História Kisses With A Vampire - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Irmãs, Jimin, Sobrenatural, Yoongi
Exibições 46
Palavras 945
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Ex?


Fanfic / Fanfiction Kisses With A Vampire - Capítulo 7 - Ex?



-Com a Sook?- indadigou Jin sério


-Sim- suspiro - Vou na casa da Sook ver se eu acho Yang Mi... Tchau meninos- começei a andar em direção a casa da Sook.


-Espera!-Hoseok fala e eu me viro - Vamos com você.


- Não precisa eu...- Jeon me interrompe


-Nós vamos e ponto final Hee!


-Aigoo... Ok!- começamos a andar apressadamente até a casa da Sook.



Casa da Sook



Bati na porta repetida vezes e ninguém abriu.


-Acho que não tem ninguém aqui.


-Tem, sinto a presença de mais alguém nessa casa - Jimin falou- Se afastem da porta!


Nos afastamos e logo Jimin se jogou contra a porta a abrindo revelando a casa da Sook toda revirada, cacos de vidro retratos espalhados pela casa e alguns corpos ao chão mais nenhum deles era Yang Mi nem Sook.


-Cuidado...- Jimin disse baixo


-Vamos fazer assim, Eu, Namjoon, Taehyung e Hoseok, Jimin e Yoongi e Jungkook e Hee ok?- Jin disse nós assentimos.


-Ok vamos!- nos separamos, eu e Jungkookie subimos para os quartos.


A cada quarto que passávamos tudo estava revirado mais tinha um quarto que estava trancado e não estava sendo nada fácil abri-lo.


-De quem será esse quarto?- Jungkookie disse curioso


-Eu... Acho que é da Sook.


-Provavelmente...- ele me encara- O que iremos fazer?


-Chamar os meninos seria uma boa ideia certo?- ele assentiu e seus olhos ganharam uma cor vermelho sangue me assustando de início- O-oque está fazendo?


-Chamando os meninos -disse e num piscar de olhos os seis garotos já estavam na minha frente me assustando de novo.


-O que foi Jungkook?- Jin perguntou, kookie apontou para a porta.


-Eu e a Hee achamos que esse é o quarto da Sook, mais nem eu nem ela conseguimos abrir.


Jimin se aproximou e chutou a porta com força, mais a mesma não cedeu, todos os meninos tentaram arrombar essa porta mais nenhum conseguiu.


-Jin- Yoongi o chamou- acho que isso só abre com magia.


-Por que eu não pensei nisso antes- Jin disse massageando as têmporas- Se afastem.


Nos se afastamos em uma distância boa e logo Jin fechou os olhos sussurrando palavras em uma língua desconhecida, seus olhos se abriram e eles estavam roxos ele começou a falar mais alto em outra língua e logo a porta se arremessou para longe.


-Como eu suspeitava, só abri com magia- Yoongi disse


-Sim... Façam silêncio- Jimin começou a entrar lentamente no quarto da Sook.


Ele olhava atentamente para cada canto daquele quarto, mais logo um corpo se jogou em cima dele os dois foram ao chão, entramos apressados no quarto encontrando um homem em cima do Jimin, Jungkook se apressou em tirar aquele homem de cima do Jimin que começou a tossir como se estivesse sufocado.


-Você está bem hyung?- Jimin assentiu e passou a mão pelo cabelo, se nos não estivéssemos nessa situação até seria sexy


-S-Sim Jungkook- suspirou e se levantou- Vamos procurar Yang Mi.


Não sei ao certo, mas aquelas palavra me causaram um sentimento desconhecido no peito. Um sentimento incômodo.


Os meninos desceram e começaram a procurar na sala outros em outros quartos, enquanto eu, Jungkookie e Jin procurávamos algumas pistas no quarto sa Sook. Parei para o observar melhor e percebi que no centro do quarto havia um circulo com uma estrela no meio, uma mesinha com cartas de tarô e um círculo de sal grosso e algumas ervas, também tinha um livro grosso e cheio de páginas com a mesma estrela na frente.


-O que a Sook é?- Jin suspirou


-Uma bruxa e... Minha ex- arregalei os olhos, quando ele ia falar algo um barulho vindo da sala nos chamou atenção, e logo descemos.


O John estava lá, seus olhos estavam vermelhos. Igual os do Jimin que o encarava com ódio os olhos sombrios de John se direcionaram a mim e logo o mesmo sorriu.


-Olá Hee, vejo que está mais... Gostosa que antes- Jungkookie gruniu e John gargalhou alto- Acho que, vinheram procurar a putinha da Yang Mi certo?- Jimin quase pulou em cima do mesmo só que Jungkookie o segurou a tempo. E aquele mesmo sentimento desconhecido de antes se fez presente.


-Não fale assim da Yang Mi, seu bastardo! Se não...- Jimin rosnou quando John o interrompeu


-Ah é? Se não o que? Uh?


-Eu irei lhe matar!- John gargalhou alto, mais rápidamente ficou sério.


-Venha, pode vir. Ou vai hesitar covarde! Vai hesitar igual vez com a Kim-Na?- em um piscar de olhos Jimin segurava John pelo pescoço.


-Não fale dela! VOCÊ NÃO TEM O DIREITO DE FALAR SEU NOME!- Agora John estava em cima de Jimin segurando seu pescoço.


-COMO NÃO PARK JIMIM! COMO NÃO, ELA FOI NEU PRIMEIRO AMOR ANTES DE VOCÊ ESTRAGAR TUDO!


-VOCÊ A MATOU! JOHN, A MATOU.


-EU A AJUDEI A SE LIVRAR DE VOCÊ!- Jimin socou o rosto de John com força, John levantou e olhou para Jimin, seus olhos estavam mais escuros, estavam opacos, John começou a se contorcer e sua pele começou a rasgar dando lugar a outra mais escura, ele começou a gritar em outra língua e Jin arregalou os olhos.


-Jungkook, leve Hee daqui! AGORA!- Jungkookie me pegou no colo e começou a correr, nos atrevessavamos carros, motos e árvores. E logo chegamos a casa dos meninos.


Ele me colocou no chão e se jogou no sofá, passando as mãos pelos cabelos e em seguida suspirando.


-Kookie...- ele me olhou- E-Eu vou para casa, obrigado.


Abri a porta, mais Kookie segurou minha mão.


-Você não vai sair daqui Hee- me virei para ele que parecia com raiva.


-Mais Jungkook...- ele me interrompeu.


-Não Sun Hee, você NÃO VAI SAIR DAQUI PORRA!- ele gritou e me assustou, me encolhi ele suspirou e me olhou.


-Hee...- abri a porta e sai correndo, já estava na esquina quando senti uma mão segurando meu pulso- Hee, m-me desculpe, e-eu.


-Kookie, estou me sentindo mau... Quero ir para cas... AH!- senti uma dor forte em minha perna e apaguei.





Notas Finais


Até o próximo cap!


Xau


(≧∇≦)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...