História Let Me Go - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lily Collins, Nash Grier, Shawn Mendes
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Hayes Grier, Jack and Jack, Lily Collins, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sammy Wilkinson, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Visualizações 8
Palavras 1.983
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI MEUS AMORESSSSS
Eu sei que eu não postei nada nessas férias, me desculpem mesmo, mas ei tive um bloqueio crativo horrivel e não consegui escrever nada.
Mas eu voltei com capitulo novinho e com hot também.
Me desculpem qualquer erro e boa leitura.

Capítulo 6 - Neon Party part 2


Fanfic / Fanfiction Let Me Go - Capítulo 6 - Neon Party part 2

Pov Yasmin


Ele abriu os olhos e me viu o encarando, dei um sorriso sem mostrar os dentes e abaixei minha cabeça por alguns segundos, ele se sentou na cama e passou a mão no rosto soltando um grunhido baixo quando passou a mão em sua bochecha. Ele tinha pequenos cortes na sobrancelha, no lábio inferior e na bochecha que estava roxa.

-Acho que eu exagerei em ter pego o kit -falei e ele deu uma risada gostosa -Acho que um curativo ja dava, você so ta com roxos no rosto mesmo. -Ele riu de novo e eu acompanhei, me sentei do lado dele.

-Por que você beijou ele? -Perguntou com um pingo de decepção na voz.

-É sua briga, não minha -Falei e ele assentiu com a cabeça -E outra, eu fico com quem eu quiser -Tentei ser o menos rude possível -Você ficou com a Sasha.

-Mas foi diferente -Ele disse e eu neguei com a cabeça.

-Não foi, Matt. Por que seria?

-Porque quando eu comecei a namorar a Sasha, eu não sabia que você gostava de mim -Ele falou me olhando, fiz uma cara de confusa mas eu sabia a que ponto ele queria chegar, so queria ouvir saindo da boca dele -Ah não, falei coisa que não devia -Se deitou na cama com as mãos cobrindo seu rosto corado, tentei evitar um sorriso que insistia sair, mas foi impossível.

-Você gosta de mim? -Disse sorrindo e ele concordou com a cabeça se sentando novamente e eu dei um tapa na sua cara.

-POR QUE VOCÊ FEZ ISSO? -Ele gritou massageando o local.

-POR QUE VOCÊ NÃO ME FALOU ANTES QUE GOSTAVA DE MIM? TERIA EVITADO TODA ESSA BRIGA BESTA -Respondi no mesmo tom que ele.

-PORQUE EU ACHEI QUE VOCÊ SOUBES...

-A água que você ped... -Lia falou entrando e interrompendo Matt. -Por que a briga agora? -Falou colocando a água em cima da escrivaninha do Matt e cruzou os braços.

-Porque ele gosta de mim -Falei e ela franziu o cenho.

-E o que isso tem de ruim?

-Ele não me falou antes, poderia ter evitado toda aquela briga -Disse cruzando os braços.

-Eu achei que você soubesse -Matt falou e Lia riu negando com a cabeça indo ate a porta.

-Vocês se resolvem sozinhos -Ela falou -Tchau, pombinhos -Abriu a porta e saiu. Matt se levantou e ficou de frente para mim, ele segurou meu rosto com as duas mãos.

-Você é muito bipolar sabia? -Disse e eu ri fraco abaixando o olhar e voltando a olhar nos olhos dele.

-Mas você gosta -Falei provocativa e mordi meu labio inferior fazendo ele o encarar.

-Ô se eu gosto -Falou e colou nossos lábios em um beijo calmo e intenso, suas mãos desceram para minha cintura colando nossos corpos, coloquei minhas mãos em sua nuca arranhando levemente.

Pov Lais

-MAS QUE CARALHO, CAMERON -Gritei assim que ele me empurrou dentro do quarto de hóspedes do Matt -POR QUE VOCÊ FEZ ISSO?

-POR QUE VOCÊ TAVA BEIJANDO O SAMMY? -Perguntou gritando na mesma intensidade.

-Eu não posso? Não posso beijar quem eu quiser? Porque pelo que eu saiba, eu continuo cuidando da minha vida e continuo sem dono.

-Por que você tem que ser assim, Lais? -Falou com tristeza na voz.

-Assim como? -Disse cruzando os braços.

-Tão difícil. Mas que merda, eu tento me desculpar pelo que eu fiz, tento me aproximar de você, mas tudo que você faz é se afastar -falou passando as mãos pelo cabelo.

-Porque talvez eu não queira me reaproximar de você, talvez seja porque você um idiota e eu não queira mais ficar perto de você. -Falei como se fosse óbvio.

-Não faz isso -Falou me olhando triste.

-Por que não? Você nunca se importou mesmo e vai continuar não se importando -Já estava impaciente e irritada demais, a qualquer momento eu iria voar no pescoço daquele idiota.

-Eu me importo agora, merda! -Falou aumentando o tom de sua voz.

-Se importa agora porque sabe o que você perdeu e sabe que não vai ter de volt... -Fui interrompida por ele colando seus lábios aos meus de uma forma meio bruta, o que eu gostava mas não ia me deixar levar, o empurrei pra longe e sai do quarto.

Pov Lia

Laís desceu as escadas correndo e com o rosto vermelho sem se importar quem ela empurrava e foi ate a cozinha.

-Eu falo com ela e voce com o Cam? -Falei para Nash que viu o estresse dela.

-Como tem certeza que foi o Cam? -Ele falou dando um sorriso de lado.

-Sempre é -Dei um último gole na minha bebida e deixei o copinho em qualquer lugar, recebi um tapa na bunda de Nash enquanto ia ate a cozinha, me virei mordendo o lábio inferior e dando uma piscada para ele que riu e foi ate as escadas, continuei indo ate a cozinha e encontrei Lais abrindo todos os armários.

-Ta procurando o que? -Falei por trás dela que se assustou.

-Alguma coisa que me faça esquecer tudo essa noite -Ela disse continuando a abrir os armários.

-O que o Cameron fez? -Falei pegando outro copo de vodka e colocando um pouco de energético junto.

-Nasceu! E apareceu na merda da minha vida -Falou olhando para o meu copo -O que você tem ai? -Pegou o copo da minha mão e deu um gole, fez uma cara de quem gostou e tomou tudo, acabou a bebida e bateu o copo na mesa -Quero mais!

-Ei, vai com calma se não vai ficar em coma alcoólico -Falei rindo e vi Sammy se aproveitando -E tambem não vai se lembrar de certas bocas -Dei um sorriso malicioso para ela e olhei para sammy, ela acompanhou meu olhar e corou na mesma hora.

-Ai que droga! Cameron me puxou bem na hora que eu tava ficando com ele -Ela sussurrou tampando o rosto.

-Espero que não seja arrastada pra longe de mim dessa vez -Sammy disse se aproximando de Lais.

-E eu vou voltar pro meu homem -Falei e fui ate o andar de cima, abri a porta do quarto de hóspedes, Nash e Cameron estavam lá.

-O que voce fez dessa vez, Cameron? -Falei entrando no quarto.

-Ele puxou a Lais quando ela tava beijando o Sammy, ela ficou brava com ele e ele beijou ela pra tentar acalmá-la so que ela ficou mais brava ainda e não vai mais olhar na cara dele, provavelmente -Nash falou rápido me fazendo rir e Cameron ficou com um ponto de interrogação na testa.

-Qual a graça? -Cameron perguntou.

-Você ser imbecil ao ponto de fazer a Lais te odiar mais ainda. Cara, ela faz o que quiser, fica com quem quiser e não é você que vai impedir, você ficou com mais de cem garotas na frente dela e ela não pode ficar com um cara que você ja fica com essa ciúmes besta e tira ela de la? Você não tem nada a ver com a vida dela, então para! -Falei para Cameron, ele arregalou os olhos e Nash riu -Cansei de resolver o problema dos outros, vamos curtir a festa, Nash -Falei e ele segurou minha mão indo ate a porta, o segui e saímos do quarto deixando Cameron la.

Voltamos para a sala e depois tomar vários copos de bebida, dançar todas as musicas que tocava, quase voar na cara de Maggie por estar querendo transar com o Nash na minha frente e presenciar uma briga feia entre Jack Gilinsky e sua namorada Madison, começou a tocar Chantaje -Shakira e Maluma

-Adoro essa música -Falei para Nash -Dança comigo?

-Não gosto de dançar com você, você me provoca demais -Ele falou negando com a cabeça e eu ri fraco.

-Se você me deixar te provocar vai ter recompensa depois -Sussurrei provocativa bem próxima ao seu ouvido e mordi o lóbulo de sua orelha.

-Você não presta, Lia -Ele falou rouco e o levei ate o meio da sala.

Comecei a me movimentar conforme a musica colada nele que segurava forte em minha cintura e ele me acompanhava. Me virei de costas pra ele e comecei a rebolar na altura de seu membro, ele segurou em meu quadril me prensando contra seu corpo, seu amiguinho ja estava dando sinal de vida conforme eu rebolava. Ele me virou e eu fiquei de frente pra ele que começou a me beijar de uma forma rápida e cheio de desejo por ambos, uma de suas mãos estavam firmes em minha cintura e a outra apertava minha bunda com força, as minhas estavam em sua nuca que logo desceram para seu abdómen por baixo da sua blusa e arranharam levemente fazendo ele arfar.

-Vamos para um quarto -Sussurrou em meu ouvido e eu concordei com a cabeça indo  para um outro quarto de hóspedes, sim, a casa de Matt era bem grande e tinha vários quartos de hóspedes.

Nash me levou para o último quarto do corredor, ele abriu a porta e eu entrei sendo seguida por ele, fechou a porta e trancou, me virei para ele que tirou a blusa vindo para cima de mim e atacando minha boca em um beijo lento e selvagem. Ele me deu impulso e eu subi em seu colo envolvendo minhas pernas em sua cintura, me deitou na cama ficando por cima de mim. Quebrou o beijo e foi descendo ate meu pescoço me causando vários arrepios, sua mão foi descendo por debaixo do meu vestido acariciando a parte interna de minha coxa me fazendo soltar um gemido de ansiedade, ele soltou um riso abafado e tirou a mão de minha coxa, o repreendi com o olhar e inverti nossas posições, suas mãos foram rapidamente para o zíper do meu vestido o abrindo, tirei a unica peça de roupa ficando apenas de lingerie, Nash olhava cada detalhe de meu corpo como se fosse a primeira vez, sua mão direita sobe para o meu rosto fazendo um carinho gostoso na minha bochecha.

-Você é linda -diz em um sussurro -Eu te amo tanto -sorrio e colo seus lábios nos meus em um beijo lento e calmo que foi se intensificando fazendo o calor do quarto aumentar. As mãos de Nash vão para o fecho de meu sutiã enquanto as minhas vão para o volume de sua calça fazendo movimentos de vai e vem em seu membro por cima do tecido, ele solta um grunhido me fazendo arrepiar e tira meu sutiã o jogando em qualquer canto do quarto, vou descendo os beijos por seu pescoço e abdomen ate chegar a barra de sua calça, ele me ajudou a tirar a peça e sua cueca, mostrando seu membro ereto. O peguei pela base e lambi toda a glande, logo colocando-o e minha boca, ele colocou a mão no meu cabelo e meu ajudou com os movimentos.

-Caralho... -disse rouco e chegou ao seu ápice, engoli todo o líquido, ele inverteu as nossas posições ficando por cima de mim e me beijando, uma de suas mãos desceram para minha intimidade massageando meu clitóris me fazendo gemer entre o beijo. Ele esticou seu braço ate o criado-mudo abrindo a primeira gaveta e tirando uma camisinha dali.

-Como sabia que tinha uma camisinha ali? -Perguntei e ele deu um sorriso ladino

-Eu que arrumei esse quarto -disse me fazendo rir e voltou a me beijar, ele colocou a camisinha e me penetrou, me fazendo soltar um gemido alto, seus movimentos aumentavam conforme eu arranhava suas costas ou puxava seu cabelo, sua boca foi descendo para o meu peito direito o chupando e me enlouquecendo cada vez mais.

Cheguei ao meu ápice soltando um alto gemido, não demorou muito para que Nash chegasse ao seu tambem, ele se deitou ao meu lado e me puxou para deitar em seu peito.

-Não é melhor você voltar? -falei o olhando.

-Você não me quer aqui? -falou dando um sorriso

-Não -respondi irônica e revirei os olhos -Claro que quero, mas você não acha que vão sentir falta do "Anfitrião da festa"? -fiz aspas com as mãos e ele colocou a mão em minha bochecha fazendo um carinho gostoso ali.

-Meu lugar é com você -disse me fazendo sorrir e me deu um selinho. Ficamos conversando por um tempo até que decidimos dormir.


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Não se esquecem de falar o que acharam
Beijinhos❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...