História Levado pelo ar - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 18
Palavras 1.911
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Não poderei posta amanhã então poderei hoje mesmo.

Espero que gostem🙌🙌😆👏

Capítulo 9 - De pois da janta


Fanfic / Fanfiction Levado pelo ar - Capítulo 9 - De pois da janta

            LUCY~


 Voltando pra casa de pois do jantar na casa do Manuel estava supre ansiosas queria conta para o Mika o que eu descobri mas é claro devia manter a minha palavra pra ele.

Chegando em casa vejo o Mika subindo correndo pro seu quarto subo logo atrás pedindo pra ele me espera, entramos no quarto.

-É melhor você se sentar?- afirmei sentando na sua frente e fitando seus olhos vendo como estava curioso e ansioso.

-Vamos por partes tá?!

-…-ele apenas assentiu

-Lembra quando eu estava conversando com o Manuel?-ele confirmou. – Eu estava com medo se ele descobrisse sobre o que aconteceu com você ele fizesse igual ao outros da sua antiga escola. – vi nos olhos dele o medo , mas eu apenas sorri.- não se preocupe eu não falei muito mas também não falei pouco.

-Será que tem como você ir direto pro assunto está me matando de curiosidade e de medo.- ele já estava levantando da cama

-Agora eu não falo.-aproveitei pra brinca um pouco com ele .

-A não agora você fala, já me deixou curioso.

-Tudo bem só queria brinca um pouco seu chato.

-…-

-De pois que jantamos o eu chamei o Manuel pra pode conversa um pouco com ele é o conhecer melhor.- ele fez um sinal pra mim continuar – Estávamos conversando normal ai aproveitei pra pergunta algumas coisas que é queria saber sobre ele. – Mika estava quase brotando um ovo de tanta ansiedade.- E perguntei se ele sabia do que aconteceu com você .

-Eu não tive coragem de fala com ele com medo da sua reação .- abaixou a cabeça.

-É eu sei , mas não é esse o ponto eu falei com ele que você passou pôr muita coisas e eu não queria que você passa se de novo.

-Você falou com ele.- já estava histérico.

-Claro que não, mas eu gostei do que eu ouvi da parte dele.

-…- estava esperando eu continuar .

-“Eu não me importo com o que aconteceu no passado agora só me preocupo com o presente, estarei ao seu lado pra tudo, irei lhe proteger e lê da apoio.”- se não parasse por aqui ia acabar falando demais .

-Ele falou isso?- vi meu irmão com um sorriso no rosto que nem mesmo eu poderia tira dele.

-Sim, agora vai dormi já esta tarde e não quero sabe de você chegando atrasado na escola de novo.- dei um beijo em sua testa e sair do quarto.

Saio do quero e vou pra cozinha e encontro meu pai la.

-Lúcia eu queria me desculpa com você é com o Mikael não pude fazer nada por ele quando aconteceu na sua antiga escola, mas saiba que eu darei o apoio que for preciso.- sério isso.

-Se foi minha mãe que te mando aqui vai você é ela pra merda.- seus olhos se quase saltaram do rosto.- Vou fala pra você é eu sei que ela está escutando, eu não tenho condição de tira o Mika da que mas guarde minhas palavras. -dei uma pausa. – Agora que eu estou aqui eu irei protege ele de todos mesmo que isso signifique que eu tenha que ir contra ela.

Na hora não entendi meu pai seu um sorriso e passou a mão na minha cabeça.

-Obrigado minha filha e eu sei que você irá cuida muito bem dele.- só sei que de pois que ele subiu as escadas pude ouvi minha mãe fazendo um escândalo com ele.

-Parece que eu posso conta com você meu pai.


MANUEL~


De pois que a família do Mika foi em bora eu e meus pais nos encontramos na sala e ficamos por lá.

-Eu gostei da família do seu amigo amor.- minha mãe quebrou o silêncio.

-Verdade eles são muito educados.- meu pai abaixou o livro que estava lendo.

-Mas gostei mas do Mikael ele é muito educado.- olhou pra mim pelos cantos dos olhos.

-Verdade também gosto dele.- falei sem pensa.

-Poderia repetir meu filho?- meu pai levantou uma sobrancelha.

-Amor você não tinha coisas pra fazer?- falou nas como se fosse uma ordem.

Meu pai apenas saiu.

-Agora me conta você gosta mesmo dele, e não adianta tenta mentir eu vi como você olhava pra ele mas fiquei quieta.

-Eu gosto dele mas não sei como fala, perto dele me sinto mas vivo e eu também tenho medo.

-Meu filho todos temos medo mas se nós deixarmos perde pra ele só iremos nos arrepende no futuro ,não posso te ajudar muito com isso pois você tem que fazer sozinho mas vou te falar duas coisas. -sentou nas perto de mim.

-…-

-Primeira: saiba que tem meu apoio e o do seu pai ele pode parece um groso mas que seu bem .

Segundo: Siga seu coração não sua mente pois é ele que vai de mostra a verdade não se preocupe com o que a sociedade impôs pra vocês siga em frente sem medo de nada.

Ela me deu um beijo na testa e eu subir pro meu quarto e me deitei na cama.

“Espero que esteja pronto pois eu vou te conquista Miekael Rodrigues “


No outro dia


Acordo animado pra ir pra escola me arrumo e desso me deparo com minha mãe fazendo café com um sorriso suspeito.

-Bom dia mãe, por que está com esse sorriso no rosto está dando medo.- falei sorrindo.

-Bom dia meu filho, eu só estou muito feliz, tome seu café rápido se não vai se atrasar.

-…-não respondi apenas voltei pra minha refeição.


MIKAEL~


Acordo muito feliz estava animado pra ir pra escola queria ter aula com minha irmã e mais ainda queria ver o Manuel.

Depois de ontem meus pensamentos ficaram mais tranquilos pois desabafei com minha irmã e me aproximei mais do Manuel.

Me arrumo e desço encontro meu pai no meio do caminho, me assunto um pouco pois vi um sorriso em seu rosto que estava me dando medo, nunca o de sorrindo de manhã.

-Bom dia meu filho dormiu bem?-Pronto agora sim eu estou com medo.

-Dormi sim pai, o senhor está bem nunca o vi assim?

-Estou sim meu filho e que eu estou feliz estou de folga hoje.- a entendi.- e mais uma coisa hoje irei lhe busca na escola hoje temos muito o que conversa.

-Claro pai.

Desço passo pela minha mãe e nem a olho nos olhos está sendo sempre assim.

Suspiro e vou tomar meu café que foi feito por meu pai, sinceramente ele está doente vou manda-lo pro médico.

Tomo meu café e vou pra escola um pouco apressado estava ansioso pra encontra o Manuel.


Chego na escola percebo que ele está vazia vou pra minha sala e me assento no mesmo lugar de antes já que estava com um tédio pego meu livro e fico lendo.


MANUEL~


Chegando na escola percebo que já tem gente vou em direção à minha sala.

Quando chego lá me deparo com a melhor visão de todas vejo o Mikael perdido em sua leitura em percebe solto um sorriso e vou em sua direção.

Não falo nada so deixo meus matérias e viro pra trás me debruçando sobre sua mesa.

-Bom dia Mika.

-Que susto Manuel. Bom bia está tudo bem? -sorriu

“Sério mano como esse menino pode ser tão fofo?! Se controla lembra oque você conversou com a Lucy”

-Estou sim é você dormiu bem?

-Estou também, dormi como uma pedra e a comida da sua Mãe e uma delicia.

-Verdade você devia almoça conosco um dia desses minha mãe gostou e você.

-Claro e sô marca, e mais uma coisa será que você…..poderia..- não estava entendendo o que ele queria dizer.- a que raiva vou fala e to nem ai, você que ir no cinema amanhã comigo? Pronto falei.

Ele estava me convidando pra sair sério isso? Não é um sonho? Se for não quero acorda.

-Mas e claro que sim.- abracei ele que o mesmo se assustou.

Nem liguei se a sala estava cheia ou os olhares na nossa direção estava feliz por sair com a estava mais ainda por que foi ele que me chamou.


LUCY~


Chego na sala e vejo a imagem mais linda que eu poderia ve meu lindo irmãozinho abraçado com o Manuel estava feliz por saber que eles são amigos e ainda por cima por saber que o Manuel gosta do meu irmão e que o seu bem.

Hoje de manhã liguei pra sua casa pra poder fala com ele mas quem atendeu foi sua mãe.

Eu achava que ela era séria e tal mais mudei de ideia quando falei com ela, vi como ela que ver seu filho bem e feliz e não me segurei falei pra ela sobre o que eu e o Manuel conversamos e a reação dela foi marca uma almoço entre nós três, sim nos três eu , ela é o Manuel.

Saio dos meus pensamentos e começo a aula.

-Bom dia a todos.

-BOM DIA- respondem em uni som.

Vejo o Manuel larga meu irmão com uma cara de bunda provavelmente não queria, mas acara do meu irmão era a melhor ele me encarava com um mini bico no rosto.

-Hoje eu irei passa uma atividade e um trabalho em dupla mas eu que irei fazer a duplas conversei com o professor de história ele me falou como é a turma.

Vejo a turma fazer cara mas nem ligo.

Falo as duplas até chega nas que eu mais queria.

-Sara e Rafaela.- vejo os olhos das mesmas se olharem e sorrirem.

-Isaque e Laura.- Os dois só assentiram.

-É Mikael e Manuel. – sei que não é certo eu fazer isso mas é quero eles juntos.

Entrego a Folha e vejo as duplas conversarem, já que estava faltando apenas dez minutos pra troca de professores eu deixo eles livres pra conversa e tora qualquer dúvidas.


MANUEL~


Lucy você não sabe o quanto eu te amo.

De pois de explica o trabalho e nos deixa conversa o resto do horário, me viro pra ele é bem que ele está com um sorriso no rosto.

-Posso saber o motivo dessa felicidade? -pergunto me debruçando sobre sua mesa isso já virou costume.

-Estou feliz por fazer o trabalho com você.

“A que felicidade”

-Que tal fazermos na minha casa no sábado?

-Pode ser e de pois podemos ficar jogando a quele jogo seu acho que viciei.

-Blz vou avisar pra minha mãe que você vai la e casa sábado.

Ele apenas confirma com a cabeça, ficamos conversando até que ouso a Lucy me chamar.

-Sim.- vou até ela e vejo seu sorriso GIGANTESCO.

-Vejo que você é o Mika estão cada vez mais próximos.- eu apenas sorrio o olho pra ele.- eu conversei com sua mãe hoje de manhã e marcamos pra sair eu ,ela é você

-Como assim você é minha mãe conversaram.- não estava acreditando.

-Não se preocupe não falei muito apenas marcamos pra conversa e já que o Mika vai sair com nosso pai hoje aproveitei a oportunidade.

-Claro mas posso saber sobre oque vamos conversa?

-Sobre você é o Mika, ta na cara que você gosta dele e eu super apoio os dois sua mãe também agora chega de papo estou sentindo os olhos do Mika me fuzilado lá de traz, cuide bem dele em.

-Más e claro.

Volto pro meu lugar esperando a sinal tocar o próximo horário.

“Estou ansioso pra encontra com minha mãe e com a Lucy hoje, mas estou mais ainda pra sair com o Mika amanhã” 


Notas Finais


Não sei quando vou posta o próximo capítulo mas não deve passa de segunda.

Espero que estejam gostando


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...