História Last Smile - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bts, Jikook, Jimin, Jungkook, Sociopatia, Terror
Visualizações 8
Palavras 373
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oláááá szz
Bom, primeiramente; O Jungkook foi diagnosticado como sociopata

O que é sociopata?

Sociopata é uma palavra usada para descrever uma pessoa que sofre de sociopatia, uma psicopatologia que provoca um comportamento impulsivo, hostil e antissocial.

A sociopatia é classificada como um transtorno de personalidade que é caracterizado por um egocentrismo exacerbado, que leva a uma desconsideração em relação aos sentimentos e opiniões dos outros

Normalmente sociopatas não dão valor as pessoas, não tem tantos sentimentos, mas isso é uma ficção, e sim, Jungkook dará valor e amará o Jimin.

É só isso mesmo, boa leitura ♡

Capítulo 1 - The Change.


                   Jimin


Eu poderia dizer, acordei com a luz blá blá blá.... Mas não, eu estava acordado a horas arrumando e encaixotando coisas para a bendita mudança. Eu vou ter que mudar de cidade, hoje, por conta do trabalho do meu abuji. Ele é psicólogo e conseguira um aumento se for pra lá, o problema é que eu nunca sai daqui, deixar meus amigos vai ser difícil... Até porquê são poucos, mas são de muito tempo!

Hoje não estava um dia ensolarado, pelo contrário, estava frio, o céu estava completamente nublado e um leve sereno caía. Já havia arrumado tudo e estava jogado no canto do meu "antigo quarto", não consigo me acostumar com a ideia de morar em outro lugar, desde que nasci moro aqui, mas tudo bem. Acabei por acordar dos pensamentos assim que vi minha eomma entrar no quarto se abaixando em minha frente.

-Querido, você está bem? 

-Estou bem omma... Só estava pensando mesmo.

-Oh, nós... Iremos sair daqui a pouco, esteja lá embaixo em 5 minutos.


Me deixou um selar na testa e desceu. Eu não queria ir, mas meus pais estavam felizes, há tempos não os vejo assim, seria o melhor.

Levantei-me e desci, nós iríamos primeiro e logo depois o caminhão chegaria.

Entrei no carro colocando meus inseparáveis fones brancos e coloquei o cinto, meus pais conversavam sobre qualquer coisa a qual não sei o que é. Eu escutava a música There for you e olhava para a paisagem, sem fixar o olhar em algum ponto, afinal o veículo estava em movimento.


Acordei chateado hoje

E ultimamente todo mundo parece falso

Em algum lugar eu perdi um pedaço de mim

Fumando cigarros em varandas


Mas eu não consigo fazer isso sozinho

Às vezes eu só preciso de uma luz

Se eu ligar para você no telefone

Eu preciso de você do outro lado


Estávamos chegando e eu já podia ver a enorme casa em tom alaranjado claro, era realmente bonita, parecia confortável, ao mesmo tempo me parecia macabra... o que despertava minha curiosidade.


Então, quando suas lágrimas rolarem para baixo do seu travesseiro como um rio

Eu estarei lá por você

Eu estarei lá por você

Quando você está gritando, mas eles só escutam você sussurrar

Eu vou gritar alto para você

Mas você tem que estar lá por mim também


Mas você tem que estar lá por mim também



Notas Finais


Tá bem merda? Tá muito merda, mas foi isso que consegui jdjsnd sorry


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...