História Little Hope - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Monsta X, TWICE
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Ki Hyun, Lu Han, Rap Monster, Sehun, Suga, V
Tags Hamster!hoseok, Hunhan, Namjin, Yoonmin, Yoonseok
Exibições 437
Palavras 678
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Magia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Não se abandona.


Fanfic / Fanfiction Little Hope - Capítulo 8 - Não se abandona.

— Eu não acredito que você não vai para a festa comigo!

Sehun estava com raiva, era nítido. Suga havia ligado avisando que não poderia ir, pois tinha que cuidar de um “primo criança”. A criança na verdade era Hope, se ele falasse algo sobre ter sido um hamster aos seus pais, os mais velhos o jogariam na rua achando que ele era louco.

— Desculpe Sehun, eu realmente não posso.

— Se eu pudesse atravessava minha mão pelo celular e te batia. Poxa hyung, eu estava todo contente porque iriamos curtir uma noite louca.

— Lamento novamente. Aproveite só você e Luhan, deixe-me aqui nesse sofrimento. — fez drama.

— Amanhã conversamos direito, uh? Tchau.

— Tchau.

▪▪▪

Quando anoiteceu, todos se sentaram em volta da mesa decorada, comemorando aquela noite maravilhosa. Para a surpresa de Yoongi neste Natal só era ele e seus pais, pois seus parentes estavam cuidando de uma avó doente e não puderam vir. Mas como uma boa família, todos mandaram os presentes sem falta.

Ah, também tinha Hoseok naquela noite.

Obviamente ofereceu alguns presentes para ele, mas o garoto recusou firmemente e disse que estava feliz só por ter passado o Natal com uma família. Hope comeu bastante naquela noite, quis degustar cada prato humano, sempre sorrindo bobo quando gostava de algo. Conheceu melhor os pais de Yoongi, simpatizou rapidamente com o casal, ganhava apertos nas bochechas e até tapinhas nas costas.

O loiro quase ficou com ciúmes daquela atenção toda que o ruivo recebia. Porém ignorou, era impossível ficar com raiva quando Hope chegava todo alegre pedindo sua atenção. Inclusivamente sua atenção.

Depois de uma longa noite agitada, todos estavam cansados. Enquanto Chung-Hee terminava de lavar a louça, Yang Mi acompanhou os garotos até o quarto. A mais velha perguntou se Hope possuía autorização dos pais para dormir em sua casa, e o ruivo apenas concordou com um sorrisinho nervoso.

▪▪▪

— Suga-ah?

— Sim? — tirou os olhos do Mangá para olhar o ruivo ao seu lado.

— Quando pretende falar que eu sou um hamster que virou humano? Logo sua mãe irá desconfiar.

— Se amanhã acordar e ainda ser humano, vamos conversar com ela.

— Mas e se ela não aceitar?

— Como assim?

— Suga, eu não sou mais um bichinho. Eu não tenho uma família além de você. Tenho medo dela não me aceitar aqui, morando com você. — abaixou a cabeça. — Se-Será que teriam coragem de me colocar na rua? — olhou assustado.

— Não se preocupe Seok. — se ajeitou na cama, encarando o mais novo. — Eles nunca iriam fazer isso. E se fizeram, terão que me levar junto.

O ruivo não pôde deixar de sorrir.

— Iria para rua por minha causa, Suga-ah?

— Você é da minha família ué. — deu de ombros. — Desde que eu te ganhei, se tornou um Min. Não abandonamos um membro da família.

Hope abraçou Min pelo pescoço, murmurando algumas coisas que o loiro não conseguiu ouvir. Mesmo não gostando de grude, Yoongi aceitou o abraço, porém não permitiu que ele durasse muito.

— Chega de sentimentalismo, por favor. — revirou os olhos rindo.

— Desculpe. Eu realmente achei bonito o que você disse.

— Falamos disso amanhã, okay? Agora vamos dormir, eu estou com sono e já não consigo mais ler.

— Tudo bem.

O Min colocou seu precioso Mangá em cima da mesa e se ajeitou na cama, esperando Hope fazer o mesmo para que ele pudesse apagar as luzes.

Óbvio que o ruivo lhe surpreendeu novamente.

Hoseok se enfiou embaixo do cobertor, ficando mais ao menos na altura do estômago do loiro. Se virou de costas ao mais velho e, ainda por cima, pegando uma de suas mãos e abraçando como se fosse um ursinho.

— O que você está fazendo? — levantou seu cobertor e olhou o mais novo sério.

— Eu só durmo em lugares abafados e escuros, ué. — olhou para cima sorrindo inocente.

Yoongi resolveu ignorar. Apenas fez carinho nos cabelos do moreno até pegar no sono.


Notas Finais


Era pro Hobi ser um híbrido (ter partes de hamster), porém iria ficar muita estranho um garoto parecido com um “rato”. Então, aí na história ele será um hamster que virou humano, okay?

Yang Mi - mãe do Yoongi

Chung-Hee - pai do Yoongi

Namjoon - tio do Yoongi

Os capítulos são pequenos porque essa fic é pequena, então eu tento aumentar o máximo ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...