História Like Air - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alycia Debnam-Carey, Eliza Taylor-Cotter, The 100
Personagens Bellamy Blake, Clarke Griffin, Dra. Abigail "Abby" Griffin, Jasper Jordan, John Murphy, Lexa, Lincoln, Octavia Blake, Raven Reyes
Tags Alycia Debnam-carey, Clexa, Eliza Taylor, Elycia
Exibições 405
Palavras 1.384
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Primeiramente obrigada pelos comentários e pelos favoritos na fanfic. <3

Boa leitura!

Capítulo 2 - I don't care what they say


 

Estou a exatamente três semanas aqui, e ainda não consigo chegar cedo nas primeiras aulas. Tenho que admitir que acordar cedo não é uma de minhas virtudes. Depois que fiz minha higiene matinal, tomei meu café da manhã apressada e corri para a aula. 

Assim que cheguei na sala todos me olharam, odeio quando isso acontece, e isso seeempre acontece. Octavia acenou para mim apontando para uma cadeira atrás da dela, que por sinal ficava logo ao lado da de Raven, nós três tínhamos muitas aulas juntas, então era comum vê-las com mais frequência do que os dois outros garotos do grupo de estudos.
- O que está rolando? O professor não chegou ainda? - Perguntei para as meninas
- Incrível, ele está mais atrasado que você, senhorita Clarke. - Raven falou se virando para me responder.
- Haha, Muito engraçado.  
- Meninas, sabem me dizer se vai haver um debate na quinta-feira? - Octavia nos perguntou e continuou, - Quero dizer, no departamento?
- Sim vai. Na verdade ficou pra hoje. - Raven respondeu por mim, até porque eu não estava sabendo sobre isso, e eu sou uma péssima pessoa para debater.
- Acho que nós temos que ir. Você vai Clarke? 

Quando eu ia responder a pergunta de Octavia, ouvimos a porta da sala se fechando com força, o que fez toda a sala se virar e ficarem sérios.

Era ela. Era a senhorita Woods. Mas o que ela estava fazendo na minha sala? 

A observei enquanto ela entrava na sala, colocou seu material sobre a mesa, e começou a escrever seu nome no quadro negro. "Srta Woods"
- Este é o meu nome. Vocês podem me chamar de senhorita Woods. Ou o mais formal possível. 
Ela disse isso se virando para a turma que a olhavam um pouco assustados, e eu apenas não conseguia para de admirar a beleza dela, que usava um conjunto de saia e blazer cinza e uma blusa branca um pouco transparente por dentro, seu cabelo estava preso em um rabo de cavalo um pouco desarrumado. 
- Eu costumo ensinar na sala 209, mas o professor da turma de vocês teve um imprevisto... - ela continuou falando me chamando a atenção novamente, e continuou - portando vim aqui substituí-lo. Alguém pode me dizer em qual tema vocês estão trabalhando? 
A senhorita Woods fez a sua última pergunta e ninguém se disponibilizou a responder, até que ela olhou fixamente para Octavia, esperando uma resposta.
- Ah... hum, e-eu... - Octavia gaguejou essas palavras passando apressada as páginas do livro que tinha em mãos. e tentou continuar - Da última vez assistimos um vídeo, senhorita. 
- Tudo isso? - Questionou a senhorita Woods, ainda com seu olhar fixo em Octavia. 
- Sim, senhora. 
- Foi relevante para o curso de qualquer maneira? 
- E-eu acho que s-sim. - O que estava acontecendo? Por que Octavia estava tão nervosa? Tão nervosa que deixou seu livro cair no chão.
- Acham que podemos chegar a uma resposta antes da licenciatura? - Ironizou a senhorita Woods. 
- Senhorita, foi um vídeo, acerca da correlação, ficamos na página 34. - Disse um garoto do outro lado da sala, salvando a pele de Octavia, que agora estava vermelha de vergonha. 
- Obrigada. - Woods falou olhando pra Octavia e se virando de volta ao quadro pra iniciar sua aula. - Bem, quando se estuda a correlação é importante lembrar...
- Ei você está bem? - Raven quis saber
- Estou. Essa vampira lésbica louca me tira do sério. - Rimos do comentário de Octavia sobre a Woods. 

A aula continuou e dessa vez acho que consegui me concentrar mais na aula do que nos últimos dias, não vou negar. Já estava quase no fim da aula quando Raven nos comunicou que o tal debate seria a noite, no pátio principal da faculdade, e claro que eu não estava muito a fim de ir, mas ela insistiu tanto que eu tive que ceder. 

...

O debate não era bem um debate, era mais uma especie de encontro coletivo entre alunos e professores. Porém como imaginei, estava muito chato. Raven trouxe um copo com algum tipo de bebida para mim enquanto esperávamos por Octavia.
- Aposto que não tem lugares tão divertidos assim em Hollywood, em loirinha? - ouvi Octavia chegando
- Ah, não sei, nunca estive em nenhuma coisa parecida. - Rimos todas juntas
- Olhem só, vejam quem também está bem ali. - Disse Raven apontando pra senhorita Woods do ourto lado do pátio, não muito distante de onde estávamos.
- O que? Quem? - Octavia quis saber rondando o lugar com os olhos.
- Oh, meu Deus! Porque ela tem sempre que parecer tão assustadora? - Eu realmente não entendia esse nervosismo da Octavia.
- Quer que eu chame ela aqui para você? - Falei rindo
- Sim, você não disse que queria falar com ela? - Raven entrou na brincadeira
- Ha ha, muito engraçadinhas...
- Falei com ela outro dia. - Interrompi Octavia, e elas me olharam como se eu tivesse cometido um crime.
- Falou? - Perguntaram em coro.
- Perdeu alguma coisa? Se feriu? - Raven e seus comentários...
- Não, não sofri nenhum dano permanente.

Observei a senhorita Woods que falava animadamente com o professor Murphy. Raven e Octavia me deixaram sozinha, foram falar com o Jasper que estava sentado sozinho em uma das cadeiras, próximo a escadaria.

Quando o professor Murphy se afastou da senhorita Woods, a deixando sozinha, fiquei encarando ela, e ela notou, pois fez o mesmo. Ela me olhava fixamente, mas de uma maneira diferente da qual havia olhado pra Octavia na aula. Lancei um meio sorriso de canto para ela e resolvi ir falar com ela, quando ia andando em sua direção, alguma outra mulher que não identifiquei quem chegou abraçando-a e me fazendo dar meia volta. Clarke o que você está fazendo? Pensei. 

Fiquei parada no mesmo lugar em que estava mas dessa vez percebi certos olhares sobre mim, que começaram a fazer alguns comentários, na qual pude ouvir, e mais uma vez falavam sobre a tal série que eu participei. Então não esperei mais pelas meninas, fui para um lugar cheio de pedras e arvores longe dali, precisava ficar um pouco sozinha, tomando o que quer que seja que eu estivesse tomando. 
- Porque está se escondendo aqui? - Levei um susto com a voz da senhorita Woods atrás de mim. 
- Ah, é. Não, não estou me escondendo. 
- Desculpa, acho que me confundi então. 
- Não faz mal. 
- Estes encontros de professores e alunos são mais entediantes do que as aulas, de qualquer forma. - Disse a senhorita Woods me mostrando um sorriso. Ficamos em silencio por alguns segundos até que ela começou a falar novamente. 
- Acho que nunca fomos apresentadas de uma maneira formal, me chamo Lexa Woods. 
- Me chamo Clarke. Clarke Griffin. - Disse apertando sua mão, bem formal. 
- Ah, claro, a famosa. 
- Famosa? Pelo que tenho ouvido, você também é famosa. 
- Sério? O que você ouviu?
- Uh, umas coisas... que meus amigos disseram. 
- Coisas que seus amigos disseram... - Lexa repetiu. - E o que eles disseram?
- Que eu deveria ficar longe de você senhorita Woods. - Falei baixando um pouco a cabeça.
- Por favor me chame apenas de Lexa.
- Ok, Lexa. 
- Bem, acho que você deveria ouvir o que seus amigos disseram... - Lexa agora se aproximava de mim, deixando apenas alguns centimilímetros de distancia entre nós duas. Com uma das mãos ela colocou uma mecha do meu cabelo atrás da minha orelha me fazendo prender a respiração. Até que ela me beijou. Seu beijo foi rápido porém muito suave. Quando ela se afastou um pouco eu não tive reação.
- Você está bem, Clarke? - Ela continuava com sua mão em meus cabelos.
- Uhum. - Confirmei com a cabeça. Lexa mordeu um pouco seu lábio inferior e olhou para minha boca de uma forma que dizia que queria me beijar novamente, e olhou firme em meus olhos.
- Quer ir comigo até minha casa? - Sussurrou.
- O que? Não! - Foi a primeira coisa que veio a minha cabeça. Me afastei dela e andei apressada de volta para o pátio. 
 


Notas Finais


Espero que estejam gostando, todo comentário é bem vindo, e lembrem que é um ótimo incetivo para continuar!

Deixarei aqui o link da minha outra fanfic caso queiram ler também: https://spiritfanfics.com/historia/fanfiction-alycia-debnam-carey-mundo-surreal-5654527

Bjs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...