História Louca Obsessão - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Adultério, Drama, Hot, One Direction, Romance, Sexo
Visualizações 123
Palavras 1.645
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Escolar, Festa, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii gente!!
Antes de tudo, vim avisar para prepararem seus corações!
Espero que gostem! <3

Capítulo 14 - Isso é considerado traição?


Fanfic / Fanfiction Louca Obsessão - Capítulo 14 - Isso é considerado traição?

Decidi então fazer oque Harry havia pedido. Iria me comportar a agir como se nada tivesse acontecido.

Zayn dirigia tranquilamente até o lugar onde eu fazia meu curso quando o celular de Harry começa a tocar.

- Fala. – Disse sendo extremamente grosso como sempre.

A tal pessoa do outro lado da linha disse algo que fez Harry ficar nervoso ou com raiva, pois senti o mesmo apertar minha mão com força.

 - O que está acontecendo? – Zayn perguntou assim que Harry desligou o celular.

- Dylan, Dylan está atrás de nós! – Disse desesperado.

- Como assim Harry? – Zayn perguntou.

- È, ele deve querer “falar” comigo! – Disse. – Filho da puta!

- Harry, o que está acontecendo? Estou ficando nervosa! – Digo.

- Fica tranquila meu amor! – Disse Harry me abraçando. – Vai ficar tudo bem! – Me acalmou tirando minha venda. – Zayn dirija em círculos! Ele não pode descobrir onde nos escondemos!

- Tá... – Zayn obedeceu pisando fundo no acelerador dando voltas no quarteirão. – Tudo nosso! – Disse sorrindo assim que percebeu que o carro preto que Dylan estava nos seguindo havia desaparecido.

- Vamos para casa! Rápido!

- Mas Harry... – Digo indignada.

- Entenda, nossa vida está em jogo! – Retrucou me olhando no fundo dos olhos.

No fim das contas tudo isso foi melhor... Não fiz merda para estragar ou acabar com a vida dos meus amigos e estou indo para “casa” em segurança.

Assim que deixamos o carro na garagem, Harry e Zayn subiram apressados, logo após, Louis e Niall chegaram em outro carro e Liam e Angel em outro.

- Vamos, tenho que cuidar de você! – Disse ela me puxando pela mão como se eu fosse um boneco de posto.

(...)

- Quem é Dylan? – Pergunto sentada na cama enquanto Angel me observava da porta.

- Quanto mais longe você ficar desse assunto, melhor!

- Mas eu preciso saber! Eu já estou no meio disso tudo! – Digo levantando-me.

- Não, você está muito longe de saber a verdade Júlia! Bem longe de descobrir tudo!

- Mas Harry... – Inicio, mas ela me interrompe.

- Harry te contou o suficiente, mas não saiu da sua zona de segurança. – Disse abrindo uma fresta a porta logo a fechando novamente.

- O que está acontecendo? – Pergunto.

- Harry está conversando com os rapazes. Todas ficam nos quartos quando isso acontece. – Disse colocando sua pistola em cima da minha penteadeira.

- Inclusive você? – Pergunto.

- Não. – Riu. – Só estou aqui para cuidar de você!

- O que eu posso fazer se ficar sozinha? – Pergunto lhe fazendo rir.

- Só Deus sabe! – Disse ainda rindo.

Ficamos ali por algum tempo conversando sobre assuntos aleatórios até que Harry abre a porta.

- Está dispensada, eu assumo daqui. – Disse com um sorriso fraco nos lábios. 

- Até mais Júlia! – Angel disse saindo do quarto fechando a porta.

Harry veio lentamente em minha direção sentando-se na minha frente.

- Está tudo bem? – Pergunto colocando uma mexa dos seus cabelos para trás da orelha.

- Está! – Disse sorrindo. – Não vou passar a noite em casa. 

- Onde você vai dormir?

- Na boate. Vou cuidar pessoalmente de alguns assuntos! – Disse tirando sua arma da cintura colocando em cima da cama. Deixando-me desconfortável, tenho problemas com armas muito próximas á mim...

- Por quê? – Pergunto confusa.

- Porque sim Júlia. – Disse sem ter explicações. Estranho... – Vamos fazer uma festa grande lá, estamos bem de grana, preciso estar lá do inicio ao fim!

- Tudo bem, vou ir com você! – Disse indo até meu closet para escolher uma roupa.

- Claro que você não vai! – Disse e começou a rir da minha cara.

- E por que não?

- È perigoso. Vai ter muita gente! – Explicou.

- Por isso mesmo! Vai ter muita gente! – Digo. Certeza que Harry ficaria com alguma piranha, que duvida!

- Está com ciúmes? – Pergunta rindo novamente.

- Ciúmes de você? – Dou uma gargalhada irônica. – Prefiro ser vendida para um velho broxa! – Digo.

- Está sim. Não minta para si mesmo! – Disse se aproximando de mim prensando meu corpo na porta do meu closet. – È bom te ver assim... – Disse com sua boca praticamente colada a minha. – Vulnerável!  

Eu não disse nada, apenas coloquei minhas mãos em sua nuca o puxando para um beijo caloroso. Imediatamente as mãos de Harry foram parar na minha bunda apertando-a com força.

- Harry?! – Ouço alguém gritar e a porta se abrir. Zayn! Filho da mãe!

Começo a me recompor e um sorriso brota de seus lábios.

- O que foi cara? – Harry pergunta impaciente.

- Liam está saindo... Vai ir com ele?

- Vou, peça que espere! – Disse fazendo com que Zayn saísse do quarto, mas claro que antes disso, ele deu uma boa medida no meu corpo. – Preciso ir... – Avisou pegando sua arma de cima da cama. – Até amanhã meu anjo! – Disse beijando minha testa saindo do quarto.

Que merda! Eu precisava dar um jeito de ir nessa tal festa! Mas como?

Andei para um lado e para o outro tentando pensar em um jeito de ir, mas nenhuma ideia vinha em minha mente.

Decidi então tomar um banho e me arrumar, eu pre-ci-sa-va ir!

Assim que terminei meu banho, coloquei uma saia preta bem justa e um croped azul escuro que realçava meus seios e claro que aquele bom e velho salto alto. Fiz uma make bem pesada e deixei meus cabelos soltos, levemente ondulados.

Depois que terminei completamente de me arrumar fui para a sala, algumas garotas estavam lá deitadas nos sofás outras na cozinha comendo algo, enfim... Quem eu queria não estava lá... Zayn!

Andei pela casa toda e nada, não o encontrava em lugar nenhum!

- O quarto dele... Como não pensei nisso! – Ando pelos corredores falando comigo mesma.

Entrei em uns cinco quartos até encontrar o seu! Quando que entrei me deparei com toda aquela bagunça! Algumas garrafas pelo chão, isqueiros de todas as cores em cima de uma mesinha, cigarros de maconha na mesma mesa e algumas peças de roupas pelo chão. O quarto de Zayn era exatamente a imagem que ele passava para as pessoas.

- O que você faz aqui garota? – Perguntou fazendo com que eu saltasse do chão pelo susto que ele me deu ao chegar de mansinho.

- Que merda Zayn! Que susto! – Digo lhe fazendo rir. – Preciso da sua ajuda!

- Minha ajuda? – Pergunta sério fechando os botões da sua camisa social preta bem justa no seu corpo. Que tentação!

- Sim. Quero ir à festa! – Digo forçando um lindo sorriso amigável. – Eu juro que só quero dançar um pouco! Não vou dar trabalho! 

- Por que você não foi com o Harry? – Pergunta em frente ao espelho colocando seu inconfundível perfume amadeirado.

- Ele saiu muito cedo e disse que precisava arrumar algumas coisas antes da festa começar... – Menti.

Vi Zayn pegar seu celular e ver a hora.

- Tá, já é meia noite... Eu não vou voltar tarde, você pode ir comigo... – Disse sério pegando as chaves do carro. – Ande, vamos logo! – Ordenou deixando-me ir à frente para secar minha bunda.

Assim que entramos no carro Zayn saiu cantando pneu sem ao menos olhar para trás. Assim que chegamos a tal festa, ele estacionou a carro nos fundo do lugar e entramos juntos.

A “casa” estava lotada de gente! A música estava alta, bebidas sendo ingeridas como água, algumas mulheres estavam sem a parte de cima de suas roupas e muita, mas muita droga rolando... Normal!

- Fique no alcance dos meus olhos! – Zayn ordenou indo em direção ao bar.

Eu não respondi nada, apenas comecei a caminhar no meio daquela multidão me perdendo aos poucos. Andei por tudo e não encontrava o Harry em lugar nenhum!

- Oi, você viu o Harry? – Perguntei a uma das moças que estava parada na entrada do corredor que vão em direção aos quartos.

- Ela está no quarto 12... – Disse toda simpática apontando para o quarto no final do corredor.

O que ele está fazendo lá?!

Assim que chego na frente do tal quarto, sinto meu coração começar a bater mais rápido e minha vista falhar a raiva tomou conta do meu corpo quando ouço uma voz feminina com ele.

- Estava com saudade disso Harry? – Pergunta a tal mulher gemendo baixinho.

Harry não responde nada, apenas geme baixo.

- Estava? – Pergunta quase em um gemido.

Saudades? Como assim saudades?! Filho da puta!

Não consegui aguentar e comecei a chorar, eu estava com muito nojo daquele desgraçado! Mas no fundo eu sabia que isso ia acontecer. Mas oque quebrou meu coração foi ouvir Harry gemer o nome dela.

- Mais rápido Angeline!

Espere... Angeline? Sua ex namorada? Não, não é ela! Não pode ser ela!

Saio daquele lugar correndo, desesperada. Mas... Isso é considerado traição? 

Pelo caminho esbarro em várias pessoas, mas nem me prestei a pedir desculpa.

Estava indo em direção ao banheiro quando esbarro no Zayn a caminho do mesmo.

- Olha por ond... Júlia?! – Disse forçando sua vista para me enxergar melhor. 

- Oi. Está sozinho? – Pergunto atordoada por conta de todas aquelas luzes e fumaças.

- Estou... Mas eu precis... – Não dei tempo para que ele completasse sua frase e logo pulei em seus braços iniciando um beijo acelerado, digamos assim. Zayn demorou um pouco para entender oque estava acontecendo, talvez pela quantidade de drogas que ele havia usado, mas assim que se deu conta, virou-me me jogando contra a parede com força, logo me prensando contra a mesma com seu próprio corpo me beijando novamente. Suas mãos eram ágeis, sua pegada forte e controladora, estava me sentindo um pobre coelho preso nas garras de um animal selvagem! Zayn me beijava com vontade, apertava com força minha bunda e meus seios, ignorando todos ao nosso lado e o fato que Harry estava na mesma festa, ele parecia não ter medo dele!

Para quem não gostava de mim, estávamos nos dando bem...  


Notas Finais


Quantas revelações minha geente!!
Harry transando com a ex, Zayn e Júlia se pegando, Dylan a cada capitulo mais perto de se revelar... O que está acontecendo com essa fanfic??? Hahahah
Espero muuuito que vocês tenham gostado!
Beijo no core e até o próximo! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...