História Let Me Go - Capítulo 19


Escrita por: ~ e ~Kill_Hunter

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Theo Nicole
Visualizações 40
Palavras 856
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiê gente, cap especially, amo a Kate, ela é que eu mais me identifico... Enfim, I love Katherine.

Capítulo 19 - Finally, the truth


Fanfic / Fanfiction Let Me Go - Capítulo 19 - Finally, the truth

POV Katherine 

Estava saindo da escola, nada demais tinha acontecido, tirando a puta da Rebeca fazendo briga, como sempre, e dando merda, so que agora com Nick, sério, eu me rebaixada não, chamar atenção não está nos meus planos, mas enfim, deu tudo certo, mas acho que Rebeca se fudeu, mas estava lá, correndo atrás de Theo, como sempre.

Fiquei conversando com o  porteiro, ou seja tava um tédio do caralho depois de tempos na frente da escola esperando Nicole, ela chegou, ela logo me abraça, falsa como sempre, mas depois me solta e vai falar com Maurício e Mário, logo digo

- Olha, Nicole tô te esperando aqui, tá?

- Tá, tá. Ela grita 

Porra, as vezes dá uma raiva do caralho quando ela me deixa sozinha pra falar com eles, porque ne, não falo com eles. Mas pelo menos ela não demorou

- Oh menina, que pressa

- Que pressa o que? Aonde você tava?

- Olha, em casa eu te conto tudo, mano, por que cê nunca fala com os meninos? 

- Você sabe que eu não falo com eles né

- Correção, eu sei que você não é mais namorada de Maurício, só isso, mas não sei o motivo de como começou o namoro e acabou, e nem sei porque cê não fala com Mário, acho ridículo, somos melhores amigas, precisamos compartilhar segredos, só acho

- Querida, a senhora bebeu?

- Talvez, vai contar ou não?

- Tá okay.

A um ano atrás, ou dois, não me lembro bem,  e mas enfim, teve festa na casa de Nicole, nem éramos tão amigas assim, só que ela me convidou, fiquei lá conversando com alguns colegas, aí notei que Maurício estava me olhando muito, muito mesmo, até fiquei agoniada, mas tava gostando, não vou negar, estava tocando um sertanejo, o que eu mais gostava, ele viu que eu tava quase incarnando a Marília Mendonça e indo dançar, aí ele chegou em mim, me chamou pra dançar, foi ótimo, ele estava bem cheiroso, dançava muito bem, era o homem dos meus sonhos, queria me casar com ele, aí depois da dança, ele pegou uma bebida, e logo depois veio várias outras que eu nem sabia de onde viam, mas estava lá, feliz, pensava que aquilo estava me fazendo bem...

Então, ele disse que era pra nós darmos um paço a diante, só sei que cheguei em um quarto lá, era lindo e bem perfumado, hoje eu sei que é o quarto dos pais de Nick, mas na época nem sabia, tinha um problema com tudo isso, eu era virgem, e não estava afim de fazer, mas estava muito bebada, também não tinha costume de beber, ele me segurava muito forte, até que acabei não conseguindo resistir e ele me estuprou, me violou, e tirou minha virgindade, quando acabou, estava com medo, frio, e me sentindo um lixo, comecei a chorar, ele me olhou e falou

- Olha, isso não é o fim do mundo, e aliás, não te estuprei, só transamos, e tipo, sei lá, vai no banheiro, se troca, depois quero falar com você.

O meu erro, foi obedecer a ele, então fui lá, fui ao banheiro, me troquei, só que falei com meu único amigo da escola na época, Mário, pedi um conselho do que fazer, ele me disse

"Amiga, olha, nem sei, to ocupado aqui, sério mesmo, tem muita gente aqui da festa que eu fiz amizade, olha, concordo com ele, não é o fim do mundo, as coisas são assim, okay? Se acalma, desce aqui com ele, se diverte, tchau" 

Sai do banheiro, estava me sentindo horrível, Maurício veio e me deu um abraço, ele só estava de calça, mas sem camisa, ele diz

- Olha, quer namorar comigo? Sei que você acha que sou um monstro, mas quero me desculpar, sendo a melhor pessoa pra você

Ele levanta minha cabeça, abaixada e me dá um beijo, quente e excitante, e diz que vai cuidar de mim, aí a gente desceu, ele segurou na minha mão e fomos pra uma roda de amigos, ele me apresentou como namorada dele, e foi lá que falei a primeira vez com Nicole, ele me deixou lá e foi beber e acho que contar as coisas que tinham acontecido, e me deixou lá, e foi lá que fiquei conversamos com Nick, e acabei ficando amiga dela, foi ótimo, única coisa boa naquela noite de festa... Namoramos por  uns tempos, me apaixonei por ele, me entreguei, literalmente, o único homem que fiz foi com ele, só com ele, até hoje, posso até mentir dizendo que sim, mas não, não consigo.

E acabamos quase 2 anos depois, só que nos finais descobri que ele me traia, parei de falar com Mário, pouco tempo depois de acabar com Maurício, Mário só me dava conselhos como se tivesse dizendo "fique com Maurício, só ele te amará de verdade" mesmo sabendo que ele tinha me traído, isso me irritou e acabei deixando de ser amiga dele, perdi um namoro e um melhor amigo.

- Sério mesmo amiga?

- Sério mesmo, tá feliz?

- To sim, sei que você é forte o bastante pra não se incomodar com isso hoje em dia

- É... Verdade

E chegamos em casa, finalmente, to morrendo de fome.










Notas Finais


Essa foi pesada, Katherine foi muito forte, nem imaginava o quanto.
Gente... Bjs tenho que me recuperar, até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...