História Kuroko Tetsuya Uchiha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kuroko no Basuke, Naruto
Personagens Akashi Seijuro, Aomine Daiki, Kagami Taiga, Kise Ryouta, Kuroko Tetsuya, Midorima Shintarou, Momoi Satsuki, Murasakibara Atsushi, Riko Aida
Exibições 43
Palavras 721
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Mistério, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Me desculpem mas aquela outra história tinha muitos erros na escrita.

Capítulo 1 - A tragégia


A Tragégia

`` Um pesadelo ´´

Era isso que ele pensava, não tinha outra explicação.

De fato é traumatizante para qualquer pessoa assistir a morte de qualquer outro individuo. É ainda pior quando a pessoa morta é algum parente seja ele pai, mãe ou avó. E as consequencias podem ser ainda piores quando o espectador é uma criança. E ele sabia disso. Sabia, e por isso, decidiu terminar o trabalho na frente de seu irmão mais novo.

E qual seria esse trabalho?

Assassinar os próprios pais.

Cruel? Frio? Doentio? Sem sombra de duvidas. Mas ele tinha seus motivos. Ou pelo menos era nisso que queria acreditar.

Sabia que era errado, sabia que seu irmão o odiaria depois disso, e sabia que era um caminho sem volta. Mas nada disso importava agora. Ainda observava os corpos sem vida dos seus pais na enorme, sala. Tentava se convencer de que aquilo foi necessário, de que, de alguma forma, tudo acabaria bem. Tentava, a todo custo, se iludir mesmo que minimamente. Precisava daquela esperança. Voltou seu olhar para a criança parada a sua frente, que o encarava completamente apavorada. Sentiu-se mal. Sabia que era objeto da quela fragil criatura, e agora, o mesmo o temia.

-Tetsu, eu...- Não sabia oque dizer. Não tinha oque dizer. Viu o menor se afastar, dando um passo para traz, e sentiu um aperto no coração. Medo. Horror. Repulsa. Era isso que via no olhar do irmão. Depois de pensar um pouco ativou seu Mangekyou Sharingan e fez seu irmão cair num genjutsu e pensar que ele matou o clã inteiro sozinho. E jogou uma faca na direção dele fazendo passar de raspão pelo ombro e rasgar a sua camisa. Saiu de casa passando por seu irmão e indo em direção a porta, mas antes disso seu irmão segurou seu pé, e o olhou e pode ver lagrimas nos olhos de Kuroko. Aquilo partiu seu coração, odiava ver seu irmão chorar, mas tinha que ser forte. Tirou o pé da mão de seu irmão, com facilidade, e passou direto por ele e saiu da casa. Andou pelas ruas de seu clã, percebendo uma pequena figura o seguindo, quase se arrastando, e parou olhou do rabo do olho e viu Tetsu o seguindo. Depois que o olhou Kuroko, perguntou;

-Porque? Porque, eu quero que responda, porque? Vc matou nosso clã, vc matou nossos pais, porque?- Conseguiu perceber a raiva no olhar de seu irmão. Depois de alguns sugundos um silencio, desconfortavel, ele falou;

-Eu te odeio - Se virou e apertou o ombro dele, o mesmo que ele avia fewrido, com uma faca. E apertava cada vez mais forte, vendo a cara do seu otouto, se contorcer cada veis mais de dor. -E SABE POR QUE TE ODEIO?- Gritou enquanto apertava ainda mais forte o ombro do albino, vendo que começou a sair sangue do ombro de seu ''otouto'', parou de apertar e olhou para o rosto de seu irmão, com os olhos já inchados de tanto chorar, e viu o seu irmão balançar a cabeça em forma de negação. Céus, o menino estava com tanto medo e ódio, que nem sequer conseguia chorar.- Não sabe não é? Mas como poderia saber? Afinal é só uma criança.- Pegou a katana que usou para o crime e apontou para o lado, indicando o corpo das pessoas, que estavam jogadas mortas no chão, que por incrivel que por incrivel que pareça, as pessoas para quem ele indicou com a katana eram um casal de velinhos, que Kuroku chamava de avós.-Vê isso Tetsuya?Considere-se o culpado por isso? Se vc não tivesse nascido nada disso aconteceria. Você... Se não fosse por você... Se eu fiz isso Tetsuya foi por sua calsa e de ninguém mais.E é por isso que vou deixar vc viver...-Deu uma pausa se virou e andou mais um pouco e paro a quatro passos do seu irmão e falou.- Fuga, corra e se esconda cuide desta vida miseravel e a viva. Viva com ódio no coração... E só quando tiver os mesmos olhos que eu me procure. E mais uma coisa, só quando vc ganhar de mim no basquete vamos lutar de verdade.- Logo depois que falou isso, virou seu rosto e mostrou seu Sharingan com três tomões, depois disso ouviram as sirenes e seu irmão saiu correndo.Logo depois, Kuroko desmaia.


Notas Finais


vou postar todo final de semana


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...