História Lost In The World(Parada por um tempo) - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Origem dos Guardiões, Jeff The Killer, Lendas Urbanas, Slender (Slender Man)
Personagens A Fada dos Dentes, Bicho-papão (Pitch Black), Breu, Coelhão, Jack Frost, Jamie Bennett, Jeff, Norte, Personagens Originais, Sandman "Sandy", Sophie Bennett
Tags Assassinato, Creepypastas, Jack Frost, Jeff The Killer, Lobisomem, Morte, Não Sei Mais O Que Botar, Slender Man, Suícidio
Visualizações 39
Palavras 360
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo, yo meus Doces!

(Intro se manifesta sem autorização)

Beeeem, estou sem muita inspiração, mas tudo bem.

Se esse capítulo ficar uma bosta, me avisem, ōkē?

eu dou um jeito nele...

Mentira, não sou tão má a ponto de excluir ou sei lá, só iria melhorar mesmuh (^ω^)

Capítulo 17 - Silence.


E, quantas vezes você riu? Quantas vezes você se sentiu livre para fazer o que quiser? Quantas vezes você deu um sorriso sincero e verdadeiro?


Você se lembra? Se lembra de quando você fazia amizades? De quando abraçava as pessoas? De quando protegia seus amigos?


São tantas perguntas, porém sem respostas...


Isso daria uma boa música.


Não uma frase, não um texto, não um poema.


Uma música.


Uma vida contada em uma música.


A minha vida contada em uma música...


Sorri em meio a estes pensamentos e agarrei meu bloco de notas e minha lapiseira, já começando a escrever o começo de uma boa música.


O que é música para mim mesmo?


São simples batidas sonoras que produzem sons.


Estes sons podem provocar diferentes emoções em você.


Estes sons podem detectar e fazer as batidas do seu coração.


Foi assim quando eu ouvi uma música pela primeira vez na vida. Meu coração ficou feliz, um sorriso sincero tomou forma em meus lábios.


Eu senti felicidade pela primeira vez na vida.


Cruzo os braços e observo o pequeno caderno na escrivaninha de madeira e sorrio involuntariamente. Fazia algum tempo que eu não escrevia uma letra de uma música que eu queria fazer.


Me levanto da cadeira e caminho até a janela na parede, a abrindo em seguida e olhando as nuvens que tapavam a lua.


Sim, a lua.


Quando eu dormi, não era tão tarde. Acordei no meu quarto, tive a leve impressão de que Jack me deixara lá. Ao olhar para o relógio, me deparou com as tão esperadas 03h45m da manhã, uma hora que eu, particularmente, gosto, pois posso ficar a observar a lua até me dar sono.


Agora são 04h52m da manhã, e a trouxiane aqui está olhando para a lua, feito uma idiota.


Resolvo pegar meu caderno de desenhos e minha lapiseira e flutuo até o teto da grande oficina e me sento no teto coberto pelas telhas.


Observo a lua e as nuvens e começo a rascunhar as mesmas. Em dez minutos, o rascunho está pronto para se tornar um desenho beauty.


Sorrio satisfeita com o resultado e murmuro um "rápido" para mim mesma. Um vento gélido bate contra meu corpo e faz meus cabelos voarem, já que eu estava sem o capuz.


Silêncio.


Isso é o que eu gosto.


Silêncio...


Notas Finais


Tá pequeno? Tá sim, mas FOUDAH-SIH! Isso aqui foi só pra ver e entender como a Kurayami "pensa" e passa as noites que fica em claro.

Bem, tá uma bosta sim, mas é o melhor que eu consegui :3

Hey, já mandaram as perguntas e desafios? :3

Nem sei por que pergunto, já sei a resposta mesmuh ;w;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...