História Lost Paradise - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Naruto, Romance, Sasusaku
Visualizações 699
Palavras 1.031
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mil perdões pessoal. Quem é escritor sabe como é foda um bloqueio criativo. Eu fiz de tudo, mas eu não conseguia furar esse bloqueio e por isso eu demorei um mês para postar, mas eu não vou desistir da história,
Desculpem se ficou um pouco mais curto do que o normal, mas foi o máximo que meu bloqueio me permitiu escrever.

Capítulo 15 - Satisfação


-Eu já reservei o nosso passeio de iate. –Sasuke disse animado quando voltou à cozinha.

-Abre o jogo, vai. –ela pediu com os braços cruzados.

-Abrir o jogo? Sobre o que?-ele disse tentando esconder o nervosismo.

-Não insulte minha inteligência Sasuke Uchiha. Você odeia viajar de barco. Da última vez você enjoou e ficou muito mal.

-Eu não consigo mesmo esconder nada de você. –ele bufou. –Tudo bem. Eu vou contar, mas você vai ter que me prometer que não vai sair daqui de novo.

-Sasuke, fala de uma vez.

-Hoje no escritório eu recebi uma visita que eu não esperava nem um pouco. –ele passou as mãos nos cabelos. –Tayuya.

-A ruiva que estudou com a gente?-Sasuke assentiu. –Foi com ela que você...

-Foi... –ele respirou fundo. –Ela foi ao meu escritório hoje.

-Sasuke eu só tenho uma pergunta a fazer. –ela segurou o rosto do marido. –Eu devo me preocupar?

-Não. –ele respondeu. –Eu prometi para você que seria diferente dessa vez.

-Ótimo. –Sakura disse e deu um selinho em Sasuke.

Sasuke ficou surpreso com a forma que Sakura lidou com a notícia, mas ficou feliz por ela não ter ido embora. De qualquer forma, deixou o celular em cima da mesa da cozinha e seguiu para seu quarto.

Sakura continuou a cozinhar, no entanto, desviou a atenção para o celular quando ele começou a apitar. Na tela, apareceram algumas mensagens de texto. Basicamente, nas mensagens, Tayuya dizia que estava novamente ao escritório dele naquela mesma noite, senão ela contaria para Sakura que era a amante de Sasuke. Sakura colocou novamente o celular em cima da mesa e desligou o fogão. Subiu até o quarto e trocou rapidamente de roupa.

-Sasuke eu vou ao mercado comprar uns temperos que acabaram. –falou antes de sair. –Eu volto daqui a pouco.

Ele respondeu e depois Sakura pegou a chave de seu carro que estava em cima do móvel criado-mudo e desceu até a garagem.

...

Quando enfim chegou à empresa da família Uchiha, ela cumprimentou as recepcionistas e clicou algumas vezes em um dos botões prateados do elevador.

Chegou ao escritório de Sasuke e ao abrir a porta, viu Tayuya sentada na cadeira de seu marido.

-Sakura. –ela disse e forçou um sorriso. –Eu estava esperando...

-Sasuke. Eu sei. –Sakura respirou fundo. –Mas ele não vem e eu estou aqui para conversar com você, então sugiro que escute muito bem cada uma das minhas palavras, porque eu não vou repetir. –ela se aproximou. Tayuya já estava de pé. –Você vai nos deixar em paz.

-Foi isso que você veio me dizer?-Tayuya disse num tom de deboche e riu. –Você é muito idiota mesmo.

Sakura ergueu rapidamente a mão e acertou uma tapa forte no rosto da ruiva. Tayuya virou novamente o rosto, lentamente com a mão sobre o lugar onde Sakura havia batido.

-Nos separamos, é verdade, mas agora estamos juntos de novo. E você deve ter ficado bastante chateada quando soube que nos separamos e Sasuke não te procurou e você sabe por que ele não te procurou? Porque ele não te ama e nunca vai amar. –Sakura estava nervosa, mas manteve-se firme. - Você já estragou meu casamento uma vez, Tayuya e não vai fazer de novo.

Sakura deu as costas e saiu andando. Ela chegou ao seu carro e liberou toda a tensão que estava sentindo com um longo suspiro. Um sorriso vitorioso apareceu em seu rosto e depois ela começou a dirigir.

Quando chegou em casa, viu Sasuke sentado numa das cadeiras da mesa da cozinha. Ele vestia uma calça preta de moletom e uma camiseta de mangas longas da mesma cor da calça. Ele parecia aflito.

-Oi. –Sakura disse quando entrou na cozinha.

-Eu quero te contar uma coisa. –ele disse e Sakura se sentou em uma das cadeiras. –Quando reatamos eu prometi que não mentiria para você. Tayuya me mandou uma mensagem há algumas horas atrás. Ela pediu para que eu a encontrasse no meu escritório, mas eu não fui.

-Não precisa se preocupar com ela. –Sakura disse e sorriu.

-Não?-ele indagou.

-Você deixou o celular aqui na cozinha e eu vi a mensagem. Eu fui me encontrar com ela e... Tayuya não será mais um problema para nós.

-O que você fez?-ele perguntou cruzando os braços.

-Nada demais. –ela olhou para o fogão. –Está com fome?

Sasuke estreitou os olhos, mas sentou-se numa das cadeiras e acompanhou a esposa no jantar. Depois, Sakura ficou assistindo televisão na sala e ele ficou ao lado dela no sofá, porém com o notebook adiantando algumas coisas do trabalho para que pudesse tirar seu recesso.

Foram dormir um pouco mais tarde do que o normal naquela noite; Sakura estava cansada e por isso dormiu primeiro. Sasuke ficou observando-a dormir por quase meia hora, até que conseguisse dormir também.

Em torno de três ou quatro horas da manhã, ele acordou devido a alguns barulhos vindos do banheiro. Sakura não estava na cama e a porta do banheiro estava entreaberta. Coçou os olhos e afastou os lençóis e saiu da cama.

Ao se aproximar da porta do banheiro, viu Sakura sentada no chão e com os olhos fechados. Estava mais pálida do que o normal.

-O que está havendo? -ele perguntou ao entrar no banheiro.

-Não consigo dormir. –ela respondeu ainda com os olhos fechados. –Estou tão enjoada...

Então ele percebera que Sakura não estava com o mesmo pijama de quando ela se deitou para dormir com ele.

-Só isso?-perguntou cruzando os braços.

-Não. –ela suspirou e finalmente abriu os olhos. –Eu tive um sangramento.

-O que?-perguntou alarmado. –Porque não me acordou? Vamos para o hospital agora mesmo!

-Eu sou médica, esqueceu?-ela sorriu fraco. –Não se preocupe. Marquei um médico para amanhã de qualquer forma. Acho que vou ter que estragar nosso passeio de Iate.

-Deixa o passeio para depois. –ele disse e estendeu-lhe a mão. –O que realmente me importa é a saúde do nosso bebê e a sua. Vamos deitar.

Ela aceitou a ajuda dele e se levantou, abraçando-o. Antes de voltarem para a cama, Sasuke a fez prometer que o acordaria se sentisse mais alguma coisa e fez questão de dormir o mais perto possível da esposa.


Notas Finais


Eu convido vocês a ler minhas outras fanfics.
-Short-fic inspirada em 13 Reasons Why: https://spiritfanfics.com/historia/letters-9811405
-Fanfic com tema sobrenatural: https://spiritfanfics.com/historia/livro-das-sombras-9833250
-Colegial: https://spiritfanfics.com/historia/crazy-in-love-9670506


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...