História Lembro-me bem - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor, Angst, Heterossexual, Homossexual, Perda, Saldade, Tristeza
Visualizações 4
Palavras 406
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Lembro-me bem...

Lembro-me bem, do seu sorriso, descontraído e engraçado, quando eu lhe contava uma piada com duplo sentido.

Lembro-me bem, de quando chegava em casa, cansado do trabalho e deitava na cama, suado graças ao sol de trinta graus, que fritava você em seu escritório. Apenas jogava seu terno no chão, me abraçava e jogava-se na cama, derrotado.

Lembro-me bem, que eu reclamava e o xingava, zangado por deitar sujo e soado na cama limpa. Você apenas me agarrava e me jogava na cama para deitar-me junto contigo.

Lembro-me bem, de como fazia o jantar, sorrindo e brincando com a comida, como se fosse uma espécie de mago dos temperos. Servia-me vinho e após o jantar ficávamos horas sentadas no sofá, juntos, assistindo quaisquer programas ruins e mal produzidos, mas que nos fazia rir.

Lembro-me bem, que após horas jogadas fora, assistindo lixo na televisão, você me pegava no colo e me levava para a cama, cobria-me com meu edredom quentinho da trilogia mais antiga de star wars, eu amava aquele edredom.

Lembro-me bem, de acordar ao seu lado, seu rosto cansado, graças à longa noite anterior. Acariciava minha face e com um lindo sorriso desejava-me um “bom dia”.

Lembro-me bem, de seu cheiro… Meus lábios tocando seu pescoço, lenta e cuidadosamente. Podia sentir seu coração acelerar, você se arrepiar. Podia ver em seus olhos o amor que eu tanto desejava manter para sempre.

 Lembro-me bem, da noite em que você se foi. Como se fosse uma folha caída de uma árvore apodrecendo… O vento te levou. Num piscar de olhos, sumiu da minha frente e nunca mais voltou. Deixou-me aqui, sozinho, chorando, temendo cada segundo longe de você.

Lembro-me bem, da sua expressão, naquela noite. Triste e irritado com algo que eu fiz. Não posso me lembrar do que te fez sair por aquela porta, mas lembro-me bem que, naquela noite, passei fome, pois você não estava lá, para me cozinhar algo.

Lembro-me bem, que, naquela noite, fui dormir mais cedo, pois odiava assistir os programas mal feitos.
 Lembro-me bem, que subi as escadas com minhas próprias pernas, naquela noite.
Lembro-me bem, que não dormi aquela noite, e quando amanheceu lá estava eu, sozinho na cama.
Lembro-me bem de chorar naquela manhã, naquela tarde, naquela noite e passar chorando também aquela madrugada fria.

Lembro-me bem de você, que foi levado na noite em que saiu, e nunca mais será trazido de volta.
 

Lembro-me bem...


Notas Finais


Obrigado por ler a até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...