História Know You Love Me Boy So That I Love You - Jikook - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook
Visualizações 202
Palavras 1.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeonghaseyo, tudo bem?
Então, mais um capítulo saindo do forno, espero que gostem ^^
Boa leitura!

Capítulo 11 - Fogo no rabo


Fanfic / Fanfiction Know You Love Me Boy So That I Love You - Jikook - Capítulo 11 - Fogo no rabo

Chegamos no estacionamento do restaurante e, antes que eu pudesse sair do carro, Jungkook colocou a mão em minha coxa e apertou levemente. Olhou no fundo dos meus olhos e falou:

- Se prepara, porque eu já percebi que você está com fogo no rabo. - Disse com um sorriso estranho no rosto e saiu do carro, seguindo os outros que já entravam no restaurante.

Eu fiquei dentro do carro tentando raciocinar um pouco, até que percebi que ele estava se referindo ao que aconteceu mais cedo, pouco antes de a gente sair de casa. Mas cara, fogo no rabo? Não mano, aquilo não era fogo no rabo, mas se é isso que ele quer, é isso que ele vai ter. Saí do carro e liguei o alarme, entrei no restaurante e varri o local com os olhos a procura dos meus amigos e meu namorado, mas não estava os encontrando, então fiquei na ponta dos pés e olhei de novo, até que avistei seis cabeças com cabelos coloridos, um tanto quanto diferentes do resto das pessoas que estavam no restaurante. Fui até a mesa e me sentei ao lado de Jungkook.

Na mesa estávamos sentados em casais, Hoseok e Taehyung estavam á minha frente, Jungkook ao meu lado, Jin e Namjoon estavam em uma das pontas da mesa e Suga na outra.

Chamamos o garçom e Jin começou a fazer nosso pedido:

- Ah, então, primeiro vai ser 7 porções de batata frita, 4 refrigerantes e 3 cervejas. - Ele parou e olhou para nós. - Bom, esse é o meu pedido, agora, o que vocês vão querer? - Perguntou.

Ele tentou manter a expressão séria, mas estava na cara que ele queria rir, então todos nós caímos na gargalhada, até o garçom riu também.

- Tô brincando. - Disse ele para o garçom, enquanto ainda tentava parar de rir.

Então ele fez o pedido (dessa vez falando sério) e o garçom pediu licença e disse que logo traria nosso almoço.

Enquanto esperávamos o moço voltar, Jungkook colocou sua mão em minha perna, esfregando ela ali lentamente, e chegando cada vez mais perto do meu membro. Olhei para ele com uma cara assustada e ele estava olhando tranquilamente para o Namjoon que estava contando alguma coisa sobre uma música que ele estava escrevendo. Logo me lembrei do que ele disse no carro: "Se prepara, porque eu já percebi que você está com fogo no rabo." Então era isso, ele ía me provocar no meio do restaurante e fingir que nada estava acontecendo... Para o azar dele, eu sou bem vingativo, e também gosto de provocar os outros, então, basicamente, meu namorado mexeu com a pessoa errada.

Tirei sua mão da minha coxa e levei a mesma até seu próprio membro, apertei sua mão levemente contra o mesmo e a deixei lá, enquanto voltava minha atenção ao que Namjoon dizia.

- Então, queria compor um rap que mostrasse que agora eu não odeio mais os haters, porque eles dizem nos odiar, mas o engraçado é que eles sabem nossos nomes, eles falam de nós o tempo todo, e isso, na verdade, é bom, porque assim eles nos divulgam. Queria uma música que mostrasse o quanto eu me amo acima de tudo, e que dissesse à eles para irem amar a si mesmos. - Disse Rap Monster.

- Concordo, Namjoonie. - Falou Jin, dando um beijo estalado na bochecha do mesmo, que logo corou levemente.

- Beleza! Eu já pensei nisso uma vez, bora fazer Cypher 4. - Disse J-Hope, todo animado.

- Então eu já tinha pensado em uma parte para a música, é assim: "Jigeum naega naeneun sori bae

Nugungaegen gaesori bae

Kkaneun paeteon jom bakkuji bae

Jiruhaejillakae boring bae

Ijen niga an miwo

Ijen niga an miwo sorry bae"* - Falou Rap Monster.

Todos concordamos que a ideia era genial, e falamos que gostamos dessa parte da letra que já estava pronta. RapMon disse que tinha mais partes prontas também, mas que depois ele nos mostrava, pois o garçom já estava chegando com o nosso pedido.

Jungkook voltou a colocar sua mão em mim, mas dessa vez diretamente em meu membro, o que me fez dar um pequeno pulo porque me assustei, e o que fez, também, com que todos que estavam na mesa olhassem para mim confusos.

- Que que foi, Jimin? - Perguntou V.

- Ãhn... Nada não, é que passou um inseto aqui, aí eu me assustei. - Falei, rindo de nervoso.

Jungkook continuou a massagear meu membro por cima da minha calça e isso já estava me deixando excitado, mas aí surgiu uma ideia em minha cabeça. Peguei meu celular que estava em cima da mesa na minha frente e quando fui desbloqueá-lo, deixei que caísse no chão, fiz o possível para parecer um acidente e para que caísse bem na frente do Jungkook, então me apoiei em sua coxa para abaixar e pegar o celular do chão. Quando fui me levantar, parei bem na hora em que passei pelo membro do meu namorado e dei uma mordida não muito forte em seu pênis, por cima da calça, o que fez com que Kookie soltasse um gemido um pouco alto:

- Jimin-ah. - Gemeu manhoso.

Me sentei antes que todos olhassem para ele, portanto não viram que eu fui o causador do gemido de Jungkook. Sorri satisfeito enquanto começava a comer, e, pela minha visão periférica, pude notar que Jungkook havia corado violentamente. Os meninos ainda estavam olhando para ele, mas logo esqueceram e começaram a comer também. Quando olhei para Jungkook ele estava me fuzilando com os olhos, apenas sorri largamente e pisquei um olho para ele.

Continuei comendo normalmente, até que senti meu celular vibrando em meu bolso, peguei o mesmo e vi que havia recebido uma mensagem de Jungkook. Olhei para ele confuso, ele fez um sinal com a cabeça indicando que era para eu ler a mensagem. Abri o whatsapp e li: "Pq caralhos vc fez isso, porra?"

Ri baixinho e respondi: "Ué, não foi vc que disse que eu tava com fogo no rabo? Então..."

Logo ele me respondeu de novo: "Eu vou te matar, Park Jimin. Você vai pagar caro por isso."

Então mandei assim: "Isso é o que veremos." 


Notas Finais


* "A música que estou fazendo agora, amor
Para alguns pode ser como uma bobeira, amor
Você deveria mudar sua forma de falar mal de mim, amor
Já está começando a ficar entediante, amor
Não odeio mais você
Agora não odeio mais você, desculpa, amor"

E é isso aí. Espero que tenham gostado ❤ Desculpa qualquer erro e até o próximo capítulo \o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...