História Lágrimas de Coca-Cola (Jimin) - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 129
Palavras 592
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu sei que o GIF da capa nao tem nada ver mais e tao lesgau e bunitinha
Mais um cap
Bjooooos
Boa leitura
Ja aviso : Tem mt tiro

Capítulo 15 - "Vá embora Jimin!"


Fanfic / Fanfiction Lágrimas de Coca-Cola (Jimin) - Capítulo 15 - "Vá embora Jimin!"

[Musica-Lie (Solo Jimin)]

E aquela dor no peito aumentando..

Chegamos na respectiva sala que tinha uma lista de chamada ao lado da porta que continha o nome "Choi Lee-Kyu" .

Logo algumas crianças vem em direção a Kyu todas sorridentes.

Que fofo!. Pensei.

-Hey Kyu!- Uma garotinha de longos cabelos castanhos chamava sua atenção.

-Oque foi Yang?-

-Esse é seu Appa?- A garotinha que vulgo se chamar Yang aponta para Jimin atrás de mim.

Isso não está acontecendo.
Não pode ser.
Acho que estava certa sobre aqueles sentimentos estranhos.
Ta explicado aquele aperto no peito..

Você deve estar se perguntando o porque de eu estar tão "chocada" e espantada com apenas uma pergunta de uma criança inocente?
Porque a única coisa que eu quero é que Kyu sinta falta de um pai, ele tem a mim agora , e toda essa "falta" de carinho paternal que ele não tem , eu preencho com todo amor e carinho possível vindo de mim..

-Não..!- Diz Kyu e me olha..

Sinto a decepção em seu olhar.

-Então você continua sem ter um Appa?-Diz um garotinho e ri.

Aquela foi o meu limite.

Puxei Kyu para longe , o mesmo já estava lagrimejando.

Aquilo me partia o coração , até porque eu sabia a falta que fazia Jimin para todos nós.

Mais ele teve que aparecer e estragar tudo.
Eu te ODEIO AINDA MAIS PARK JIMIN.
COM TODAS AS MINHAS FORÇAS EU TE ODEIO.

Limpo as lagrimas que descia por suas cheinhas bochechas rosadas e o abraço.

-Não ligue para oque dizem meu querido!- acaricio sua bochecha- Saiba que eu te amo , e muito , você não precisa de um Appa!.

O mesmo assente e Jimin aparece.

-Humph! Procurei vocês por todo lugar!- Dizia Jimin respirando ofegante.

-Vá embora Jimin.-Digo com desdém.

Algo além da raiva está crescendo dentro de mim..
Ódio talvez..

-Oque?- Ele me olha e arqueia uma das sobrancelhas.

-Vá embora! Não percebe oque fez? Se não tivesse aparecido assim novamente , meu filho não teria chorado! VOCÊ ACHA QUE É FÁCIL VER SEU FILHO CHORANDO POR FALTA DE UM PAI?- Digo exaltada.

Eu posso estar exagerando, mas não quero sofrer de novo..
Chorar de novo..

Ele sai de cabeça baixa dando seu ultimo aceno..

~CINCO MESES DEPOIS~

-"Conte-me, Com seu sorriso doce, Conte-me ,Diga-me ,como se estivesse sussurrando em meus ouvidos, Não seja como uma presa, Seja suave como uma serpente, Eu quero fugir, mas".- As gotas da chuva fria se misturava com a lágrima que descia dos meus olhos.

Aquela dor no peito de uma paixão dolorosa estava me corroendo por dentro.

Apesar de tudo, eu ainda o amo, ainda mais imensamente..

Ele voltou para Londres.. Junto com sua namorada..

-"Se afaste, afaste, afaste de mim".- Eu cantava aquela música, eu estava agoniada. - "Custe o que custar, me salve".- A chuva a cada momento ia aumentando , formando grandes pingos de chuva gelados , eu não estava me importando com aquilo.

Eu precisava chorar.

-"Isso continua acontecendo apesar de eu fugir".... "Fui pego em uma mentira Encontrar meu que era inocente, Não consigo me libertar dessa mentira, Devolva-me o meu sorriso"..-A medida de cada frase , eu soluçava mais , apenas oque podia ouvir era o som da chuva caindo no solo , e minha cantoria repleta de choros.

-"Pego em uma mentira, Leve-me para fora de seu inferno, Não consigo me livrar dessa dor, Salve o meu eu que está sendo punido"..- eu pendia meu corpo de um lado para o outro , arrastando meus pés no chão..


Notas Finais


Obrigado por leeeeeer


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...