História Laços de Sangue - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi
Tags Amizade, Amor, Drama, Naruhina, Saino, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 355
Palavras 3.848
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente voltei
Boa Leitura ^^

Capítulo 25 - Seu filho é o Sasuke!


Fanfic / Fanfiction Laços de Sangue - Capítulo 25 - Seu filho é o Sasuke!

 

| Sakura POV ON |

 Já tinha se passado três dias deis de que encontrei minha mãe, foram três dias crucias para mim, em um eu passei o dia todo pensando em como minha mãe interferiu diretamente ou até mesmo indiretamente na vida de Sasuke, pensei em tudo que Mikoto falou, mesmo que não quisesse pensar não conseguia evitar já que as palavras dela iam e vinham a todo momento na minha mente.

No segundo dia, pensei em como o Sasuke estava sofrendo com toda essa história, eu sabia o quanto ele odiava amanha mãe, me lembrava de como ele enchia a boca para dizer que odiava sua madrasta, me sentia sem rumo, como poderia lidar com isso agora, na verdade me preocupava mais em como não magoar ambos os lados.

E por fim no terceiro dia, eu me lembrei de como eu desejei encontrar ela, de como eu queria abraça-la, afinal minha jornada teve início à partir desse desejo da vontade de busca-la, se não tivesse vindo, não teria há encontrado ou conhecido Sasuke ou as meninas não teria feito amizades tão importantes. Entendi o lado dela, ela não armou isso não planejou se envolver com Fugaku. Então era certo achar que Mikoto estava equivocada quando dizia que a minha mãe havia acabado com a vida do Sasuke não é?

__ Sakura, filha! Ei Sakura.

__ Em?!

__ Sua comida vai esfriar se não comer!  — Olhei em volta e para meu prato, sai do transe que estava, perdida em tantos pensamentos e voltei a prestar atenção no que estava fazendo, estava almoçando com minha mãe, ela me convidou e claro aceitei imediatamente, assim que sai do colégios fui para casa do pai de Sasuke encontra-la, não fiquei para acompanhar Sasuke no treino avisei para ele onde estava não queria preocupá-lo.

__ Mãe.... Você estava mesmo me procurando não é!

__ Claro que sim meu bem. Tudo que eu mais queria era encontrar você, e graças a Deus isso aconteceu. Mas agora quero que me conte como está indo seu namoro com o Sasuke.

 Sorri minimamente quando há ouvir perguntar sobre isso, eu sempre ansiei por um momento assim em que eu sentaria com ela e contraria sobre meus problemas, sobre minhas paixões ou decepções.

__ Vai bem. Amo muito o Sasuke e sei que ele me ama. Me ama de verdade. — Respondi lembrando da nossa primeira noite.

__ Sakura você está ficando muito corada. Quer me contar algo. — A encarei e ela estava sorrindo era como se ela suspeita-se o que eu estava pensando fiquei ainda mais sem graça, mudei de assunto e continuamos almoçando Fugaku e Itachi chegaram pouco, estava me sentindo em família, faltava apenas Sasuke ali, e ai minha felicidade estaria completa. Mas sei que poderia pedir a ele para partilhar desse momento comigo, pelo menos não agora. Fui até o quarto que era de Sasuke, Mebuki disse que eu poderia descansar aqui, Sasuke não iria se incomodar.

__ Tão sério! — Sorri olhando uma foto de Sasuke que tinha ali, seu quarto era tão sério quanto sua expressão na foto, me deitei na cama, não estava cansada mas me deitei assim mesmo, ouvi baterem na porta. __ Pode entrar! — Gritei sem me levantar, era Itachi o mesmo sorriu ao me ver deitada.

__ Devia ter dito que estava descaçando. Não teria incomodado. — Disse Itachi gentilmente me encarando.

__ Eu só me deitei, aconteceu alguma coisa? — Preguntei preocupada, afinal seu olhos pareciam oscilar entre uma falsa alegria e uma real tristeza.

__ Estou com problemas pessoais. — Suspirei, Itachi era uma boa pessoa, soube por Sasuke que ele estava procurando minha mãe para mim, ele realmente era uma boa pessoa se preocupava comigo. Puxei ele pelo braço o fazendo sentar na cama queria e ia ajuda-lo.

__ Me diz o que está acontecendo eu vou ajudar você.

__ Estou apaixonado.

__ Huuum isso é bom!  — Itachi sorriu também abaixando a cabeça então disse baixo.

__ É maravilhoso, mas há um problema.

__Qual?  — Indaguei o fazendo olhar para mim, quando apoiei minha mão em seu ombro.

__ Ela, é comprometida! — A tristeza que expressou ao dizer isso me deixou angustiada, o sofrimento que via era angustiante.

__ Itachi eu nem sei como...

__ Ela me conquistou aos poucos, não tenho a intenção de atrapalhar o namoro dela, já mais faria isso com ninguém, mas se ela olha-se para mim, queria poder olhar nos olhos dela e dizer sem medo, que estou apaixonado.

__ Então vai Itachi, levanta agora dessa cama é vá até ela e diga que a ama, abrace-a bem forte e diga tudo que sente há ela.  — Encorajei Itachi, não sei ao certo se minhas palavras era um bom concelho, mas seu sentimento pareciam tão sinceros queria ver ele sorrir, e o sorriso dele não tardou a chegar me olhou confiante e alegre e disse.

__ Mesmo que eu morra de vontade de fazer isso, eu não vou fazer, eu sei que ela está feliz com quem está e isso é ótimo.

 Itachi me agradeceu pelo concelho e me deu um abraço apertado, saiu no segundo seguinte do quarto, me senti estranha talvez triste por ele, voltei minha atenção para o quarto de Sasuke havia alguns papeis na escrivaria, curiosa os olhei, eram todas cartas de Itachi ambas de anos diferentes mas todas da mesma data uma delas dizia em seu verso “Parabéns irmãozinho” Foi ai que descobri que o aniversário de Sasuke estava cegando.

__ É daqui duas semanas.

| Sakura Off |

 | Ginásio|            

__ Mas que cara é essa Sasuke!

__ A cara de quem não está afim de conversar! — Resmungou o moreno para Naruto.

__ Todo esse bom humor é porque a Sakura não veio no treino.

__ Ela está lá agora com aquela ....

__ Olhe o que vai dizer Sasuke, tudo bem que você odeia sua madrasta, mas ela é a mãe da sua namorada.

__ Ela está roubando a Sakura de mim. Maldita hora que a Sakura foi encontrá-la.

__ Sasuke não ... ei Sasuke olhando bem agora aquela que está assistindo ao treino não é a sua mãe?  — Questionou Naruto para o amigo que ao olhar constatou que era sim sua mãe.

__ Mas o que ela está fazendo aqui!

__ Pensando bem, ontem ela estava aqui também podia jurar que tinha visto ela ontem também. — Lembrou o loiro            

 Mikoto notou que Sasuke tinha a percebido na arquibancada e então saiu, Sasuke fora atrás irritado queria entender o que ela estava fazendo ali, queria entender o que ela pretendia com tudo isso.

__ Mãe! — Gritou a fazendo parar.

__ Oi meu filho!

__ O que está fazendo aqui?

__ Estava apenas vendo o seu treino, meu filho você é muito talentoso meus parabéns.

__ Porque está bancando a boa mãe!

__ Eu não estou bancando nada, apenas queria me aproximar de você sinto sua falta quando eu vi a maldita da Mebuki coma sua namorada juntas e feliz rindo como se não ouve-se mais ninguém na vida delas eu me perguntei, porque eu não posso tentar sorrir assim com o meu filho também.

__ Hahahahaha! — Gargalhou Sasuke com um tom acentuado de ironia.

__Sasuke que tipo de atitude é essa.

__Você acha mesmo que eu vou acreditar que você está arrependida, que agora quer ter um laço comigo!

 Mikoto encarou Sasuke absorvendo todas palavras duras, deixou uma lagrima escorrer em sua face, a limpou um pouco tremula, Sasuke não era do tipo que se incomodava com choros alheios afinal já vira tantos das garotas que corriam para se declara para si que de certa forma se tornou “imunes a eles” mas ver sua mãe chorar mexeu consigo. Sentiu o mesmo incomodo no peito de quando viu Sakura chorar pela primeira vez.

__ Tenha uma boa tarde meu filho.

 Mikoto deu as costas para Sasuke e saiu apresada, estava tentando controlar suas lagrimas mas não estava conseguindo, avistou o carro de Madara o mesmo a esperava do lado de fora.

__ O que foi Mikoto?  — Perguntou preocupado, a mesma o abraçou enquanto chorava dizia.

__ Sasuke nunca vai me perdoa, quando é que eu vou poder abraçar o meu filho com todo o meu amor, Madara estou arrependida de ter o deixado para trás me dói o ódio e o desprezo dele, dói muito. Maldita hora que fui ouvir seus concelhos e decidi vir ver ele pedir perdão.  — Sasuke via de longe a mãe chorar nos braços do tio. Deu meia volta e pegou suas coisas e foi para casa, Sasuke fora o caminho todo pensativo, pensando no que ouviu Sakura estava se divertindo estava bem com sua mãe sentia-se excluído parou em frente ao apartamento.

__ Que isso Sasuke vamos entre logo! — Disse há si mesmo e entrou o local estava vazio tal como já esperava Sakura ainda não tinha voltado. Ouviu seu celular vibrar ao ver percebeu que era uma mensagem de Sakura, sorriu com uma sobrancelha arqueada.  Deixou suas coisas no sofá e saiu novamente iria ao encontro da rosada, não demorou para chegar em um bar o Uchiha conhecia bem esse bar ao entrar já avistou Sakura sorrindo acenando para ele.

__ O que é isso Sakura?  — Perguntou sorrindo vendo a mesma tão sorridente.

__ Queria te fazer um surpresa Itachi me ajudou disse que você gosta desse lugar.

__ É de fato. — Respondeu se sentando então continuou. __ Como foi com a sua mãe?

__ Foi legal, ela está muito animada com o casamento com o seu pai. — Ao dizer isso Sakura percebeu que Sasuke tinha ficado parcialmente irritado.  __ Sasuke vamos comer. — Disse mudando rapidamente de assunto. Sasuke sorriu, conversavam enquanto a comida não chegava, Sasuke estava se sentindo feliz, em passar um tempo com a rosada, só mente os dois.    

  E foi assim por vários dias, embora hora ou outra Mebuki se pusesse entre eles Sasuke tentava entender afinal entendia que a mesma gostaria de passar um tempo com sua filha, Mikoto continuou tentando se aproximar de Sasuke, por dia tinha esquecido toda a raiva que tinha por Mebuki queria dedicar-se exclusivamente ao seu filho e aos poucos estava ganhando espaço no coração do mesmo que queira sentir a felicidade que Sakura sentia em ter uma mãe tão presente. Assim se passou duas semanas e enfim o aniversário de Sasuke tinha chegado e Sakura não era a única pessoa que pretendia fazer uma surpresa ao Uchiha.

__ Rápido Madara precisamos deixar tudo pronto para a surpresa que vamos fazer para o Sasuke.

__ Você não deveria chamar o Itachi, os amigos dele para a festa? — Perguntou o mesmo ajudando a mesma a montar a mesa.

__ Eu vou ligar, mas antes vamos arrumar tudo já são quase quatro Sasuke já deve estar saindo do treino essa será uma ótima festa amanhã ele tem o grande jogo, o jogo da decisão do campeonato tenho certeza de que esta festa ira anima-lo ainda mais para o jogo.

__ Você está muito contente com a aproximação do seu filho não é.  

__ Sim, estou muito contente.  Bom eu vou ligar para os amigos do Sasuke.

 Mikoto pegou o celular e ligou para os amigos mais próximos que Sasuke tinha para chama-los para festa mas nem um atendeu ao telefonema da mesma, então decidiu ligar para Itachi e então soube que o mesmo não poderia ir, pois estava na festa surpresa que Sakura e Mebuki haviam preparado para Sasuke, Mikoto caiu pasma sentada no sofá.  

__ O que aconteceu Mikoto? — Perguntou Madara se sentando ao lado dela.

__ Ela roubou mais uma vez a pessoa que eu amo Madara.

__Ela quem Mikoto o que está acontecendo.

__ A MEBUKI ESTÁ ROUBANDO O MEU FILHO ELA ESTÁ LÁ AGORA COM AQUELE FEDELHA QUE ELA CHAMA DE FILHA ESTÃO LÁ FAZENDO UMA FESTA PARA ELE E NÃO ME CHAMARAM.

__ Mikoto acalme-se.

__ Não vou me acalmar, por um instante esqueci tudo e só queria viver com o meu filho, mas se a Mebuki quer guerra ela vai ver só. Cansei vou dizer a adorável Sakura que o Sasuke é irmão dela, ou melhor vou dizer a Mebuki vou fazer ela ser responsável pelo fim do namoro do meu Sasuke, Sasuke vai odiar a Mebuki porque sei que ela vai fazer de tudo para separar os dois.

__ Mikoto por favor para.

__Eu não vou parar, ninguém pensou em mim quando me machucaram!  

| Casa dos Uchihas|

 

 A casa estava completamente enfeitada Itachi e Sakura davam os toques finais a decoração antes que Sasuke chega-se com seus amigos Itachi e Sakura riam enquanto jogavam balões um para o outro.

__ Você acha que o Sasuke vai gostar dessa surpresa Itachi? — Perguntou sorrindo.

__ Tenho certeza.

 Itachi se aproximou de Sakura que estava incrivelmente linda   a abraçou com força, a rosada não entendeu nada mas o abraçou de volta, Itachi levou sua mão ao rosto da mesma e o acariciou.

__ Filha Sasuke está cegando. — Anunciou Mebuki os olhando seria, Sakura deu um paço para trás, correu até a cozinha para pegar algo, Mebuki se aproximou de Itachi seria perguntou.

__ Itachi você está apaixonado pela minha filha? — Itachi desviou o olhar, Sakura voltou correndo Naruto e os amigos entraram pela cozinha disseram que Sasuke chegaria em instante as luzes foram apagadas todos se esconderam.

__ Mas que merda agora a Sakura inventou de vir todos os dias aqui, e justo hoje que eu queria ficar sozinho com ela, ela não está! — Reclamou entrando em casa e logo ouviu o grito de surpresa.

__ Feliz aniversário meu amor! — Anunciou Sakura pondo um chapéu no mesmo jogando confete nele, selou seus lábios em seguida, Sasuke sorriu dizendo sarcasticamente.

__Eu já devia ter imaginado. — Comentou sorrindo, todos que estavam ali eram amigos ou familiares. Logo Kairin veio cumprimenta-lo, Sakura os deixou as sós e foi recepcionar os outros convidados.

__ Felicidades Sasuke. — Disse o abraçando.

__ Obrigado. – Respondeu se soltando logo começou a circular pela festa.

__ Se divertindo Sasuke? — Itachi se aproximou perguntando.

__ Sim, a festa está muito divertida. — Todos riam muito, Sasuke aparentava estar realmente feliz com aquilo. Bebeu com seus amigos conversava hora dançava Mebuki observava tudo ao fundo contente ver Sakura feliz por Sasuke estar se divertindo sentiu-se mais alegre.

__ PESSOAL! – Sakura e Itachi chamaram a atenção de todos. __ VAMOS CANTAR PARABÉNS!

| Sakura POV|

As bochechas de Sasuke se ruborizaram, essa é a parte que aparentemente ele mais odiava. Mas tudo passou rápido, e eles ainda cantaram “Com quem será”, nem preciso dizer que eu e Sasuke praticamente cavamos um buraco para nos esconder de tamanha vergonha. Sasuke parecia se divertir me aproximei dele então disse.

__ Sasuke, posso te dar meu presente agora, ou você quer mais tarde? — Sussurrei ao seu ouvido.

__ Não, deixa para mais tarde, mas eu posso saber o que é? — Questionou curioso.

__ Não. — Sorri e então selamos os lábios novamente.

Cortamos o bolo, servimos mais coisas, brindamos, brincamos; uma verdadeira bagunça, Sasuke realmente se divertia muito. Logo mais fomos para casa, Sasuke estava ansioso pelo seu presente e não fazia questão de esconder isso.

__ E então, o que é?

__ Nossa, mas que menino curioso. — Zombei.

__ Sim, muito. — Ele realmente estava curioso

__ Certo, certo, senta aí. — Falei a ele. __ Eu não sei se é realmente um presente sabe?! É que eu não sabia o que dar.

__ Qualquer coisa que vier de você para mim tá ótimo. — Acariciei seu rosto por suas belas palavras.

__ Promete que não vai rir? — Voltei a questionar insegura.

__ Eu prometo mesmo sem saber o que é. — Respondeu ele transmitindo confiança a mim. —Peguei um embrulho no armário e entreguei a ele que abriu imediatamente, era um cachecol.

__ Muito obrigada Sakura! Eu adorei! — Disse ele entusiasmado, fiquei feliz eu realmente não sabia o que dar.

Sasuke me beijou me conduzindo até sua cama, me deitando nela, o olhei sorrindo. Sasuke me acomodou em sua cama e com calma e gentileza retirou minhas roupas, ele me amou com calma e gentileza, era tudo tão lindo a forma como me acariciava que me tocava, o prazer que sentíamos era imenso. Diferente da primeira vez, agora eu não sentia tanta dor, Sasuke sorriu maliciosamente beijado meu baixo ventre, não pude conter um gemido tímido.

__ Você é a melhor coisa que já aconteceu na minha vida Sakura. — Sussurrou ele no meu ouvido, Sasuke começou a se movimentar com rapidez dentro de mim, aquela sensação de ter o corpo tão quente de Sasuke em contato com o meu era absurdamente boa, nos amamos por mais um tempo e logo dormimos.

| Sakura POV OFF| 

 

 A noite para Sakura e Sasuke tinham sido perfeita, já o dia prometia muitas tenções o final do campeonato já iria começar, Sasuke sentia confiante e totalmente disposto para o jogo. A noite que tivera com Sakura contribuirá bastante para isso. Ambos se arrumaram e foram para o ginásio onde aconteceria a competição.

__ Hinata, Naruto bom dia! — Comprimento Sakura ao casal que chegava.

__ Pessoal viram a Ino ou o Sai? — Naruto parecia ansioso com a resposta.

__ Não, acabamos de chegar. — Respondeu Sasuke. Ao fundo Sasori passava cabisbaixo Sakura o viu triste e então soltou suas mãos de Sasuke e correu até o ruivo. Sasuke apenas a acompanhou com o olhar.

__ Sasori podemos conversar? — Perguntou, Sasori assentiu com a cabeça e ambos saíram, Sasuke tentou respirar fundo mas não escondeu seu irritamento.  Sakura caminhava com Sasori pelo corredor e então começou.

__Sasori porque está tão triste? — Perguntou a rosada.

__ Estamos distante Sakura, éramos próximos mas agora você está distante.

__ Sasori eu....

__ Não é novidade que eu gosto de você Sakura, mas você está com o Sasuke e então.

__ Que bom que você sabe que ela está comigo! — Sasuke os interrompeu, Sasori suspirou afagou o cabelo de Sakura com um meio sorriso e saiu.   

__ Odeio esse cara!

__ Sasuke, eu estava conversando com ele, você não devia ter intervindo...

__ Não gosto da forma que ele olha para você!

__ Um vejo que o casal está brigando.  — Sakura olhou para trás vendo quem falava.

__ Gaara!

__ Olá Sakura, caso precise de um lugar para passar a noite depois da briga de vocês, você já conhece o meu endereço, ficarei muito feliz em ceder a minha cama para você dormir novamente. — Disse sorrindo para Sakura, que se lembrou de ter dormido na cama de Gaara e desviou o olhar.

__ Do que você está falando! — Sasuke alterou-se preste a socar Gaara.

__Sua namorada tem um cheiro tão doce, adoro a briga de vocês pois no fim de tudo ela vai dormir na minha casa, na minha cama!

 Após dizer isso Gaara saiu dando risada deixando Sasuke completamente nervoso, encarou Sakura esperando por uma resposta.

__ Não me olhe com essa cara! Eu não tive escolha a não ser passar a noite na casa do Gaara, mas não aconteceu nada.  

__Tsc!

 Sasuke passou por Sakura sério e foi encontrar com o pessoal do time para os ajustes antes do jogo.   

__ Há Sasuke. — Sakura suspirou tentando não se entristecer, dessa vez não iria participar da animação com as garotas ficaria na arquibancada para assistir ao jogo, não queria ter que Sasuke fosse jogar irritado consigo então decidiu ir atrás dele, antes que pudesse chegar no vestiário o ouvi conversando com Karin.

__ Eu vim te desejar boa sorte no jogo Sasuke, estamos muito distantes deis de que você começou a namorar com a Sakura.

__ Nunca fomos tão próximos Karin, o que tivemos foi só um lance nada mais apenas ficamos uma única vez!

__ Não precisa ficar repetindo isso. Eu só queria. — Karin se aproximou de Sasuke disposta a dar um beijo no moreno, Sakura sentia-se imóvel diante daquilo.

__ Sakura quer ajuda com alguma coisa? — Perguntou Sai que ia entrar no vestiário, Sasuke então percebeu Sakura ali, a mesma o olhou e saiu correndo.

__ Há mais que droga! Sai Karin.

 Sasuke, empurrou a ruiva para o lado e foi atrás de Sakura a encontrou encostada na parede limpando seus olhos, não iria chorar por algo tão bobo, não podia chorar.

__ Sakura o que você viu, não era nada de mais ela só estava.

__ Eu sei que estavam fazendo nada de mais, você não tem que me explicar nada.

__Então porque está chorando? — Perguntou limpando seus olhos com seu dedo.

__ Por um momento fiquei com medo de te perder, porque ouve um mal entendido agora a pouco com o Gaara e então eu os vi eu senti medo Sasuke, por um momento eu tive um mal pressentimento. Eu não quero te perder Sasuke.

__Que bobeira é essa Sakura, você não vai me perder prometemos nunca nos separar lembra.

__ Sim!

 Sakura e Sasuke se beijaram felizes, Itachi e Mebuki que chegavam decidiram não incomoda-los e foram imediatamente para o ginásio Mikoto também assistir a grande final, fora acompanhada de Madara, o jogo começou o time da folha saiu na frente Sasuke estava verdadeiramente inspirado, viu que sua mãe estava na arquibancada torcendo para ele e não conseguiu disfarça sua alegria, estava tendo a atenção da mãe como sempre quis. Gaara diferente dos que vinha fazendo dos outros confrontos não tentava provocar Sasuke na verdade se encontrava distraído olhando Sakura na arquibancada.

__ VAMOS PESSOA!

 Gritava Kakashi mas dessa vez era um grito de emoção o time tinha uma larga vantagem sobre o time da arreia que acabou perdendo o jogo. A comemoração teve início ali mesmo na quadra a primeira pessoa a cumprimentar Sasuke foi sua mãe.

__ Parabéns meu filho você fez um ótimo jogo. Não precisa ficar com raiva eu só queria te parabenizar eu já estou de saída.  

__N-não mãe fica. Vai ter uma festa na escola eu gostaria que fica-se.

__ Está bem meu filho.

__ Parabéns pelo grande jogo Sasuke. — Cumprimentou Itachi ao irmão sorridente.

__ Sasuke parabéns. — Mebuki também o cumprimentou Sasuke viu Sakura ao lado dela, ansiosa por uma resposta de Sasuke, Sasuke respirou fundo não queria magoar Sakura então sorriu de volta para a madrasta, Sakura não conteve um largo sorriso de alegria Sasuke pegou Sakura e saíram juntos para se divertirem com seus amigos.  A festa ia bem todos comemoravam Gaara esperava o momento certo para se aproximar de Sakura mas Sasuke não há deixava só por nem um segundo, Mebuki parecia se divertir conversando com Itachi Mikoto estava irritada então decidiu agir ao ver Mebuki só aproximou-se.

__ Se divertindo?

__ Claro!

__ Bom Mebuki acho que chegou a hora de te contar onde está o seu adorável filhinho!

__ Meu, meu filho!? — Surpreendeu-se, agarrou Mikoto pelo ombro e a encarou seria. __ Não brinque comigo! Me diz agora o que você fez com o meu filho e me diz agora onde ele está!

__Claro que eu vou te dizer onde ele está.

__ Então diga logo, onde, onde ele está

__ Bem ali, beijando a sua própria irmã! — Contou apontando para Sasuke e Sakura se beijando sentados no banco completamente felizes.

 

 

 

Continua......


Notas Finais


Se é filho ou não eu não sei só sei que a Mikoto jogo na cara da sociedade isso-q rs
Espero que tenham gostado até o próximo com mais bombas bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...