História Let Me Love You - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camren, Camreng!p, Laureng!p
Visualizações 1.299
Palavras 2.072
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Famí­lia, Policial, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - 14


Fanfic / Fanfiction Let Me Love You - Capítulo 14 - 14

 

{SEMANAS DEPOIS}

POV'S CAMILA

 

Hailee tinha ligado a pouco tempo, me chamando pra acompanhar ela em uma festa que ela iria, aceitei o convite mas tinha pouco tempo pra me arrumar.

Tomei um banho junto com Lorenzo, vesti a roupa dele e coloquei meu vestido preto, entrei no banheiro outra vez começando a me maquiar.

Já tinham se passado longos minutos, quando Hailee chegou, depois de buzinar, ela entrou em casa chamando pelo meu nome.

 

- Estou no quarto! -gritei para que ela pudesse ouvir

 

Me olhei no espelho uma última vez, antes de sair do banheiro vendo Hailee

 

- Uau... -ela me analisou- Você está linda 

- Obrigada -agradeci com um sorriso

 

Ela se aproximou me dando um selinho, foi até a cama afim de pegar Lorenzo, mas o mesmo cruzou os braços negando com a cabeça

 

- O que foi Lo? -Hailee perguntou mas ele ignorou- Porque ele tá bravo? -perguntou pra mim

- Eu não sei, ele estava bem até agora -respondi confusa

- Bom, vamos? -ela chamou e eu assenti

 

Hailee bagunçou os cabelos do Lorenzo, o mesmo fechou a cara irritado, andei até a cama o pegando no colo.

 

- O que foi amor? Por que você está tão bravo hein? -perguntei tentando entender

- Lorenzo não quer! -respondeu 

- Você não quer ir? -perguntei e ele assentiu- Porque neném? 

- Lorenzo não quer! -ele repetiu

 

Paramos na frente do meu carro, coloquei Lorenzo na cadeirinha dele e me sentei no banco do motorista, ligando o carro. Hailee me falou o endereço que estava no convite da festa da sua amiga, em quinze minutos estava parando na frente de uma casa, ou melhor, uma mansão, onde seria a festa.

 

Entrei ao lado da Hailee, ela me apresentou pra sua amiga que descobri ser a aniversariante. Hailee se afastou dizendo que iria cumprimentar mas algumas pessoas, me deixando ali com Lorenzo 

 

- Camila? -ouvi a voz aguda da Ariana atrás de mim

- Oi Ari -sorri em vê-la, pelo menos um rosto amigo no meio daquelas pessoas desconhecidas

- Não sabia que você conhecia a Elle -Ariana disse confusa

 

  Elle, esse era o nome da aniversariante.

 

- E eu não conheço, a Hailee que me chamou e eu aceitei o convite -expliquei  

- Lorenzo está tão lindo, parece um homem com essa roupa -ela disse sorrindo

 

Analisei meu filho que estava agarrado a minha perna.

 

- Ele está lindo mesmo -tive que concordar

- Eu vou pegar alguma coisa pra beber, você quer algo? -perguntou 

- Não, obrigada -neguei

 

Ariana se afastou, não demorou muito pra Hailee voltar até mim, pegando em minha mão.

 

- Você chama muita atenção com esse vestido sabia? -perguntou olhando envolta- Os homens ficam tudo te olhando

 

Franzi o cenho sem saber o que responder pra ela, a mesma voltou a me olhar

 

- Não dava pra você ter escolhido um vestido maior não? -perguntou

- Mas em você disse que eu estou linda com esse vestido... -respondi confusa

- Você tá linda demais, esse é o problema -ela falou

 

Arqueei a sobrancelha ao notar que ela estava tentando escolher a roupa que eu deveria vestir ou não.

 

- Vamos sentar? -me chamou

- Claro... -respondi baixo

 

Nos sentamos em um lindo sofá de couro preto, Lorenzo se sentou ao meu lado e Hailee se afastou indo pegar algo pra gente comer.

 

Já tinham se passado quase duas horas, o relógio da sala marcava onze horas da noite, Hailee passou o tempo todo grudada em mim, literalmente, e eu só queria ir embora.

 

- Tá bom casal, eu vou ter que roubar a Camila um pouco Haiz, mas prometo que é rapidinho -Ariana falou parando em nossa frente

- Sei... -Hailee a olhava desconfiada- Não demora muito ta bom?

- É rapidinho, relaxa -Ariana respondeu

- Deixa que eu fico com o Lorenzo -Hailee se dispôs e eu concordei

 

Deixei Lorenzo com ela, Ariana pegou em minha mão me puxando pra fora da casa, na parte de trás onde tinha um lindo e grande jardim, cheio de flores. Andei até o banco de madeira entre as flores, seguindo ela, até que nos sentamos.

 

- Ta bom, pode começar a falar -disse 

 

A olhei com o cenho franzido, completamente confusa.

 

- Pode me falar porque está com essa cara de quem quer sair correndo -ela disse

- Não é nada -suspirei

- Pra mim isso não parece nada -ela insistiu 

 

Ariana era uma das minhas melhores amigas, e eu tinha muita confiança nela.

 

- Promete não contar nada pra Hailee? -perguntei

- Claro, pode falar -respondeu ela

 

Me ajeitei no banco de madeira, virei meu rosto na direção dela antes de começar a falar; 

 

- É que a gente tem namorado a uns meses, mas a Hailee fica cada vez mais estranha, quer dizer, ela tem ciumes de tudo e de todo mundo, isso é normal? Não é? -perguntei confusa

- Ela é possessiva... -Ariana respondeu

 

Possessiva definia bastante Hailee, mas era uma palavra pesada demais, não queria defini-lá desse modo.

 

- A Hailee sempre foi assim, por isso não acho uma boa ideia você ter aceitado namorar com ela, quer dizer, eu amo a Hailee, é uma grande amiga, mas ela sempre foi possessiva, com todas as pessoas que amava -Ariana explicou

 

Obrigada por me avisar depois da gente já estar namorando... -pensei

 

- Eu achei que ela fosse mudar com o tempo, mas parece que isso não aconteceu -continuou Ari

- Mas e agora Ari, o que eu faço?

- Tenta conversa com ela, fala que precisa de mais espaço, fala pra ela que você não gosta dela assim, encima de você o tempo todo Mila -respondeu ela

- É, talvez eu deva fazer isso mesmo... -disse entre suspiros

 

Ficamos em silêncio por alguns minutos, até que Ariana voltou a falar;

 

- Era só isso que estava te incomodando? -perguntou calma enquanto se levantava do banco, fiz o mesmo

- Sim, obrigada pela ajuda Ari -agradeci sorrindo

 - Não precisa me agradecer por isso -respondeu

 

Trocamos um abraço apertado e demorado, quando nos separamos, Ariana sorriu mostrando suas covinhas fofas.

 

- Vamos entrar agora? -chamou

- Claro -respondi

 

Segui ela até entrar na casa outra vez, me sentei no mesmo lugar ao lado da Hailee, ela passou o braço por minha cintura

 

- O que vocês estavam fazendo lá fora? Demoraram! -Hailee perguntou me encarando

- Você está com ciúmes da Ari? -perguntei confusa

 

Calma Camila, Calma...Você só precisa conversar com ela pra resolver tudo.

 

 

POV'S LAUREN

 

- Eu não quero sair hoje! -resmunguei com a cabeça enterrada no travesseiro

- Não vou te deixar mofando nessa casa, o Chris vai, você também vai, não vai ficar aqui sozinha -Alycia insistiu

 

Ela começou a puxar meus pés, enquanto eu pedia repetidamente pra ela parar, mas a mesma só me soltou quando eu cai dá cama no chão.

 

- Alycia porra! -resmunguei

- Levanta essa bunda branca daí agora, e vai se arrumar -ela andou até a porta- To te esperando lá embaixo, você tem dez minutos Lauren -ela saiu do quarto

 

Revirei os olhos, me levantei me dando por vencida, fui até meu closet, peguei meu camisetão cinza, calcei meus coturnos no pé, fiz uma maquiagem rápida e desci a escada devagar.

Alycia me analisou de cima a baixo, Bea fez o mesmo

 

- Você vai desse jeito? -Alycia perguntou

- Você está uma gata Laur -Bea falou ao mesmo tempo que ela

 

Sorri pra Bea, e revirei os olhos pra Alycia, terminando de descer a escada

 

- Vamos logo, porque se eu mudar de ideia, vou me deitar em minha cama e ninguém vai me tirar de lá mais -falei séria

- Mal humorada... -ouvi Alycia resmungando

 

Andei até o quintal, e abri a porta do meu carro entrando. Se eu fosse em meu carro, não precisaria da minha amiga pra voltar pra casa, voltaria a hora que quisesse. 

A porta do passageiro foi aberta, por ela entrou Bea

 

- Cadê o Chris? -juntei as sobrancelhas confusa

- Ele vai no carro da Alycia -Bea respondeu

 

Apertei o botão do controle da garagem, abrindo o portão, acelerei o carro seguindo o carro da minha amiga.

 

- Eu amei seu carro novo -Bea disse sorridente

 

Tinha trocado o meu conversível vermelho da Ferrari, por um Maserat preto, já que o mesmo era espaçoso, e tinha lugar pra cadeirinha de bebê do Lorenzo, coisa que o outro não tinha, e eu não podia ficar andando com meu filho nele.

 

O carro da Alycia foi diminuindo a velocidade na frente do meu, estacionei meu carro logo atrás do dela.

 

- É festa de quem? -perguntei á Bea

- Uma amiga nossa, você não conhece -respondeu

- Espero que vala a pena -suspirei 

 

Andamos juntas até a casa, era grande, e quando entramos vi como ela era linda por dentro.

Meu irmão logo se aproximou de mim, ele parecia estar tão perdido quanto eu já que não conhecíamos ninguém naquele lugar.

 

- Que festa mais sem graça -ele sussurrou, eu concordei com a cabeça

- Eu preciso beber alguma coisa, quem sabe assim fica melhor -respondi sorrindo

 

Andei até uma mesa grande que tinha no canto da sala, tinham alguns drinks lá encima, peguei um bebendo devagar, quando terminou, peguei outro.

Vi de longe uma garrafa de vinho, o que me fez sorrir, um vinho bom, sempre foi a minha bebida favorita. Peguei a garrafa e virei em um copo, enchendo até encima, peguei o copo na mão saindo de perto da mesa.

 

- Mamãe! -ouvi um grito agudo

 

Abaixei meu olhar encontrando Lorenzo que corria até mim, quando me alcançou, ele abraçou minhas pernas me olhando com um sorriso grande no rosto.

 

- Ei garotão -me abaixei na frente dele- Uau como você está lindo filho -elogiei 

 

Lorenzo usava uma blusa social, uma calça, e tinha uma gravata borboleta no pescoço. Tipica roupa que com toda certeza foi Camila que colocou nele.

 

- Cadê sua mama? -perguntei a ele

 

Meu filho se virou, estendeu o braço apontando pra uma direção, após algumas pessoas saírem da frente, notei Camila sentada em um sofá, Hailee estava ao seu lado, com o braço ao redor da sua cintura. Hailee a analisava, enquanto Camila olhava pra qualquer lugar.

 

- Lorenzo? -Bea perguntou confusa- O que ele está fazendo aqui?

- Não sei, a mãe dele deve ser amiga da amiga de vocês -respondi dando de ombros- Esperava que essa festa fosse mais animada...

- Costuma ser, mas ainda tá cedo, começa a ficar boa depois da meia noite e meia, é quando nossos outros amigos começam a chegar -Bea explicou

- Não sei se vou ficar até tão tarde -falei

- Qual é Laur? Logo você que ama uma festa -ela retrucou

 

Não a respondi, meu olhar estava preso na cena da Hailee beijando Camila.

 

- Você está com aquela cara... -ouvi a voz da Bea

- Que cara? -me virei pra ela confusa, antes de voltar minha atenção pra cena das duas no sofá

- Com aquela cara que você faz quando está brava -respondeu ela

 

Cansada de ver aquela cena que tanto incomodava, me virei pra Bea que analisava minha feição

 

- O que foi? -perguntei assim que surgiu um sorrisinho em seu rosto

- Você tá com ciumes... -respondeu riu

- Ciumes do que? 

- Não se faz de tonta Lauren, você tá com ciumes da Camila com a namorada dela -insistiu

- Nada haver, eu só não gosto dessa namoradinha dela, ela é bem estranha na minha opinião -falei voltando a analisar Hailee

 

Desde que a vi pela primeira vez, o meu primeiro pensamento foi de que essa mulher tem algo estranho, ela não parece muito normal, e eu ainda vou descobrir o que é.

 

- Mamãe? -ouvi Lorenzo me chamar

 

Me abaixei pegando ele no colo com o braço livre, levei  minha outra mão até a boca, bebendo o vinho do copo.

Notei que Camila e Hailee estavam discutindo no sofá, suas feições mostravam isso, então Camila se levantou do sofá saindo pra um lugar qualquer entre algumas pessoas, olhei e Hailee me encarava com um olhar mortal, que não me atingiu nenhum pouco. Hailee se levantou do sofá devagar, andando até mim me olhando atentamente com a cara fechada. 

 

Enquanto ela se aproximava ainda mais, pedia paciência pra não dar um sono na cara dela no momento que ela chegasse até mim.

 

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...