História Let me in - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Jimin, Jungkook
Tags Alfa, Baekyeol, Chanbaek, Hunhan, Jikook, Kaisoo, Kookmin, Namjin, Taoris, Xiuchen
Visualizações 975
Palavras 1.659
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura <3
N sou muito boa com notas, rsrs!
(sempre acabo escrevendo besteira ksdks)

Capítulo 3 - Third Night


Fanfic / Fanfiction Let me in - Capítulo 3 - Third Night

“Seu medo, posso senti-lo. Sua fraqueza, faz-me arfar, e sua inocência, vou sugá-la de bom grado.”

03:35AM.

Jeon e Park estavam tomados pelo ódio, ambos prontos para atacar os irmãos. Park havia voltado a sua forma de lobo, suas vestes se encontravam estiradas e rasgadas pela terra úmida. Este rosnava de forma feroz contra Baekhyun, que enxergava tudo a seu redor de forma opaca.

E Jeon, estará prestes a abocanhar a perna de Jimin, que se arrastara para trás, tentando afastar tanto Jungkook, quanto os outros lobos a sua volta.

Seus ossos ainda estão regenerando-se, o que tornava a situação ainda mais difícil. Já que um imortal, regenera-se após trinta segundos de seu ferimento.

Ambos lobos já preparados, iriam atacar, mas logo um som estridente e alto, fez-se presente na mente de ambos.

Park grunhiu choramingando, assim como Jeon, que recuou para trás posicionando as patas por cima de suas orelhas, em uma tentativa de amenizar a dor.

Baekhyun e Jimin, não entenderam a reação repentina dos lobos. E logo todos além dos dois, pareceram recuar para trás.

“Não os matem.” – A voz de Namjoon se fez presente na mente dos lobos.

“Mas estes adentraram nosso território, as regras dizem que podemos fazer oque quisermos com eles.” – Explicou-se Jungkook, lançando um olhar raivoso a Jimin, que corria até o irmão.

“Estes vampiros são diferentes, não podemos matá-los, seria um caos. Mas poderemos entrar em um acordo breve, com a família Byun.” – Disse Namjoon.

“Não poderemos matá-los, mas isso não nos impede de fazê-los pagar, por ousarem atravessar nossas terras.” – Rosnou Park.

“Não me desaponte, Park. Traga-os aqui intactos, para selarmos um acordo, e não ousastes fazer o contrário.”

“Estes são vampiros, irão se regenerar.” – Disse Jungkook.

“Façam oque quiserem, mas tragam-nos para nossa matilha, antes que o sol se ponha. Não poderemos selar um acordo, se ambos morrerem queimados a luz do sol.”

“Sim, meu senhor.” – Disse Jungkook.

“Não iremos desapontá-lo.” – Disse Chanyeol.

A voz de Namjoon já não se fazia presente. Os lobos se entre olharam, iniciando uma conexão. Desta vez Jungkook adentrava a mente de Park.

“Droga, não temos permissão para matar os malditos sangue sugas.” – Disse Jungkook.

“Não temos opção, a não ser levá-los a matilha.” – Rosnou baixo, olhando a Jimin e Baekhyun. Ambos se regenerando aos poucos.

“Não temos tempo para diversão.”

“Temos que tirá-los daqui, logo o sol se fará presente como Namjoon nos disse. Estes iram queimar.”

“Não só por isso, mas também por que eles estão se regenerando e provavelmente com os pensamentos em uma possível fuga.”

E de fato era verdade, Baekhyun tentava se levantar a todo custo com a ajuda do irmão, já que sentia seu ombro se preencher com músculos e pele novamente. E Jimin sentia seus ossos se recompondo, causando leves sons de estalo.

Park também se encontrava ferido, mas Baekhyun não entendia o porque de seu ferimento não estar aberto, e sim ter cicatrizado de forma rápida, assim como sua regeneração. Será este um hibrido? – Pensou.

Antes mesmo de se levantar, pode sentir a presença dos dois garotos, novamente em suas formas humanas. Observando os irmãos, com a frieza visível em seus olhares.

Jimin se encolhia, mas logo balançava a cabeça negativamente. Preparando-se para atacar na defensiva.

– Saiam e nos deixem ir, ninguém precisará sair ferido. – Disse Jimin, fazendo Jungkook rir.

– Os únicos feridos aqui, são vocês. – Riu sarcástico.

– Nos deixem ir. – Reforçou Baekhyun firme.

– Não podemos, e mesmo se pudéssemos, não queremos. Vocês atravessaram nossas terras, e desonraram um acordo de mais de trezentos anos atrás. – Respondeu Park indiferente.

– Mas estávamos de passagem. – Argumentou Baekhyun.

– Aish, poupe-nos de suas palavras fúteis, não temos tempo a perder com sua linhagem nojenta. – Vociferou Park, já sem paciência.

– Não ouse tocar-me cão. – Disse Baekhyun deixando a mostra as presas ao ver este se aproximar.

Jungkook retornou a sua forma de lobo, junto a Park. E ambos resolveram arrastar os irmãos.

Jungkook mordia com indelicadeza o tecido fino da blusa de Jimin, temendo que este se rasgasse, mas o máximo que recebeu, foram gritos do mesmo.

E Chanyeol não era diferente, esse ainda mais indelicado, arrastava o mais velho dos Byun pela barra da calça jeans, vendo o mesmo agarrar firme a terra úmida com as garras, recusando-se a se locomover.

 

[…]

 

05:35AM.

 

Durante o trajeto, dos lobos arrastando os irmãos a força, Baekhyun continuará arrastando a terra com firmeza em mãos.

– Solte-me cão imundo! – Esbravejou o loiro, contraindo o abdômen e alcançando Park, fazendo suas garras rasparem-lhe a garganta.

– Ora, seu! – Vociferou Park mas só Jungkook foi capaz de ouvir, já que este estará em forma de lobo, Mordeu ambos os braços finos de Baekhyun, apertando-os entre os dentes, arrastando-os a direção oposta e por fim quebrando seus ossos dos braços. Um barulho indicando que estes haviam quebrado, fez Baekhyun grunhir e se debater de dor, seus braços agora estavam tortos e os ossos quase saindo para fora.

O que o fez desferir um chute em Park, e fazê-lo ser atingido em cheio contra uma árvore, quebrando as costelas do lobo, que se contorcia de dor pelo chão.

A árvore antes comum, agora estará amassada, e com a marca das costa de Park.

Baekhyun não teria os braços por trinta segundos, mas as pernas estariam a sua disposição.

O lobo já estará pronto para esganar o loiro nem que fosse se arrastando, mas este foi repreendido por Jungkook, que uivou olhando para cima, indicando que o sol estará prestes a se por a qualquer minuto.

Park sorriu internamente, observando Baekhyun e Jimin que logo foram tomados pelo desespero.

Baekhyun se arrastava pelo chão, olhando desesperado em todos os cantos da floresta a sua volta. Mas tudo oque via eram árvores, flores, uma mata verde viva, e terra úmida.

Este se desesperou.

E o irmão ruivo, que ainda lutará contra as garras de Jungkook que agarravam-lhe.

– Tirem-nos daqui agora! – Gritou Baekhyun com os olhos arregalados, ao ver uma fresta de luz causada pelo sol, aparecer aos poucos, diante da margem.

Ambos os lobos se olharam.

– O sol! O sol irá nos queimar. – Jimin, se debatia.

Uma pequena fresta de luz foi se surgindo e se aproximando entre as árvores.

Os irmãos pareciam mais eufóricos do que nunca. Mas os lobos não pareciam comovidos, estes estavam prestes a ver um vampiro queimar-se vivo pela primeira vez. Seus olhos brilhavam, enquanto assistiam o desespero dos vampiros.

“Precisamos tirá-los daqui.” – Rendeu-se Jungkook, com as presas ainda em Jimin, arrastando-o.

“Sim, precisamos ser rápidos.” – Suspirou o Park.

Park parecia calmo, mas assim que uma ponta de luz refletiu-se atingindo as mãos de Baekhyun, este viu suas mãos virarem carne viva, uma fumaça erguia-se do local, oque fez Baekhyun gritar agoniado rastejando-se de forma veloz a procura de um abrigo.

Park fora tomado pelo desespero pela primeira vez.

Este suspirou derrotado correndo em direção ao vampiro, e o olhando firmemente. Estava disposto a adentrar a mente de um vampiro pela primeira vez.

“Suba, em mim.” – Disse com os olhos presos aos do vampiro, que hesitou por alguns segundos, mas ao sentir outro raio de luz o acertar nas pernas, com violência dessa vez, subiu de forma rápida sentindo os pelos macios do lobo deslizarem por seu rosto.

“Segure-se.” – Ordenou, vendo Baekhyun apertar seu pescoço com medo.

“Jungkook, temos que ser rápidos, ou estes iram queimar.” – Disse adentrando a mente do mesmo.

“Sim.” – Jungkook apenas olhou para Jimin, que prontamente subiu em cima do lobo já sabendo oque fazer.

Os lobos corriam em alta velocidade, com os irmãos acima de si.

Era uma corrida contra o tempo, Jungkook e Park pulavam troncos de madeira espalhados pela terra úmida, uns atrás de outros, com rapidez e agilidade. O vento os atingia de forma brutal, oque apenas os incentivava a correr ainda mais rápido.

O sol se aproximava cada vez mais dos irmãos que corriam poucos segundos adiantados, com o sol correndo atrás dos mesmos de forma assustadora.

Faltando poucos segundos para que o sol os alcançasse de vez, os lobos chegaram a matilha, o buraco se encontrava fechado, então Jungkook uivou em um código para que abrissem com rapidez. Desceram pela terra, encontrando a escotilha gigante abaixo da mesma, adentraram a escotilha, chegando enfim a enorme muralha, a qual travessaram prontamente.

A pequena vila encontrava-se desperta, todos em suas formas humanas.

Alguns com cestas já iniciando suas compras em barracas próximas, e outros apenas observavam a cena, alguns chocados e espantados por verem vampiros em sua região.

Baekhyun ofegava como se tivesse sido este a correr, mas era apenas o desespero. Suas mãos antes queimadas e transformadas em carne viva, graças ao contato com o sol, regeneraram-se de forma rápida.

Jimin olhava o vilarejo a sua volta, com os olhos ainda brilhantes.

Park logo tratou de jogar Baekhyun de suas costas, vendo este cair de forma rápida contra a grama aparada.

Porém Jungkook ainda permanecia com Jimin em suas costas, este que se levantou de forma rápida, achando que o lobo fosse copiar o alfa.

Viram dois homens se aproximarem, estes com armas penduradas em um cinto, armas que tanto Baekhyun como Jimin reconheceram. Armas com balas de prata.

Baekhyun logo tratou de se afastar, escondendo-se atrás de Park, como se este pudesse o defender.

O lobo apenas olhou o menor erguendo a sobrancelha, e se afastou.

Os homens aproximaram-se, cada um agarrando um braço dos irmãos.

Jimin ameaçou mordê-lo, porém Jungkook virou a cabeça em negação como se dissesse para o mesmo não o fazer.

– Bom trabalho, vocês executaram esta missão de forma rápida e sem falhas. – Disse um dos homens, fazendo Park e Jeon, agaicharem-se em reverencia.

– Iremos levá-los ao líder, este deseja vê-los também. Retornem a seu lar dentro de trinta minutos. – Ambos os lobos, ergueram a cabeça, retirando-se e andando em direções opostas.

Jimin e Baekhyun estavam sendo levados, levados ao lar do alfa de toda a matilha.

Estes optaram por não mais lutar, se o alfa queria os ver que assim fosse.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...