História Loucuras no amor - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?), Originais
Personagens Lukas Marques, Personagens Originais
Tags Amor, Loucuras No Amor, Lukas Marques, Nathan Barone
Exibições 15
Palavras 780
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Festa, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Heeeey Peoples!
Voltei com mais um capítulo
Espero que gostem!
Boa Leitura!
Ps: Esse na capa é o pai do Lukas e da Luh...

Capítulo 5 - Provocações, apenas minha!


Fanfic / Fanfiction Loucuras no amor - Capítulo 5 - Provocações, apenas minha!

Lunna on
O dia amanheceu, e, tinha sonhado com o que havia acontecido com o Lukas, como eu teria sido tão burra ao ponto de me entregar a suas provocações. Afastei meus pensamentos e peguei meu celular convidando minhas amigas para vir tomar banho de piscina, e, elas aceitaram de imediato, então fui me arrumar. Levantei e fiz minhas higienes, coloquei um biquíni e uma roupa por cima, amarrei meu cabelo, calcei minhas sandálias e desci.
Encontrei Lukas jogado no sofá da sala assistindo alguma coisa. Passei por ele e o vi olhar para mim, peguei algo para comer na cozinha e voltei a sala.
-Minhas amigas vão vir para cá- disse para Lukas- e quero que você nem pense em fazer gracinhas
-Uma festa da minha querida irmã e ela não me quer atrapalhando?- fez cara pensativa- Pode deixar que eu não vou- disse irônico
-Se você fizer alguma coisa eu corto seus bagaços- disse brava
-Isso é uma ameaça?- me encarou com  um sorriso
-Só um aviso- disse e a campanhia toca
Abro a porta e fomos as garotas e eu para a área da piscina. Todas entraram na água, ficando apenas Bianca e eu fora, liguei o som é ficamos curtindo, tomando alguns drinks. Lukas chega onde estávamos, apenas de sunga, assim como eu, Bianca e as outras o olhavam, enquanto ele passava, cruzando o jardim e finalmente entrando na piscina. Iria levantar e ir bater nele, mas, por que estava com esse sentimento?, Por que não queria outras meninas o olhando?. Todas estavam "em cima" do Lukas e ele todo atirado ficou dando mole.
                              (...)
Ficaram minutos dentro da piscina, a campanhia tocou e os amigos do Lukas haviam chego, e já tinha meu plano perfeito de vingança. Lukas saiu ficando sentado com os meninos conversando e as meninas na água. Coloquei pra tocar a música Devagarinho (Delano) e comecei a rebolar no ritmo da música vendo Lukas furioso e ri disso. Me aproximei de onde estavam, passei por Lukas sorrindo irônico, sentei no colo de um de seus amigos e rebolei no mesmo, pus as mãos em seu pescoço e o beijei, escutando todos gritarem. Ao me separar dele, sai de seu colo e vi o rosto de Lukas completamente vermelho de raiva.
                              (...)
Depois de todos foram embora, subi as escadas e Lukas vinha atrás. Ele me puxou pelo braço.
-Me solta seu idiota- tentei tirar sua mão de mim
-Por que você fez aquilo?
-Lukas eu sou uma mulher descompromissada, eu beijo quem eu quero- disse me soltando da sua mão
-Você não pode ficar beijando qualquer um- cerrou os punhos
-Ah e você pode? - ri irônica
Ele me puxou colando o seu corpo em mim e sussurrou:
-Você é minha!- mordeu o lóbulo de minha orelha- e eu não quero você beijando qualquer marmanjo por ai, muito menos meus amigos , eu quero você só para mim - Fiquei sem reação, meu coração quase rasgava meu peito na tentativa de sair. Ele aproximou-se me beijando, com seus lábios macios, fazendo-me perder em meus pensamentos. Ele me soltou e me encarou, não trocamos palavras, ele foi se desaproximando e eu o puxei novamente selando nossos labios. Nos soltamos e o deixei ir para seu quarto. Sorri boba e voltei para meu cômodo.
                               (...)
Depois de me deitar, fiquei pensando nas palavras de Lukas, então quer dizer que ele também gosta de mim?, Me quer para ele?. Pensava, quando começa a trovejar e o medo me corrompe, meu medo de trovões veio desde do dia em que minha avó morreu, estava chovendo bastante com trovões fortes, e aquele dia foi marcado para mim, sempre que troveja acho que irei perder alguém que amo.
Calcei minhas pantufas, e um grande trovão atingiu o céu e corri saindo do quarto, não iria voltar e ficar sozinha de maneira alguma, e, involuntariamente me vi dentro do quarto de Lukas. Ele estava mexendo no meu celular e quando percebeu minha presença disse:
-O que tá fazendo aqui?
-E-Eu -gaguejei- Está trovejando, e você sabe que eu tenho medo- abaixei a cabeça olhando para meus pés- Posso dormir aqui?
-Arruma outra desculpa porque essa não colou- riu
-Hã?- arregalei os olhos- Eu não quero ficar com você seu idiota, eu fico sozinha- indo para fora, mas, Lukas disse:
-Lu?- me virei e ele descobriu o lado vazio da cama - vem pequena - riu
Me aproximei meio tímida e deitei, ele puxou- me colocando minha cabeça em seu peito, sentindo seu peito subir e descer.
-Lukas, sobre hoje...- ele me interrompeu
-Vamos falar sobre isso amanhã Ok?- Assenti - Dorme princesa, eu te protejo- sorri devagar e adormeci.


Notas Finais


Aí mais um capítulo pra vocês!
Pessoas mil desculpas mais não deu pra terminar o capítulo da outra...da Ariel, mas, amanhã posto, Ok?
Obrigada pela atenção!
Bjs de Luz ! Até amanhã...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...