História Little White Lies (Imagine Jungkook) - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lay, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, V, Xiumin
Exibições 109
Palavras 1.162
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Newspaper


“Um tempo depois já estávamos na minha casa.

-Tchau Tae... – digo a ele, saindo do carro – Obrigado por hoje.

Sorri pra ele e dou um beijo em sua bochecha. Saio do carro recebendo um, “Tchau” dele e entro em casa, chego no meu quarto e me jogo na cama. Ponho meus fones de ouvido e escolho uma música aleatória.”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

+++

 

 

 

 

Acordo com um pouco de dor de cabeça e fico rolando na cama. Uns 15 minutos depois escuto baterem na porta do meu quarto, logo me sento na cama.

-Quem é...? – pergunto sonolenta.

-Eu – um ser diz entrando no quarto.

-Jungkook Oppa! – jogo os baços pro ar ainda de olhos fechados.

Sinto um peso sobre mim, o que faz eu me deitar novamente na cama, vejo que é Jungkook – já com o uniforme da escola – e passo os braços em volta de seu pescoço, ainda de olhos fechados.

-Tudo bem? – ele pergunta e eu concordo com a cabeça.

-Tô com um pouquinho de sono – digo sorrindo.

-Aigoo. Já tá na hora de ir se arrumar. Temos aula – ele diz.

-Temos que ir mesmo? – choramingo.

-Sim, temos – ele ri – Vai se arrumar.

Após dito isso ele dá um beijo na minha bochecha e sai do quarto. Me levanto relutante e vou até o banheiro, faço minhas necessidades diárias e visto o uniforme, caçando um converse preto. Pego minha mochila e saio do quarto, encontrando Jeongguk já do lado de fora de casa.

-Quero ir a pé hoje – digo a ele.

-Você quem manda – ele diz sorrindo de lado.

Saio andando na frente, enquanto ele ia atrás de mim.

-Como foi o encontro ontem...? – ele pergunta.

-F-Foi normal... – digo olhando para baixo, meio desconfortável.

-Vocês... Se beijaram? – ele pergunta baixo.

Nesse momento, eu simplesmente travei. Aperto a beira do casaco do uniforme entre meus dedos.

-N-Não... – minto.

-Não precisa mentir ______... – ele bufa – Eu sei da relação de vocês... Afinal... É isso que namorados fazer não é? – ele diz meio tristonho.

Assinto levemente com a cabeça.

-Sim – respondo sua pergunta anterior.

-Hm? – ele questiona confuso.

-Nós nos beijamos... – digo e mordo o lábio inferior.

 

Ele ficou calado por um tempo.

 

-Você gosta dele? – ele pergunta.

-Não – digo firme.

-Tem certeza? – ele pergunta olhando para qualquer outro canto que não fosse eu.

-Tenho – digo o olhando.

-E de quem você gosta? – ele pergunta.

- Você já sabe... – digo sem graça.

-Quero ouvir de você – ele diz – Por Favor.

-E-Eu gosto d-de você, Jungkookie – digo olhando pra baixo.

 

{Jungkook Pov’s}

Sorri ao escutar as palavras dela, mesmo que enrolando as mesmas, deu para entender perfeitamente.

Olho para os lados e checo se não tem ninguém nas ruas. E realmente não tinha. A puxo para um pequeno beco e a encosto na parede, a abraçando em seguida. Sinto ela levar as mãos aos meus cabelos e acariciar os mesmos. Fecho os olhos sentindo suas carícias.

-Eu também gosto de você – digo próximo ao seu ouvido, deixando um beijo em seu pescoço, vendo que o chupão de dias atrás continuava lá, sorri com isso.

Sinto ela por suas pequenas mãos em meu rosto e o puxar pra cima, fazendo nossos lábios se chocarem, o que me deixa surpreso. Não demorando muito, levo as mãos a sua cintura enquanto sentia ela entreabrir os lábios, sem perder muito tempo levo minha língua pra dentro de sua boca. Ouvindo ela arfar pesadamente e puxar levemente meus cabelos, desço minhas mãos para suas coxas  e as puxo, dando impulso para a mesma entrelaçar as pernas em volta do meu quadril.

 

{______ Pov’s}

Levo minhas mãos para sua gravata e logo ele desce os lábios para meus pescoço,  sinto ele dar leves mordidas e algumas lambidas. Fecho os olhos mordendo os lábios ao sentir suas mãos sobre cada uma de minhas nádegas, logo ele faz uma leve pressão, as apertando.

-J-Jeon... – deixo um gemido baixinho escapar e coro – V-Vamos nos atrasar...

-Eu não ligo – ele ri abafado contra minha pele.

Sorri e então roçei meus lábios em sua nuca, fazendo o mesmo se arrepiar de leve. Aproveitei que ele estava em um momento de “fraqueza” e desci de seu colo, trocando as posições, agora o imprensando contra a parede, o puxo pela gola de seu uniforme para baixo, o fazendo ficar da minha altura, logo selo nossos lábios, rapidamente sendo retribuída, levo minhas mãos para a barra de sua blusa e a levantando minimamente, pondo as mãos por dentro da mesma e arranhando com um pouco de força seu abdômen. O que faz o mesmo morder meu lábio inferior com força, fazendo o mesmo sangrar levemente.

-_-______, me d-desculpa – ele pede, gaguejando.

-Shh – ponho meu dedo indicador em frente ao seus lábios – Eu não ligo – repito suas palavras.

Vejo ele sorri levo os lábios até seu pescoço distribuindo beijinhos pelo local, logo sendo trocado por leves sucções. Ouço ele suspirar pesadamente e dou um chupão forte no local, ouvindo ele gemer baixinho.

-Você não sabe o quanto eu estou excitada – digo baxinho em seu ouvido.

-Você não sabe o quanto eu quero te aliviar – ele diz no mesmo tom que eu.

-Temos que esperar mais um pouco Oppa... – digo corada de cabeça baixa.

-T-Tudo bem, eu te entendo. Eu vou te esperar, baixinha – ele diz levantando meu rosto, com uma das mãos em meu queixo.

Olho em seus olhos e vejo que ele fitava meus lábios, logo o dou um selinho.

-A gente ainda vai pra escola? – pergunto a ele e ele ri.

-A vossa alteza me daria a honra de leva-la a sorveteria? – ele pergunta estendo uma de suas mãos.

-Claro, meu jovem cavalheiro – sorri e seguro sua mão.

-Agora que você é uma celebridade precisa se esconder – ele diz procurando algo dentro de sua mochila.

Ele tira de lá uma máscara hospitalar preta e põe no meu rosto, me fazendo rir.

-Não quero prejudicar sua imagem, jagiya – ele faz biquinho, abaixo a mascara, a deixando abaixo de meu queixo.

-Tudo bem Kookie, eu te entendo – o dou alguns selinhos e logo saímos do beco, um pouco distantes.

Estávamos andando até a sorveteria até escutarmos, algumas meninas conversando, não tào longe de nós.

-Você viu a nova namorada do TaeHyung Oppa? – uma delas pergunta.

-Ah vi sim, está em todos os noticiários – a outra responde – Ela é bem bonita. Tenho que admitir que eles combinam.

-Não combinam nada. E eu sou mais bonita que ela – ela diz se exibindo.

-Quando você vai cair na real Sook? -– a outra revira os olhos.

Olho para Jungkook e logo vamos até uma banca de revista, compro um jornal e vejo que nossas fotos já estavam na primeira página.

“Novo casal é anunciado!

 

(Fotos tiradas na noite)

 

______ _______ e Kim Taehyung, (filhos de pessoas reconhecidas no país) foram vistos ontem á noite no parque (xxxxxx). Os dois estavam em um clima romântico. O namoro foi oficializado por seus devidos “responsáveis”.

Para mais informações, consulte o site: (xxxxxxxxxxxxxx).com.”

 

-Merda – murmurro jogando o jornal no lixo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


T^T


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...