História Little Memories •yoonseok• - Capítulo 10


Escrita por: ~

Visualizações 11
Palavras 446
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Yeol


10 de fevereiro de 2011 – A primeira vez que abaixou a cabeça.

Hoseok nunca mais foi Hoseok.

A doença foi se alastrando rápidos demais para um garoto jovem como ele. Seu cansaço era constante, seus movimentos eram lentos e ele demorava quase uma hora para comer algo.

Todavia, ele não deixava sua dor transparecer. Sempre fazia piadinhas sobre sua lentidão ou só comia se eu fizesse aviãozinho. Brincalhão.

Nesse dia, eu havia preparado sua comida preferida, o Nokji Bokkeum. Eu não sou muito fã de polvo, mas poderia fazer um esforço por ele e por meus avós.

Depois de uma seção intensa de aviõezinhos e paciência, limpei os cantos da sua boca e o levei para dentro, afim de ajudar a trocar suas roupas – quando ele termina de se alimentar, seu corpo cansa, já que ele fez esforços para comer.

— Hobi-ah~ — eu posicionei sua cadeira perto da cama —, estou muito sujo, visitei crianças para o trabalho da faculdade. — relatei a ele, que sorria debilmente. Ele ama crianças. — Foi bem cansativo, então eu posso me lavar antes de te trocar hoje? — eu pedi gentilmente, brincando com a pontinha do seu nariz. — Obrigado, Alegria.

Eu o havia apelidado assim, para mostrar que ele é, e sempre será minha verdadeira alegria.

Eu necessitava daquele banho. Crianças, mesmo sendo maravilhosas, fazem um estrago no seu corpo. Após um bom banho relaxante, troquei minhas roupas para o meu pijama e voltei ao quarto.

Hoseok tentava se levantar da cadeira, mas voltava fracassadamente.

— Hobi-ah... — eu sussurrei, com meus olhos já marejados por vê-lo não conseguir. — Alegria, você vai ficar bem, mas se ficar fazendo esforços, não terá resultado.

— Yoongi hyung, eu não sinto quase nada. — ele disse, com sua voz lenta. E então que eu presenciei uma cena inacreditável.

Hoseok tinha abaixado a cabeça.

Hoseok tinha se rendido pela primeira vez na vida.

— O-Olha, Alegria. Vamos ficar bem, todos vamos! Por que você vai ficar bem, Okay? — eu beijei carinhosamente sua testa. — Vamos injetar nossos remédios? Não queremos ir para o hospital. — ri baixinho, tentando contrariar o clima.

Após eu rir com os biquinhos indecifráveis de Hoseok enquanto eu injetava o remédio, coloquei o seu pijama laranja e o pus na cama. Enfim, injetei minha insulina, grunhindo por conta da invasão da agulha – odeio essas agulhas de 5mm que precisa injetar de uma vez, médicos deveriam saber que dói pra caramba.

Depois de todo meu ritual antes de dormir, me ajoelhei em frente a janela, olhei para o céu, e pedi para seja quem que esteja lá em cima, que ajude minha Alegria a sair dessa.


Notas Finais


Yoongi não é religioso mas faz promessa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...