História Linha Tênue - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Tags Swanqueen
Exibições 243
Palavras 3.817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Mistério, Policial, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais um pra fechar a noite e acabar com o suspense !
Pelo menos por enquanto !

Capítulo 10 - Cap 10


Fanfic / Fanfiction Linha Tênue - Capítulo 10 - Cap 10


 - Emma ? Emma... 
- Oi... pode entrar... 
- Bom dia amiga... 
- Que horas são ? 
- Umas oito eu acho
- Você chegou agora ?
- Sim... 
- KKKK eu não acredito ! Definitivamente você veio no intuito de arrumar um encontro não é possível ! 
- Não !! Não foi planejado, mas puta que pariu foi maravilhoso !! 
- Eu não quero saber !!! Cobri meus ouvidos com o travesseiro, eram oito da manhã e eu não estava preparada pra ouvir nada naquele momento.... 
- Mas eu preciso falar Emma serio !! Ela é completamente insana, e fora do comum, e um máximo ! Agora eu entendo  o que você quis dizer com um temperamento selvagem ! 
- É serio eu não quero ouvir ! Eu quero continuar dormindo e fingir que isso nunca aconteceu ! 
- Nem pensar temos um milhão de coisas para fazer hoje, pra conversar, você não pode de forma alguma continuar dormindo !! 
- Ta ! Ta, agora eu não posso mesmo você já me tirou todo o sono ! 
- Anda vai tomar um banho pra despertar que eu vou fazer o café e depois disso podemos ter aquela nossa conversa ! 
- Ok... 
- Deixa eu te perguntar uma coisa ? 
- Me passa o café primeiro, ainda to com sono.... 
- Vocês fizeram alguma coisa depois que eu fui embora ?
- KKK sério ? Essa é sua primeira pergunta do dia ? Não quer saber se eu dormi bem ? Se estou bem com o que aconteceu durante a festa ? Nada... só quer saber se transamos novamente !! 
- Não... não exatamente isso... eu quero saber essas outras coisas todas que você falou, ta tudo incluso na pergunta que eu fiz ! Tipo, o que vocês fizeram se refere a muito mais do que sexo apenas ! 
- Ok.... vou fingir que não te conheço como a palma da minha mão e vou responder suas "perguntas implícitas". 
- Não aconteceu nada sexual depois que todos foram embora.... mas quase.... 
- Como assim !!!!!???
- Para de gritar ! Eu acabei de acordar sua maluca kkkkk 
- Me conta ! Apenas trocamos uns beijos, e uma conversa sobre o que estava acontecendo. 
- E ??? 
- E ela disse que ia se abrir pela primeira e unica vez comigo, disse que não sabia o que estava acontecendo mas que não conseguia se controlar quando estávamos juntas... 
- Eu não acredito !!! Eu to surtando com tudo isso ! Como você pode estar tão calma ? 
- Porque eu já passei quase a noite toda pensando nisso tudo e acho que meu entusiasmo já esta um pouco gasto, desculpa kkk 
- Ok, e agora quer saber da minha noite ?
- Pra ser honesta não !! Era serio quando eu disse que não queria saber, eu não vou ter cara de olhar pra Ruby depois que você me contar, então por favor me poupe dos detalhes. 
- Ta bom... e já esta pronta pra o nosso outro assunto ? 
- Mais que pronta ! Podemos começar a ler aqueles arquivos agora ? 
- Sim, podemos.... eu vou buscar pra você. 
- Emma seu celular esta vibrando ! 
- Traz pra mim !! 


========
 SMS 
- Bom dia ! Só gostaria que você soubesse que nada mudou entre nós.  Regina 
- Bom dia ! Só gostaria que você soubesse que tudo mudou entre nós e que você fez uma promessa ontem ! 
========


- Merda ! 
- O que foi ? 
- Regina acabou de me mandar uma mensagem. 
- Esta dando pra trás ? 
- Acho que sim... 
- Não se preocupe isso é normal, lembra do que eu te falei ? Tempo e paciência são a alma do negocio. 
- Certo... por hora não vou me dar ao trabalho de ligar pra isso, temos coisas mais importantes pra discutir ! 


========
SMS
- Promessas podem ser quebradas. Eu não posso fazer isso ! 
========


- Deixa eu ver isso... Nem tive tempo pra responder e Rach já lia as minhas mensagens. 
Ahhh Emms relaxa, totalmente normal, depois você responde, ela não vai gostar de ser ignorada e você vai adorar o resultado que um bom gelo dá nas mulher.... 
- Ok, até porque eu não tenho cabeça pra lidar com isso no momento. 
- Você quer um resumo sobre tudo que tem na pasta ou quer ler por si só ?
- Um resumo seria bom, e depois eu faço uma analise. 
- Certo.... então vamos lá garota, hora da verdade ! 
Primeiro de tudo, lembra do que eu te falei sobre a investigação em colaboração com os federais ? O roubo de armas e o trafico que estávamos investigando. 
- Lembro.... mas o que isso tem a ver ?
- Absolutamente tudo !!! 
Ele é o meu cara !!! 
- Como assim ? Do que você esta falando ? 
- Todas as nossas pistas não levavam a nada, estamos a meses atras de quem vende as armas e nada de concreto foi encontrado até agora, até você falar desse cara. 
Ele é tipo um fantasma Emms, ele aparece em vários e vários casos ligados ao trafico, ao tráfico de mulheres, de armas de drogas de todo o tipo de sujeira que você possa imaginar, mas não temos absolutamente nada ao mesmo tempo. O que eu consegui com a sua informação foi um pequeno fio que ao ser puxado leva a um novelo de crimes e suspeitos sem fim. Toda vez que qualquer investigação começa a chegar mais perto dele ele some, desaparece como fumaça, troca de nome, de cidade, de ramo, tudo !! 
- Ta mas se ele é tudo isso que você esta me dizendo como conseguiu chegar nele ? 
- Você me deu um nome e me mandou uma foto, com o nome eu não consegui absolutamente nada, acho realmente que esse é o nome real dele por isso está tão limpo, mas com a foto, mil possibilidades se abriram a minha frente, joguei o rosto dele no reconhecimento facial dos federais e um milhão de coisas surgiram. 
O rosto dele foi gravado na cena de várias reuniões de quadrilhas, vários nomes diferentes ligados ao mesmo rosto, vários crimes diferentes ligados ao mesmo rosto !! 
Esse cara é da pesada Emma ! Ele realmente é um risco gigantesco pra vocês e eu sinto em lhe dizer mas você ta tentando roubar a mulher de um dos bandidos mais perigosos que eu já ouvi falar ! 
- Puta que pariu !!! Eu devia ter prendido ele !! 
- Não adiantaria muita coisa, você só deixaria o cara mais nervoso e não ia achar nada no sistema tendo que deixar ele escapar ileso e com maiores chances de voltar atras de você ! 
- E você tem alguma ideia de onde ele esta agora ? De qual seria seu próximo passo ou coisa do tipo ? Precisamos pegar esse cara ! 
- Emma eu preciso pegar esse cara ! Você só precisa se preocupar em se manter segura e assegurar que sua família esteja protegida. Eu tenho sim ideia do que ele esta prestes a fazer mas eu não posso dividir isso com você... 
- Como assim não pode dividir isso comigo ? Ta maluca ? Eu te entreguei o cara de bandeja, eu tenho o direito de saber... 
- Emma eu te disse, isso é muito mais perigoso do que você pode imaginar, dentro de tudo o que eu estou te contando estou apenas te mostrando o básico, o principal sobre ele, essa investigação esta em escala muito maior, depois que você me falou sobre ele e depois de tudo o que eu descobri eu precisei passar as informações pros meus superiores, afinal ele era a parte faltante em todo nosso trabalho, e bom.... o resultado disso não vai ser do seu agrado... 
- Fala logo !! 
- Você conhece o procedimento ! Escutas, vigias, detetives disfarçados, tudo foi mandado pra Storybrooke. A casa de Regina foi grampeada essa manhã.... 
- Como assim grampeada !  
- A equipe de limpeza que ela contratou eram agentes disfarçados, temos câmeras e escutas espalhadas por todo o local, um agente foi designado para seguir todos os passos dela e os seus também, vocês estão em risco caso ele deseje voltar pra se vingar de você ou caso volte pra se esconder. 
- Eu não acredito.... Meu peito estava sufocado, o ar me faltava, eu não podia acreditar em tudo o que estava acontecendo. Se ele chegasse perto dela, do meu filho, eu mataria aquele cara com toda a certeza. Eu precisava achar um jeito de ajudar, de fazer alguma coisa... 
- Emms entenda eu preciso da sua ajuda, do seu silêncio, tudo o que eu estou te contando é altamente secreto, uma palavra dita errado pode destruir toda uma investigação de meses, e pode poder em perigo não só a vida de vocês mas de muitas outras pessoas. Eu posso contar com você ? Eu posso contar com você como xerife ? 
- Sim... sim você pode ! Eu não tenho muita escolha afinal não é ?
- Não Emma pra ser honesta não.... 
- Ótimo.... 
- Me desculpe... 
- Isso não é culpa sua, eu entendo Rach eu juro que entendo por mais que meu lado emocional não queira entender o meu lado racional entende completamente... Eu só não sei o que fazer agora. Eu não posso nem ir até a casa da Regina que estarei sendo filmada, tem noção do quanto isso é constrangedor ?
- Fique calma que os quartos e banheiros são locais totalmente seguros kkkk 
- Como você consegue fazer piadas num momento desse !! kk 
- Ao menos você esta rindo... 
- Eu acho que é de nervoso ! 
- Bom o seu apartamento ainda é uma zona segura pra... você sabe... 
- Que maravilha ! Eu deveria estar feliz por isso ? 
- Sim deveria por que se dependesse do meu chefe você também seria grampeada, cortei um dobrado pra convence-lo de que não tinha chance do Robin vir até aqui, que o seu ponto de ligação era apenas com Regina, digamos que eu... não revelei toda a parte do seu relacionamento com miss Mills e os reais motivos dele ter ido embora da cidade. 
- Ótimo ao menos um pouco de privacidade nisso tudo..... 

Algumas horas depois... 


- O que você quer fazer agora ? 
- Não sei... não sei mesmo.... 
- Vamos sair ? Dar uma volta ? Eu soube que o Killian tem um barco, e ontem ele me prometeu um passeio 
- Eu preciso me preocupar com que isso seja só uma desculpa pra me tirar do apartamento e grampear tudo ? 
- Nãoo !! Eu já te disse que não ! Só quero que você saia um pouco e não se deixe consumir com pensamentos sobre isso, por que eu sei que é exatamente o que fará quando eu for embora, vai pensar em mil formas de fazer alguma coisa por fora, vai se torturar pensando que poderia ter feito algo diferente e Emms acredite em mim nada poderia ter sido feito diferente ! As coisas estavam muito fora do seu alcance ! 
- Ta eu vou ligar pro Jones e ver se ele esta disponível pra levar a gente pra dar uma volta. 
- Você se importa se eu chamar a Ruby ?
- Não eu não me importo. 


=============
- Ok Jones estaremos ai em uma hora mais ou menos ! 
- Perfeito love assim eu tenho tempo de arrumar as coisas pra zarparmos ! 
=============


- Bom dia meninas !
- Bom dia Ruby... 
- Bom dia querida, já estava com saudades. Um beijo quente foi trocado por elas antes de Ruby se ajeitar no banco de trás do carro. 
- Nossa pelo jeito vocês estão se dando muito bem... kkk 
- Podemos dizer que sim.... queria que você tivesse trazido sua amiga antes Emma ! 
- Pode ficar tranquila que agora virei com muito mais frequência ! 


----------------------

-Até que enfim !! Vocês estão atrasadas ! 
- Vou te ensinar uma coisa, sempre, mas sempre mesmo que marcar alguma coisa com Rachel nunca a espere no horário !! kkkk Essa dica é pra você também Ruby ! 
- Então estamos quites porque eu também sempre me atraso kkkk 
- Viu até nisso somos parecidas meu bem. Mais um beijo e meu estomago já estava ficando enjoado de tanto mimimi por parte do mais novo casal 
- Podemos meninas ? 
- Sim Sr capitão ! Hora de zarpar ! Rachel falava divertidamente puxando sua mais nova conquista pra dentro do barco e deixando eu e Jones embasbacados a olhar as duas... 
- É eu não teria chance mesmo kkkk 
- Nem uma capitão kkkkkk

 
----------------------

 
O dia passou rápido e leve, muitas risadas, muitas conversas e muita beleza a ser admirada, Jones nós levou por toda a costa de Storybrooke e lindas paisagens se mostravam a cada légua percorrida. O dia foi agradável, a companhia também, mas mesmo com tantas coisas boas acontecendo ao meu redor meus pensamentos não me davam descanso, hora pensava em Regina, hora em Robin, no nosso filho, na minha família, em todos os que eu poderia estar pondo em risco por ter tido as atitudes que eu tive. 
- Love.... love... hey Emma !!! 
- Oi ! 
- Em que mundo você estava ? Não sei kkkk apenas com alguns pensamentos... 
- Esta acontecendo alguma coisa ? Quer conversar ?
- Sim e não kkk. Sorri fraco tentando demostrar empatia por sua preocupação... 
- Tem algo acontecendo mas você não quer falar sobre, pra variar certo ?
- Certo, mas acho que um abraço viria a calhar... 
Nós abraçamos enquanto o sol se punha a nossa frente e tomávamos o caminho de volta pra casa, sem que eu pudesse conter lágrimas quentes e grosas desciam por meu rosto se espalhando na jaqueta de couro de Jones. 
- Emma, você precisa dar um jeito de se abrir, de falar sobre as coisas que sente... é a única forma de tentar resolver as coisas, abaixando a guarda e deixando alguém ajudar 
- KKkkk nem ouse me falar sobre abaixar a guarda ok ! Existem tantas coisas acontecendo dentro de mim nesse momento, e infelizmente nem você e nem ninguém pode me ajudar Jones, acredite em mim eu estou te fazendo um favor em não te contar ! 
- Você que sabe Love, mas eu estou a sua disposição, como já te disse antes meu coração e as portas do bar estão sempre abertas pra você ! Piscou dando um charmosos sorriso como só ele era capaz. 
- Contando que eu tenha sempre um open bar garantido kkkkk 
- Sim você sempre terá !


----------------------------------


Chegamos em casa por volta das sete da noite, eu precisava de um banho e de minha cama mais que qualquer coisa nesse mundo, no dia seguinte Rach viajaria cedo, e por mais que eu me negasse a assumir a ultima coisa que eu queria era que ela fosse embora naquele momento, afinal ela era a única pessoa a par de tudo o que estava acontecendo, a única que podia me aconselhar e acalmar. Mas com certeza as coisas nunca são como nós queremos. 


-----------------------------------


Segunda feira 


- Hey não fique assim eu vou voltar o mais rápido possível ! Afinal além de você eu consegui um outro excelente motivo pra voltar a Storybrooke 
- Você é uma vaca sabia ? kkkkk 
- Mas você me ama !!! 
- Sim e muito. Mais uma vez uma fraqueza com a qual eu não estava acostumada se abateu sobre mim, meu olhos se enchiam de lagrimas e algumas rolavam por meu rosto enquanto eu a abraçava como se fosse o fim do mundo 
- Que cena mais linda ! 
- Bom dia Regina tudo bem ?
- Bom dia Rachel.... já esta de partida? 
- Exatamente isso.... 
- E você Regina, no que eu posso te ajudar ? 
- Henry pediu pra eu vir buscar um livro que ele esqueceu, terá que usa-lo na apresentação de um trabalho hoje. 
- E como é que ele foi esquecer ? 
- Não tenho ideia, mas fique tranquila que a bronca já foi muito bem dada... 
- Bom eu já vou indo, mais uma vez foi um prazer Regina. Ela apenas meneou a cabeça em resposta claramente contrariada, aparentemente enciumada com a cena vista anteriormente, mas seu mal humor em nada impediu que Emma abraça-se sua amiga novamente e a levasse de mãos dadas até o carro. 
- Você quer matar a Regina de raiva ou é impressão minha ? kkkk 
- Não necessariamente.... mas não vou me poupar de demonstrar carinho por você que eu amo e que esta indo embora só porque ela está aqui ! 
- Certo.... vou fingir que acredito e que não tem mais nada envolvido. Mais um abraço foi trocado antes que Rach entrasse no carro e toma-se a estrada rumo a Boston. 
- Fique bem ! Eu te amo ! 
- Eu também, vou ficar bem.... 
As ultimas palavras foram ditas em alto e bom som enquanto Rach se pendurava na janela do carro fazendo a volta na rua. Regina por sua vez permanecia parada a frente do prédio olhando com desdem pra toda a cena, essa ultima parte foi a gota d'água pra que o restante de sua paciência se esvai-se e ela saiu em disparada para o apartamento de Swan. 
- Hey... que pressa é essa ?
- Ele esta esperando o livro e eu não tenho paciência pra ficar assistindo cenas de amor... 
- kkkk acordou de mal humor Regina ? Talvez eu possa te ajudar a relaxar.... 
- Acordei muito bem obrigada ! Ela saia de perto de mim caminhando a passos largos pra dentro do apartamento.... 
- Onde estão os livros dele ? 
- Lá encima no quarto, se quiser pode ir lá pegar. Falei enquanto me sentava no sofá admirando seu ar de incredulidade. 


Subi as escadas com raiva, logo cedo ser obrigada a ver Swan já me tirava do sério mas além de tudo ter que me deparar com  a sua ceninha de despedida foi ainda pior. Meu corpo todo sentia raiva, em cada poro, em cada pensamento, em cada movimento, ser brindada com sua arrogância e ironia me fazia perder o controle, e lá estava eu perdida no meio do quarto que mais parecia uma zona de guerra sem achar um livro se quer.... toda a minha paciência já havia ido embora, novamente eu não mais raciocinava apenas sentia,  e o sentimento de  impaciência percorria por todo o meu ser. 


- Precisa de ajuda ? 
- Sim ! Ríspido e seco. 
- Pra que ? 
- Horas.... como pra que ? Pra achar a droga do livro, esse quarto ta uma zona, porque deixa o Henry fazer isso ? Na minha casa o quarto dele é um brinco !! 
- Na verdade aqui também, isso foi a Rach, ela ficou com o quarto dele esses dias... e bom ela é bem desorganizada. Adentrei o quarto rindo e colocando algumas coisas no lugar. 
Regina por sua vez sentou-se na cama boquiaberta.... 
- Ta com essa cara porque ? Não vai dizer que achou que ela estivesse dormindo comigo ? kkk 
- Isso não seria um problema meu.... 
- Parece que você realmente precisa da minha ajuda... fui me aproximando da cama onde ela estava e sorrindo largamente enquanto a olhava sem desviar meu olhar o minimo que fosse dela. 
- Sim ! Já disse que preciso ! Cade o livro Swan ? Me levantei.... e novamente estávamos ali, próximas, frente a frente.... sozinhas... 
- Acho que precisa de minha ajuda com algo mais.... 
- Não, não preciso, quer saber vou dizer ao Henry que não achei e ele vai ter que lidar com as consequências de sua irresponsabilidade ! Com licença... 
- Tarde de mais Regina.... A puxei pelo braço quando tentava sair do quarto... 
- Emma não... 


Nossos lábios já estavam colados enquanto ela tentava dizer que não. Tarde de mais.... um beijo saudoso se apoderou de mim, eu precisava sentir cada pedaço de sua boca, cada centímetro de sua pele, havíamos feito isso a um dia atras e eu já sentia como se fosse uma eternidade. A beijei descontroladamente, mãos por todos os lados, e o melhor era apesar de tudo sentir reciprocidade em seu toque, sentir suas mãos agarradas a minha nuca puxando meu cabelo enquanto encaixava sua boca na minha. 
A joguei sobre a cama de Henry e apoiei parte do meu corpo sobre o dela, minha mão descia e subia por toda a lateral de seu corpo, com fome, com desejo, com vontade.... Meus dedos se embrenhando por debaixo de sua blusa de seda, arranhando delicadamente sua barriga, subindo até seus seios, meus beijos descendo por seu pescoço e minhas pernas logo já estavam encaixadas friccionando seu sexo....

 
- Emma !!! Droga !!! Eu a empurrei com todo o resto de resistência que ainda existia em meu corpo, ela caiu de bumbum no centro do quarto e seu sorriso seria capaz de iluminar uma cidade inteira naquele momento, mas por que Diabos ela estava sorrindo ? Eu a havia rejeitado, empurrado para longe de mim por que ela insistia em sorrir ? 


- Toma ! Puxei o livro que estava embaixo de uma blusa jogada no criado mudo. Acho que foi por isso que você veio... 
- Por que Diabos você esta rindo ? O que tem de engraçado aqui Swan ?
- Você... 
- Eu o que ?! Meu tom de voz claramente alterado se fazia ouvir por todo o corredor, e ela apenas sorria mais largamente se aproximando novamente de mim. 
- Você é muito estressada... Minha mão direita foi até seu rosto depositando uma caricia sobre sua face. Você que fica tão linda quando esta brava, e que fica mais linda ainda quando se entrega aos meus beijos, existe motivo melhor pra me fazer sorrir ?


Eu não tinha palavras, estava estática parada a frente dela, sendo gentilmente tocada por sua mão, ouvindo suas palavras, sendo penetrada por seus grandes olhos verdes. Apenas isso, estática, hipnotizada, nenhum pensamento, nenhum movimento.... nada.... apenas a vi se aproximar novamente de mim e me beijar delicadamente mais uma vez, nossos lábios apenas se tocaram.... delicada e calmamente... uma, duas vezes.... um se arrastando vagarosamente pelo outro. 


- Tenha um bom dia Regina... E por favor só me mande mensagem novamente quando for capaz de assumir suas vontades. 
Sai do quarto deixando uma Regina aturdida e abalada pra trás. Acho que ela precisava de espaço e eu também, sai de casa e sem ter ideia do que acontecia atras de mim tomei o rumo da delegacia. Esse seria um longo dia...
 


Notas Finais


Segundo as regras não posso exigir que comentem, favoritem ou deem notas hauhauah então é com vocês.
Pedir eu ainda posso !! Então please se for bom da um like ai !! =D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...