História Life of a hybrid - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Sobrenatural
Exibições 8
Palavras 1.004
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioioi🌈 espero que gostem e me desculpem pelos erros desde já...

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Life of a hybrid - Capítulo 2 - Capítulo 2

Tudo parendo tão familiar, mas ao mesmo tempo parecia que nunca tivesse visto isso na vida, sensações boas como amor, felicidade e carinho e ruins como angústia, medo e trsiteza se misturam em uma só. Derrepante ouço uma respiração fria e pesada acompanhadas por passos fortes. Uma pessoa estranha, desconhecida, pega na minha mão e me leva para algum lugar familiar com pessoas familiares mesmo não dando para olhar os seus rostos, me sentia segura mas em um piscar de olhos tudo desaparece e um borrão preto se torna visível com apenas um par de olhos vermelhos...

Acordo meio transtornada, e ficava me perguntando por quê sempre termina assim, por quê tenho sempre esses sonhos, desço para pegar uma água. Olho para a janela e um par de olhos verdes parecia me observar em cada movimento que eu fazia. Subi correndo para meu quarto e me jogo na cama deixando o meu copo no criado-mudo, pedo meu celular e olho o horário, 05:01, aish minhas aulas começam só às 07:30. Resolvo voltar dormir.

Quebra tempo ( Já na frente da escola )

Chego em frente da escola, respiro fundo, entro na escola e vou para minha sala, sento na última fileira no lado da janela como todos os anos depois que perdi meus amigos. Fico ouvindo música até minha gazela pregerida.

BB: Ola vida, como vc tá?

S/n: Oi gazela, sei lá sabe?

BB: É aqueles sonhos?

S/n: Sim e desde que eu fiz 17 anos parece eu estou sendo observada por pares de olhos, vermelhos, laranjas e por aí vão

Agente ia continuar a conversa se a professora não tivesse entrado.

A aula comessa normal até que alguém bate na porta e quem era? Era meu oppa, sempai, crush, meu amor... (parei)

Professora: ATRASADO JÁ NO PRIMEIRO DIA DE AULA JUNGKOOK - ela fala (grita) com ele, (coitadinho)

Depois disso a aula continua normal nada de interessante tanto que nem entendi o conteúdo mesmo

O sinal toca e todos vamos para o recreio.

S/n: Come, come, comeee, come, come, comee, come para poder cresceee

BB: Essa música é uma mentira...

S/n: Por quê?

BB: Você passa sua vida praticamente comendo, e ainda é um meio metro - Começo a dar soquinhos em seu braço e ele reclama de dor

BB: A...AI, você é forte sabia?! - passa a mão a onde eu tinha arrecem batido

S/n: É eu sei - abraço ele

BB: É bipolar você neh?

S/n: Não, só to com fome, e não trouxe dinheiro - Dou um sorriso, e aperto mais ele

BB: Cuidado, você vai me matar

S/n: Aish não exagera - Falo em burrada

BB: Eu compro um lanche para você

S/n: EEEEEEEE - Faço uma dancinha e todos me olham - Oshi - me sento novamente

O sinal bate e todos vamos para a sala

Eu não conseguia parar de olhar para aquele JUNGKOOK faz tantos anos que eu o observo ele e os dois amiguinhos parecem ser tão reservados mas TODAS as meninas são caidinhas por eles então como o Kook iria olhar para mim?

                         -X-

Eu estava guardando os meus materiais na minha mochila, peguei meus fones e comecei a sair da sala, e fiquei ouvindo música enquanto andava pelos corredores da escola não percebi e tropecei no meu próprio pé mas fecho meus olhos esperando o tombo maz cinto algo segurar minha cintura enquanto me puxa para não cair, quado abro um olho para ver quem era e tomei um susto que [aí meu útero(não sei onde fica)] ele fica muito mais lindo de perto

Kook: Vai ficar me secando ou vai sair dos meus braços?

Fico vermelha, e saio rapidamente mas ele me puxa de novo,

Kook: Nem um obrigado?

S/n: Obrigado, satisfeito?

Kook: Não, e o beijinho?

S/n: Que audácia é essa meo deos, nunca trocamos olhares menino, e vc quer um beijinho

Kook: Eu tinha que ter deixado vc beijar o chão isso sim

 S/n: Aish, ta bom - Fico na pontinha do pé e fui dar um beijo na sua bochecha mas o mesmo virou seu rosto me fazendo lhe dar um beijo ele pediu passagem de língua e eu cedi (óbvio que vc cedeu eu sou a autora kirida) ele começou a intensificar o beijo com mãos bobas (🌚), mas paramos tudo quando a voz da diretora ecoou pelo corredor,

Diretora: Se for para se comerem não se comam na escola - desculpa mas eu tive que rir - Ta rindo de que menina

S/n: Nada não - Me curvo e vou embora

Quando sai do colégio alguem me empurra contra a parede ele era muito forte. Depois que olhei melhor consegui identificar era o Kook

Kook: Vamos terminar aquilo que agente começou na escola?

S/n: Ko...ok, i.s..so é er..ra..do - Falo gaguejando por ele estar perto de mais

Kook: Por quê? Você me observa desde que entrei na escola - Puts ele tinha percebido - mas eu também te observo desde que cheguei - Ai meu cu esse menino lindo me observa desde que chegou na escola

S/n: Mas tanta menina bonita e legal por aí, por que motivo você olhou todo esse tempo para mim - ela já tinha se afastado um pouco

Kook: Vamos deixar as pergunta para outra hora? - Ele pergunta mas não me deixa nem responder e ja ataca meus lábios, aish mas que boca esse cara tem em - S/n, vamos fazer isso lá em casa?

S/n: Kook, e..er eutenhoqueirparacasa - Me viro e saio correndo porque ter dispensado um bofe (quem em pleno século 21 ainda usa essa palavara? Continuando) daqueles para apenas ir para casa? NINGUÉM

Enquanto voltava para casa meu consiente não parava de brigar comigo. Cheguei e fui direto almoçar. Depois fui fazer um trabalho de escola sobre seres sobrenaturais. Tomei um banho coloco um moletom até o joelho e deixo meu cabelo solto e molhado fico assistindo meu doramas, mas do nada sinto olhares sobe mim fico me virando procurando algum sinal alguma pista mas nada então resolvi dormir mas a sensação não ajudou nada, depois e umas 2 horas rolando consegui dormindo ainda com o sentimento de ser observada.









Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo apesar de ele estar bem bosta. Me desculpem os erros do com preguiça de ler esse cap todo denovo
Acho que já disse no primeiro capítulo e se não disse to dizendo agora, eu não vou conseguir postar todos os dias, pq as vezes a criatividade se fecha em um baú com 8 chaves e também tenho meus estudos e tals. E não consegui postar antes pq minha mãe pegou meu celular 😭
Kissus❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...