História LiKE A WOULD - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Amor, Beijo, Colégio, Escola, Harry, Horan, Louis, Malik, Romance, Styles, Suspense, Zayn
Exibições 31
Palavras 743
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - GeT oUt!


Fanfic / Fanfiction LiKE A WOULD - Capítulo 7 - GeT oUt!

Passei metade do dia pensando em coisas que nunca imaginei raciocinar. E honestamente, criei tantas hipóteses que poderia até me tornar cientista ou detetive. Também resolvi não comentar nada com a Kylie para não cair em lágrimas mais uma vez. E agora, eu estava no campo treinando com as líderes de torcida. Quem sabe assim eu tirava um pouco essas coisas da mente...


Olhei para o horizonte e observei o Tyler jogando com os seus amigos mais ao fundo do campo. Ele parecia distraído, mas a cada ponto marcado, os seus olhos vinham à minha procura com um sorriso nos lábios. Dessa vez, eu forcei um aceno amigável e continuei fazendo os passos repetitivos que a Behati ordenava incansavelmente. Segundo ela, tudo tinha que sair perfeito na estréia do início dos jogos. 


- Mireille, tá tudo bem? - A Behati veio na minha direção com uma expressão preocupada. Era óbvio que não estava tudo bem, mas para economizar explicações, eu sorri e murmurei um "estou com dor de cabeça" - Quer parar por aqui, hoje? - Segurou o meu braço e me puxou para o lado, ficando um pouco mais afastada dos outros.


- Não. Nós podemos continuar. - Fitei a sua feição que quase revirou os olhos percebendo que eu estava mentindo.


- Pode ir descansar. Você já treinou o suficiente por hoje. Confio em você, não preciso pegar tanto no seu pé como o de algumas garotas. Afinal, você é a segunda melhor. - Riu dando um leve empurrão no meu ombro e eu soltei um riso também.


- Segunda melhor? - ergui uma sobrancelha - Segunda? Uhum, sei. - bufei rindo e a Behati deu alguns pulos para trás acenando.


- Até mais, segunda melhor. - gritou um pouco distante e eu ergui a mão mexendo os dedos como um "tchau". Ao mesmo tempo, vi o Tyler com os seus olhos vidrados na minha direção. Ele parecia querer saber se eu estava bem, então fiz um "joinha" com a mão direita. 


Fui até o vestiário me trocar e lavei o rosto para dispersar os meus desaveios. Quando estava saindo do mesmo, fui esbarrada por um corpo impedindo minha passagem. Levei um susto ligereiro de primeira e depois tratei de ver quem era, onde acabei sentindo o meu sangue ferver e a minha cabeça que estava tranquila, explodir novamente.

Eu respirei fundo observando o seu corpo magro na minha frente. Ele vestia uma calça skinny azul escura, uma camiseta branca um pouco transparente e uma jaqueta de couro preta por cima. Seu cabelo estava um pouco bagunçado e amassado do lado esquerdo, como se nem tivesse penteado, o que provavelmente, era verdade. 


- O que você quer? - Falei breve e rude, empurrando ele da minha frente e andando em passos largos para dentro da escola.


- Precisamos conversar. - Disse seco enquanto sentia a sua presença me seguindo.


- Não quero. - Continuei andando apressada. Eram umas duas horas e tanto da tarde e o termino do período escolar eram às três. Por isso, não havia tantas pessoas nos corredores, mas mesmo assim, pude notar alguns olhares confusos na minha direção, observando eu e o Zayn.

Nós nunca conversamos em público na escola e ninguém nunca imaginava nenhum tipo de relacionamento que poderia haver entre nós, desde amizade até namoro. Sabe, os "populares" não se misturam com os "rebeldes".


- Isto não é questão de querer. - Senti a sua mão segurar o meu braço e fazer com que eu parasse de caminhar rápido e me virasse para ele - Falou que não discutiria comigo pelo celular. Muito bem, estamos aqui agora.


- Tá para parar com isto? - puxei o meu braço do seu aperto - Não vê que tem pessoas nos assistindo? - sussurrei, ficando alguns segundos olhando nos seus olhos, esperando com que ele se ligasse do que está fazendo e lhe dei as costas, voltando a caminhar com raiva.


- ESTE É UM DOS SEUS PROBLEMAS: VOCÊ SEMPRE SE IMPORTA COM O QUE OS OUTROS DIZEM OU PENSAM, NÃO É MESMO?- Falou alto para que os poucos alunos que estavam ao redor ouvissem. E ao mesmo tempo, percebi que eles se mandaram ou fingiram estar ocupados.

Eu fiquei furiosa e vire-me mais uma vez na sua direção, no qual o zayn se encontrava parado no meio da passagem, me olhando desafiador, como quem falasse "Negue que isto é a verdade".


- Você é um estúpido! - cuspi as palavras e sai em passos duros até o meu carro no estacionamento. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...