História Lo que la vida me robó - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~NuhSantoss

Postado
Categorias Cristiano Ronaldo
Personagens Cristiano Ronaldo
Tags Futebol!
Visualizações 54
Palavras 1.109
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii, pedimos mil desculpas pela demora, esperamos que gostem <3

Capítulo 3 - The Revelations


Fanfic / Fanfiction Lo que la vida me robó - Capítulo 3 - The Revelations

Los Angeles, Estados Unidos das América

Casa da Lucy

Point of view Lucy

 

Um arrepio percorreu meu corpo e eu senti que podia desmaiar a qualquer momento, me apoiei na porta e encarei o homem à minha frente que parecia só ter olhos para Junior.

 

_ Como é?- perguntei com a voz falha.

 

_ Surpresa? Achei que você estivesse esperando minha visita, uma vez que sua amiga fez questão de ligar para Cristiano e falar sobre esse pequeno…- ele olhou para Junior como se pesasse suas palavras.- hum, problema?- ele mais perguntou do que afirmou.- Posso entrar ou você vai me deixar mofando aqui o dia inteiro.

 

Olhei para Junior e o mesmo me encarava assustado.

 

_ Não, não pode. Avise ao Cristiano que que se ele quiser podemos tratar disso, ele e eu. Não tenho nada para conversar com você.- tentei fechar a porta, porém Jorge me impediu.

 

_ Você por acaso acha que meu cliente é algum a toa? Que pode ir e vir a todo momento? Sem nada com o que se preocupar?- ele me encarou de cima, como se eu fosse algum inseto insignificante.- Eu respondo por ele e desejo que me atenda e não me ignore, afinal nenhum de nós quer tomar medidas drásticas, não é mesmo?

 

Engoli em seco e abri caminho para que ele entrasse, ele se sentou no sofá e encarou Junior mais uma vez. Me abaixei na altura do meu filho e falei baixinho com ele.

 

_ Junior eu quero que vá para o quarto e só saia de lá quando eu mandar. Tudo bem?- perguntei enquanto ele me olhava assustado.

 

_ Eu estou de castigo mamãe?- ele me perguntou com sua voz doce.

 

_ Não meu amor, mas a mamãe precisa conversar com esse senhor. Logo eu te chamo ok?- dei-lhe um selinho, como sempre fazíamos e o acompanhei com o olhar enquanto ele subia as escadas, me virei e notei que Jorge fazia o mesmo, senti aquele mesmo calafrio percorrer minha coluna mas me mantive firme e me sentei de frente para ele, esperando o que viria.

 

Point of view Jorge Mendes

 

Desci no aeroporto de LA pronto para matar o primeiro que me atravessasse a vista.

 

Quando tudo isso começou eu imaginei que seria somente mais uma das vagabundas que o Ronaldo arranja por uma noite, mas cada vez a história se mostrava mais estranha e mais verídica. 

 

Enquanto estava no avião recebi uma foto de Maya, supostamente era o pequeno Junior saindo da escola na sexta feira, a foto estava embaçada, mas se era verdadeira, estava claro que o pequeno gajo tinha lá suas semelhanças com Cristiano. Isso já está me virando a cabeça, preciso ser o mais discreto possível se quiser evitar um novo escândalo na vida do badalado Cristiano Ronaldo.

 

Segurei firme o endereço de Lucy Canteros em minhas mãos e me dirigi ao táxi já reservado a mim do lado de fora do aeroporto. Cheguei em frente a casa e me surpreendi com o nível do bairro e da casa, então a Srta. Canteros não era uma morta de fome?

 

Olhando para sua bela casa eu diria até que ela é endinheirada. Enquanto vinha para cá pensei em quanto um filho poderia ajudar a melhorar a imagem do Cristiano, se aquela criança realmente fosse dele seria ótimo apresentá-lo ao mundo, a imprensa o veria como um homem de família e todos sairiam ganhando. 

 

Toquei a campainha e quase caí para trás quando vi o pequeno gajo que abriu a porta, aquela criança era filha de Cristiano Ronaldo, não era preciso DNA nem nada. O gajo era o próprio Cristiano quando mais novo. Travei uma pequena batalha com Lucy e consegui entrar na casa, me sentei na sala e vi quando ela mandou Junior, como ela o chamava, ir para o andar de cima da casa.

 

Assim que ela se sentou na minha frente pude sentir seu nervosismo, “Calma gatinha, eu não mordo”, pensei com um sorriso sacana no rosto. Deixei esse pensamento de lado e foquei no motivo pelo qual eu cruzei um oceano.

 

_ E então?- questionei sugestivo.

 

_ Então o que?- ela respondeu visivelmente nervosa.

 

_ Não tem nada para me contar, Srta. Canteros?- perguntei já quase sem paciência.

 

_ Ter eu até tenho.- ela disse receosa.- mas não faço ideia de como começar.

 

_ Que tal começar me contando como o filho de Cristiano Ronaldo dos Santos Aveiro veio parar sob sua tutela?- me aproximei e a vi engoli em seco.

 

_ Katherin era uma das minhas melhores amiga, se não a melhor, ela se envolvia com pessoas más- ela fala apertando uma mão na outra demonstrando nervosismo e respira fundo demorando a continuar falando- Não enrola, tempo é o que menos tenho- falo já cansado da demora dela. - Tá, Junior foi deixado na porta da minha casa, Kat deixou apenas ele e uma carta pedindo para registra-lo, fui pega de surpresa, não estava prepara. Depois de deixar Junior ela sumiu, não soube mais dela desde então, ela avisou que um dia Cristiano saberia mas não achei que seria tão rápido- ela suspira e coloca as mãos no rosto.

_Eu sinceramente ia pedir o exame de DNA para saber se essa criança é realmente filho do Cristiano, mas depois de olhar para ele acho que nem precisa.- respiro fundo e olho para ela - você tem duas opções, ou você aceita um acordo, que Cristiano consiga ver o gajo e passar uns dias com ele, ou então Cristiano entrará na justiça e pegará a guarda inteiramente dele, você escolhe - uso o tão de voz forte e ríspido ela me olha assustada e se não me engano consigo ver uma ponta de raiva no seu olhar.

_ Você e esse jogador chega do nada e já quer isso ? Junior até ontem não tinha pai e hoje você me impõem essas condições ? Está louco ? Cristiano não pode entrar na vida dele desse jeito - ela eleva o tom de voz. 

_ Abaixa o tom de voz, podemos provar que você tem a tutela irregular de Junior e você o perde para sempre, aceite o acordo e você poderá vê-lo.

_ Eu aceito, mas eu tenho condições- ela me encara firme. - Tudo bem, ligarei avisando quando for a sessão de decisão da guarda, arrume um advogado até lá- me levanto e ajeito minha camiseta- Ah Srta. Canteros a partir de agora é sigilo total ou então já sabe né ? - Riu forçado a olhando com malícia- Estamos entendidos- saiu andando para fora daquela casa, já estava ficando nervoso de estar no mesmo lugar que aquela mulherzinha. 


Notas Finais


Se gostara comentem amores, até o próximo <3

quem quiser ter um contado mais direto só seguir no insta: https://www.instagram.com/loquelavidarobo/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...