História Lira: A Musa de Seung Hyun - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Big Bang, Black Pink, T.O.P
Personagens D-Lite (Daesung), G-Dragon, Lisa, Personagens Originais, Seungri, T.O.P, Taeyang
Tags Bigbang, Blackpink, Choi Seung Hyun, Hot, Imagine, Kpop, Lisa, Romantico, Suspense, Top
Exibições 49
Palavras 917
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que todos entendam a indireta!

Capítulo 8 - Adeus, Lira


Fanfic / Fanfiction Lira: A Musa de Seung Hyun - Capítulo 8 - Adeus, Lira

- Como assim Trainee? Assim eu não vou estar ainda mais perto do GDragon?

- Sim,vai. Mas sendo trainee, ele não poderá te atingir mesmo que ele descubra quem você é: Se ele te prejudicar, estará prejudicando a própria empresa também. E nós poderemos te proteger caso ele descubra.

 O que ele dizia fazia sentido. Mas não estava certo. Nada estava certo. Eles precisavam saber de tudo.

- Eu agradeço muito o cuidado de vocês.Mas eu não mereço isso. Eu também transei com o Daesung, e não parece justo que vocês façam tudo isso por mim ,achando que eu sou algum tipo de donzela. Eu não sou. Obrigada pela ajuda de vocês, mas eu preciso encarar isso sozinha.

- Você…? Sério? Uaau - Taeyang mal conseguia me encarar.

- Não importa, desde que você tenha se decidido. Você realmente gosta de algum deles ou só queria se divertir? Sabe, o Choi hyung não é tão fácil assim… Ele estava passando por uma fase ruim e não consegue ver uma donzela em apuros. E o Daesung… bom, não sei como você conseguiu, mas se a namorada dele descobrir, você estaria em grande dificuldade, porque ela é muito amiga do GDragon e T.O.P hyung…

- Quem é a namorada do Daesung?

- Conhece a Minzy?

 

Uaaau.

A Minzy.

Logo ela.

Minha bias do 2NE1.

Eu não podia acreditar que estava conseguindo destruir a vida de todas as pessoas que eu tanto admirava. O que fazer? Eu só queria desistir de tudo.

 

- Eu não sei falar coreano.

- Nós te ensinamos.

- Eu nunca cantei nem dancei.

- Nós te treinamos.

- Porque estão fazendo isso por mim?

- Porque T.O.P hyung parece mais responsável depois que te conheceu. Ele não saiu para beber hoje, e até disse que estava compondo uma música, algo que ele não fazia há algum tempo. Se você conseguiu provocar nele em dois dias o que nós não fizemos em anos, vale a pena investir em você... - disse Taeyang.

- E, é claro, uma coisa muito importante, é que você vai ficar nos devendo uma - disse Seungri me dando uma piscadela. Eu comecei a rir, algo que eu não fazia há algum tempo. Só ele mesmo para me tirar da fossa.

- Ok, então como vamos fazer isso?

- Durma na minha casa, eu não vou estar lá hoje porque vou gravar um reality show. Amanhã vamos começar os preparativos para você fazer a audição do começo do ano que vem.- Seungri parecia meu irmão mais velho, se eu tivesse um.

- Nem sei como agradecer vocês. Muito obrigada... - Eu comecei a chorar porque estava tudo acumulado. Então Taeyang me abraçou, e ficou dando tapinhas no meu ombro e dizendo “Tudo bem, tudo bem”, como se não soubesse o que fazer (e acho que ele não sabia mesmo). Se eu fosse mentalmente saudável, me apaixonaria por ele, mas não, não eu. Eu tenho que cair logo pelo mais difícil.

 

Entrei no carro de Seungri e ele me levou pra sua casa, que parecia muito grande, mas eu estava tão cansada que dormi no carro mesmo, e só acordei com ele tentando me levantar pra descer.

Acompanhei-o meio grogue de sono para um quarto qualquer e me joguei na cama como se não houvesse amanhã. Realmente não haveria.

Não como eu mesma.

 

No dia seguinte...

 

Seungri chegou em casa por volta de 11 horas da manhã, quando eu já havia tomado banho e usado desodorante, perfume e roupas diferentes que haviam pela casa. Ele ficou feliz em me encontrar pronta, e descemos para seu carro com motorista.

- Como você sabe, não posso acompanhá-la para todos os lugares porque a imprensa aqui é pesada. Eu passei todas as lições pra minha acessora, e quando tudo acabar quero que você me mande uma foto do resultado. Quanto ao seu novo nome e sua família, tudo será providenciado. Já pedi para ela te matricular em uma escola de coreano e em uma academia de canto e dança. Dê o seu melhor. Te vejo na YG!

- Espere, eu não vou mais te ver?

- Não tão cedo. Eu estou indo para a China gravar um reality show lá. Provavelmente ficarei muito ocupado. Mas não se preocupe, eu confio minha vida à Kim Nam Hee, ela não te fará mal. Porém, eu vou vir hoje à noite pela última vez, para acertar os últimos detalhes. Boa sorte!

 

Esse dia foi um turbilhão. Eu mal comi, minha mãe me ligou desesperada, meus irmãos estavam super alegres, eu fiz progressiva, pintei meu cabelo de -PASMEM- loiro (eu era bem morena) e quase morri na academia. Mas pelo menos eu descobri que sabia dançar. A aula de coreano também foi muito divertida, e eu descobri que gosto bastante de rap.

Quando encontrei Seungri e Taeyang à noite, eles ficaram animados pelo que eu contei, mas estavam um pouco sérios também. O Taeyang não ficou estranho, mas o Seungri sendo sério simplesmente estava errado. Sentindo isso, falei:

 

- Existe alguma coisa errada e vocês estão escondendo de mim!

- Não enrole ela Seungri…

- Lira, eu sinto muito. Não consegui seus documentos falsos para dizer que você nasceu no Japão. Receio que você vai ter que aprender outra língua asiática além do coreano.- Seungri estava sério.

- Não parece tão ruim… O que seria? Chinês?

- Quem dera se fosse..

- Então qual é?

 - Tailandês. Conseguimos seus documentos para a Tailândia. E seu nome será Lalisa. Desculpe, Lira.


Notas Finais


Confesso que até eu estou surpresa com o rumo que essa história está tomando!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...