História Life adventures - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Glee
Personagens Blaine Anderson, Finn Hudson, Kurt Hummel, Noah "Puck" Puckerman, Quinn Fabray, Rachel Berry
Tags Finnchel, Klaine, Quick
Exibições 8
Palavras 394
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


olha só quem voltou com um capitulo fresquinho, nem tanto ele já ta escrito mais ou menos um mês, mas eu não me sentia bem pra posta e como agora eu me sinto mais leve e trouxe esse capitulo pra vocês.
Há e nele tem porque a Santana odeia tanto o relacionamento do Finnizinho e da Rachelzinha. Bjs
Gente eu vou abrir um grupo num aplicativo chamado Roger, quem quiser fazer parte do grupo eu vou deixar o link nas notas finais.

Capítulo 18 - The boy is mine


Santana
     Não sei o que ainda sinto pelo Finn, mas quando vi ele com aquela garota me deu vontade de mata-la, acho que só sinto ciúmes por ele nunca ter me amado.
   O que mais me deixa com raiva é que sempre fui uma estratégia do pai dele de ganhar mais dinheiro, sendo que ele gostava da minha ex-melhor amiga a Marley, mas se eu tinha uma vantagem deveria usa-la e usei, mas do jeito errado que resultou sem casamento, e ainda por cima eu não amava ele, na verdade eu amava mesmo a prima dele a Brittany. Desde que vi ela pela primeira vez no jantar para as famílias antes do casamento, simplesmente me apaixonei e foi como aconteceu, antes e depois do casamento sempre nos encontrávamos, mas eu tinha que resolver com que ficar com um cara que não me ama, e que eu também não amo, mas que fica comigo para agradar o pai, ou com uma garota que me ama e que eu também amo, que não liga se eu sou lésbica ou hetero, só liga se eu amo ela e ela me ama.
  Uma noite antes do casamento a Britt foi até o quarto aonde eu estava hospedada, conversamos a noite toda, rimos e olhamos um filme, quando ela estava indo embora ela me falou uma coisa que me fez escolher ela e mais ninguém, pois ela me ama “ Santana eu tem amo e não importa se você me escolher ou escolher o meu primo, mas saiba que quando ficar com medo de ter assistido um filme de terror ou porque os monstros debaixo da sua cama estão te assustando, é só você me mandar uma mensagem ou me ligar ou quem sabe é só me mandar uma coruja com uma carta de Hogwarts na boca ok? “, mas quando vi o MEU Finn, o MEU Finn com aquela vadia, que ele provavelmente encontrou ela num clube de strip, sendo que ela é a atração principal, mas como ainda tenho a vantagem, falei para ele escolher entre o querido pai, que o querido Finn ainda busca a aprovação, ou para a querida anã stripper, que o querido relacionamento com ela vai acabar daqui a uma semana, mas entenda, Finn e   querida Hobbit, que não decorei o nome, porque eu não ligo, eu sempre tenho a vantagem de tudo.


Notas Finais


Reviews??
O link do meu perfil no Roger, só chega lá e fala olha eu leio sua fic, e eu ja te add no grupo Fale comigo no Roger - https://rogertalk.com/nataliadantas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...