História Love and Speed (Terminada) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Ally, Ashley Benson, Camila Cabello, Camren, Camreng!p, Demi Lovato, Dinah, Fifth Harmony, Harry, Larry, Lauren Jauregui, Laureng!p, Louis, Nick Jonas, Normani, Norminah, Saylor, Semi, Shay Mitchel, Trolly, Vercy
Exibições 454
Palavras 2.127
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Luta, Policial, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - 21


Fanfic / Fanfiction Love and Speed (Terminada) - Capítulo 21 - 21

Cinco anos depois

- Camila Cabello -

- Madison! - Exclamei assim que a pequena saiu correndo pro andar de baixo, eu corri atrás dela e à vir olhando pela janela. - Meu amor sua mãe já vai chegar. - Peguei ela no colo.

- Ela vai demorar? - Sorri e beijei sua bochecha.

- Não meu amor ela logo vai está aqui ta bom?! Mais agora vamos tomar banho. - Ela assentiu e fomos pro banheiro.

Bom se passou cinco anos, eu e Lauren não podíamos está melhor do que estamos agora, conseguimos criar nossa empresa de advocacia, ainda não casamos mais pretendemos fazer isso logo, hoje como madison estava com febre resolvi ficar em casa com ela. Lauren até tentou me convencer de que ela ficasse mais eu mandei ela ir pois alguma de nos duas teria que ir ver como está tudo lá. Nossos amigos se mudaram pra nossa rua segundo eles "Devemos ficar perto da pequena porque somos tios" mais foi uma ótima escolha.

Quando estavamos na faculdade eu e Lauren tivermos uma briga feia e isso resultou em um tapa na cara dela, eu e madson indo dormir na casa dos meus pais. O motivo foi que ela achou que eu estava traindo ela e falou que eu estava me comportando feito uma vadia, então dei um belo tapa na cara dela e no dia seguinte ela apareceu na casa dos meus pais chorando feito um bebê, conversamos ela praticamente beijou meu pé e falou que nunca mais desconfiaria de mim e que me amava e por fim eu perdoei e fizemos amor no escritório do meu pai.

- Mamãe? - Olhei pra minha filha. - A mãe da minha amiguinha vai ganhar um irmãozinho eu também posso? - Me engasguei e madison me olhou preocupada. - Mamãe a senhora ta bem?

- Sim...-Me recompôs. Respirei fundo e me sentei ao seu lado na cama. - Amorzinho eu vou conversar com a sua mãe e vamos ver o que ela acha tudo bem. - Ela sorriu e me abraçou.

- Eu te amo mamãe.

- Eu também te amo minha lindinha. - Dei um beijo em sua testa e ouvimos o grito de Lauren.

- Cheguei Família! - Madison saiu correndo e eu atrás preocupada com ela descendo a escada.

- Mãe! - Pulou no colo de Lauren. - Eu estava com saudades... - Resmungou.

- Eu também estava morrendo de saudades da minha Princesa. - Encheu o rosto de Mand se beijos.

- Eu ganho beijo? - Sorri e Lauren deixou Madison no chão e me carregou. - Lauren!

- Claro que meu amor ganha beijo. - Nos beijamos e logo a porta da frente foi aberta por uma Dinah cheia de sacola. Lauren me colocou no chão. - Dinah? O que faz aqui?

- É o seguinte nos vamos sair hoje a noite. - Foi até madison e pegou a pequena no colo a enchendo de beijos. - Oi meu amorzinho.

- Oi Dinda. - Deu um beijo no rosto de Dinah que sorriu toda boba, Dinah é louca pela Mand.

- Dinah não vai rolar a Madison amanheceu com febre então...

- Já falei com seus pais e eles vão ficar com ela. - Me olhou. - Eu trouxe umas roupas novas pra vocês, Camila você ainda tem o mesmo carro do tempo de escola certo?

- Tenho mais porquê? - cruzei os braços.

- Vamos precisar e branquela leve o seu também.

- Eu não vou. - Dinah lhe olhou cerrando os olhos. - Tudo bem eu vou. - Rir baixinho.

- Que horas? - Peguei as sacolas.

- As nove e por favor não se atrase. - Assentir.

- Pode deixar agora eu vou ver algumas roupas pra madison e depois do jantar Lauren vai levá-la na casa de Clara. - Dinah sorriu e depois se despediu indo pra sua casa que agora era dela e da Mani. - Amor vamos conversar no quarto rapidinho? Mand espera aqui ta bom?

- Ta mamãe. - Sorri e tranquei a porta da frente. Eu e Lauren subimos pro quarto e ela foi tomar um banho rápido e depois voltou.

- Então o que queria conversar Camz? - Ficou só de cueca.

- A Madison quer um irmãozinho...- Ela se virou com os olhos arregalados.

- Irmãozinho? - Assentir. - O que acha disso?

- Bom...eu não sei. - Suspirei e ela vestiu uma blusa e se sentou ao meu lado. - Eu quero só que ainda não acho uma boa hora. - Dei um sorriso sem graça.

- Eu entendo amor. - Beijou minha testa.

- Mais o que acha de irmos treinando. - Sorriu maliciosamente e me jogou de costas na cama deitando por cima de mim.

- Acho uma boa idéia. - Sorrimos e nos beijamos e começamos a fazer o que fazermos de melhor. Sexo!

- Vamos? - Lauren entrou no quarto. - Uau! - Me olhou de cima a baixo. - Você está...maravilhosamente linda. - Sorri e lhe dei um selinho.

- Você também está linda. - Sorriu. - Não sei porquê a Dinah quer que eu leve o meu carro.

- Ela é doida. - Rimos. - Espera ai tenho algo pra te dá. - Ela correu pra fora do quarto e minutos depois voltou com uma caixinha em suas mãos. - Isso é pra você.- Abriu revelando um colar com um coraçãozinho como pingente.

- Amor é lindo.- Ela sorriu e tirou da caixinha.

- Vira. - fiquei de costas pra ela e levantei meu cabelo pra ela colocar o colar. - Você gostou? - Beijou minha nuca antes que eu soltasse meu cabelo e colocou seu braço em volta da minha cintura.

- Eu amei. - Passei a mão sobre o colar e me virei pra ela. - Obrigada amor.

- De nada. - Me beijou. - Vamos a Dinah me mandou o endereço.

- Vamos. - Peguei meu celular e a chave do carro. - Nos vemos lá?

- Com certeza. - Sorri e ela entrou no carro e eu no meu. - Amor? - olhei pela janela do carro. - Eu amo você. - Sorri abertamente.

- Eu também te amo Lolo. - Sorriu. - Toma cuidado.

- Você também. - Mandou beijo e demos partida no carro. Lauren ia na frente já que ela estava com o endereço, meu celular tocou e eu atendi colocando no viva voz sem ao menos ver quem era.

Ligação on

Alô?

Oi amor. - Rir.

O que foi Lauren?

Aqui dentro do carro estava muito silêncio. - Rimos.

Aqui também está amor. Eu estou com saudades da Mand. - Ouvir ela suspirar.

Eu também estou amor mais a Dinah tem razão devemos nos divertir um pouco.

É ela tem razão...falto muito pra chegar?

É aqui nessa rua. - Entrou em uma rua e logo eu também fui. - Não acredito...

O que?.- Ela parou o carro perto dos nossos amigos e eu parei ao deu lado.

Ligação off

Lauren veio até o carro e abriu a porta pra mim.

- Que bom que chegaram! - Dinah veio até mim e me abraçou.

- Porquê viemos aqui? - Me segurou pela cintura.

- Vamos nos divertir como nos velhos tempos. - Vero sorriu.

- Ai lá vem o Niall. - Vir Niall vindo até nós com um sorriso enorme.

- Grande Karla. - Me abraçou e depois Lauren.

- Olá Niall. - Sorri.

- Cheguei! - Abraçou Lauren e depois a mim. - Prontas pra hoje?

- Prontas pra quê? - Lauren me olhou sem entender e eu devovir o olhar.

- Não contou pra elas Dinah? - Dinah sorriu de lado.

- Contou o que?

- Vocês vão corre hoje. - Sorriu. Olhei pra Lauren que estava espantada e eu não estava diferente.

- Tá falando sério? - Ele assentiu. - Eu vou competir com quem? - Perguntou animada.

- Karla Estrabão. - Jack falou e Lauren me olhou.

- Eu?

- É você. Ou não quer? - Niall perguntou.

- Tá com medo de perder pra Jauregui? - Dinah arqueou a sobrancelha.

- Não sabia que você arregava só porquê ela é sua noiva. - Sorri debochada para Troy.

- Karla nunca arrega. Nick! - Ele veio até mim. - Me ajuda. - Ele me ajudou a subir no capô do carro. - Fala pessoal, vocês lembram de mim? - perguntei no megafone. Ele gritaram "Karla". - Que bom que lembram porque a Karla está de volta! - Gritaram mais ainda. - Estão preparados pra essa noite? - Gritaram "Sim". - Porque hoje vai ver Karla Estrabão versos Lauren Jauregui! - Gritaram e eu desci do capô do carro. - Preparada Jauregui? - Estendi minha mão pra ela.

- Sempre Karla. - Ela apertou minhas mão e sorrimos.

Essa vai ser uma ótima noite. Você vai comer poeira Jauregui.

- Lauren Jauregui -

Música, Bebida, Pessoas se pegando, muito barulho era isso que eu ouvia e via, Camila estava abraçada a mim e eu estava encostada no carro.

- Eu estava com saudade disso tudo...- Mumurrei contra seu pescoço.

- Eu também estava mais estamos de volta. - Rimos e nos beijamos.

- Oh casal meloso já está na hora. - Olhei pra Jack.

- Da próxima vez que atrapalhar eu passo com meu carro por cima da tua cabeça.

- Foi mal.

- Pronta Karla? - Me olhou sorrindo. - Pra perder? - Ela fechou a cara e agora quem sorriu fui eu.

- Nossa estou morrendo de rir. - Revirou os olhos e me puxou pela jaqueta me beijando, um beijo ardente cheio de segundas intenções. - Boa sorte meu amor. - Piscou e entrou no carro.

- Boa sorte linda. - Entrei no meu e o coloquei ao lado do dela.

PRONTAS? - Buzinamos.

QUANDO EU DIZER JÁ!

1

2

3

JÁ!

Partimos com os carros os barulhos que fazíamos eram altos os motores roncavam estamos um ao lado da outra. Estava concentrada na pista os borrões eram tudo o que eu via.

Camila buzinou e passou na frente dando um sorriso vitorioso, desculpe meu amor mais hoje quem vai ficar pra trás é você!

Acelerei o mais fundo que eu podia e como não estava dando de passar pelos carros como Camila estava fazer eu tive uma idéia boa e perigosa.

Entrei na contra mão, os carros buzinavam e as pessoas me olhavam assustadas. Apertei mais o volante e acelerei troquei a marcha pra última e entrei em outra rua que dava a outra principal.

Quando cheguei na principal olhei pelo retrovisor e vir Camila atrás. Sorri. Ela estava com uma expressão fechava e sei que foi por eu ter ido na contra mão,ouvir gritos e mais gritos, estamos perto a cada segundo.

Meu coração acelerou, minhas mãos começaram a soar, apertei o volante e acelerei, não ouvir mais nada apenas as rodas do carro deslizando em um cavalo de pau e as batidas forte do meu coração e foi então que me toquei.

Eu venci minha noiva!

- Puta merda você venceu a Karla! - Vero exclamou alegre assim que eu sair do carro.

- Eu...- Eu estava muito feliz. - Cara eu venci minha noiva. - rir e vir Camila saindo do carro.

- Eu vou matar você! - Veio com tudo pra cima de mim mais a Shay e o Nick seguraram ela. - Me solta! Eu vou te matar Michelle!

- O que eu fiz? Se for porque eu venci você...

- Da próxima vez que entrar na contra mão de novo, e quase me matar do coração eu vou arrancar o teu pau! - Gritou sem tempo de me deixar terminar minha fala. Puta merda ela ficou brava.

- Soltem ela. - Falei pros dois que me olharam. - Soltem. - Eles soltaram ela que veio com tudo pra cima de mim mais eu fui mais rápida e peguei seus pulsos e a coloquei sentada sobre o capô do carro de Vero. - Eu prometo não fazer mais isso mais agora só cala a boca.

- Eu não...- Não deixei ela terminar e a beijei. Ela tentou me empurra mais por eu ser mais forte ela não conseguiu e então desistiu e correspondeu, ela abriu mais um pouco sua boca então sua língua veio de encontro com a minha.

Eu já estava ficando excitada e a puxei mais um pouco contra meu corpo, ela colocou suas pernas em minhas cintura e suas mãos arranharam minha nuca, com uma mão apertei sua cintura e a outra foi pro seu cabelo.

- Eita viado! - Harry gritou e eu me separei de Camila ofegante e ela não estava diferente. Foi então que voltei a realidade com o grito de Harry, nossos amigos estavam nos olhando com uma cara maliciosa.

- Vão pro motel ou pra casa de vocês.

- Mais não vão transar na nossa frente. - Mani completou a frase de Dinah.

- Fiquei excitado. - Todos olharam para o Niall. - Que foi? Eu fiquei. - Rimos. Voltamos a curtir a fez e algumas pessoas vieram me dá os parabéns.

- Eu vou querer revanche Jauregui. - Falou em meu ouvido.

- Você não vai ganhar Cabello. - Sorri.

- Veremos. - Ela sorriu e cruzou os braços.


Notas Finais


A FIC JÁ TÁ QUASE NO FINAL MEU DEUS! EU NÃO TO BEM!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...