História Little Things - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft, Thiago Elias "Calango"
Personagens Alan Ferreira, Felipe "Febatista" Batista, Felps, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Mike, Pac, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, Thiago Elias "Calango"
Tags Batista, Calango, Cellbit, Cellps, Celltw, Drama, Felps, Guaxinim, Jvnq, Jvtista, L3ddy, Luba, Mike, Mitw, Pac, Pkregulargames, Pkxinim, Romance, T3ddy, Traição
Exibições 52
Palavras 1.177
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hoje eu tô loka
So vai

Capítulo 6 - XOXO


Pov's Autora.

Segunda, faltam cinco minutos para o sinal tocar, a escola não estava tão cheia assim, era segunda, metade das pessoas ali foram obrigadas a ir, como tarik.

Ninguém mandou o mesmo beber todos ontem, ele se lembra exatamente do que fez e sabia que causaria grandes consequências, principalmente com sua rivalidade com a Jess.

Ele estava com seus óculos escuros na biblioteca lendo qualquer que seja aquele livro, ele não se importava, ele so queria paz, e não queria ser questionado igual um criminoso.

O sinal bate assustando o mesmo, como ele é obrigado a ir a aula, ele se levanta e sai da biblioteca sem nenhum ânimo, ele vai ate o banheiro é se olha do espelho.

- Não estou tão mal assim - Ele diz a si mesmo tentando se animar, mas não consegue.

Ele lava seu rosto e sai do banheiro entrando na sala e vendo de primeira o Mike que olhou para ele também.

- Senhor Tarik.. - o professor diz fazendo Tarik olhar para ele rapidamente - Pode me explicar o motivo de seu atraso? - Ele pergunta fazendo com que Tarik fique com a boca entre aberta, ele tentar pensar em um motivo bom, mas preferiu falar a verdade.

- Eu estava na biblioteca e depois fui no banheiro, aí lavei meu rosto aí passei no meu armário, peguei as coisas para sua aula e aqui estou eu. - Ele diz e o professor o encara, balança a cabeça e olha para a chamada em sua frente.

- Okay, pode se sentar - Ele diz e Tarik se senta ao lado de guaxinim que sorriso para ele mas logo solta uma risada.

Tarik sabia que tinha que agradecer a ele, porque se não fosse por ele, ele estaria em algum lugar desconhecido que a Jess tinha deixado ele.

Pov's Tarik.

Por mais que adorasse ciências, aquilo estava me dando uma dor de cabeça daquelas.

Também ninguém mandou eu beber todas, eu sou mesmo um idiota, sabia que hoje tinha aula e matéria para prova, mas mesmo assim ouvi o trouxa do Guaxinim quando ele disse "So.. se divirta", acho que levei essa frase muito a sério.

Enquando o professor estava falando algo que não me importo (mas devia) guaxinim desenhava algo em seu caderno, ele sempre gostou de desenhar, e de tocar instrumentos também, amo quando ele toca piano.

A aula foi seguindo até o sinal tocar e eu dar graças a deus e xingar ele mentalmente, graças a deus por ter acabado esse pesadelo e xingado por ter feito um barulho muito estridente, como sempre.

Agora era aula de matemática, e nem preciso dizer que também não prestei atenção no que a professora falou.

(…)

Já estava na hora do intervalo, eu estava indo para o refeitório com o guaxinim do meu lado falando sobre jogos e outras coisas, até que sinto uma mão com unhas prenderem meu ombro me fazendo virar para trás.

Quando vou perceber era a Jess e ela estava com uma expressão bem brava, ela levanta a sua mão e me dá um tapa bem forte no rosto, fazendo um estalo, então todos do corredor olham para a gente.

- VOCÊ NÃO TINHA O DIREITO, VOCÊ SABIA DESDE O COMEÇO NÃO É!!! - Ela diz gritando, até gritando essa menina tem uma voz doce, continuo com a cabeça virada pelo tapa, sem mexer um músculo sequer.

- Jesus Jéssica, Calma - A amiga dela diz colocando sua mão em seu ombro, mas Jess não a escuta.

- Você… Terminou seu namoro e agora vem roubar o meu? Ah me poupe Tarik - ela diz ainda alto, mas não gritando, somente alto o suficiente para todos do corredor ouvir.

Solto uma risada e me deixo levar, coloco a mão onde ela deu o tapa e continuo rindo, olho para ela que parece estar bem confusa.

- Aí Jess, Jess, Jéssica… - Digo soltando mais uma risada no final

- Fudeu - Escuto guaxinim sussurrar atrás de mim, me fazendo rir ainda mais.

- O que? - Ela pergunta meio confusa, paro de rir um pouco e olho para ela, que parece confusa e assustada.

- O mais engraçado disso tudo é que você! - Digo e olho por cima de seu ombro, vejo o Sam, que era o namorado dela me olhando um pouco assustado. - Você é muito otária - Digo e ela me olha incrédula como todo mundo que estava ali menos o guaxinim.

Por mais que eu quisesse dar um tapa bem dado nela, eu não podia, eu fui ensinado a não machucar as meninas, por mais que ela seja uma vadia completa, eu não podia.

- Você acha mesmo que, Eu, Faria isso se ele não quisesse? - Digo e solto uma risada sarcástica- Ah me faça um favor bem grande meu bem - Digo e encosto minha mão em seu ombro, ela me olha meio assustada - me poupe de seu drama Ridículo! E vá fazer o que você sabe fazer de melhor - Tiro minha mão de seu ombro e dou um passo para trás - Arrumar namorados para eu poder pega-los e ver você sofre - Me viro em direção oposta a ela e dou mais um paços.

Paro enfrente ao meu armário e coloco meu Material, nenhuma palavra foi ouvida até agora.

- Ah e querida, não se esqueça, Seu posto de vadia nunca será tomado por mim, Ih, quando for arrumar outro namorado, me faça um favor, Pegue um gostoso - Digo e me viro novamente e puxo guaxinim que estava querendo rir, mas estava com cara de assustado como todos os outro do corredor.

Dou um sorriso de lado e olho para o sam que estava segurando o riso também.

- Beijos e abraços querida - Ando sem me importar com os olhares, no meio do caminho coloco meus óculos contínuo andando.

Me sento no refeitório com o guaxinim que agora estava rindo pior que uma hiena, resumindo, pior que o Cellbit, que logo chega com um sorriso enorme e me abraça.

- Puta merda sou seu fã - Ele diz e se senta na minha frente, ele me encara com um sorriso, e acabo soltando uma risada.

- Se sabe que ela vai fazer um escândalo né? - Guaxinim diz parando de rir aos poucos, olho para ele e dou de ombros.

- Se tem uma coisa que sei fazer é me fazer de vítima - Digo e me apoio na mesa, ficando um pouco mais próximo do rosto do Cellbit que também estava apoiado na mesa.

- Deu até vontade de te dar uns pega, mas vou esperar - Dou um sorriso é sinto minhas bochechas queimarem, Reviro os olhos e solto uma risada constrangida.

- iiihhhhh sai daí, ele é meu - Guaxi diz me fazendo rir mais ainda, Rafael olha para ele com um olhar mortal.

- Sai teu cu - Rafa diz e guaxi solta mais uma de suas risadas nasais.

Quando guaxinim ia falar alguma coisa a inspetora entra no refeito e olha para mim, ela me chama com a mão e sai de lá.

- Okay meninas, hora do meu show - Digo rindo e me levantando, deixo os meninos la sozinhos e vou em direção a sala do diretor.

Continua...


Notas Finais


Foi isso
Beijos
Desculpe os erros
S2
Beijos e abraços


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...