História Life Lessons - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Lauciferj

Postado
Categorias Camila Cabello, Demi Lovato, Fifth Harmony, One Direction, Selena Gomez
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dallas Lovato, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Normani Hamilton, Personagens Originais, Selena Gomez, Zayn Malik
Tags Camren, Demally, Norminah, Vercy
Visualizações 89
Palavras 3.213
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Droubble, Ecchi, Esporte, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltamos!!
Espero que curtem esse capítulo novinho saiu agora do forno (kkk piada idiota a parte)

Capítulo 2 - Caça a bandeira


Fanfic / Fanfiction Life Lessons - Capítulo 2 - Caça a bandeira

Pov Lauren Jauregui


Dizer que a noite no chalé de Hermes foi ruim era pouco, eles alem de serem muitos e ter muito outros que o pais não reivindicaram deixava tudo uma bagunça.

Tem alguns que está há anos no chalé de Hermes e os pais não fizeram questão de reivindicar o que me deixa apreensiva já que não desejo viver o resto da vida encarando o Bombril ambulante que parece ter desenvolvido uma antipatia por mim como eu desenvolvi pelo mesmo.

-Vamos logo cambada temos muita coisa para fazer hoje. – Grita Austin. – Infelizmente.

Todos murmuram em discordância e alguns que não são filhos de Hermes olhavam para os cantos como se eles fossem os que mais sofressem com tudo isso.

Quando íamos sair vejo um garoto que deveria ter por volta dos vinte e quatro anos entrando no chalé e algumas das poucas crianças do chalé correram para o abraçar.

-Jimmy porque demorou demais dessa vez? – Pergunta um deles e vejo o cara sorrir para eles retribuindo o carinho.

-A nossa missão foi difícil, mas conseguimos cumprir e agora entrarei em férias de missões então vamos treinar juntos para o chalé ser reconhecido mais uma vez como um dos bons, mas pelo que vejo vocês deixaram isso aqui uma bagunça. – Fala olhando para tudo.

-Bom deu meu horário. – Fala Austin tentando sair, mas o tal Jimmy o parou segurando em seu ombro.

-Você será o primeiro a ajudar meu irmão então volta.

A contra gosto Austin volta e o cara olha para mim e sorri

-A novata que o Quiron falou, é um prazer receber um novo campista aqui bom vem precisamos conversar.

O sigo, saímos do chalé pegando rumo para a arena de treinos e vejo que está bem vazio pelo horário.

-Eu sei que está tudo uma confusão para você, mas aqui a maioria são pessoas boas alguns que não são é por causa de tudo que aconteceu na vida deles. – Fala olhando para o horizonte.

-Eu tinha uma vida lá fora, não era perfeita eu sei, mas agora estou sozinha no meio de muitas pessoas que não conheço.

-Muitos aqui passaram por isso, só deixe com que essa experiência te mostre um novo rumo, bom deixando isso de lado hoje teremos a caça a bandeira e você fará parte do nosso time então você já mexeu com algum tipo de arma branca?

-Eu fazia esgrima e natação na minha escola. – Falo meio confusa.

-Ah antes que eu me esqueça o Quiron mandou te entregar isso. – Fala me estendendo uma caneta e eu olho confusa para aquilo.

      Pego a caneta e a encaro e vejo que é daquelas de apertar e quando aperto ela se transforma na minha mão em uma espada.

-Uou. – Me assusto, mas não solto a caneta espada.

-Você foi presenteada com algo bem legal, sente que ela é pesada ou leve?

-Leve. – Falo a movendo, eu sabia o básico de uso desse tipo de espada já que aprendi a mexer com coisas assim para depois me focar cem porcento na esgrima.

-Vamos treinar. – Fala me puxando até a arena.

Ele toca no cordão que usa no pescoço e ele se transforma em uma espada também, ele me chama com a mão ficando em modo de ataque e eu empunho a espada a rodando sentindo que poderia me acostumar com ela rapidamente.

Vou para cima dele que desvia meu ataque usando sua espada e me da um empurrão de leve me fazendo se afastar dele.

-Mexa as pernas quando tentar me atacar você faz isso na esgrima então aplique algumas coisas aqui também.

Escuto o que ele fala e tento e surte efeito já que consegui o atacar e fazer ele se afastar usando sua força para não cair.

-Boa isso mesmo. – Fala animado. – Agora use a espada para se defender e lembre-se de usar o jogo de pernas.

Ele avança e eu faço como na esgrima usando minhas pernas para me dar locomotividade e agilidade para desviar e uso a espada para contra atacar derrubando a dele longe.

-Isso é esplêndido, mas não se deixe levar muitos aqui são mil vezes melhor que você e não pegaram leve, agora vamos para o café da manhã.

Faço minha espada voltar à forma de caneta e a guardo  no bolso da minha jaqueta  e o sigo vendo vários outros campistas que o cumprimenta sorrindo, chegamos no refeitório e o sigo pegando um prato colocando pouca coisa.

Sigo para frente e jogo parte do que peguei e suspiro baixo.

-Não sei quem você é e se pode me ouvir só queria que pudesse me ajudar eu não pedi por isso e só quero que tudo se ajeite logo. – Sussurro e me afasto me sentando na ponta da mesa começando meu desjejum.

O refeitório enche, e logo todos estão comendo em meio a conversas e brincadeiras e eu como ontem me sinto deslocada no meio de todos.

Vejo a Vero e a Lucy juntas sorrindo e isso me faz pensar na vida lá fora.

O café da manhã logo passa e volto para a arena junto da Vero e da Lucy que estavam falando que alguns estão comentando que me viram treinando junto do líder do chalé de Hermes e que eu até que mandava bem na espada.

-Você conseguiu desarmar o Jimmy e isso é algo bom já que muitos não conseguem. – Comenta Lucy.

-O que fazia antes daqui? – Pergunta Vero.

-Eu estudava e praticava natação e esgrima.

-Por isso conseguiu desarmar o Jimmy ele é ruim usando as pernas, mas quando usa o tronco é um lutador foda. – Fala Vero pegando um tipo de adaga.

Me sento na arquibancada e vejo as duas treinando forte e quando do por mim tem três pessoas perto de mim o que me faz recuar um pouco.

-Não mordemos. – Fala um garoto sorrido e estendendo a mão. – Sou o Niall filho de Zeus e essa baixinha do meu lado é a Ally filha de Atena e aquele ser ali que está com uma cara séria é a Camila filha de Afrodite.

Aperto sua mão e sorrio para ele.

-Lauren Jauregui, pai desconhecido bom prazer em conhecer vocês.

-GIRE LUCY NÃO DEIXE A VERO DOMINAR VOCE PELA ESQUERDA. – Grita a tal Camila.

Os outros dois estão olhando para as duas que estão treinando e vejo que as meninas devem ter muitos amigos aqui.

O tempo passa e logo estamos de tarde nos preparando para a tal caça a bandeira que nada mais é um tipo de caçada onde todos estão armados e com caras sérias como se estivessem indo para a guerra o que não duvido que isso não seja.

-Hoje estamos parceria com os filhos dos seguintes deuses. – Começa Jimmy. – Atena, Zeus, Eos, Demeter, Nix, Éris, Hecate e Hestia.

-Droga o outro time ficou com alguns bons. – Fala um garoto que terminava de colocar uma armadura.

-Sei que o outro time tem a força do lado deles, mas nós temos a estratégia então vamos ouvir os filhos de Atena.

-Estão prontos? – Pergunta Ally que está na frente dos filhos de Atena.

Vejo todos com uma faixa vermelha nos braços.

Assim que Ally explicou seu plano, que se baseava em uma jogada de xadrez, formamos as equipes.

- Vamos deixar alguns filhos de Hermes aqui, para poderem impedir os que vierem juntos com alguns de Hecate. - Fala Ally e depois fala o nome de pelo menos 30 pessoas.

- Lauren, Zayn, Vero e Ally vem comigo. - Fala Niall.

- A novata só vai atrasar vocês! - Especula Austin.

- A novata tem nome. - Fala Niall. - E eu escolho minha equipe para ser a "Rainha", se você não é bom pra ficar nela cale-se e se contente em ser "Torre" - Fala ele fazendo aspas no ar.

Todos ficam calados, alguns segurando riso e outros, amigos do embuste, ficam sérios.

- Demeter, Éris, Nix, e o resto dos filhos de Hecate e Hermes comigo para serem os "Cavalos" da partida. - Fala uma mulata, linda e grande.

- Certeza, Mani? - Pergunta Ally sorrindo para ela.

- Claro, nos filhos de Demeter, temos uma coisa a tratar com o Shawn e seus irmão! - Ela diz e seus irmãos e irmãs concordam.

- Tudo bem. - Diz Ally dando de ombros. - Va vingar suas flores então.

- Então o resto será o Bispo, atacando logo em seguida pela diagonal em oposição ao caminho de vocês, "Rainha"? - Pergunta Jimmy.

- Exato, Filhos de Eos, Atenas e os de Hestia, como Bispo. - Diz Ally comum sorriso no rosto. - Todos entenderam?

Levanto a mão, todos olham para mim, Niall me lança um olhar que diz: " Abaixe esta mão!" Porém continuo com ela levantada.

- Fale, Lauren - Diz Jimmy com paciência.

- E se morrermos? - Pergunto. - ou se nos perdermos?

Alguns riem e outros so balançam a cabeça, mas ninguém me responde. Niall segura meu braço e chama o resto da sua equipe para nos posicionar para correr.

- É proibido matar aqui. - Fala um garoto alto e com tatuagens. - E nos não nos perdemos.

- Ah... Entendi. - Falo, mas isso causa risos vindo de Niall e Ally.

- Ok, Veronica, nos camufle. - Fala Niall ajeitando a espada e o escudo. - Ally, trace o caminho, Lauren corra o máximo que puder, e Zayn?

- Fala, Niall. -Ele diz como se já soubesse o que ele iria falar.

- Tomou o sol da manha hoje florzinha? - Ele diz rindo e as meninas o acompanham, so eu que não entendo.

- Corre o máximo que puder na minha frente Niall, por que se eu te pegar você vai ver a florzinha! - Ele fala serio e calmo.

Quando vejo que Vero iria brincar com a cara do grandão uma corneta toca por toda a floresta.

- Correee!!! - Grita Niall como um loco e sai correndo acompanhado de Ally, Vero e Zayn, eu demoro um pouco, mas logo estou lado a lado com eles.

Ao decorrer que vou avançando com eles escutamos sons de batalha. Vejo que os filhos de Demeter estão se vingando bem e nosso plano vai bem, Vero faz algo que uma nevoa nos rodeia enquanto corremos, passamos por alguns campistas, e eles pareceram não nos notar. Estava tudo fácil, tudo muito fácil!

Terminado esse pensamento Vero e Ally que estavam na nossa frente caem, Niall, eu e Zayn paramos e vemos um fio estirado para pessoas como nos caírem.

- Desculpa, amorzinho! - Lucy aparece com 15 campistas. - Sabia que você iria vim correndo pra mim.

Vero e Ally se levantam rapidamente, Niall e Zayn levantam suas armas rapidamente, eu fico meio perdida, mas resolvo que levantando a espada evito um braço perdido.

- Niall, Zayn e Lauren, continuem. - Fala Ally levantando a adaga. - Eu e Vero cuidamos deles.

Niall faz um sinal para Zayn e eu acompanha-lo, eu hesito, mas logo os sigo, começamos a correr de novo, deixando o som da batalha e de um...porco? Para trás e seguimos, corremos por um bom tempo sempre se escondendo em árvores. Passamos por dois grupos, seguimos em frente ate que tropeçamos em frente de um grupo de pessoas, a menina que me salvou esta entre eles.

- Selena, so queremos passar - Fala Niall dando um sorriso levantando a espada. - Da licença?

- Niall, Zayn e Lauren. - Ela fala rindo. - O que é isso? Um circo?

- Sai logo da nossa frente. - Fala Zayn levantando a lança. - Não queremos machucar vocês.

- Tentem. - Fala ela e parte para frente de Niall, que bloqueia e ataca ela.

Zayn ataca outros três campistas o que me deixa com dois, não só um, ou nenhum, mas sim D-O-I-S! Levanto a espada e bloqueio um ataque, e por instinto ataco ele.

- Desculpa! - Digo enquanto me movimento para desviar de outro ataque.

Penso na pequena aula que Jimmy me deu, me movimento, bloquei os ataques e ataco, desarmando o cara.

- Boa, Lauren! - Fala Niall que esta de pé ao lado de uma Selena desmaiada. - então se os dois grandões nao atrapalharem, podemos ir?

Eu dou uma risada e saio correndo com Zayn e Niall nos acompanha. Depois de corrermos um tempo percebemos estar sendo perseguidos, mas isso so quando, talvez, uma flecha quase entra na batata da perna de Zayn.

- Puta... - Fala Niall. - Stilles você é uma puta!!! Aparece desgraça!

- Quanto amor! - Diz um garoto com cabelos grandes e olhos claros, muito bonito, e parecia conhecer os garotos. - Então, vai ter que passar por mim, Niallzinho!

- Você vai me enfrentar, Stilles. - Diz Zayn sorrindo. - Ja que quase arranca minha perna.

Vejo o garoto, Stilles deve ser o sobrenome dele, ficar meio pálido, mas o sorriso convencido. Zayn não espera mais um segundo e ataca, o garoto desvia e pega uma flecha, ja colocando ela para disparar, Zayn vira e o garoto dispara.

- Cuidado!! - Grito para ele, ele move a lança e ela bate na flecha!

- Niall e Lauren, vão! - Fala ele movendo a lança desviando uma flecha. - Logo!

Niall pega meu braço e me puxar para acompanha-lo.

- Não deveríamos - Falo pausando para puxar ar. - Deixa-lo

- Zayn sabe se cuidar! - Grita Niall, e logo depois de falar, uma mine explosão de luz vem de onde o garoto e Zayn estavam, eu e Niall paramos por um minuto, Niall esta sorrindo. - Principalmente quando a florzinha toma sol.

Não entendo o que ele quer falar, e nem tenho tempo parar questionar quando Niall volta a me puxar, ou diria arrastar? Paramos quando vimos um grupo de 6 pessoas logo a frente.

- Vamos fazer assim. - Fala Niall puxando a espada. - Eu fico você segue.

- Mas...o que?? - falo confusa, mas ele me interrompe.

- Torce pra nenhum raio pegar você. - ele fala ja correndo. - e corre! Muito!

Ele grita e vai em direção ao grupo, eu corro contornando, tendo raios caindo por toda parte onde Niall correu e gritos e mais gritos do mesmo. Faço o que ele disse, e corro mais rápido que posso.

Depois de um tempo afastada não paro continuo correndo, até ver algo entre as árvores, era a bandeira! "Eu achei a bandei...!" De repente caio de cara no chão e minha espada vai parar em algum lugar a minha direita.

Escuto uma risada gostosa de se ouvir, olho para cima e vejo um anjo, ou melhor, Camila do chalé de Afrodite.

- Eu morri? - Pergunto gemendo de dor.

- Não, porque? - ela pergunta ainda rindo de mim no chão se contorcendo de dor, acho que cai em uma pedra.

- Porque eu queria estar morta. - Falei e depois parei e olhei para ela rindo de mim. - e porque to vendo um anjo. - Sorri, mas ela para de rir e me da um chute na barriga me fazendo rolar.

- Ai!! - Reclamo, tentando me levantar, porem ela me da outro chute. - Isso doi porra!

- Ah, eu pensei que não! - ela fala colocando um pé na minha barriga. - Mandaram você para pegar a bandeira? Serio isso?

- Isso que to me perguntando ate agora. - Falo segurando o pé dela e puxando, fazendo ela desiquilibrar.

Me levanto rápido e procuro minha espada, mas não a acho. Olho para frente e ela estava levantada com a espada apontada em minha garganta.

- Boa tentativa, Lauren. - Diz ela falando o Lauren lentamente. - Mas para não perder tão injustamente. - ela fala fincando a espada ao lado e me lançando um sorriso encantador. - Vamos ter uma luta justa.

Xingo mentalmente por nao saber luta corpo a corpo tão bem, levanto as mãos em punhos e me movimento ela sorri para mim e levanta as mãos, com as unhas perfeitamente feitas.

Eu ataco primeiro, pois pensava que ela não esperasse, um erro.

Ela segura minha mão e me joga pro lado com minha própria força.

- Vamos você pode fazer mais que isso. - ela diz rindo, e que sorriso.

- Pra você deve ser! - Falo levantando a guarda novamente.   

Ela ataca e eu desvio uma vez, ela ataca de novo, seguro sua mão fazendo o mesmo que ela fez comigo.

- Nada mal. - fala ela jogando os cabelos lindos para o lado. - Ja chega de brincar, vamos acabar com isso?

- Você que sabe, anjo. - Falo sorrindo, quando penso que vou levar uma voadora ela sorri, o que me faz ficar meia boba.

Ela percebe e ataca, mas eu desvio me movendo, ela logo se recupera e me ataca de novo, desvio mais uma vez, parecíamos estar em uma dança onde nenhuma encostava na outra, estávamos além da luta, trocávamos sorrisos e olhares, ela me olhou tão intensamente que por um minuto eu abaixei a guarda e ela me acertou um soco, forte, doeu, muito, será que ainda tenho nariz?

- Ai! - falo pondo a mão na cara, ela sorri e me deixa recuperar.

- Vamos logo! - Fala ela rindo de mim procurando meu nariz. - Você está parecendo um demônio lutando toda desengonçada!

- Ok, ok! - Falo me ajeitando de novo. - Já que é assim.

Parto para cima dela rápido dando um soco, que ela desvia indo para trás, viro levantando o cotovelo que ela defende com só dois braços, desvio rápido tentando dar outro soco, mas ela usa minha força e me joga em um riacho ali perto.

A água me molha toda, me deixando com frio.

- LAUREN ACABA COM ELA! - Grita uma Vero segurando um animal (seria um porco com as roupas da Lucy?) aparecendo com uma Ally machucada e cheia de arranhão segurando um Niall fraco e  um Zayn brilhando (Brilhando?). - Levanta essa raba gorda e acaba com ela!

Sinto algo com a água, e não era o frio, mas sim um vigor, quando vejo Camila ir pegar a sua espada eu boto a mão na minha jaqueta, e la estava a caneta, pego ela e levanto me pondo na frente dos meus amigos antes que Camila comece a confrontar uma Ally machucada, uma Vero apaixonada por um porco, um Zayn brilhante e um Niall quase desmaiando.

- Vero? - falo levantando a espada para Camila e me sentindo confiante. - Pegue a Bandeira!

- Vamos Vero! - Diz Ally deixando o Niall com o Zayn.

Camila olha para nós e fica confusa entre lutar comigo ou impedir elas, ataco ela para poder distrai-la, ela se defende e a corneta toca mais uma vez. Eu e Camila olhamos para as meninas, e elas estavam a um centímetro da bandeira, escuto Lucy, o porco, relinchar em sinal vitória, olho para Camila, ela estava com um sorriso grandão.

- É, quem sabe da próxima vocês ganham. - Ela fala e guarda a espada eu transformo a minha de volta.

- Filho de... - Diz Niall antes de desmaiar nos braços de Zayn, o garoto lanterna.

- Eu levo ele para a enfermaria. - Fala Zayn carregando ele. - Vamos Ally?

- Claro, temos mais nada aqui. - Fala Ally parecendo chateada e cansada.

- Camila pega essa porca! - Fala Vero parecendo irritada e entregando Lucy, a porco para Camila. - Vamos Lauren?

- Vamos. - Falo olhando para Camila que ainda não tinha tirado os olhos de mim. - Então ate depois, anjo?

- Ate depois. - Ela sorri. - Demônio.



Notas Finais


Vamos ver vocês nos comentários :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...