História Letters to my Love


Escrita por: ~


Sinopse:
"Doce Min Yoongi...

Sabe que dia é hoje, meu amor?

Hoje faz seis anos, pequeno, que eu falhei com você. Espero que você me perdoe, docinho, por não estar lá, te segurando nos meus braços quando você se foi, bebê.

Me perdoe por não ter cuidado se ti do jeito que você merecia, doce, por não ter pensado no seu bem e por ter sido tão egoísta. Eu não me perdoo por isso até hoje, My Suga...

Você aqueceu a minha vida, e tudo que eu fiz foi congela-lo.

Queria te dizer também, mais duas coisas:
A primeira é que eu sinto muita falta dos seus lábios, hyung.
E a segunda, é que eu te amo, Yoonnie"



[SugaMon||Two-Shot||Angst]
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Rap Monster, Suga
Tags Angst, Anitpf, Bad, Cartas, Namgi, Namjoon, Rap Monster, Sad, Suga, Sugamon, Yoongi
Exibições 183
Comentários 17
Palavras 1.668
Terminada Sim

Fanfic / Fanfiction Letters to my Love
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Poesias, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Carta para os mortos
10
121
1.217
 
2.
Carta dos Mortos
7
62
451

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~SakuraNS
Capítulo 2 - Carta dos Mortos
Usuário: ~SakuraNS
Usuário
Meu deus! Como você consegue escrever tão bem? Você tem 13 anos (eu vi no seu perfil) eu tenho 16 e não tenho essa capacidade toda! Na moral, não importa quantas fanfics eu leia, até aquelas que eu considerado pakas não chegam perto da sua escrita, sério! Eu fico impressionada como você escreve pouco, mas consegue fz as coisas acontecerem sem ser rápido demais. Não sei se você vai me entender, mas você escreve sem enrolação, escreve os detalhes que a gente quer saber, tudo na quantidade certa.
Te adoro!
Amei o cap.
Aí meu coração SugaMon