História Let me fly away with you (yuri) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Lesbicas, Romance, Yuri
Visualizações 73
Palavras 587
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Ficção, Orange, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - O pai dela


Fanfic / Fanfiction Let me fly away with you (yuri) - Capítulo 7 - O pai dela

Mel
-Ei, o que estás a fazer?-disse puxando rapidamente as calças para cima.
-Desculpa...-disse envergonhada.-experimenta lá!-disse enfiando-me o gorro na cabeça.
Ela pôs um outro gorro na sua cabeça, tirou o seu telemóvel e começou a tirar-me fotos.
-Eii, então!
-Cala-te e sorri!-disse tirando fotos as nós duas.
Ri-me.
-Espera, acho que tenho aqui um pouco de dinheiro, quanto custam os gorros?
-2,50 €
-Estamos com sorte, tenho 5 € certinhos.
-Não, não quero que gastes dinheiro comigo!
-Anda lá! É uma prenda para que nunca te esqueças deste dia!
Ela sorriu, corada.
-Nunca iria esquecer-me deste dia.-disse quase a sair da cabine.
Puxei-a contra mim antes que saísse e abracei-a. Ela abraçou-me com mais força deixando-me completamente nas nuvens. Dei-lhe um beijo na cara.
-Está tudo bem, meninas?-perguntou a funcionária, lá de fora.
-Ehem, sim, está tudo bem.O-obrigada!-disse eu atrapalhada.
A Bia continha-se  para não se rir, mas não estava a sair-se muito bem. Saímos da cabine e dirigi-me à caixa.
-Queria comprar estes gorros, por favor!
-São 5 €, se faz favor!
Entreguei-lhe o dinheiro.
-Obrigada e volte sempre!
Pusemos os gorros nas cabeças e reparamos que estava a chover imenso.
-Ei... E agora?-perguntei.
-Corremos? A escola é mesmo ali à frente...
-´Bora. 1,2,3....
Começamos a correr o mais rápido que conseguíamos até entrarmos na escola. Estávamos todas molhadas e com frio. Fomos para o 2º pavilhão e o funcionário que nos viu aos beijos entrou e perguntou:
-Bem, o que se passou para estarem assim tão molhadas?
-Fomos dar uma volta e começou a chover...
-hmm, estou a ver, venham aqui para dentro que tem aquecedores.
Entrámos numa salinha onde realmente estava mais quente. Tinha uma mesa com revistas, giz, um telefone... Depois, pendurados numa cadeira, tinha montes de casacos de várias cores e tamanhos que foram perdidos pelas mãos pouco cuidadosas dos alunos. Também tinha guarda chuvas apoiados na cadeira. De um rádio ouvia-se uma música qualquer. O telefone começou a tocar. O funcionário atendeu e falou qualquer coisa. Desligou e pousou-o.
-Bem, fiquem aí que eu volto já. Tenho que ir à reprografia. Não façam asneiras-disse divertido. Saiu e fechou a porta. Olhamos uma para a outra.
-Asneiras?!
-Oh sim!-disse ela soltando um sorriso.
Fez-se uma pausa um pouco grande.
-Tens frio?-perguntei.
-Um pouco...
Aproximei-me e envolvi os meus braços pelo seu corpo.
-Que se passa? Pareces preocupada...
-É que... o João estranhou ter-me visto a dar-te um beijo à saída. Ele anda um pouco estranho...
-Pode não ser por isso, pergunta-lhe o que se passa!
-Sim, tens razão.-disse abraçando-me.
De repente o telemóvel dela começa a tocar.
-Estou? Sim, é melhor.Até já.
Desligou o telemóvel e levantou-se.
-Era o meu pai, vem-me buscar. Queres que ele te leve a casa?
-N-não, achas?!
-Anda lá, ele não se importa.
-Não!
O pai  dela chegou e olhou para mim.
-Queres que te leve a casa?
Antes que pudesse dizer alguma coisa a Bia puxou-me e disse que eu aceitava.
-Então muito bem, onde moras?
-Naqueles prédios ali ao fundo!-disse a Bia sorrindo.
-Bem, sois boas amigas, estou a ver!
O pai dela ia mais a frente com o filho e eu conversava com a Bia mais atrás.
-O que fizeste?!-sussurrei.
-Então, ele não se importa!
-Fogo, já viste? Agora tenho boleia do meu sogrinho e até o meu cunhado está. Só falta conhecer a sogra!
Ela riu-se e mandou-me um encontrão.
Entramos no carro e nunca me senti tão nervosa como naquele momento.
Uma viagem de apenas 5 minutos pareceu durar uma eternidade.


Notas Finais


Aqui está mais um cap.
Espero que estejam a gostar!
Continua...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...