História Lágrimas de Dor - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alfonso Herrera, Maite Perroni
Personagens Alfonso Herrera, Maite Perroni
Tags Alfonso Herrera, Herroni, Maite Perroni, Violencia
Exibições 37
Palavras 604
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Volteiiiiiiiiii! 😍😘

Capítulo 10 - Capítulo 10


  Eles dois iniciaram o beijo quente, ambos necessitavam disso e sentiam saudades um do outro. Logo em seguida fizeram amor, aquele ato não era só sexo e sim, duas pessoas se amando.

  Depois daquela noite maravilhosa para ambos o dia seguinte chegou e junto, o dever de ir trabalhar, Maite e Alfonso continuavam abraçados na cama não queriam sair dali.

  - Melhor levantarmos - disse Maite - já está na hora de levantar

  - Vamos ficar aqui só mais um pouquinho - a abrançando e destribuindo selinhos nela

  - Não podemos nos atrazar - se levantou - eu tenho que ir para meu trabalho e você tem que ir pra aquela empresa, preencher seus relatórios.

  - Ok, você me convenceu. - se levantou

  - Você vai tomar banho por enquanto eu vou procurando minha roupa.

  - Ou podemos tomar banho juntos. - sorriu malicioso

  - Tá, mais só banho. - ordenou - Nada mais?

  - Nada de sexo que estamos quase atrasados. - o puxou para o banheiro

 

  Eles dois tomaram banho juntos, nada de sexo, só alguns beijinhos. Maite preparou algo rápido para o café da manhã, comeram, terminaram de arrumar as coisas e Alfonso a levou no trabalho. Se despediram e ele foi para seu trabalho, estacionou o carro e seguiu para o elevador, o andar da sua sala era no ultimo andar, já que ele é o presidente da empresa.

  Ao sair do elevador passa pela sala de sua secretari, Belinda, ele mal a comprimenta apenas com um bom dia.

  - Christian e Christopher estão estão esperando você, na sua sala Poncho. - fala Belinda provacante

  - Já falei para me chamar de agora em diante de sr. Herrera. - seguiu para sua sala deixando Belinda furiosa pela reação dele

  - O que vocês estão fazendo na minha sala? - perguntou assim que entrou no ambiente

  - Isso é jeito de tratar os amigos Poncho? - Christopher brincou abraçando o amigo

  - Olha eu tenho muito o que fazer então... - disse vendo uns pápeis

- Calma Alfonso. Só vinhemos saber como foi tudo ontem. - afirmou Christian

  - Foi ótimo, consegui fazer com que ela me perdoasse. - sorriu lembrando da noite anterior - E o resto da noite foi adoravel. - em um tom malicioso

  - Pelo visto a noite foi boa. - Christian indagou

  - Não vamos mais atrapalhar você. - Christopher disse - nos vêmos na hora do almoço - saiu da sala

  Alfonso passou boa parte do dia revisando relatórios, esquematizando no computador os saldos de dinheiro óbtido.

  - Com licença. - belinda entrou na sala - o sr. Ramos mandou lhe entregar os relatorios do ultimo faturamento. - entrgou os pápeis

  - Se era só isso pode ir. - grosso

  - Poncho porque está me tratando assim? - sentou em cima da mesa - desde aquele dia da sua casa e da sonsa da Maite que nos viu, não ficamos mais. - se empinou na mesa dele

  - Olha Belinda primeiro eu já disse que não é para me chamar de Poncho, pra você é sr. Herrera ou Alfonso, segundo, a Maite não é nenhuma sonsa e terceiro não vamos mais ficar, por que eu não sou mais aquele homem, agora eu sou fiel a minha Maite. - ela ficou vermelha de raiva com o que ele disse - se me der licença, preciso trabalhar.

  Belinda saiu de lá furiosa, sentou na sua mesa e começou a trabalhar mais tinha que planejar algo, Alfonso seria somente dela e de mais ninguém. Se for preciso ela é capaz de eliminar Maite Perroni da face da terra.


Notas Finais


Belinda pode causar grandes danos ao casal.

Desculpem a demora é que eu estava ocupada e não tive tempo de vir postar, mais sexta eu posto mais um capítulo. Beijos a todos vocês 💋💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...