História Lembranças De Um Amor Que Nunca Se Foi - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Tags One Direction
Exibições 12
Palavras 1.294
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa noite!
Mias um capítulo e espero que gostem!!

Capítulo 11 - Nosso Primeiro Beijo Juntos


Fanfic / Fanfiction Lembranças De Um Amor Que Nunca Se Foi - Capítulo 11 - Nosso Primeiro Beijo Juntos

Harry PDV

Fazia uns 10 minutos que eu estava no escritório trabalhando, mais estava com o pensamento em Jade. Será que ela iria aceitar?? Eu estava tão ansioso que peguei meu celular e decidi mandar uma mensagem à ela...

“Bom dia Poopey...

-Harry”  (08:23)

“Bom dia Hazz...Como você está??

-Jade”-(08:024)

“Estou bem e você??

-Harry”(08:24)

“Bem...Obrigada pelo buquê!

-Jade” (08:25)

“Então você já o recebeu?

-Harry” (08:25)

“Sim! E é lindo...

-Jade” (08:26)

“Imagina...Você está na empresa??

-Harry”(08:26)

“Sim...

-Jade” (08:26)

“É eu queria te convidar pra almoçar, aceita??

-Harry” (08:27)

‘Bom, pode ser...Quer que eu te passe o endereço??

-Jade” (08:27)

“Não precisa, eu sei aonde fica a empresa.... Passo aí para te pegar 11:45 o que acha??

-Harry” (08:28)

“Está bem...Então até mais tarde?

-Jade” (08:29)

“Até mais tarde!

-Harry” (08:29)

Depois de chamá-la para sair fiquei mais aliviado de que iria ver-la, então continuei a trabalhar e foi só uma correria no escritório...

Jade PDV

Eu não sabia se estaria pronta ou se minha resposta concreta está pronta para responder a  essa proposta....Por um lado minha intuição diz que isso fará eu me arrepender e por outra ela me diz para a aproveitar.Depois de trocar apenas algumas mensagens com o Harry eu comecei a pensar e repensar no que eu estava fazendo, até o meu telefone tocar e me tirar do meu transe....

-Alô?

-Será que eu podia falar com a Senhorita Thirlwall?? –Sam tentou disfarçar a voz mais falhou –

-Bom dia Sam...-ri da falha dele –

-Bom dia baixinha...-ele riu – Como está??

Confusa. Completamente confusa....

-Bem...-mordi meus lábios por alguns segundos – E você?

-Estou bem! E como está a empresa??

-Está indo...

-Estou morrendo de saudades de você, sabia?

-Ah....e-eh eu também estou morrendo de saudades Sam....-tentei soar o menos nervosa possível –

-Sábado à tarde eu estou chegando e não precisa ir me buscar no aeroporto como sempre faz okay??

-Okay....

Sam começou a falar sem parar e continuou a falar por mais uns 10 minutos até que eu escutei uma voz infantil do outro lado da linha

-Sam? Aonde você está??

-Aqui na nossa filial amor, você não prestou atenção em nada do que eu disse não é? –ele bufou –

-Sam tinha uma criança aí, eu escutei...

Ele riu do outro lado da linha e eu fiquei incrédula que ele estava rindo de mim, eu não admitia isso...

-Amor, é o filho da secretária!

-Sam, quando uma secretária leva uma criança para seu local de trabalho?? – perguntei séria –

-Quando eu deixo! – ele respondeu no  mesmo tom – A secretária não tinha com quem deixar o filho e me implorou e eu cedi que ele ficasse aqui....

-Okay né...-suspirei –

Ele começou a falar novamente e eu bufei e logo o cortei

-Sam, desculpa mais eu tenho que desligar! Tchau...-desliguei sem esperar resposta e comecei a trabalhar –

Harry PDV

As horas se passaram tão devagar, também eu olhava o relógio a cada 5 minutos à 5 minutos, o que não ajudava! Até que chegou 11:30 e eu fui para a empresa onde Jade trabalhava, não ficava muito longe mais foi o suficiente para mim chegar 3 minutos atrasado, mais quando cheguei lá percebi que Jade ainda não me esperava na porta o que fazia eu ficar mais aliviado. Logo a vi saindo da empresa e caminhando em direção ao meu carro sorridente. Eu já lhes contei o quão linda ela fica quando está sorrindo? Se não, vocês já sabem...

-Bom dia...-ela disse se ajeitando no banco do carro –

-Ótimo dia... – sorri para ela – Vamos?

-Vamos!

Liguei o carro e dirigi para o restaurante

-Então como foi sua manhã??

-Eu acho que não sei explicar como foi exatamente.... Teve alguns momentos que eu queria sorri tinha alguns que eu queria jogar tudo para o alto e sair dali....-ela disse analisando as próprias mãos –

-Sério e por quê??

-São tantos motivos que você nem imagina Harry...-ela me olhou –

-Nossa....Mais qual foi o momento bom que você teve na sua manhã??

-Bom....Acho que foi quando eu recebi seu buquê! – ela sorriu tímida –

Sorri orgulhoso e continuei a dirigir

-E o ruim ?? – perguntei –

-Foi a minha “discussão” com o Sam....

-Ah, vocês discutiram....mas porque??

-Ele é muito irresponsável! Só por que a secretária implorou para deixar o filho dela na empresa, ele liberou?? Onde já se viu uma secretária que trabalha na Royce Rolls não ter condições de colocar um filho numa creche?? – ela falou indignada –

-Você tem razão.... Você não acha que isso é uma desculpa para encobrir alguma coisa?? – estaciono o carro e a olho –

-Ah sei lá o que seria Harry, mais eu não quero mais falar dele....-ela me olhou –

-É eu também não! Agora vamos....

Sai do carro e abri a porta pra ela e entramos no restaurante e fomos nos sentar.Fizemos nossos pedidos e depois começamos uma conversa agradável..

-Você lembra daquele dia que estávamos na escola....-ela me cortou –

-E nós nos beijamos?? – ela completou sorrindo –

-Sim! – sorri –

Flashback On

-Jade!! – Paris veio correndo até mim – Me disseram que o Harry está apanhando no corredor entra a sala de informática e o fundo da quadra, aquele que é fechado!! – disse fingindo estar deseprada –

-Sério?? – olhei ela preocupada –

-Sim!!! Via lá...

Sai correndo para o corredor e quando cheguei lá não havia ninguém

-Mais uma brincadeira sem graça...-disse bufando e quando ia saindo Harry entro no corredor indo até mim

-O que faz aqui Harry?? –perguntei o olhando –

-Não é mais uma brincadeira sem graça Poopey! – ele riu fraco – Eu só queria um lugar mais “discreto” para...-ele deixou a frase no ar –

-Para?? – insisti o olhando –

-Para fazer isso aqui! – ele me agarrou pela cintura e me beijou –

Ficamos ali até a falta de ar nos atrapalhar e sermos obrigados a nos separar

-Harry...-sussurei –

-Shh! – colamos nossas testas e ficamos quietos por segundos –

-Posso saber o que está acontecendo aqui senhorita  Thirlwall e senhor Styles?? – a voz da nossa diretora soou como uma ameaça  e nós nos soltamos rapidamente –

Depois disso eu e Harry fomos para a diretoria com direito a bilhete aos nossos pais que nos deixaram de castigo por uma semana...

Flashback Off

-Eu lembro que a gente ficou por uma semana de castigo! – ela riu enquanto comia –

-Sim...-ri – Quando cheguei em casa com o bilhete e minha mãe me deu uma advertência me dizendo “agora está dando de beijar meninas as escondidas Harry??” –imitei minha mãe fazendo ela rir – E ela ficou em choque ao saber que você tinha ido me esperar no corredor... – ri –

-Mais perai, eu não fui lá por que eu quis! Eu fui enganada! – falei incrédula – Que versão que você contou para sua mãe Harry ??

-A minha....-ele continuou a rir e bebeu um gole do suco dele –

-Ah claro, você chegou e falou “ah então mãe eu chamei a Poopey para um corredor na hora do recreio para nos beijarmos e ela aceitou e na hora ela tava lá e eu beijei ela!” – ela fez uma voz grossa e eu comecei a rir a olhando –

-Foi exatamente assim, como você sabe?? – falei brincalhão e ela ficou séria –

-Seu idiota... – ela limpou a boca dela –

-Sua linda... – fiz o mesmo que ela e sorri para ela – Quer sobremesa??

-Não, obrigada! Estou satisfeita! – ela sorriu simpática –

-Okay!

Chamei o garçom, paguei a conta e saímos do restaurante eu fui deixá-la na empresa e quando estacionei o carro eu olhei ela

-Jade, eu queria te fazer uma pergunta....

-Harry..-ela pegou em  minha mão me olhando séria – Não precisa perguntar nada, eu já sei o que irá me falar....-ela se aproximou de mim e cochichou no meu ouvido – Nos vemos mais tarde, te espero na minha casa às 19 horas e não aceito atrasos... – ela depositou um beijo em minha bochecha e saiu do carro entrando na empresa –


Notas Finais


A Jadezinha aceitou! E agora hein??
Eu já tenho o próximo capítulo em mente e escrito mais só irei postar amanhã para deixar um "suspense" aí!!
Comentem o que acharam :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...