História Let's dance with me (Long Imagine J-Hope - BTS) - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Red Velvet, Seventeen, TWICE
Personagens J-hope, Jimin, Kim Mingyu, Lisa, Momo, Seulgi, V
Tags Bangtan Boys, Bangtwice, Blackpink, Bts, Gyulisa, Imagine, J-hope, Red Velvet, Romance, Seulmin, Seventeen, Taemo, Twice, Você
Visualizações 116
Palavras 1.759
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Escolar, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oláárrrr!

Titia está dodói, mas veio atualizar pros seus anjinhos.

~ Boa leitura!

Capítulo 17 - Autoridade natural.


~°~°~°~°~°~°~°~°~°~°~°~°~°~°~

 

Parecia que eu estava em um filme de suspense com aquela tensão braba. Porque no dia de hoje tudo está ocorrendo em câmera lenta, até o simples gesto de Hoseok girando a maçaneta da porta da diretoria. Assim que ele abre uma pequena fresta, depois de ter batido e ter a permissão concedida pela voz da diretora, que me deu calafrios não por ser assustadora, mas porque minha tensão estava tanta que até um coelhinho fofinho viraria um monstro pelas minhas vistas. Adentramos sua sala organizada e formal, com estantes de livros e documentos, um sofá grande num tom de carmesim mais fechado encostado na parede direita, e uma pequena bandeira da Coreia do Sul na sua mesa, onde lá estava a figura da mulher de 43 anos, usando um óculos de lentes redondas e prestando atenção nas suas anotações. Na mesma mesa estava uma plaquinha escrito "Hae-Kwong Pamela - Diretora", ou simplesmente diretora Hae, ou diretora Pam como é chamada pelos alunos e professores.

 

_ Podem sentar. _ Falou apontando para as cadeiras à sua frente com a cabeça. Ela transparecia ser forte e gentil ao mesmo tempo, e tinha uma autoridade natural de se admirar. Eu estava tremendo por dentro e por fora, não parava de mexer meus pés, nervosa. _ Em que posso ajudar? _ Falou prestando total atenção em nós agora.

_ Diretora Hae, esta é ________, uma das minhas alunas.

_ Prazer senhorita _________. _ Apertamos as mãos. _ Ainda não tivemos a oportunidade de nos falar desde que chegou, é uma das novatas não é?

_ Sim senhora. _ Digo tentando disfarçar a minha voz trêmula.

_ Algum problema nas aulas professor Jung? _ Ela se dirige a Hoseok.

_ Não diretora. Viemos tratar de um assunto sério. Bom, não vou fazer rodeios, serei direto. _ Ela assentiu. _ Ontem, ________ e eu começamos a ter um relacionamento. _ A diretora Hae abriu um pouco a boca, mas não disse nada. _ Foi algo que aconteceu e não tínhamos como evitar, pois claramente nos gostamos muito. Não fizemos isso no intuito de desrespeitar a universidade e nem ninguém, é apenas um sentimento forte. Por isso viemos aqui, para esclarecer tudo para a senhora. _ Ela respirou fundo parecendo estar muito pensativa. _ Gostaríamos de saber se a universidade vai contra isso.

_ Professor Jung... _ Ela começou e eu me arrepiei. _ Em todo meu tempo de administração, nunca presenciei uma caso de um aluno se envolver com algum professor. _ O olhou séria. _ Então não sei exatamente se posso ser conivente com isso. _ Meu coração apertou. É agora, vou ser expulsa, Hoseok vai ser demitido, adeus Coreia, adeus dança, adeus... _ O envolvimento de vocês pode atrapalhar o andamento das aulas, e eu não quero ouvir reclamações de que o senhor favorece ela por ser sua... namorada.

_ Diretora Hae, a senhora pode perguntar para qualquer professor ou professora que dá aula a _________, eles vão lhe confirmar que ela é uma excelente aluna e não precisa se envolver com ninguém para provar isso. O que aconteceu entre nós simplesmente aconteceu. A senhora sabe que eu sou extremamente profissional e nunca favoreci ninguém. A senhora já ouviu alguma reclamação minha sobre isso?

_ Mas antes o senhor não namorava e nem tinha caso com ninguém.

_ E não é agora que irei mudar. _________ vai continuar sendo minha aluna como todos os outros naquela sala de dança. _ A diretora suspirou.

_ Isso o senhor não pode garantir...

_ Posso sim. _ Hoseok disse firme. A diretora Hae o olhou estreitando os olhos. _ Me deixe lhe provar que o nosso relacionamento não irá interferir em absolutamente nada nas aulas. E se vir reclamações, pode nos chamar que tiraremos essa história a limpo sem problema algum. Saberemos muito bem separar o pessoal do profissional. _ Ela fechou os olhos dando mais um suspiro. Um silêncio perturbador tomou conta daquela sala, minhas mãos já estavam suando frio de nervosismo. Eu estava calada até agora, nem me atrevi a falar nada, até porque Hoseok estava sendo brilhante.

_ Tudo bem. _ Hoseok e eu franzimos o cenho juntos. _ Eu vou dar uma chance para vocês. Apenas uma. _ Fez o gesto com o indicador. _ Só abrirei essa exceção porque nunca presenciei algo assim, e também porque eu confio em você Hoseok, é um excelente profissional e um dos nossos melhores professores. Enquanto a senhorita... _ Virou-se pra mim e eu prendi a respiração. _ Saiba que é um voto de confiança muito raro que estou lhe dando, não costumo fazer isso com os alunos. Espero que não me decepcione. Não vai gostar de me ver decepcionada. _ Engoli em seco.

_ Sim senhora. _ Assenti rapidamente.

_ Tomem cuidado também com a decência por aqui. _ Olhou Hoseok mais uma vez.

_ Não se preocupe. Não iremos nos expor para a universidade inteira. _ Ele respondeu dando um leve sorriso. Ela apenas assentiu levantando as sobrancelhas silenciosa.

_ Bem, há algo a mais que queiram me falar?

_ Tem sim. _ Hoseok diz, mas depois olha para mim e faz um gesto com a cabeça pedindo para que eu falasse.

_ Diretora... _ Comecei receosa, mas tomei coragem para falar. _ Espalharam pela universidade inteira fotos minhas e de Hoseok nos beijando ontem à noite. _ Diretora Hae arregalou os olhos.

_ Como é?! _ Tirou os óculos indignada.

_ Estávamos em um local afastado diretora, longe das vistas dos alunos. Como disse a senhora, não nos expomos pra universidade inteira. Estávamos num momento íntimo e alguém fotografou e espalhou cópias por quase todos os corredores.

_ Isso só pode ser brincadeira. _ Ela estava furiosa. _ Sabem quem fez isso?

_ Ainda não. _ Hoseok negou.

_ Fiquem tranquilos, vou tomar as devidas providências.

_ Muito obrigado. _ Jung a agradece. _ Vamos para minha aula agora. _ Íamos nos levantar, mas ela nos interrompeu.

_ Esperem. _ Paramos na hora. _ Eu irei com vocês. _ Se levantou e nós ficamos surpresos. _ Sei que tem a sua própria autoridade professor, mas quero mostrar a minha para essa turma também. Se incomoda se tomar um tempinho da sua aula?

_ Claro que não.

_ Então vamos. _ Ela seguiu conosco até a quadra de dança e ao chegar lá, era possível de se ouvir vários burburinhos que com certeza eram sobre as fotos coladas nos corredores. Mas quando viram a figura da diretora, a bagunça se tornou imediatamente em um silêncio absurdo. Eu falei que ela tinha uma autoridade natural, não falei? _ Senhorita _______, pode ir para o seu lugar. _ Assenti e fiquei ao lado das meninas. _ Muito bem. Chegou aos meus ouvidos de que espalharam certas fotos do Professor Jung e de sua namorada. Gostaria de deixar claro que já me acertei com os dois, e que meu assunto agora é com quem fez essa palhaçada. _ Os alunos estavam tão sérios que parecia que todos eles tinham culpa no cartório. _ Se o culpado não aparecer, saiba que eu vou descobrir de um jeito ou de outro. Já que foi homem ou mulher o suficiente para tomar essa atitude, que seja também para assumi-la. E se eu ouvir alguma gracinha ou comentário de desrespeito em relação ao professor Jung Hoseok e a aluna ___________, vai se entender comigo. Entenderam? _ Ela falou essa última parte com tanta firmeza que o frio na espinha era visível no olhar de todos ali que assentiram sem hesitar. _ Pois bem, estejam avisados. Professor, pode dar início a sua aula.

_ Muito obrigado diretora Hae. _ Hoseok sorriu de canto e a diretora se foi. _ Bom, antes de começar a aula, quero dizer que estou muito decepcionado, muito mesmo. Não imaginava que alguém aqui fosse capaz de fazer algo tão baixo.

_ Com todo o respeito professor, nós também não imaginávamos que o senhor iria sair pegando uma aluna não é? _ Um loiro disse e eu o olhei indignada. Não só eu, mas a maioria da turma.

_ Esse seu respeito está muito estranho Logan. _ Hoseok falou lançando um olhar repreendedor para ele. _ Olhe bem como você fala, minha vida pessoal e íntima não diz respeito nem a você e nem a ninguém. E eu não quero mais ouvir nada sobre isso aqui, estamos em uma AULA, E IREMOS FALAR APENAS DELA. _ O garoto abaixou a cabeça.

_ Desculpe. _ Pediu. Hoseok apenas lançou um olhar que não precisava falar nada. Ninguém se atreveu a abrir a boca pra fazer um comentário sequer sobre isso novamente. Eu estava aliviada demais e acho que me apaixonei mais ainda por Hoseok o vendo mostrar que ele pode até ser legal, mas também tem autoridade. O resto da aula seguiu sem problemas, quando acabou fui me encontrar com ele em uma outra sala vazia para conversarmos melhor depois do que aconteceu.

_ Nem acredito que ela permitiu. _ Falei me aproximando dele rindo toda boba. Sentamos no chão do fundo da sala.

_ Eu acredito. _ Segurou me rosto e me deu um selinho. _ Só quero agora descobrir quem fez isso. _ Disse e eu me vi pensativa. _ __________? _ Hoseok mexeu as mãos na frente do meu rosto vendo que eu estava viajando.

_ Sim? _ O olhei.

_ Por que ficou quieta de repente? _ Perguntou abraçando minha cintura e dando um beijo em minha bochecha.

_ Será que foi a Yura?

_ Kim Yura?

_ Sim.

_ Não sei gatinha. Mas ela é uma forte suspeita.

_ É, eu s... peraí, gatinha? _ Ri para ele que deu ombros.

_ É oras. Você não é minha gatinha?

_ Sou é? _ Ri mais uma vez mordendo seu lábio.

_ _________... não provoca se não te agarro aqui mesmo. _ Ri soprado escondendo o rosto em seu peito, ele me abraçou forte rindo.

_ Mas é sério, Yura tá muito quieta esses dias. _ Fiquei séria e pensativa novamente. _ Não sei, só espero que a gente descubra logo. _ Suspirei.

_ É... mas vamos esquecer isso um pouquinho? _ Disse se aproximando mais e colando nossos corpos.

_ Vamos. _ Respondi rindo. _ Mas antes, deixa eu conferir se não tem câmeras escondidas. _ Hoseok riu.

_ Depois daquele sermão da diretora, duvido. _ Me beijou envolvendo-me em seus braços. Retribui o abraçando forte e acariciando seu rosto.

 

 

Enquanto eu estivesse com Hoseok, nenhuma outra preocupação tomava meus pensamentos.


Notas Finais


Essa Hae-Kwong né fraca não heim kkkkkk

Agora o mistério é descobrir quem provocou essa confusão toda. Será que foi Yura mesmo? Algum palpite? u_u

Até o próximo capítulo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...