História Lost Memories - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Lemon, Taegi, Vmin
Exibições 49
Palavras 1.974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Então eu tô aqui de novo minha gente...
Eu sei que ceis devem tá putissimos pq eu sou uma péssima escritora e que eu não atualizo nunca e que a história tá uma bosta e tals, mas olha gente, num posso fazer nada a respeito. Beijão.
Brincadeirinha gente, eu estudo, e estudar é difícil pra caralho quando se é morta de preguiça, vulgo eu, então essa é minha explicação de hj, só pra não perder o costume. Pra variar o capítulo tá pequeno, mas é pq tá acabando e eu não quero ficar enrolando.
Escrevi esse capítulo ouvindo Summertime Sadness, My heart will go on, e All about angels ~depressão feelings~, não tá tão depressivo pq eu resolvi que Kim Taehyung agora será positivo e otimista nessa vida, então as musca aí só serviu pra ME deixar depressiva.
Aliás (nada a ver) o que foi esse comeback minha gente??? Blood sweat and tears é maravilhosa e meu Jiminzinho tá destruidor com aquelas high note em Lie, encontro-me viciadissima.
Queria aproveitar pra agradecer a quem ainda lê e aos favoritos, todos vcs que tão acompanhando são lindos e importantíssimos, mamãe ama vcs
XoXo

Capítulo 8 - I Scream Your Name


 

~Kim Taehyung

 

Gritei seu nome uma última vez.

 Estava sozinho em meu quarto, passei o dia pensando na noite em que Yoongi me viu com Hoseok e saiu chorando, criando coragem para dizer tudo o que sinto e quando finalmente consigo não recebo nem resposta. Desliguei o celular, aos prantos, me perguntando por que a vida tinha que ser tão ordinária comigo.

Peguei no sono, agarrado ao travesseiro e acordei com algo vibrando embaixo de mim. Quando finalmente encontrei o que estava frustrando a minha tentativa de me-deixa-dormir-até-morrer olhei o número por alguns segundos tentando reconhecê-lo, mas eu definitivamente não sabia quem era. Resolvi atender, poderia ser algo importante para estarem ligando às 2 da manhã... Espera!!! DUAS DA MANHÃ??? Eu dormi tudo isso? Por que tem alguém me ligando a essa hora? Será que é o Suga?

Atendi.

-Alô? – disse um pouco receoso ouvindo um fungado do outro lado da linha

- Tae? Onde você está? Por que não atendeu o celular? Namjoon e eu ligamos o dia todo, discípulo de satã.

- Eu dormi o dia todo, não estou me sentindo muito bem, então se for outra festinha desastrosa, passo...

-Tae... Não é isso. É o Yoongi... – Meu coração falhou um batida. – A-anh... e-ele... – agora falhou duas – eu não sei como dizer isso. É que...

- Fala logo Jin, já estou imaginando coisas e ficando preocupado.

Silêncio.

- Jin? Ok. Agora estou realmente preocupado. Diz logo o que aconteceu, por favor.. – minha voz falhou e minha cabeça repetia o exato momento em que não pude mais ouvi-lo no telefone mais cedo.

- O Yoongi sofreu um acidente... hm estavam Jimin, Jungkook e ele naquele carro, Jungkook está bem, mas o Jiminnie ele... É melhor você vir Tae.. Rápido.

Desliguei o celular e fiquei alguns segundos sentado na cama, tentando digerir toda essa história. Yoongi sofreu um acidente. Por isso ele não me respondeu. Suga sofreu um acidente por que estava no telefone enquanto dirigia. E a culpa era toda minha.

                                       

 

                                                                                                         ****

 

 

Quando cheguei ao hospital estava tudo um caos, eu estava um caos. Minha cabeça doía, assim como todo o meu corpo, as lágrimas não paravam de vir e eu não fazia questão de segurá-las.

Encontrei Jin e Namjoon na sala de espera e fui até eles o mais rápido que pude, recebendo um abraço apertado de Seokjin.

- O que ouve? Ele está bem? Jimin, Yoongi.. Eu preciso vê-los, isso é tudo culpa minha. – lágrimas e mais lágrimas.

- Os médicos estão cuidando deles Tae. – disse sem me soltar do abraço.

- Os dois estão na sala de cirurgia agora, e estamos esperando por mais alguma notícia. – Namjoon disse de maneira calma, completamente diferente de mim, que só conseguia pensar no quão idiota eu fui por ter despejado tudo aquilo de uma vez enquanto Yoongi dirigia.

- E Jungkook? Ele está bem? Onde ele está?

- Calma, ele está bem. Teve alguns arranhões, quebrou um braço, mas nada de muito grave. Logo poderemos vê-lo. – Namjoon parecia estar tão calmo que qualquer um pensaria que ele nem se importava com o que estava acontecendo, mas eu sabia que ele estava sendo forte para apoiar Jin, que me abraçava para me acalmar e ao mesmo tempo acalmar a si próprio.

Esperamos por duas horas até que um dos médicos veio nos ver e finalmente dar alguma notícia, ele era alto e tinha os cabelos pretos.

- Boa Noite. Eu sou o médico de Park Jimin, vocês que são os amigos dele? – assentimos impacientes – Bom, eu me chamo Oh Sehun, correu tudo bem durante a cirurgia, porém o estado dele ainda é bem grave, o maior ferimento foi na cabeça e ainda não sabemos se haverá sequelas e nem quando ele irá acordar.

- Então o senhor está dizendo que ele pode não acordar nunca mais? – Perguntei um tanto aflito.

- Como eu disse, ele teve um ferimento bem grave na cabeça, nós fizemos tudo que estava ao nosso alcance, agora só podemos esperar que ele acorde. – Desabei.

- Obrigado doutor. – Namjoon respondeu sério se despedindo do tal Sehun com um aperto de mão.

Após outras duas horas desde que o médico de Jimin veio nos informar sobre seu estado eu não aguentava mais de ansiedade. Falei com todas as enfermeiras e recepcionistas que encontrei e todos me diziam a mesma coisa, para esperar o médico responsável. Então eu me sentei e esperei. E esperei, esperei e esperei e finalmente o tal médico apareceu.

- Olá, eu sou o médico de Min Yoongi, ele acabou de sair da sala de cirurgia e seu estado é bem crítico, o impacto da batida causou um ferimento grave na cabeça além de ter fraturado no braço esquerdo. A cirurgia foi bem sucedida, vamos deixa-lo em observação e avisaremos quando ele acordar.

Como já estava amanhecendo Jin tentou me convencer a ir descansar, claro que eu não fui e sendo assim nem ele, estávamos exaustos mas não sairíamos dali tão cedo.

Algum tempo depois de termos falado com o médico de Yoongi um enfermeira veio nos informar que já poderíamos ir ver Jungkook. Quando entramos no quarto Seokjin deu um abraço daqueles que uma mãe dá em seu filho quando sente o alívio de saber que ele não está mais em perigo, enquanto Namjoon apenas sorriu e bagunçou os fios negros do mais novo.

- Você está bem Kookie? Sente alguma dor? Fome? Quer que eu arrume seu travesseiro?

- Tudo bem, Jin. Onde está Jimin? Ele está bem? Ele chegou desacordado e tinha muito sangue, e-eu... me diz que ele está bem – Ele parecia prestes a chorar, não entendi muito bem o por que de toda aquela preocupação com Jimin, de início, depois de ligar alguns pontos tudo fazia sentido.

 

FLASHBACK ON

 

“ Bebi a vodca que encontrei com Hoseok e o fiz buscar outra garrafa, e depois outra e outra e outra... parei de contar depois da quinta. Quando dei por mim estávamos num corredor, no andar de cima, suponho, nos agarrando loucamente. Até aí eu já esperava, já que acordei na cama com ele, o que eu não esperava, de jeito nenhum, era ver Jimin saindo do banheiro com Jungkook... Na hora não vi nada, afinal mal sabia meu nome, mas me lembro perfeitamente dos dois se esgueirando pelo corredor. E me lembro da reação de Yoongi ao ver os dois caídos no chão.”

 

FLASHBACK OFF

 

Eles estavam juntos? Não, não é possível isso. Será? Não existe outra explicação para eles estarem dentro de um banheiro juntos.

- Ele passou por uma cirurgia há algumas horas atrás e está na UTI agora, não sabemos quando ele vai acordar – Namjoon explicou, naquela serenidade, enquanto o moreno chorava.

- Jungkook se acalme, vai ficar tudo bem, agora nos diga o que aconteceu. O que provocou esse acidente?

- Nós estávamos indo escolher algumas coisas para o casamento e então o celular do Yoongi começou a tocar, ele sabe que eu não gosto que ele se distraia enquanto dirige, mas ele atendeu mesmo assim e... – ele me olhou como se eu fosse o culpado, e eu realmente era – e era ele. Taehyung disse algo pro Yoongi que o distraiu e provocou esse acidente. Agora ele e Jimin estão em estado crítico. A culpa é toda dele. – terminou apontando para mim, já chorando novamente.

 Ver Jungkook daquela maneira só fez com que eu me sentisse ainda mais culpado, eu não sabia qual era a relação dele com Jimin, mas a julgar pela sua preocupação, ele deviam ser bem próximos. Saímos de seu quarto para que ele pudesse descansar e voltamos para aquele inferno chamado sala de espera, Jin e eu, pois Namjoon foi para casa buscar algumas roupas para o namorado.

 

                                                                                            ****

                                                                                                  

Duas semanas depois

 

Duas semanas após o acidente eu praticamente morava naquele hospital, Jungkook teve alta uma semana depois do acontecido com apenas alguns arranhões e um braço engessado. Namjoon e Seokjin apareciam uma vez por dia e tentavam me fazer ir para casa descansar. Conforme o passar do tempo passei a dormir umas 5 horas por noite, e logo retornava ao hospital, eu queria estar lá quando Yoongi acordasse, queria segurar sua mão e dizer olhando em seus olhos o quanto eu o amava e o quanto me culpava por ter feito aquela ligação.

Naquele dia em especial acordei um pouco mais tarde, tomei um banho demorado e fui direto para o hospital. Estava em época de provas na faculdade, mas nada mais importava apenas estar ao lado de Yoongi.

Quando cheguei passei pela recepção e fui direto pro quarto, todos ali já me conheciam e estavam acostumados a me ver diariamente, porém quando cheguei perto da porta vi que havia mais alguém ali, automaticamente imaginei que fosse Jin ou Jungkook, já que os pais dele geralmente não apareciam esse horário. Quando entrei vi o médico de Yoongi, o examinando como sempre fazia, mas quando ele se afastou pude sentir as lágrimas escorrerem instantaneamente. Ele havia acordado.

- Suga!.. – gritei já o abraçando, as lágrimas escorriam e eu não poderia estar mais feliz, até que...

- Ahn... E você é?

- O que? Sou eu, Taehyung. Nos conhecemos desde pequenos, você mão se lembra?

- Sr. Kim ainda não temos certeza se é permanente, mas no momento ele não se lembra de nada além de informações básicas como o próprio nome, os pais, algumas partes da infância e é só. Vou pedir alguns exames e pode ser que isso seja temporário, avisarei quando tiver os resultados. – deu uma última olhada em Yoongi, que pareci bem, e saiu do quarto. Eu não tinha ideia do que fazer, doía saber que ele não se lembrava de mim e doía ainda mais saber que a culpa era toda minha. Mas eu não iria desistir agora, ele estava vivo e isso era o mais importante, eu ficarei ao seu lado até que ele se lembre.

- Bom, parece que eu tenho que me apresentar novamente. Eu sou Kim Taehyung. – me curvei e sorri.

- Eu sou Min Yoongi, mas acho que você já sabe disso não é mesmo? – sorriu, ainda um pouco retraído.

- Sim, eu sei.

 

                                                                                                         ****

 

Semanas se passaram e eu visitava Yoongi todos os dias e aproveitava também para ver Jimin, que infelizmente ainda não tinha acordado, os médicos diziam que não havia nada de errado nos exames e que não entendiam o porquê dele ainda estar dormindo. Jungkook passava muito tempo com ele e sempre dizia que não era por que ele estava dormindo que não estaria escutando. Depois de muito insistir finalmente consegui fazer com que ele me contasse tudo. Como se tornaram tão próximos e acabaram por sentir algo muito forte um pelo outro, e também como se sentiram culpados por esconder tudo.

Mesmo vendo Yoongi diariamente eu ainda não tinha contado a ele nada relacionado ao nosso passado, era como se tivéssemos acabado de nos conhecer, eu falava um pouco de mim e ele me contava algo sobre ele, todas as características que eu já conhecia, as qualidades e os defeitos que eu tanto amava. Às vezes fingia surpresa, mas ele sabia que nada daquilo era novidade para mim, ainda assim era divertido para nós dois termos essas conversas.

Era sempre a mesma coisa, eu ia visita-lo todos os dias, conversávamos sobre o nosso dia e então eu lia para ele. Com o passar de alguns dias descobrimos que ele não se lembrava de nada do dia anterior, nem dos médicos ou do por que de estar ali, por uma semana ou duas tive que me apresentar diariamente até que ele começou a se lembrar de mim e da história que eu contava, que era sempre a mesma e eu a contava em partes, pois tinha medo de contar de uma só vez e ele não se lembrar de nada no dia seguinte.


Notas Finais


Então lindinhos, tem uma musca que chama Forgetting you - Davichi, é de Scarlet Heart: Ryeo ( DORAMINHA DO BAEK ELE TÁ UM PITEL GENTE), essa música é linda e eu estou completamente viciada, ouçam pq é maravilhosa.
Enfim, obrigada por lerem, comentem aí alguma coisa e beijinhos pra vcs.
~Laden


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...