História Little Things (2° Temporada) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dove Cameron, Zayn Malik
Personagens Dove Cameron, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Dove Cameron, Drama, Lauren Jauregui, One Direction, Romance, Zayn Malik
Visualizações 10
Palavras 2.350
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Esse é o último pessoal! Adorei escrever a primeira e segunda temporada! Obrigada por tudo!!!

Capítulo 11 - Capítulo bônus


Capítulo onze

Sophia Malik POV

Eu estava absurdamente atrasada para o colegio, papai já veio me chamar três vezes me apressando e eu só falava que estava indo. Demorei mais ou menos uma hora e meia para me arrumar, mamãe diz que eu puxei essa vaidade do papai e ele sempre negava. Peguei minha mochila e sai do quarto e encontrei Dylan, um dos meus irmãos saindo do quarto dele, sorri pra ele e o mesmo me abraçou descemos juntos. Nós tínhamos diferença de três anos, eu iria fazer quinze anos amanhã, e ele é Rosie tinha tinha doze anos. Beatrice tinha 9 anos e é o pequeno Henry tinha seis anos. Papai dizia que éramos uma turma do barulho e nos riamos toda vez que ele dizia isso. Eu e Dylan chegamos a mesa e lá estava, a bisa Caroline, Mamãe, papai, Rosie, Bea e Henry. Cheguei e sentei em meu lugar sorrindo pra todos.

- Bom dia família. — disse animada e sorridente. Eu sempre era assim, e principalmente mamãe fala que gosta dessa minha animação.

- Bom dia filha. Demorou mais hoje ne? — papai disse e riu.

- Sim... E olha que nem me arrumei tanto....

- Você é linda de qualquer jeito Sophia, não precisa se arrumar tanto. — mamãe disse e eu sorri pra ela.

Tomei meu café e logo meus pais nos chamou pra irmos pra escola.

Papai levaria e e os gêmeos já que estudamos no mesmo colégio e Bea e Henry mamãe levaria já que ficavam no mesmo colegio. Nós despedimos dá Bisa Caroline e de papai e mamãe e fomos. Papai e mamãe ainda trabalhavam muito, então nós veríamos a noite.

Entrei no colégio junto com mais alguns colegas, logo escutei alguém me chamando, olhei em direção e era Louise, ri e fui até a ela, a mesma me abraçou e eu retribui

- Demorou hein?! Poxa, e como tá a animação pra sua festa? — Louise perguntou e eu sorri.

- Está à mil! E cadê o Benjamin? Ele é o primeiro a chegar oxi. — falei

- Já está na sala, aquele nerd. — Louise respondeu e eu revirei os olhos.

- Deixe o nosso amigo. Pelo menos ele estuda. — disse e a arrastei para a sala. Bati na porta e abri, olhei quem estava lá dentro e sorri amarelo. Era o Professor Harry Styles, de Física, mamãe quando o viu em uma reunião ficou espantada. Ela me disse que na época que era solteira ele tentava namorar ela, só que ela conheceu papai e ele foi embora pra Nova York com o pai e voltou há um ano para a cidade, e veio formado em Físico, e agora dava aula pra minha turma é mais outras do colégio.

- Podem entrar meninas. Sempre atrasadas. — finalmente ele falou, sorri agradecida e me sentei ao lado de Louise e Ben.

- Até que enfim né. Por que demoraram? — Ben perguntou

- Demorei pra me arrumar. Mas e aí? Como vai amigo? — perguntei divertida.

- Ben pelo amor de Deus. Só você é o pontual aqui. — Louise disse irritada e ele revirou os olhos. Por que ela tinha que ter o mesmo temperamento do Tio Lou?

- Deixa de ser chata Louise.— Ben disse

- Silêncio por favor! — professor Harry exclamou com a voz rouca e nos calamos ele começou a passar a matéria no quadro e ficamos copiando e prestando a atenção.

(...)

Na hora do intervalo fizemos o que todos fazem comemos e conversamos e quando olhei para o lado vi um garoto maravilhosamente lindo. Ele era ruivo, parecia ser um pouco mais alto que eu. Ele olhou pra mim rapidamente e eu olhei Louise.

- Quem é ele? — perguntei apontando discretamente pró garoto

- Ah, ele é Jake Lopez. Ele é do terceiro ano e é dá sala do Theo. — Dylan respondeu. Assenti.

- Ele é gato mesmo. Já que ele é amigo do Theo ele podia ser seu príncipe na sua festa né? Podemos falar com Theo. — Louise falou e eu a olhei incrédula.

- Tá louca? Não! — disse.

- Acho má ideia também Louise. Ela nem conhece o menino — Rosie disse e eu sorri agradecida.

- Louise não pensa mesmo né? Mas Sophi, você ainda não escolheu seu príncipe, vai falar com o Theo não? — Ben disse e eu o olhei. Tinha pensado em chamar o Theo para ser o príncipe, mas não sabia se ele iria querer... Mas com esse amigo dele aí fiquei meio sem jeito. Não vou chegar descarada pra chamá-lo pra ser meu príncipe no meus 15 anos. Mas enfim, não seria ideia ruim fazer amizade.

- Não acho mais boa ideia chamar o Theo. Pensei em chama-lo mas desisti. — disse.

- Você é confusa demais mana. — Dylan disse e eu revirei os olhos. Theo e tal Jake estava vindo para onde estávamos, olhei Louise e Rosie e elas riram os vi chegar e os olhei.

- Oi pessoal. — Theo nos cumprimentou. — Esse é Jake, ele é novo veio de Lisboa, tá no 3 ano. — Theo apresentou o garoto novo.

- Oi. — falamos em coro.

- Oi. Que bom conhece-los. — ele disse amável.

- É bom te conhecer também. — disse.

- Sophi e sua festa? Tudo pronto? — Theo perguntou

- Bom só falta o príncipe. Está tudo indo bem... — disse

- Sim só falta o príncipe... E ela ficou afim de chamar seu amigo Theo. Mas sabe como é nossa amiga ne? — Louise disse e eu a olhei feio. Não acredito

- Louise Jauregui Tomlinson! — a repreendi.

- Jake quer ser o príncipe? Pelo menos, você fica mais próximo dá gente, a família de Sophia é gente boa, o pai que quê ciumento mas você só vai ser o príncipe certo? — Theo disse e se fosse possível eu estava ainda mais corada.

- Bom eu aceito. — Jake disse e sorriu. Fiquei com ainda mais vergonha. Levantei dali e sai, fui em direção a sala e me sentei lá, teriamos mais uma aula de Física e o Prof Harry estava lá já. Ele me viu e veio até onde eu estava sentada.

- está tudo bem senhorita Malik? — Ele perguntou.

- Por favor me chame de Sophia. — pedi.— Está, só estou com vergonha. — expliquei.

- Vergonha de que? Quer contar? — ele perguntou.

- Não, deixa. — continuei de cabeça baixa.

- Tudo bem... Você é igual sua mãe quando era mais jovem. — ele disse e riu.

- Qual delas? — perguntei.

- Angel né. Não conheço muito a Perrie. — disse ele e eu levantei meu rosto. Não tinha problemas em falar de minha mãe biológica era até legal, por que aos poucos estava sabendo como ela era.

- É verdade que você era afim dá minha mãe? — Perguntei

- Na época eu era afim de fazer outra coisa com ela. Menos ter algo sério. Mas graças a Deus eu não consegui e ela conheceu seu pai. Mas enfim, você está melhor? — ele perguntou.

- Estou, obrigada. — agradeci.

- Fico feliz. — ele disse e sorriu. — Já acabou o intervalo, deixa eu voltar pra minha mesa. — ele disse e eu assenti.

****

Na hora dá saída eu não estava falando com nenhum de meus amigos. Só meus irmãos, pode até parecer frescura mas eu fiquei constrangida. Papai chegou para nós buscar, entrei no carro sentando no banco do carona e meus irmãos atrás.

- Oi. Como foi a aula? — papai perguntou e dirigiu indo pra nossa casa.

- Normal... — Rosie perguntou.

- Meio cansativa. — Dylan respondeu e ajeitou seus óculos.

Continuei calada.

- E a sua Sophi? — papai perguntou.

- Normal. Tive aula de física, hoje a matéria tava difícil. — falei simples.

- E Harry? Ele te trata bem? — papai perguntou quando parou no sinal.

- Sim... Ele é gente boa. — disse e vi ele assenti. Ufa, ainda bem que ele não percebeu que eu estava chateada.

****

No dia seguinte acordei com dor de cabeça, hoje era meu aniversário era pra mim estar mais animada, levantei devagar e caminhei lentamente pró banheiro, tomei banho e fiz minha higiene. Peguei minhas coisas dá escola e desci as escadas, joguei minha mochila no sofá e fui para a sala de estar, encontrei mamãe e papai sentados e bisa Caroline.

- Bom dia. — disse apenas por educação e me sentei. Eles me olharam estranho

- Bom dia. Você está bem filha? — mamãe perguntou.

- Nem sei mãe... — disse e me servi

- Tá indo mal nas matérias querida? — Bisa Caroline perguntou.

- Não... — respondi

- Então oque que foi? — papai perguntou preocupado.

- Nada... Só estou com dor de cabeça, posso faltar hoje? Não tenho nada de importante mesmo. — pedi

- Pode. — papai respondeu e eu sorri fraco, acabei de tomar meu café e voltei pra cama.

*****

Narrador:

Conforme foi passando o dia a Sophia foi recebendo vários parabéns por mensagem e suas redes sociais. Por várias vezes sua amiga Louise te mandou mensagem perguntando o por que que ela não compareceu a aula naquele dia, mas Sophia não estava querendo responder a ninguém.

Mais tarde quando seus pais chegaram ela desceu e jantou com eles, eles a parabenizaram e perguntou sobre o príncipe que era única coisa que faltava. A menina falou sobre Jake, Zayn perguntou quem era e ela disse que era um amigo de Theo. Angel pediu pra conhecê-lo antes e ela apenas concordou frustada por ter que trazer o garoto até sua casa.

Por meses a menina estava planejando sua festa de quinze anos, ela teve a opção ela poderia escolher a festa ou a viagem e ela escolheu a festa. Só que agora estava desanimada, não por que ela ficou envergonhada no dia anterior, ela não sabia realmente o que estava acontecendo.

(...)

Sophia POV

Já era sábado de manhã, o dia dá minha festa, mamãe e tia Carly e Lauren fizeram questão de contratar os melhores cabeleireiros e maquiadores, meu vestido estava no meu quarto no manequim, ele era branco, longo parecia ser de noiva mas não era, mamãe me ajudou a escolher ela realmente tinha bom gosto.

Tomei café, tomei banho fiz minha higiene e logo depois veio os profissionais dá beleza invadindo meu quarto. Mamãe e minhas tias ficaram no meu quarto vendo minha transformação, logo depois Louise e Rosie ficaram em meu lugar fizeram o cabelo e maquiagem delas. Elas me olharam e sorriram.

Louise veio até a mim e pegou minha mão.

- Desculpe por aquele dia. Sabe que eu falo só bosta né? Mas não queria te chatear. Você está linda. — ela disse e logo me elogiou. Sorri

- Bom eu te desculpo. Mas você precisa se controlar ouviu? E você está maravilhosa também. — disse e nos abraçamos.

- E eu? Tô feia? — Rosie perguntou.

- Claro que não mana. Você está linda também, claro que né filhas de Angel e Zayn Malik como poderíamos ser feias? — disse e gargalhando.

****

Seis horas....

Estava quase na hora dá festa e eu terminei de vestir o vestido com a ajuda de mamãe, depois conferi o grupo que estava eu e todas as minha damas e cavalheiros e estavam todos prontos... Eu estava ansiosa.

- você está linda! — mamãe disse.

- obrigada mãe. A senhora também está maravilhosa. — sorri.

Ela sorriu e fomos para o carro pra irmos ao local dá festa.

O salão está todo arrumado, com mesas e cadeiras, mesa só bolo minhas fotos o book que eu fiz, eu tinha escolhido as cores dá minha festa seria lilás e preto, eu amava essas cores e papai me apoiou já que era uma de suas cores favoritas também. Primeiro foi a entrada dos famíliares, e depois a minha, logo vi todos a minha volta, luzes e câmeras, olhei os convidados mais especiais. tio Louis, tio Liam, tias Carly e Lauren, bisa Caroline, tia Denise, meus irmãos menores.... Os amigos de mamãe e papai. Estava feliz por todos estarem ali.

Tirei várias fotos troquei o sapato, recebi o anel e a flor. Papai e mamãe me disseram coisas lindas. E minutos depois fomos para dançar a valsa, primeiro dancei com papai e depois com Jake.

- Você está linda. — ele me elogiou e eu sorri

- obrigada. — disse timidamente

Depois dá valsa fomos cantar o parabéns. Depois de cantar os parabéns troquei o vestido, e eu e minhas damas e meus cavaleiros fomos dançar. Tínhamos feito uma coreografia, muito legal pra shape of you e end of time. Quando terminamos de dançar gritamos que a pista de dança estava liberada e fomos pra dançar.

Dançamos todos animadamente e riamos de qualquer coisa.

Jake se aproximou e pegou minha mão olhei seus olhos mesmo ficando difícil por causa das pouca luz.

- Foi tudo lindo... — finalmente ele disse.

- Obrigada. Ah, obrigada também por você ter aceitado ser o príncipe. — agradeci

- Não precisa agradecer. Gostei muito de você, Theo me disse muito sobre você antes... Até achei que ele estava apaixonado por você. — ele disse e eu me espantei.

- Não nós somos só amigos. — disse.

- Eu sei... — Jake falou e eu percebi que ele desviou seu olhar dos meus olhos prós meus lábios. Parecia que ele queria me beijar. Ele se aproximou seu rosto no meu e selou nossos lábios num beijo lento, era a primeira vez que eu estava beijando. Seus lábios eram macios e ele beijava bem, segui seus movimentos aprofundando o beijo, por fim paramos o beijo por que o ar nos faltava. Ele olhou em meus olhos e eu corei, mas sorri. Ele sorriu de voltar e nos abraçamos. Depois nossos amigos vieram em nossa direção e começamos a dançar...

Esse dia irá ficar guardado para sempre em meu coração e memória não poderia estar mais feliz por tudo que tinha e principalmente por ter as pessoas que tinha ao meu lado.

[...]



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...