História Leviano - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Aiolia de Leão, Aioros de Sagitário, Camus de Aquário, Hyoga de Cisne, Isaak de Kraken, June de Camaleão, Kanon de Gêmeos, Miro de Escorpião, Pandora, Saga de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Shaina de Ofiúco, Shaka de Virgem
Visualizações 14
Palavras 683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá estamos aqui novamente com esta singela história já consegui editar uns quatro capítulos a frente deste a questão é tempo que anda escasso agradeço muito a cada um de vocês que me estimulam a continuar esta narrativa
boa leitura

Capítulo 10 - Afastamento


-que circo foi esse?
-do que falas amor?
-a presença daqueles dois aqui
-eu realmente não me lembrava que viriam hoje
-achei que confiavas em mim
-e eu confio
-a sua entrega a mim era falsa
-não amor naquela hora te desejei mais que tudo
-e agora?
-tenha só um pouco mais de paciência
-Shun será que o seu amor por mim é verdadeiro?
-não duvide do meu amor por ti,quem sabe amanhã num lugar especial
os olhos do castanho fixaram o rosto do loiro brilhando
-não dá estou indo viajar amanhã logo cedo
Shun fechou a cara
-denovo!quase não pudemos ficar juntos nestes últimos três meses
-eu preciso tirar o Jacob do orfanato e você sabe disso
-desculpe Hyoga é que eu sinto tanta saudade
-em quarenta dias estarei de volta
-quarenta dias?
-quando eu voltar vou poder enfim iniciar o processo na justiça pra ter meu irmão ao meu lado
-ao nosso lado
-em breve estaremos juntos pra sempre
-Hyoga entendo seus motivos.seus olhos estavam marejados-só promete não me esquecer nesses dias todos
-isso nunca acontecerá és a minha vida o meu anjo
os dois se beijaram intensamente chupando os lábios um do outro com urgência desespero a ausência já doia..
-eu te quero tanto..Hyoga
-meu anjo
-quando você voltar eu serei teu para sempre
-eu também serei teu meu anjo,já sou teu
naquele instante Shun quase pediu para Hyoga ficar não queria se separar dele jamais porém ficou em silêncio
-eu teamo Shun
se despediram com um beijo rápido o virginiano ficou olhando seu russo se afastar sentindo uma angústia em seu peito,quarenta dias tanto tempo de viagem sua intuição lhe dizia que esta era uma pessima hora para uma ausência o amor precisava da companhia e não da distância
Shun sacudiu a cabeça como para espantar tais pensamentos
-nada nunca vai conseguir mudar ou destruir o que eu sinto pelo Hyoga
ele resolveu ir dormir o dia fora longo
-papa,papa
-desculpa Aiolia ele te chamar desta maneira
-não há problema algum Shina
-soube que vocês não irão mais fechar as portas
-é verdade temos agora um apoiador mas a melhor parte é que eu vou continuar podendo te ver
ele dirigiu a ela um olhar sedutor
-não estou entendendo o que você quer dizer
os olhos verdes dela lhe lançavam chispas,quem fora o canalha que a magoara?o simpático loiro de olhos verde claros resolveu recuar por hora
-é essencial pra mim ajudar o Cassius e a senhora
-que bom
Shina sentiu um frio subir sua espinha com a frase de Aiolia mas aquilo não devia ser nada
-venham comigo por favor
-bom dia Aiolia
-bom dia anjo pronto pra encarar a fera?
-acho que sim,e não há fera alguma
-esse garoto realmente tem rosto de anjo
-isso é verdade só que as vezes os anjos podem se transformar em demônios
Hyoga aguardava o avião não tinha nenhuma vontade de estar distante do seu anjo por tanto tempo mas era necessário o seu irmãozinho Jacob precisava dele e ele não iria falhar,não podia falhar o moço loiro ouviu o chamado do número do seu voo suspirou resignado se queria que aquela viagem acabasse teria que dar o primeiro passo agora após este compromisso enfadonho iria ser feliz junto ao seu amado castanho e o seu pequenino Jacob sorriu ao vislumbrar seus planos e começou a andar lentamente arrastando sua mala
o virginiano estava sentado em uma cadeira distraído lendo e assinando papeis seus cabelos castanhos levemente ondulados nas pontas balançavam ao sabor da brisa matinal,seus olhos ficaram quase escondidos pelos fios de sua franja quem o visse assim só poderia ver pureza em seu rosto nem alegria nem tristeza apenas pureza e foi isto que Saga viu
-como se dirigir a uma criatura pura como aquela semelhante a um anjo?como iriam ter uma convivência saudável,sobre o que conversariam?se sentia confuso diante de tanta inocência.teria sido uma boa ideia começar a apoiar aquele projeto,será que uma pessoa amargurada como ele estava pronta para auxiliar o próximo?
com esses pensamentos o geminiano suspirou sem querer,Shun ergueu seus olhos
-Saga é você?


Continua

Notas Finais


No próximo capitulo teremos a participação de uma certa ave fênix beijos muito carinhosos pra todos e até breve


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...