História Kiddo, love yourself (UnderTale) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Chara, Frisk, Sans, Undertale
Exibições 23
Palavras 674
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, FemmeSlash, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


EU VOLTEEEI
Com mais um pouco de Frans e Charisk pra vocês
Aproveitem o cap!

Capítulo 2 - Ciúme infantil


Anteriormente em "Kiddo, love yourself":

- Frisk, quer vir na minha casa hoje?

- Não dá, Toriel fica preocupada quando eu fico fora muito tempo. Tchau, Sans! - E me deu um beijo na bochecha. Depois eu me despedi e teleportei pra casa:

- Paaaai - Me joguei nele, quase chorando

- O que foi, Sans? - Perguntou ele, preocupado comigo

- Pai, eu acho que eu tô apaixonado por uma humana...

Agora

POV Sans

Eu nem consegui dormir direito... Cheguei na escola hoje com a olheira maior do que eu já tenho e ainda dormi no meio da aula, mas dormir eu faço sempre, então não faz muita diferença... Quando a Frisk veio me perguntar porque eu estava afastado de todo mundo, eu nem respondi. Depois que ela veio me perguntar de novo eu tive que responder:

- Desculpa, Frisk. Eu fui dormir tarde e agora eu tô MORRENDO de sono...

- Mas, por que você foi dormir tarde?

Eu fiquei ali parado uns 5 minutos pensando em uma resposta. Aí que me veio a ideia:

- Eu... Tava estudando.

- Mas você não gosta de estudar... Sansy, o que tá acontecendo? - Ela falou enquanto sentava do meu lado no banco

- Acredita em mim, Frisk

- Eu sei quando você tá mentindo. Confia em mim, eu não falo pra ninguém...

- PARA! EU TAVA ESTUDANDO, NÃO PODIA?! - Gritei enquanto jogava ela na neve com a telecinesia

- S-Sans...? - Falou com voz de choro

- Frisk? Desculpa! - Ajudei ela a levantar , avisei a professora Alphys que ia sair e teleportei eu e a Frisk para a minha casa

- S-Sans, por que você não me levou para a minha casa? A Toriel iria me cuidar...

- Eu não saberia explicar pra ela que eu te joguei na neve de raiva - Abracei ela e fui pedir para o meu pai tentar ajudar ela.

Ele e o Papyrus dormindo. Olha que maravilha. Eu tive que cuidar daquilo sozinho. Aí eu tive que levar ela pra casa dela. Quando cheguei lá:

- Frisk? O que aconteceu? - Perguntou Toriel, preocupada com a Frisk

- Eu... Eu fui empurrada por umas crianças que estavam correndo lá no pátio da escola... 

- Eu te ajudo. Vem cá - Falou ela enquanto pegava Frisk no colo e levava até o sofá, enquanto eu ficava com cara de Meu deus do céu, ferrou - Sans, pode vir também...

Eu fui, ela cuidou da Frisk e levou a gente de volta pra escola. É sério, eu me senti muito mal por causa disso. A gente voltou e sentou no banco:

- Sans, você realmente tá preocupado comigo?

- O que é que você acha? Você é a única pessoa que eu gosto de verdade da escola inteira

- Então prova

- Como?

- Assim - Me puxou e me deu um selinho - Quer chocolate quente?

- Ahnnn... Quero... - Falei fazendo cosplay de mirtilo

- Tá bom, vou lá pegar - Falou enquanto ia em direção ao refeitório

Enquanto eu esperava, adivinha quem vinha na minha direção? Chara Dreemurr, mais conhecida como a menina genocida:

- Que foi? Quer me dar medo?

- Sans, eu vi aquilo. Nunca mais chega perto da Frisk...

- Nossa que medo - Levantei uma das sobrancelhas - Você sabe que eu sou 10 vezes mais forte que você, né?

- CALA A BOCA, SANS! - Gritou, não pera, BERROU enquanto colocava a faca real no meu queixo

- Não me desafia, pivete

- Você só é um ano mais velho que eu, Sans. Não vai se achando não

- SANS! - Quando eu olhei pro lado eu vi a Frisk com as canecas de chocolate quente - Chara! O que é que você tá fazendo?

- Eeer... - Ela ficou sem resposta - Eu tava... Brincando de genocida com o Sans

- Sai daqui, Chara - Empurrou ela e me deu a caneca com o coração azul claro:

- Você ainda vai pagar por isso, Sans... Me espere...


Notas Finais


ACABEEEEEI
Olha que emoçaum :v


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...