Inesquecivel - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gustavo Stockler (Nomegusta)
Tags Bruna Louise, Gustavo Stockler, Kéfera Buchmann, Kesta
Exibições 109
Palavras 666
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OI OI Gentee
Voltei com mais um cap :)
Espero que gostem
Bjs

Capítulo 11 - O Que É Isso?


Gustavo on 


Gerente-A Sra. Nathália disse que o senhor viria hoje!

Pensamento on

A Nathália só deve estar delirando. Ainda não acredito que eu namorei com uma 
psicopata por quase um ano

Pensamento off

Gu-Ela disse!? Por um acaso ela reservou algum quarto?

Gerente-Sim, o 256. Aqui a chave, tenha um bom dia Sr.!

Peguei a chave e agradeci o gerente do local.
Bruna e eu subimos até o quarto, assim que abrimos a cama estava cheia de pétalas de rosas vermelhas, assim como na nossa primeira vez. Fiquei assustado, não vou mentir, ela estava muito loca.

Bruna-Gustavo! Ali no chão!

Ando até uma caixinha pequena que tinha no lado esquerdo da cama.
Abro a caixa e me deparo com um pingente "5"

Gu-Ké!

Leio o bilhete que esta junto ao pingente.
"Me encontre aqui! Nesse endereço Rua**** N°***. Até logo amor!"

Nathália on
 

Eu sei que o Gusta é relativamente inteligente, uma hora ou outra ele vai pegar a charada. Quem sabe com a ajuda da Bruna.
Sim eu estava vigiando eles dois, além do mais, quem comprou a guitarra e os braceletes fui eu mesma, lógico que outra pessoa foi pegar no meu lugar, mais o dinheiro foi meu, a propósito até que os braceletes não são feios, quem sabe eu até use em um evento importante da alta sociedade, e a guitarra legal, ela é bonita e está bem afinada, mesmo não sabendo tocar, quem sabe eu não possa fazer outra coisa?
 

Bruna on
 

Ótimo minha melhor amiga foi sequestrada por uma maluca e psicopata.
 

Gu-Temos que ir!
 

Bruna- Espera!
 

Gu- Oque foi Bruna?
 

Bruna- Olha isso!
 

Vejo um líquido vermelho em uma tigela no outro lado do quarto.
 

Gu- Oque é isso? É sangue?
 

Meu Deus essa Nathália está muito louca!
 

Kéfera on
 

A Nathália realmente mudou, e muito mais do que eu imaginava, ela me cortou e fundo, ao ponto de ter que chamar um paramédico para dar pontos no meu braço. Sim! Você leu direito PARAMÉDICOS, ela tinha organizado tudo nos mínimos detalhes.
Fiquei um pouco tonta por causa da falta de sangue e também pela quantidade de pontos que tive que levar, 6 para ser mais exata.
 

Paramédico- Sra. Você precisa descansar um pouco!
 

Ké- Descansar? Eu estou sendo mantida em cativeiro e você quer que eu descanse? Por um acaso sabe o estresse que eu estou passando?
 

Meu rosto estava novamente em lágrimas.
 

Paramédico- sinto muito pelo que está passando mais eu não posso fazer nada!

Ké- E porque não? Quanto ela te pagou?

Paramédico- Ela não me pagou nada, ela também sequestrou minha filha de 5 anos e disse que se eu não ajuda-la minha princesa sofrerá todo tipo de conseqüência possível!

Vejo uma lágrima solidária descendo pelo rosto do homem ao meu lado.

Ké- Como ela se chama?

Paramédico- Ana, minha filha se chama Ana

Ké- E o senhor? 

Paramédico- Rodrigo.

Ké- Me chamo Kéfera, Kéfera Buchmann!

Uma porta se abre e a luz do sol parecia que iria me cegar.

Nathália- Ainda está aqui? Vamos se retire!

Fala gesticulando com as mãos e olhando para o Rodrigo. Ele assim fez, mais antes de passar pela porta se vira e olha no fundo dos meus olhos, pude ver o sofrimento em seu olhar, tanto por não poder me ajudar, porém mais ainda por estar longe da sua filha.

Nathália- Sabe o seu ex? É o Lucas ou 
Pedro, não me lembro o nome dele agora?

Ké- Sei. O que tem ele?

Nathália- Engraçado você me perguntar dele. Mais ele sabe exatamente onde você está, calma está não, onde você vai agora.

Ké- Oque? Ele está envolvido nisso também? 

Meu sonho não era fatalmente um sonho, Pedro realmente esta envolvido nisso também!

Nathália- Quem você acha que teve a ideia de tirar o seu sangue e mandar de recado pro "Gu"?

Fico chocada com aquilo que acabei de ouvir, o Pedro que teve a ideia de tirar o meu sangue? E ainda por cima mandar pro Gustavo?


Notas Finais


Quem tá com vontade de matar a Nathália?
E o Pedro? Oque vai acontecer com a Ké?
E a coitada da Ana :(?
Só Quarta
Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...