História Lets Handle This Game - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Anna, Capitão Killian "Gancho" Jones, David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Fa Mulan, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Personagens Originais, Princesa Aurora, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Exibições 163
Palavras 4.161
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


hello guys! estou de volta com mais um cap, espero que gostem! Ele é meeeeega meloso,para compensar a demora! Por favor não desistam de mim!!!

Capítulo 14 - Never Stop


Fanfic / Fanfiction Lets Handle This Game - Capítulo 14 - Never Stop

Natal, melhor época do ano. Amores, felicidade, paixão. O jovem casal sentia o mesmo e até mais. Seria o segundo Natal que passariam juntas; já que no primeiro as duas apenas tinham trocado mensagens. Esse seria juntas, com amigos e familiares, então para Lana tudo teria que estar perfeito. 

- Amor? - Lana fala adentrando o quarto, enquanto vê Jennifer sair do banheiro enxugando os cabelos, apenas de cueca e top.
- Sim? - A loira fala olhando para a morena em sua frente. - Algum problema amor?
- Não... - A morena fala entrando no closet pegando uma pequena caixa embrulhada com papel de presente. - Eu só queria lhe entregar seu presente de Natal, por que sei que adoraria usar hoje.. - A morena fala e vê os olhos de Jennifer brilhar. - Espero de coração que você goste. Juro que eu queria dar algo que mostrasse o que tu é pra mim, mas não teria presente nenhum nesse mundo que fizesse isso. - A morena fala com os olhos brilhando em lágrimas. - Você sabe que eu amo essa data, e você sempre se dispõe a me ajudar fazer com que ela seja melhor ainda.. Eu não tenho palavras pra expressar o quanto eu amo a sua companhia, o seu carinho e cuidado comigo, o quanto que eu amo tudo em você! Obrigada por tudo, meu amor, e Feliz Natal! - Lana termina com os olhos marejados, entregando o embrulho pra Jennifer que larga o mesmo com cuidado sobre a cama e então vai e abraça sua namorada.
 
- Eu te amo, Lana Maria. - Jennifer fala pousando as mãos na lateral do rosto da morena, fazendo a mesma olhar em seus olhos. - E não tem um dia que eu não fique pensando e agradecendo a Deus por ele ter sido tão bom em ter me dado alguém como você. Você é a luz no meio de toda escuridão que habita em mim, a calmaria de todo meu caos. Eu realmente acredito em yin yang, e você sem dúvidas é o yang da minha vida. - Jennifer passa os dedos sobre as lágrimas da morena, que caiam sem problema algum. - Espere ai. - A loira fala e sai do quarto, indo até o de hóspedes pegando duas embalagens de presente. - Bom, acho que pelo menos um desses presentes você gostaria de usar hoje. - As duas sorriem, e Lana funga, secando as lágrimas.

- Amor, não precisava. - Lana pega os presentes, colocando ao lado do seu pacote na cama e indo abraçar Jennifer. - Eu te amo, muito! 

Jennifer sorrindo aproxima seus lábios de Lana, dando um beijo casto.

- Eu te amo, Parrilla. Te amo tanto, que tenho vontade de gritar para todos saber! - Jennifer fala e abraça Lana, tirando-a do chão, e então a beija, de forma lenta e apaixonada. - Vai, abra.. - A loira estava nervosa, com medo de Lana não gostar do presente. 

A morena abre o pacote e seu coração acelera. -  Jenn... - Os olhos da mesma se enchem de água. - Meu Deus, a coleção.. - Ela sussurra e Jennifer da um sorriso sem graça, sabendo que havia acertado o presente. - Você me deu a coleção de Pearl Jam. - Os olhos de Lana estavam úmidos. - Céus, o melhor presente, da melhor namorada! - Lana fala e beija Jennifer novamente. Ela pega o outro embrulho, e sorri ao abrir. - Amor! Que lindo! Eu não tenho palavras para agradecer! - Lana sussurra ao erguer a gargantilha de ouro branco, com uma pena como pingente. 

- A pena para você significa esperança e é um sinal de paz. - Jennifer fala e se aproxima de Lana, pegando a gargantilha para colocar em seu pescoço. - Você é minha paz, Parrilla. - Jennifer a vira para o espelho. - Quero que tenha sempre em mente isso. Tenha em sua linda cabecinha que eu sou sua e faça dessa pena a esperança de ter eu com você sempre. - Jennifer sorri  para seus reflexos no espelho. - Pois, por mais corrida que seja nossa vida, mesmo de longe sempre seremos eu e você. - A loira sussurra no ouvido de Lana e deixa um beijo em seu pescoço. 

- Jesus! - Lana fala e se volta para Jennifer. - Como eu  te amo! - Ela beija Jennifer, mas logo se afasta. - Vamos, abra o meu.. 

A loira se aproxima da cama e pega o pacote, seu coração vai na boca e ela olha com os olhos arregalados para Lana. 

- Caralho, Lana! - A morena a repreende com o olhar. - Onde você conseguiu? Eu to a tipo, meio ano tentando conseguir esse boné??? - A morena sorria do desconserto de sua namorada. 

- Foi numa convenção. Uma fã estava com um boné desse modelo e eu perguntei onde ela havia conseguido e ela me contou. Durante a noite eu, Bex e Ginny fomos nessa loja, e eu encontrei. - Lana diz como se não fosse nada. A morena continua rindo de Jennifer, ao ver ela pegar o outro presente que Lana havia dado.
- Céus, eu tenho a namorada mais estilosa do mundo!!! - Jennifer fala ao desdobrar a longline vermelha que Lana havia comprado. - Mulher, eu não sei o que faria sem você! - Jennifer comenta e Lana ri, se aproximando da mesma.
 
- Você saberia se arrumar bem. Claro, não da forma que lhe ajudo, mas saberia. - Lana fala e se deixa ser envolvida pelos braços de Jennifer em sua cintura. - Eu te amo, te amo, te amo! - Lana sussurra como se isso fosse um segredo, sobre os lábios da loira que tinha um singelo sorriso em seus lábios. 

°° 

- Oi linda, vem sempre aqui? - Jennifer flerta, vendo a morena em frente ao espelho terminando sua maquiagem. 

- Apenas quando você vem.. - Lana olha e sorri de forma maliciosa. 

- Oh.. Começarei a aparecer mais seguido então. - Jennifer sorri galante e Lana alonga seu sorriso. 

Lana estava usando um vestido curto com mangas em boca de sino, de renda branco. Calçava um salto vermelho e sua boca acompanhava a cor, num belíssimo batom matte. O cabelo arrumado de forma sexy, do jeito que Jennifer gostava. 

- Amor.. Que as visitas me perdoem, mas eu deixaria eles sem entrar aqui se eu fizesse o que estou com vontade... Te vendo vestida assim.. - Lana sussurra quando se aproximou de Jennifer.

- E o que está com vontade de fazer? - Jennifer encara os lábios de Lana e depois seus olhos. 

- Amor com você. - Lana sorri casual, e Jennifer não consegue não sorrir. - Sério vida, você está um pedaço de mal caminho! 

A loira vestia uma longline com corte vertical de mangas, em degrade de vermelho e bordô, usando uma calça justa com bolsos em "facão" branca e nos pés uma botinha cinza da Nike. Os cabelos estavam lisos e despojados, o que causava certos suspiros em Lana, e seus olhos estavam bem destacados devido ao lápis e rímel que a loira usava.

- E o que dizer desse vestido maravilhoso que está vestindo? Céus Lana, as vezes acho que você poderia aliviar as coisas para o meu lado sabe? - Jennifer olha séria. - É muita beleza para uma pessoa só. - A loira continuava séria, passando o dedo sobre a gargantilha que havia dado para a mesma. - As vezes eu não aguento! - Jennifer suspira. - Ver aquele monte de homens babando e lhe comendo com os olhos, Jesus, é horrível! 

- Você está com ciumes? - Lana pergunta tentando não rir. Jennifer nega. - oh, você está sim! - A morena não aguenta e ri.

- Não tem graça, Parrilla. - Jennifer solta a cintura da morena e cruza os braços. 

- Ah meu amor, tem graça sim! - Lana fala e empurra Jennifer contra a porta, ficando cara a cara com ela. - Ainda não entendo como tens ciumes.. - A morena fala e encara Jennifer, desenhando o contorno de seus lábios. - Eles pensam, sonham e até tentam.. Mas apenas você faz! - Lana sussurra e se assusta quando é girada, ficando prensada contra a parede e o corpo de Jennifer. 

- Só eu faço uh? - Jennifer fala contra os lábios da loira, e sorri sacana quando vê Lana encarando seus lábios. - Pobre Lana.. Quem diria que apenas uma machorrinha tocaria em você? - Jennifer fala e aperta os pontos estratégicos do corpo de Lana, enquanto começou a distribuir beijos sobre o pescoço desnudo da morena. 

- N-não comece o que não vai... terminar! - Lana ronrona, sentindo seus pelos se arrepiar quando Jennifer passa as mãos por suas coxas, segurando firme nelas e retirando uma do chão, colocando contra sua cintura. No mesmo instante elas escutam o som estridente da campainha e Lana os amaldiçoa por ter chegado agora. 

- Salva pelo gongo, Parrilla. - Jennifer ri cafajeste e vai até o espelho arrumar a camisa e os cabelos, saindo do quarto logo em seguida para abrir a porta. 

- Então, Josh... Você queria falar comigo, não é? - A loira fala para o amigo, enquanto os dois encaram as pessoas lá fora, pela cobertura do prédio.

- Ginny está grávida. - O loiro fala como um sussurro. - Eu vou ser pai, Jmo... Serei papai. - Ele olha para a mulher ao seu lado, seus olhos estão brilhantes devido às lágrimas que contém no mesmo. - Eu me sinto o cara mais feliz do mundo, e queria contar primeiro à você. Você que sempre nos apoiou, sempre nos deu a mão e nunca mediu esforços para ver a gente bem.

- Oh meu Deus! - Jennifer fala em choque, digerindo tudo que ouvira do amigo. - Espera, não me caiu a ficha. Ginny está grávida. Vocês terão um bebê. Nós teremos um bebê. Eu vou ser quase um pai dessa criança também. - A loira encara o céu a sua frente. - VAMOS TER UM BEBÊ!!!!

- Sim, JMo, nós teremos um bebê. - O rapaz fala enquanto enxuga algumas lágrimas, e a loira o puxa para um abraço sufocante. - Você fará parte de toda a história dessa criança, eu prometo!

- Farei o possível para estar sempre presente, e não deixar nada faltar! -  A loira também enxuga algumas lágrimas e sussurra baixinho. - Eu também tenho uma surpresa para te contar. - Ela fala e olha para o amigo, enquanto vê os olhos do mesmo mais alegres do que nunca com o que acabara de ouvir. Hoje tudo estava saindo melhor do que o planejado, para ambos.

- Que hora é agora?! - Jennifer pergunta para as crianças ali presente, e Matt sobrinho o menor dos sobrinhos de Lana logo pula e começa a brigar.

- Hora de abrir os presentes!!! - o garoto comenta alegre.

- Isso mesmo carinha, hora dos presentes! - E Matt é o primeiro a receber.

- Ah meu Deus!!!! Obrigada tia Jenn e tia Lana! Era meu sonho ganhar isso! - O garoto de 7 anos comenta com lágrimas nos olhos e sorriso do tamanho do mundo ao ver o kit com todos os carrinhos já lançados da HotWells. - Eu vou ser o primeiro garoto da minha classe que tem a coleção inteira! - Matt divagava enquanto abria as caixinhas com os diversos carrinhos.

Os presentes foram distribuídos, e os afilhados de Lana estavam contentes com o que recebiam.
Todos os amigos e familiares do casal estavam presentes, e Lana se aproxima ao ver Ruby e Jennifer discutir.

- Ruby não se mete! - A loira fala tentando pegar o controle da mão da morena. - Ruby da licença! - Jennifer tentou de novo, e Lana começa a rir.

- Que diabos está acontecendo aqui? - A morena pergunta e as duas amigas sorriem.

- Ruby não quer me entregar o controle amor, eu quero colocar uma música e ela não deixa. - Jennifer faz sua carinha de cachorro pidão.

- Rubs, por favor.. - Lana estava se segurando para não rir, e sua cara de atriz deu certo, já que Ruby fez questão de entregar. - Pronto amor, já pode colocar nas suas músicas.

- Dança comigo? - Jennifer sorri sapeca.

- Amor, já é quase meia noite, temos que jantar. - Lana fala e olha a mesa já posta com o lindo Peru recheado.

- Dança comigo? - Jennifer finge que nem ouvira o que a morena havia dito. A loira estende a mão para a morena, que sorri sem graça e a segura, começando a ser guiada por sua namorada.

This is my love song to you
Let every woman know i'm yours
So you can fall asleep each night babe
And know i'm dreaming of you more
(Esta é a minha canção de amor para você
Que toda mulher sabe que eu sou seu
Assim, você pode cair no sono cada noite
baby E sei que estou sonhando com você mais)

Os passos eram lentos e calculados, Ruby estava com o celular em mão desde o momento que a dança começou e Tinker sorria ao de Bob. 

You're always hoping that we make it
You always wanna keep my gaze
Well you're the only one i see
And that's the one thing that won't change
(Você está sempre na esperança de que podemos torná-lo
Você sempre quer manter o meu olhar
Bem, você é o único que eu vejo
E isso é a única coisa que não vai mudar)

- Essa é minha garota! - Josh fala ao ver Jennifer girar Lana em seus braços, fazendo a mesma deitar em um lado, depois a puxando novamente, ereta. Não existia malicia, apenas duas mulheres apaixonadas. 

I'll never stop trying
I will never stop watching as you leave
I will never stop losing my breath
Everytime i see you looking back at me
And i will never stop holding your hand
I will never stop opening your door
I will never stop choosing you babe
I will never get used to you
(Eu nunca vou parar de tentar
Eu nunca vou parar de te assistir ao sair
Eu nunca vou parar de perder o fôlego
Toda vez que eu vejo você olhando para mim
E eu nunca vou parar de segurar sua mão
Eu nunca vou parar de abrir sua porta
Eu nunca vou parar de escolher você babe
Eu nunca vou me acostumar com você)

Em um descuido, Jennifer torce o pé e se desequilibra, fazendo cara de dor e assustando Lana, ao ver a mesma segurando o tornozelo. 

- Amor? Você se machucou? Eu disse que não era b... - Ela não conseguira terminar sua fala, pois sua voz havia sumido. Jennifer estava ali, ajoelhada com uma linda caixa de veludo em sua mão. 

And with this love song to you
Its not a momentary phase
You are my life i dont deserve you
But you love me just the same
And as the mirror says we're older
I will not look the other way
You are my life my love my only
And thats the one thing that won't change
(E com esta canção de amor para você
Não é um fase momentânea
Você é minha vida eu não mereço você
Mas você me ama do mesmo jeito
E como o espelho diz que somos mais velhos
Eu não vou olhar de outro jeito
Você é minha vida, meu amor só meu
E isso é a única coisa que não vai mudar)

- Casa comigo? - Jennifer olha para sua namorada com um brilho diferente no olhar, um brilho bom, brilho bonito. - Sei que devo ter lhe assustado, porem era a melhor hora de fazer isso. Casa comigo, Lana? Casa comigo e deixa eu te fazer a mulher mais feliz do mundo. Casa comigo e deixe eu te acordar todos os dias com os melhores carinhos, melhores beijos e melhores bardinhas. Casa comigo, que prometo ser a melhor pessoa que passará em sua vida. Não te prometo uma vida perfeita, porque somos humanas e vamos errar, mas eu te prometo o mais próximo disso, e faço questão de lhe dar o melhor sempre. - Lana estava com os olhos marejados. - Case comigo e me faça a  mulher mais sortuda do mundo. Case comigo e eu lhe mostrarei todos os dias que a melhor escolha que fizeste, era estar ao meu lado. 

I'll never stop trying
I will never stop watching as you leave
I will never stop losing my breath
Everytime i see you looking back at me
And i will never stop holding your hand
I will never stop opening your door
I will never stop choosing you babe
I will never get used to you
(Eu nunca vou parar de tentar
Eu nunca vou parar de te assistir ao sair
Eu nunca vou parar de perder o fôlego
Toda vez que eu vejo você olhando para mim
E eu nunca vou parar de segurar sua mão
Eu nunca vou parar de abrir sua porta
Eu nunca vou parar de escolher você babe
Eu nunca vou me acostumar com você)

- Eu prometo aqui, na frente de todos os nossos amigos, seu irmão Fred, seu pai, Sr. Henry.. Que todos os dias farei você se apaixonar por mim novamente, como se fosse a primeira vez. - Jennifer tentava não chorar, mas estava começando a falhar. - Eu só quero a chance de te dar a vida que merece, a família que merece.. e te amar imensamente e intensamente até o meu ultimo suspiro nessa terra. 

Still get my heart racing (you)
Still get my heart racing (for you)
Still get my heart racing (you)
Still get my heart racing (for you)
(Ainda pegar meu coração acelerado (você)
Ainda pegar meu coração acelerado (para você)
Ainda pegar meu coração acelerado (você)
Ainda pegar meu coração acelerado (para você))

- Jenn.. Eu... Eu não tenho palavras! - A morena limpava algumas lágrimas que começara a embaçar sua visão, e ver Jennifer ali, de forma tradicional segurando um maravilhoso anel, era a coisa que ela mais sonhava. - É claro que eu aceito, meu amor! Nossa, eu seria idiota se não aceitasse! - Lana sorri.

- Sr. Parrilla, permite que eu tenha a mão de sua filha em casamento, para futuramente faze-la mais feliz, e em contrapartida sendo feliz com ela? Quem sabe futuramente dando mais netos ao senhor.. - Jennifer sorri e encara Fred, que sorria abertamente vendo a felicidade de sua cunhada e irmã. O pai de Lana acena com a cabeça concordando e então Jennifer se vira para Lana com um lindo sorriso nos lábios. 

 A loira pega o dedo anelar de sua agora noiva, e deposita o anel de noivado. Um belíssimo anel de ouro com uma pedra solitária que chamaria a atenção, e sobre sua superfície, diversas pedrinhas minusculas, contendo também uma aliança de prata embutida. 

- Eu sabia que ficaria linda em seu dedo. - Jennifer fala e deixa um beijo sobre o anel, levantando logo em seguida. Lana segura a loira pela lateral do rosto e a beija de forma pura e amorosa. Os amigos e familiares começam a bater palmas, e de relance o jovem casal vê muitos deles chorando. 

- Feliz Natal, minha noiva. - Jennifer fala olhando em seu relógio de pulso e sorri. 

- Feliz Natal, minha noiva. - Lana sorri com lágrimas nos olhos e dá um leve selinho em Jennifer. 

- Lana, seu jantar está esplendido! - Bex fala. - Jennifer vai casar com uma ótima atriz e cozinheira! - Todos sorriem e concordam. 

- Modéstia a parte, cozinhar sempre foi meu forte, não é papai? - Lana sorri para o senhor, que afirma e segura sua mão sobre a mesa. 

- Vou pegar a sobremesa. - Jennifer fala e levanta, com Josh em seu encalço para ajudar. - Vocês não vão contar? 

- Vamos, depois. - O loiro diz enquanto ajuda Jennifer a servir os sorvetes nas taças, buscando a calda na geladeira e a torta que Lana fez, fora o que os amigos haviam trazido. - Quero você ao meu lado, ok? - A loira assente e sorri, largando as coisas e dando um verdadeiro abraço em seu amigo. 

Voltando para a mesa, todos ficam feliz com as sobremesas que saboreavam, e depois disso resolveram ir para o terraço sentar e conversar, já que a noite estava agradável. 

- Queríamos a atenção de todos.. - Ginny se pronuncia e Jennifer sabia que era a hora de ir ao lado do rapaz. - Vocês sabem que são mais que nossos amigos, são a família que escolhemos para ter ao nosso lado nos melhores e piores momentos.. E é com essa alegria que anunciamos, que Josh e eu estamos esperando um bebê!

Todos estavam eufóricos e isso causou riso entre os dois casais que estavam parados ali em frente aos demais. 

- Jenn.. Não foi por acaso que pedi sua presença ao meu lado. Todos aqui sabem que temos uma amizade mais do que sincera e real, ela é quase palpável devido ao carinho e amor que sentimos um pelo outro.. - Josh estava emocionado e Jennifer também. - Eu amo você, Lana, e quando você me apresentou Jennifer como sua amiga, eu sabia que ali nasceria um amor entre as duas, e um amor entre nós dois. E sei que você e Ginny é a mesma coisa, por que Ginny contou pra você antes de mim, Parrilla. - O rapaz sorriu com lágrimas. - Com todo esse sentimento e amor, não achamos mais do que certo que vocês estejam presente nessa nova etapa nossa, em cada pedacinho! Lana e Jennifer.. Sabemos que um dia se algo chegar a acontecer, vocês seriam as pessoas mais apropriadas a estar com o baby, e dessa forma chegamos a conclusão que vocês devem ser os segundos pais da criança... Vocês aceitam ser madrinhas do "Futuro Baby Charming?" - Josh fala sorrindo devido ao apelido que Jennifer já havia dado a criança. 

As duas estavam chorando, e abraçando Lana pela cintura, Jennifer toma a frente e fala o que todos já sabiam.

- É uma honra, Josh, e Lana e eu aceitariamos eternamente um pedido desses! - Eles se abraçam e novamente as felicitações começam, pela segunda vez na noite. 

Todos voltaram aos seu lugares, e Lana se encontrava sentada no meio das pernas da loira, sobre a espreguiçadeira. 

-  Jennifer, se você fizer minha irmão sofrer, juro por Deus que te caço até o inferno! - O homem mais velho falava. - Eu nunca vi Lana tão apaixonada assim, e jamais vi ela aceitar um namoro sem surtar, o que dirá casamento?! 

- Cale a boca Fred! - Lana fala e esconde o rosto na curva do pescoço de Jennifer. - Jordan era um otário, não tinha como não surtar. - Todos sorriram. 

- Ah e o Brian também? - Fred continuou, sabia que sua irmã ficava toda envergonhada ao lembrar. 

- Fred, chega! - Lana falava com a voz carregada de vergonha e Jennifer apertou a mesma em seus braços. 

- Fred, pare. Sua irmã fica sem jeito! - Henry repreende seu filho, ainda rindo. 

- Ah papai, o senhor sabe que é verdade! - Fred ri. - E é claro que o senhor irá lhe defender, ela é sua princesinha...

- Sinto cheiro de ciumes.... - Jennifer caçoa o cunhado, que lhe mostra o dedo. - Ah cunhado, se seu pai não estivesse aqui, você receberia uma bela resposta por isso! 

Todo mundo resolveu ficar ali, e o casal não poderia estar mais feliz. Colchões foram puxados para a sala, e camas com cobertas também foram feitas. 

- Ginny e Josh, podem dormir em um dos quartos de hóspedes, e meu querido sogro no outro. - Jennifer falava enquanto ia até a geladeira pegar um copo de água. 

Ao pegar seu celular, vê diversas mensagens, até de suas colegas de time, parabenizando o noivado. Como elas sabiam?

"Jennifer Morrison e Lana Parrilla estão noivas"
"A coleira está colocada. Lana e Jennifer enfim resolvem juntas as escovas de dente"
"Vaza pequeno trecho de suposto pedido de noivado de Jennifer Morrison à Lana Parrilla"

- Por algum acaso alguém Ruby publicou algo em redes sociais sobre o noivado? - A loira arqueia uma sobrancelha. 

- Publiquei. - A morena sorri sem graça e todos começam com um sonoro "eu dei rt", "eu mencionei".

- Okay né. Tenham uma boa noite. - Jennifer e Lana falaram e todos desejaram o mesmo. 

- O que acha de dar um belo motivo para os fãs de Morrilla realmente surtar? - Jennifer pergunta.

- Com o que amor? 

- Assim. - Jennifer fala pegando seu celular e tirando uma foto de sua noiva. 

N/A: foto da capa

"@jenmorrisonlive: She Accepted #FutureParrilla-Morrison #Morrilla."


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...