História Laços - Capítulo 7


Escrita por: ~ e ~KrissyKira

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Demonios, Magia, Mentiras, Morte, União Eterna
Visualizações 17
Palavras 1.166
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


saky: oi oi oi, estou eu aqui na maior cara de pau, depois de quase um seculo depois, eu e estou de volta meu lindos. agora vou explicar uma coisa: a alicy digamos assim que ela estar de ferias. então eu vou fica postando e escrevendo, então voces meus fofos coelhos, vão ter que me aturar fazendo discuso de politico e eu acho que posso posta sempre nos fins de semana, bem o capitulo hoje vai ser narrado pelo Andrew e pela Pri, já que eles não estão aparecendo muito decidi fazer um especialmente para eles e vou logo a visando: TEM HEINTA NO MEIO MEUS QUERIDOS!!!!!! sim vou usa vocês de cobaias para saber se meu hentais são bons, ok? mas chega de lenga lenga e vamos começa essa bagaça. Mas o hentai só vai ter no proximo capitulo porque vou fazer 2 partes. então e isso boa leitura.

Capítulo 7 - Eu te amo tanto parte 1.


12 de junho de 2016( Sexta-feira)

 

8:00 AM

 

Priscilla on

 

_ Vamos Laura, estamos atrasadas.- Grito já impaciente com a demora dela.

 

_ Eu já estou indo, estou só pegando meu trabalho.- Grita de volta.- Pronto, vamos.- diz andando até a porta e a sigo.- Mas cade a teme?- Pergunta reparando que a Du não estava.

 

_ Ela tinha um trabalho para entrega, então foi na frente.- falo enquanto fecho a porta.

 

_ Ahhh.- Diz e vamos até o elevador e entramos nele, aperto no botão que levava ate a portaria. Quando chegamos lá vemos o seu Francisco lendo um jornal enquanto come pão de queijo, seu Francisco é o porteiro do nosso aparamento, um senhor de 65 anos, meio gordinho, tem cara de coreano e vive com uma boina, ele é bem legal, sempre alegre e arrebenta nos jogos eletronicos, ele derrotou o Andrew e o Gabriel em uma partida de videogames, o meu namorado ficou arrasado por te perdido para um senhor de 65 anos coreano.

 

_ Bom dia seu Francisco.- Falamos eu e Laura juntas.

 

_ Oh, bom dia meninas, como vão? aceitam um pãozinho?- Fala o senhor oferecendo um pãozinho .

 

_ Eu quer...

 

_ Muito obrigada seu Francisco, mas já estamos atrasadas, então deixa para depois, tchau seu Francisco.- Falo puxando Laura para fora do predio. Andamos quase em total silencio, já que o estomago da Laura não parava de roncar. Quando chegamos na faculdade, cada uma foi para suas salas e quase que por muito pouco o meu professor não me deixa entra, depois disso as aulas correram normalmente. O sinal do intervalo toca e eu recolho meu material e vou até a cantina. Mas quando estou saindo da sala sou puxada pelo braço e sinto alguém me beija e quando meu lábios tocam o da pessoa sei quem é, então correspondo, nossas linguás travam uma batalha, minhas mãos estavam em seus cabelos loiros e as dele em minha cintura.o Beijo estava esquentando ele leva a boca até o meu pescoço e da varias mordidinha e eu dou leves gemidos. Uma de suas mão desce até minha bunda e a aperta, eu arfo e sinto os pelos de meu corpo se arrepiarem, eu coloco minhas mãos por de baixo de sua camisa e arranho seu peito e isso parece ter deixado ele exitado, pois o amigo dele acordou. Mas eu me lembro que estamos em uma faculdade e me a fasto dele cortando o clima .

 

_ Me deixar de pau duro no meio da faculdade era seu presente de dia dos namorados? Pois se for, eu não gostei.- Diz Andrew fazendo bico. 

_ esse não era o meu presente de dia dos namorados meu amor. E desculpa por ter te deixado de pau duro,  mas aqui não é o lugar certo para nós nos pegarmos.

_ E onde seria o local certo?- Pergunta com uma  sombrancelha arqueada.

_ No seu quarto.- Falo com um sorriso malicioso.

_ Eu sei, lá é perfeito para brincamos a vontade.- Fala meio convencido.- Mas eu não vim fala o quanto meu quarto é ótimo para transa.- fala e eu fico curiosa.

_ Então o que é?

 

_ Bem, eu tenho uma surpresa para você.- Fala e minha curiosidade só aumenta.

_ Me diz o que é.- Falo e ele sorri de canto.

_ Se eu disse não vai ser surpresa, flor, vai ter que espera até as 19:00.- Fala e eu faço bico.

_ Esta bem seu chato. - Falo  a caminhado  até a cantina. quando entramos no local vamos diretamente para fila, que não tinha muita gente , quando chega a nossa vez eu pego um suco de limão e uma torta de morangos e o Andrew uma coca e uma fatia de bolo de cenoura, pagamos e Vamos até a mesa que o Diego, a Du, o Gabriel e a Charlie estavam.

_ Cade a Laura?- Pergunto assim que chego na mesa me sentando ao lado do Andrew, reparando que ela não estava ali.

_ Não sabemos, ela sumiu. o Gabriel já procurou por ela pela faculdade e a gente perguntou para os outros amigos dela se a viu, mas eles falaram que também não a viram.- Fala Eduarda dando uma mordida na pizza.

_ Vocês já foram na biblioteca?- Falo.

_ Eu pensei nisso, mas ela não estava lá.- Fala Gabriel.

_ Então onde ela se enfiou?- Pergunta Andrew se sentando.

_ Nã... olha ela ali.- Falo e o pessoal olha para onde eu estava apontando. Laura estava com um garoto, que para mim era bem familiar, que ria com ela de algo. Eles andavam até a nossa mesa.

_ Galera olha quem voltou.- Fala Laura assim que chega a mesa, ela sorria muito.

_ Ãh? quem voltou?- Pergunto olhando para ela e depois para o rapaz ao seu lado.

_ Não acredito que não me reconhece Queen.- Fala o garoto fingindo estar magoado.

_ Pera, Miguel?- Pergunto e ele maneia a cabeça positivamente.- Meu Deus garoto, você mudou, esta mais alto e  mais  gostoso.- Falo e o Andrew fecha a cara.- Calma meu amor, eu sou só sua.- Falo e ele desfaz a carranca.

_ Realmente você é só minha. E Miguel o que te trás de volta a BH?

_ Motivos pessoais.- Fala levemente corado.- Bem, Laura eu já vou, tenho que fala com um colega, nos vemos mais tarde.- Fala o rapaz que se despede beijando a testa da garota e depois se vira e começa a caminha, mas antes disso manda um olhar frio para a Du que devolve o olhar.

_ Vocês sabem que dia e hoje?- Pergunta Laura .

_ 12 de junho .- Pronuncia-se Eduarda.

_ EEEBBBAA.- Exclama feliz como se tivessem dito para ela que ia ganha um milhão de reais.

_ Para que toda essa animação Laura? pelo que eu lembre você não tem namorado.- Fala Diego com deboche.

_ Posso não ter baby, mas ainda sou feliz, não preciso de ninguém para isso, pois até o vento me faz ri.- Rebate.- E estou animada porque, vou fica só no apartamento, já que a Pri vai sair com o Andrew e a Du vai disputa um campeonato de LOL e com elas fora posso assistir meu filmes romanticos e chorar em paz sem elas me chamarem de fresca.- Diz fazendo uma dancinha esquisita. Quando o sinal toca cada um vai para sua sala. Mas antes que eu fosse o Andrew segura minha mão.

 

_ Boa prova flor.- Fala e beija a minha testa e me solta.

 

_ Obrigada.- Falo e vou para minha sala. Quando chego lá o professor me entrega a prova e me sento em meu lugar. Quando termino entrego para o professor e ele me liberou . Enquanto ando pela universidade vejo uma cabeleira ruiva bem familiar.

_ TIAGO.- Grito indo abraça o garoto que ao me ver abre um sorriso. Quando estava andando até o ruivo, eu tropeço em uma pedra e caio em cima dele. 

continua...


Notas Finais


ta ai. não escrevi um capitulo todo pq só tive ideia até ai, mas juro para você que amanha sai a segunda parte e o que acharam da pegação do corredor?. era só isso tchau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...