História Les Trois Visages de L'amour - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~Nay_Migliori

Postado
Categorias Orphan Black
Personagens Alison Hendrix, Cosima Niehaus, Donnie Hendrix, Dr. Aldous Leekie, Dra. Delphine Cormier, Felix "Fee" Dawkins, Katja Obinger, Kira Manning, Krystal Goderitch, Paul Dierden, Personagens Originais, Rachel Duncan, Sarah Manning, Siobhan Sadler "Sra. S"
Visualizações 12
Palavras 991
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá amores! Me desculpem por ter demorado tanto com esse capítulo, mas é que as últimas semanas não tem sido muito fácil, mas prometo que vou voltar a postar regularmente, pelo menos uma vez por semana... Esse capítulo está curtinho,mas o próximo vai ser maior para compensar a demora !!!

Boa leitura amores!!!

Capítulo 4 - Dra. Cormier


Todos os cientistas do Dyad estavam lá,até mesmo uns que eu não reconhecia de lugar nenhum. O Dr. Aldous estava a frente da sala e assim que entramos ele começou o seu discurso.


      - Bom dia Doutores! - iniciou - Como todos sabem a Dra. Eve Cho tem nos ajudado muito no avanço da pesquisa em relação ao tratamento de doenças imunológicas, mas infelizmente ela teve alguns problemas pessoais que fizeram com que seu afastamento fosse necessário.- Aldous explicava toda aquela situação enquanto muitos dos cientistas assim como eu pareciam um pouco confusos com tudo oque acontecia.

     

      Passei os olhos pela sala para analisar os rostos que estavam ali, eu realmente não conhecia ninguém além de Aldous, Cosima e agora o Scott. Logo após a fala do Dr. Leekie notei que uma mulher se aproximava para tomar o lugar antes ocupado por ele. Ela era alta, possuía um belo par de olhos âmbar, cabelos loiros em um cacheado impecável, uma pele clara e pelo sotaque só poderia ser francesa.


     - Bonjour! Je suis ...- balançou a cabeça como quem se corrige mentalmente - Me desculpem, ainda é difícil largar o francês. Eu sou a Dra. Delphine Cormier, sou formada em Imunologia e vou assumir a posição antes ocupada pela Dra. Cho. Obrigada a todos pela atenção! - se apresentou.


      O Dr. Aldous falou mais algumas coisas sobre como as pesquisas que envolviam a Dra. Cho iriam mudar um pouco, e que deveriam ser  passadas para a Dra. Cormier a partir de agora.


     - Bom Alex,vamos? - falou Cosima chamando minha atenção - Ainda tenho que te mostrar o laboratório e te explicar como tudo funciona.


    - Claro vamos lá Cos.- respondi já a seguindo para fora da sala. Scott vinha logo atrás.


    - Eai Cos o que você achou da Dra. Cormier? - indagou Scott.


    - Não sei não Scott, ela parece só mais uma igual ao Aldous.


    - Ah Cos, pega leve vai.- retrucou Scott.


   - Bom, diferente de você eu e a Alex temos muito a fazer, então até mais Scott -parecia incomodada - Ah, e boa sorte com a Dra. Cormier!


    Cosima nem esperou Scott responder e virou o corredor que dava acesso ao laboratório que iríamos trabalhar e saiu me arrastando até a porta. 


     Mal entramos no laboratório e Cosima já me apresentou tudo. Em menos de duas horas eu já estava familiarizada com o local e já trabalhavamos em alguns projetos de Cosima.


     As horas seguiram tranquilas, trabalhavamos, conversávamos e davamos risada. Se todos os dias fossem assim não seria uma má ideia tornar minha residência fixa no Dyad, pelo menos não ao lado de Cosima.


POV- Delphine


    Nunca gostei de me apresentar, o fato de ter que falar para muitas pessoas sempre me  incomodava e me deixava nervosa, mas naquele instante enquanto Aldous iniciava seu discurso, eu sentia um nervosismo extremo. Ocupar o lugar de uma cientista como Eve era algo novo e totalmente desafiador.

  

    Ter todos aqueles olhares voltados para mim,t odos me encarando e de certa forma até me julgando não era uma sensação muito agradável. Muitos ali não entendiam minha presença ou não se preocupavam com minha importância ou inteligência. Quase todos ali trabalhavam com Eve a anos, então a reação deles não poderia ser diferente. 

    

       Tinham também aqueles que me olhavam como um pedaço de carne e apesar de ser olhada assim com frequência eu não conseguia me acostumar.

   

    Após o discurso de Aldous e uma breve apresentação minha, ele me levou para conhecer o Instituto. Como estávamos no último andar foi mais fácil, apenas precisamos descer. 

   

   Eu já havia visto várias fotos do Dyad, mas estava impressionada, o prédio era muito maior por dentro. Tinham seis andares acima da rua e três abaixo, passamos por todos os laboratórios dos andares de cima e conheci os cientistas residentes neles.

   

   Nos andares abaixo do térreo não tinham muitos laboratórios, mas neles se encontram as pesquisas mais importantes e consequentemente as mais sigilosas.

  

  Chegamos ao -3,ú ltimo andar, e Aldous me disse que aquele era o último laboratório do prédio. Aquele era mais agitado que o normal, já do lado de fora ouvimos a música e as risadas que preenchia o local.


    - Com licença Sta. Niehaus - disse Aldous ao abrir a porta - Espero não estar atrapalhando as duas. Estou apresentando devidamente o ambiente e os cientistas para a Dra. Cormier.


   - Ah sim - respondeu a moça - Prazer Dra. Cormier! - disse estendendo a mão.


Enquanto o Dr. Aldous conversava com a assistente da cientista hippie que estava naquele laboratório, pude prestar um pouco mais de atenção na moça. O modo como ela prestava atenção no que Aldous falava e como concordava ou debatia me deixou curiosa por saber mais sobre ela. Quem era, o que fazia exatamente, como chegou ali. Porque prestava tanta atenção na moça ao seu lado. Eu realmente perdi a noção de onde estava enquanto imaginava o que poderia acontecer entre as duas. Sai de meus devaneios quando o Dr. Aldous tocou em meu braço e me encaminhou para continuarmos as visitas. Mas eu sabia que não sussegaria enquanto não descobrisse quem era aquela cientista e soltei sem perceber:


- Quem e essa Dr..?


- Niehaus? - completou ele


- Sim. O que ela faz aqui no Dyed.?


- A Dr. Niehaus cuida de alguns estudos voltados para desenvolvimento evolutivo. E a melhor nessa área que temos nesse momento.


- Não tem ninguém que coordene as pesquisas ou estudos dela..?!


- Sim. Agora temos a Srta.


Parei num repente quando ouvi a última parte. Eu não tinha nada a ver com a ciência que ela estava trabalhando, mas algo em mim me deixava entusiasmada com essa ideia. Eu poderia conhecer e descobrir o que eu queria por mim mesma não é.?!


Quando me dei conta disso abri um pequeno sorriso involuntário, o que levou Aldous a imaginar que era ansiedade para o novo emprego. Mal sabia ele qual era o real motivo do meu sorriso.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...